O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

25 Técnicas de tortura que dão arrepios

Icarios

Bam-bam-bam
Mensagens
5.203
Reações
4.225
Pontos
429
Desde que o homem iniciou a busca pela vingança, a tortura tem sido uma realidade para os criminosos de guerra, prisioneiros e outros indivíduos. Na verdade, a coisa mais perturbadora sobre a tortura não é sua existência, mas a maneira como as pessoas têm injetado um senso pervertido de criatividade para a criação de dispositivos projetados para criar dor. Para provar isso, aqui estão as 25 técnicas de tortura mais brutais já concebidas.
1. A banheira


“Sentar na banheira” envolvia colocar o condenado em uma espécie de banheira de madeira apenas com a cabeça para fora. O carrasco então pintava o rosto da pessoa com leite e mel. As moscas começavam a cercar o nariz e as pálpebras da vítima. Ao mesmo tempo, esta era muito alimentada e logo estava nadando no próprio excremento. Nesse ponto, larvas e vermes devoravam seu corpo. Aparentemente, as vítimas sobreviviam por 17 dias – decompunham-se vivas.
2. O touro de bronze

O aparelho era uma esfinge de bronze oca na forma de um touro mugindo, com duas aberturas, no dorso e na parte frontal localizada na boca. No interior havia um canal desenvolvido semelhante à válvula móvel do instrumento musical Trompete, que ligava da boca ao interior do Touro. Após colocada a vítima, a entrada da esfinge era fechada e posta sobre uma fogueira. À medida que a temperatura aumentava no interior do Touro, o ar ficava escasso, e o executado procuraria meios para respirar, recorrendo ao orifício na extremidade do canal. Os gritos exaustivos do executado saíam pela boca do Touro, fazendo parecer que a esfinge estava viva..

3. Empalação


Empalamento ou empalação é um método de tortura e execução utilizada no passado que consistia na inserção de uma estaca pelo ânus,vagina, ou umbigo até a morte do torturado. Algumas vezes deixava-se um carvão em brasa na ponta da estaca para que quando esta atingisse a boca do supliciado este não morresse, até algumas horas depois, de hemorragia. Usava-se também cravar a estaca no abdômen. O método foi muito utilizado pelo conde romeno Vlad da Valáquia, que ganhou fama por empalar seus inimigos, e ficou conhecido pelo titulo o Empalador (Vlad III, o Empalador) ou, em romeno, Vlad Ţepeş. Vlad, que também parecia apreciar as empalações em seus horários de refeições, inspirou Bram Stoker para seu notório livro Drácula.
4. Garfo dos Hereges

O garfo medieval também conhecido como garfo dos Hereges era um instrumento de tortura usado na Idade Média, principalmente durante a inquisição espanhola. Consistia num aparelho de metal com duas extremidades opostas, “bi-garfo” bem como um alça como anexo. Este garfo com duas extremidades era colocado entre o esterno (osso humano) e a garganta. Assim, com uma cinta de couro em volta do pescoço, penetrava no queixo do torturado e a outra no tórax do mesmo. A vítima estava então impedida de adormecer uma vez amarrada por forma a permanecer em pé. Com o cansaço, o torturado acabava por sofrer perfurações sob a tortura do garfo. Tradicionalmente, o garfo era gravado com a palavra latina abiuro (que significa “por juramento”), e foi usado por diversas inquisições.
5. Tortura pescoço

Humilhante e doloroso, este castigo era uma espécie de teste de resistência, onde a vítima era obrigada a colocar uma “argola” no pescoço, feita de metal ou madeira, o que impedia a vítima de se ajustar em uma posição confortável. A crueldade desta punição era tanta, que as pessoas não eram capazes de deitar e nem comer.
6. Crucificação

Principalmente praticada na antiguidade, embora permaneça sendo praticado em alguns países hoje, é um dos métodos de execução mais conhecidos devido à crucificação de Jesus Cristo. É uma execução deliberadamente lenta e dolorosa, onde o condenado é amarrado ou pregado a uma grande cruz de madeira e deixado pendurado até que eles morram, o que geralmente leva dias.
7. O berço de Judas

Intimamente relacionado com empalamento, este castigo horrível implica em a vítima se sentar no berço em forma de pirâmide, após, esta seria forçada para baixo sobre ele por cordas com a intenção de alongar o orifício da vítima durante um longo período de tempo, lentamente até o empalamento. Para aumentar a humilhação geral, a vítima era geralmente colocada nua e o dispositivo raramente era lavado. Portanto, se a tortura não matasse, a infecção contraída mataria.
8. Borrifador de chumbo

Normalmente preenchido com chumbo derretido, alcatrão, água fervente ou óleo fervente, ele era usado nas vítimas por gotejamento do conteúdo em seu estômago ou outras partes do corpo, como os olhos. O uso deste torturador procedia em derramar prata derretida nos olhos da vítima que resultava em dor agonizante e eventual morte.
9. Donzela de ferro


Este dispositivo de tortura consistia de um armário de ferro com uma parte dianteira articulada e o interior coberto de “espinhos”, suficientes para atravessar um ser humano. Uma vez dentro de sua estrutura cônica, a vítima era incapaz de se mover devido ao grande número de pontas de aço espetando em todas as direções. Quando completamente fechada, os gritos da vítima não podiam ser ouvidos do lado de fora, nem poderia a vítima ver alguma luz ou ouvir nada.
10. Caixão de tortura

A técnica de tortura mais preferido na Idade Média era conhecido como caixão de tortura. Este método envolvia em colocar a vítima dentro de uma gaiola de metal que tinha aproximadamente o tamanho do corpo humano, daí o nome. Os torturadores também forçavam as vítimas com excesso de peso a ficarem em gaiolas menores para aumentar seu desconforto enquanto ficavam penduradas em uma árvore ou forca. Geralmente, elas seriam deixadas lá até os corvos virem e alimentarem de seus restos mortais.
11. Parafuso

Embora existissem muitas variações deste instrumento de tortura, o parafuso ou ‘pilliwinks’, todos funcionavam do mesmo jeito. Eles foram concebidos para esmagar lentamente não só os dedos das mãos e pés, mas os dispositivos maiores também foram usados ​​para esmagar os joelhos e cotovelos. Há também o Head Crusher, o que poderia fazer o mesmo com as cabeças. A intenção principal era o de extrair confissões de vítimas e foi usado pela primeira vez nos tempos medievais.
12. Tortura da corda

A corda é o mais fácil de usar de todos os instrumentos de tortura, pois é fácil de encontrar e pode ser facilmente moldado para infligir uma série de terríveis retribuições. Por exemplo, ela poderia ser usada para amarrar a vítima a uma árvore deixando-a exposta sem nenhuma maneira de se defender de animais ou outros seres humanos. Poderia ser usada para pendurar as vítimas na forca para fins de entretenimento, até morrer. E ela poderia ser usada também para conter os membros da vítima enquanto prendiam a outra extremidade em um cavalo, após, eles faziam o cavalo correr e conseqüentemente arrancava os membros.
13. Guilhotina

Uma das formas mais notórias de execuções, a guilhotina, era feita de uma lâmina afiada preso a uma corda. A cabeça da vítima era colocada no meio do quadro, quando a lâmina caia, separava a cabeça da vítima do corpo. Uma vez que a decapitação foi considerada um evento rápido e indolor (pelo menos, menos dolorosa do que os outros métodos de tortura), foi muitas vezes considerado o método mais humano de execução.
14. Esticador

Projetado para deslocar todas as juntas do corpo da vítima, acreditava-se ser a forma mais dolorosa de tortura medieval. Este dispositivo de tortura era feito de uma estrutura de madeira com duas cordas fixas ao fundo e os outros duas amarradas na parte superior. Uma vez que a vítima era amarrada e colocada em cima do esticador, a vítima seria esticada até que os seus membros fossem deslocados. Os torturadores, no entanto, (só para ter certeza de que aqueles membros foram realmente deslocados) continuavam a girar a roda até que os membros fossem completamente arrancadas do corpo da vítima.
15. Arrancador de língua

Parecendo tesouras de grandes dimensões, pode facilmente cortar a língua da vítima. Sua boca era forçada a abrir com um dispositivo chamado abridor de boca, e então o ferro arrancador de língua faria desconfortavelmente a contração da língua, com suas garras ásperas. Uma vez que uma colocado, o parafuso seria bem apertado e a língua da vítima seria quase arrancada.

16. A tortura do rato

Estar em um gabinete com ratos é tortura suficiente, mas, aparentemente, isso não é suficiente para a época medieval. Uma das mais sádicas de todas as técnicas de tortura envolvia em ter uma gaiola com um lado aberto amarrado contra o corpo da vítima. Era então preenchido com grandes roedores e um elemento de aquecimento que era colocado no outro lado da gaiola. O instinto natural dos roedores os levavam a fugir do calor intenso. Para escapar eles eram obrigados a cavar através do corpo da vítima com resultados fatais.

17. O Presidente da tortura

Também conhecido como o Presidente Judas, era um terrível aparelho de tortura que foi adicionado às masmorras da Idade Média. Usado até a década de 1800 na Europa, esta cadeira era feita com camadas pontudas de ferro com cerca de 500 a 1.500 pontas em toda a sua superfície, e com tiras apertadas para conter sua vítima. Feita de ferro, ela também poderia conter espaços para serem colocados elementos de aquecimento por baixo do assento. Ela foi muitas vezes utilizada para assustar as pessoas em dar confissões enquanto observavam os outros sendo torturados no dispositivo.

18. Calçados de cimento

Os sapatos de cimento foram introduzidos pela máfia americana, quando executavam inimigos, traidores e espiões, colocando seus pés dentro de blocos de concreto, e em seguida, preenchê-los com cimento molhado. Uma vez seco, a vítima seria jogada viva em um rio de água profundas.

19. O estripador de mama

Embora as mulheres também eram sujeitas as muitas das técnicas de tortura, este aparelho é aquele que foi projetado especificamente para elas. Usado para causar grandes perdas de sangue, as garras, que eram muitas vezes encarnado, seria colocada sobre os seios expostos como os picos penetrados por baixo da pele. Seria então, puxado ou empurrado, causando grandes furos na pele, e consequentemente muitas dores.

20. Tesouras de crocodilo

Muitas vezes usado para mutilar aqueles que tentavam assassinar o rei, esta pinça de ferro era aquecida em brasa antes de serem utilizadas para reprimir a apêndices da vítima e arrancá-las de seus corpos.

21. Casamento Republicano

Além da guilhotina e queima na fogueira, este ato de tortura foi empregado por Jean-Baptiste portador durante a Revolução Francesa. Ele envolvia homens e mulheres juntos nús, amarrando-os com cordas ou correntes, e em seguida, jogava-os em águas geladas para se afogar. Quando a água não estava disponível, ele simplesmente explorava ambos com espadas ou baionetas. Este foi o método preferido usado para executar freiras e padres durante esse tempo.

22. Roda de Catarina

Também conhecido como a Roda Catarina, esta é uma utilização de um dispositivo de tortura para matar lentamente a vítima. Primeiro, os membros da vítima eram amarrados aos raios de uma grande roda de madeira que seria então, lentamente girada como um torturador, e esmagando simultaneamente os membros da vítima com um martelo de ferro para quebrá-los em vários lugares. Como os ossos foram quebrados, a vítima seria deixada amarrada na roda para morrer, ou também poderia ser colocada em cima de um poste para que as aves se alimentassem de sua carne enquanto ainda estivesse viva. Às vezes, um golpe de misericórdia era empregado, onde o carrasco desferia um golpe fatal no peito ou no estômago da vítima para acabar com a sua agonia.

23. Burro espanhol

Um dos instrumentos de tortura durante a Inquisição espanhola, este é provavelmente um dos mais terríveis de todos eles. A vítima é colocada montada nu, em um aparelho de burro-like, que é na verdade uma placa de madeira vertical com um V-cunha Depois disso, o torturador acrescentaria pesos diferentes nos pés da vítima até que finalmente a cunha atravessasse o corpo da vítima.

24. A tortura da serra

Neste método, a vítima é pendurada de cabeça para baixo, de modo que o sangue irá correr para a cabeça e mantê-los consciente durante a longa tortura. A maioria das vítimas era cortada somente até seu abdômen, para prolongar ainda mais sua agonia.

25. Enforcado, arrastado e esquartejado

Durante a época medieval, a pena por alta traição na Inglaterra, era que a vítima fosse enforcada e esquartejada em público, e apesar de ter sido abolida em 1814, ela foi responsável pela morte de milhares de pessoas. Nesta técnica de tortura, a vítima é arrastada em uma moldura de madeira até o local da execução. Ela seriam então pendurada pelo pescoço por um curto período de tempo, seguindo por estripação e castração onde as entranhas e genitália são queimadas na frente da vítima. A vítima então, seria dividida em quatro partes distintas e decapitada (esquartejada).
FONTE: http://www.blogandotudo.com.br/19-fotos-impressionantes-verdade-por-tras-delas/
 


m_dantas

Bam-bam-bam
Mensagens
2.991
Reações
3.200
Pontos
303
:kmaroto tantos jeitos legais de morrer ai parça quase nao consigo me decidir,
mas vou escolher Roda de Catarina.
 

PCdubaum

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
12.155
Reações
13.025
Pontos
619
:kmaroto tantos jeitos legais de morrer ai parça quase nao consigo me decidir,
mas vou escolher Roda de Catarina.

Pow, assim fica parecendo que vc nem quer ser torturado e executado, escolhe outra ae...
 

Vaçago

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.846
Reações
32.486
Pontos
553
Conheci algumas dessas no jogo Amnesia.

Incrível como o ser humano pode ser lixoso.
 


goiabo

Bam-bam-bam
GOLD
Mensagens
2.026
Reações
5.404
Pontos
303
Quando a gente acha que o mundo atual é zuado... percebe que já foi BEM pior.... O_O
 

Alberon

YouTube Player
Mensagens
48.142
Reações
67.700
Pontos
924
Impressão minha ou a facilidade em fazer maldade é muito maior?
 

Pingu77

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
22.294
Reações
29.205
Pontos
614
Impressão minha ou a facilidade em fazer maldade é muito maior?
Acho que era um professor meu que disse uma vez: "O bem é trabalhoso, demora a ser construído, às vezes leva-se anos; já o mal só é preciso um instante."

(Não foram exatamente essas as palavras, mas você pegou a ideia provavelmente.)
 

ptsousa

Moderador
Membro STAFF
Mensagens
54.476
Reações
153.367
Pontos
814
Faltou a da gota de água caindo incessantemente no lado da cabeça, com a vítima presa e a cabeça imóvel.
 

rizabr

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.475
Reações
11.786
Pontos
574
Já conhecia a maioria delas, mas dá uma agonia em imaginar alguém morrendo assim
A Serra foi a que mais me assustou quando conheci
 

Tarkonen

Bam-bam-bam
Mensagens
4.606
Reações
9.628
Pontos
293
de longe o pior:

esse aqui é pra evitar a pessoa de bronhar
se o penis fica duro vira macarrao
 

Marbow

Bam-bam-bam
Mensagens
5.578
Reações
6.745
Pontos
344
Acho que era um professor meu que disse uma vez: "O bem é trabalhoso, demora a ser construído, às vezes leva-se anos; já o mal só é preciso um instante."

(Não foram exatamente essas as palavras, mas você pegou a ideia provavelmente.)
Mas deve ter demorado para eles pensarem nesses metodos e testarem para ver que a vitima demorava para morrer. Não é coisa "facil" torturar alguem dessas maneiras e querer que o cara fique vivo por algumas horas.

No mais, meu deus não sei qual é a pior, ou a menos pior @.@
 

Rosca Tudor

Bam-bam-bam
Mensagens
3.258
Reações
4.302
Pontos
293
Acho muito exagero esses esquemas, o pior que nem são os mais eficientes e fazem uma put* sujeira, além de precisar de muito aparato. Barra pesada eram os porões do DOPS, la eles faziam minhoca cantar que nem passarinho.
 

albanibr

Ei mãe, 500 pontos!
VIP
Mensagens
12.614
Reações
24.499
Pontos
599
eu tive a sorte de conhecer as "rodas" da Catarina...
se é que me entendem...:ksafado
 

Guicicca90

Bam-bam-bam
Mensagens
8.770
Reações
5.884
Pontos
414
Acho muito exagero esses esquemas, o pior que nem são os mais eficientes e fazem uma put* sujeira, além de precisar de muito aparato. Barra pesada eram os porões do DOPS, la eles faziam minhoca cantar que nem passarinho.

antigamente a ideia da punição era provocar a dor, talvez até pelo fato de ser associado com uma ideia de "redenção" ou "martirização" mto ligados aos sentimentos católicos.
hoje a coisa é mais racional, ligado a praticidade e ao pragmatismo científico, por isso as punições rápidas, indolores e eficientes.
 

Rosca Tudor

Bam-bam-bam
Mensagens
3.258
Reações
4.302
Pontos
293
antigamente a ideia da punição era provocar a dor, talvez até pelo fato de ser associado com uma ideia de "redenção" ou "martirização" mto ligados aos sentimentos católicos.
hoje a coisa é mais racional, ligado a praticidade e ao pragmatismo científico, por isso as punições rápidas, indolores e eficientes.
Sim, antigamente era meio que uma vingança ou punição e atualmente virou uma forma de extração de informações (e punição, em menor escala).
 

Lost Angel

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.181
Reações
13.513
Pontos
553
A imagem 18 repetiu a imagem 17... Maioria ali foi usada bastante pela Inquisição... Faltou as torturas chinesas.
 

wasabi

Habitué da casa
Mensagens
327
Reações
202
Pontos
79
Métodos de tortura: Gota chinesa



A gota chinesa foi umas das torturas mais crués já criadas e praticada principalmente nos países asiáticos.
A técnica consistia em deixar o prisioneiro preso a uma cadeira por dois meses sem poder se movimentar e com incessantes pingos d'água na cabeça a cada cinco segundos.
A maioria ao final da tortura enlouquecia e os que não enlouqueciam ficavam seriamente debilitados devidos aos ferimentos na cabeça e aos músculos rijos.
Apos vinte minutos o som do gotejamento já começava a incomodar e uma semana depois,quando os pingos caíam as pessoas podiam ouvir tambores dentro de sua
cabeça e sentiam um forte enjoo,após um mês as dores eram frequentes,por falta de movimentos,enjoos eram constantes e também havia crise de labirintite,quase completado os dois meses de tortura podia se notar que na cabeça do prisioneiro haviam feridas causadas pelos pingos e é nesse momento que a dor se tornava insuportável levando o prisioneiro a loucura.
E por essa tortura ser tão fácil de ser executada,ela foi proibida de ser veiculada e é quase impossível encontrar alguma noticia a respeito.


Métodos de tortura: Bambu Chines


Tortura do Bambu Chinês
Não há documentos ou registros oficiais,mas uma técnica de tortura chinesa é amplamente difundida e ainda sim um verdadeiro mistério,a técnica da tortura do bambu chinês consistia em pegar prisioneiros de guerra e fazê-los sofrerem da forma mais dolorosa e lentamente possível e para isso usavam bambus,mais especificamente uma espécie chamada bambu vivo que dependendo da área fertilizada poderia crescer até dois metros em um único dia,essa técnica de tortura segundo dizem foi colocada em prática durante a Segunda grande guerra e os prisioneiros torturados dessa forma poderiam sofrer por até uma semana.

A técnica consistia em:


  • Colocar os brotos de bambu para crescerem nos locais em que a carne da vítima seria perfurada;
  • A vitima era colocada na forma horizontal sobre os brotos;
  • O bambu ia crescendo e se expandindo dentro do corpo da vitima,crescendo até perfurar causando uma morte lenta e extremamente dolorosa.


Os bambus usavam os nutrientes encontrados nos corpos para crescerem,mas essa prática só era possível se as vitimas estivessem a céu aberto para as 'plantinhas' poderem respirar,muitas vezes os prisioneiros levavam dias para morrer,pois ao mesmo tempo em que o bambu crescia ele dificultava o escoamento do sangue.
Alimentação forçada


A alimentação formaça nada mais é do que tubos que são empurrados pelo nariz e no estômago das vítimas, normalmente isso rompe e danifica os tecidos e as vezes o tubo entra no pulmão, eles são deixados no estômago da vítima durante vários dias ou semanas, causando infecções graves ou são puxados e colocados repetidamente.
Como se já não bastasse os torturados muitas vezes são "alimentados" com água salgada, pimenta óleo, água fervente, ou detergente além de urina e fezes.
 

Creature

Bam-bam-bam
Mensagens
6.841
Reações
11.895
Pontos
349
Ótimo tópico pra ver no fim de noite. Vou até dormir feliz hoje.

:kpanico:kwow:klol
 
Topo