O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Desafio dos 52 jogos em um ano! [2019]



Eesha

Novato
Mensagens
35
Reações
23
Pontos
8
18-Super Mario Bros 3, switch, 5h 6/10(28/02)

Ainda bem que o mês ta acabando, que finalmente compro algum joguinho novo pro switch, não que os jogos do nintendinho sejam ruins, mas o layout dos botões machucam, apesar de eu gostar bastante do super mario 3 os controles machucaram bastante os dedos, a fase em q você tem q voar segurando o casco foi um martírio, 15 minutos só nessa parte, de todos os jogos do online esse é o pior no quesito jogabilidade, só não dou menos nota por que o jogo é muito bom.
 

toad02

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
34.645
Reações
47.728
Pontos
959
#4 Statik (PSVR)
Puzzle divertido
Nota 8

#5 Shovel Knight - Plague of Shadows
Tão bom quanto a campanha do Shovel Knight, mas menos impactante depois de ja ter jogado o primeiro
Nota 8.5

Dropei meu replay de Dragon's Dogma
#6 Dead Cells - PS4
Jogão da porra. Terminei 2x e continuo jogando.
Nota 9

#7 Minit - PS4
Curto e divertido. Seria perfeito no switch
Nota 8
 

HonkaHonka

Veterano
Mensagens
469
Reações
778
Pontos
108
#14- Tetris Effect (PS4)

Basicamente o motivo pelo qual comprei o PS VR. Ja queria esse jogo desde a véspera do lançamento, mas não teve lançamento dele em mídia física por aqui, daí acabei importando. Recebi hoje, foi do pacote direto pro drive do console, baixei logo as atualizações e liguei o VR.

Joguei ele por mais de 5 horas direto, no VR, e não vi o tempo passar. Terminei o modo Journey e depois fiquei literalmente viajando naquele modo de teatro. Adoro jogos assim, ocasionalmente saco meu Switch do dock pra jogar Lumines, aparentemente vou encostar o Lumines e ficar só no TE.

Esse jogo vale a compra do PS4, do PS VR, de um bom headset e de uma boa poltrona pra jogatina. Pra mim, é o melhor jogo de 2018, principalmente pela maneira que ele rola no VR. Além de ser um jogo com bons gráficos e arte fodona, é também um grande jogo pra quem se liga em música de qualidade.

Nota 11,6/10.

Abraços!

Enviado de meu SM-G9650 usando o Tapatalk
 

pullig

Bam-bam-bam
Mensagens
2.756
Reações
2.606
Pontos
294
Jogo 2: Resident Evil Remake - 16 horas
Acertaram em cheio nesse remake do resident evil, mal posso esperar pelo que vem pela frente para a serie.

Jogo 3: Spiderman the city that never sleeps(DLC) - 10 horas
Eu que gostei muito do spiderman foi otimo essa DLC, pude aproveitar mais desse jogo. E acho que da para ser considerado, nova historia e 10 horas de conteudo (fiz 100%)

.
 

natinh0

Supra-sumo
Mensagens
1.562
Reações
719
Pontos
199
015.Brawlout (02/02/2019, Xbox One)
016.The Hong Kong Massacre (03/02/2019, Playstation 4)
017.Star Wars Rogue Leader: Rogue Squadron II (03/02/2019, GameCube)
018.Apex Legends (02/2019, Playstation 4/Xbox One)
019.Metro 2033 Redux (10/02/2019, Playstation 4)
020.Wave Race: Blue Storm (11/02/2019, GameCube)
021.Titanfall 2 (22/02/2019, Xbox One)
022.Fatal Fury 2 (22/02/2019, Xbox One)
023.Driveclub (22/02/2019, Playstation 4)
024.Super Stardust Delta (24/02/2019, Playstation Vita)
025.Sonic 4 Episode I (25/02/2019, PC)
026.Crackdown 3 (27/02/2019, Xbox One)
027.The King of Fighters XIV (28/02/2019, Playstation 4)
---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
028.Sonic 4 Episode II (01/03/2019, PC)
029.Butcher (01/03/2019, Xbox One)
030.Bloodstained: Curse of the Moon (02/03/2019, Xbox One)
 


tortinhas10

É Nintendo ou nada!
Mensagens
79.397
Reações
169.175
Pontos
979
1. God of War 4 ( Ps4 )

Finalizado dia 07/02/2019
Nota: 9
Tempo de Jogo: aprox. 60 horas

Fui receoso, pois curto muito a série god of war e o III tinha sido o ápice da série, mas eu curti muito o jogo. Adorei a mitologia nórdica. O Kratos maduro também ficou foda. As batalhas ficaram boas e os puzzles também.

Assim, não tem muitos defeitos o jogo. Só achei ele meio curto se for fazer apenas a missão principal e também não gosto desses negócios de quebrar todos os pássaros e etc. O Atreus é um pouco irritante também.


2. The Last Aguardian ( Ps4 )

Finalizado dia 02/03/2019
Nota: 1
Tempo de Jogo: aprox. infinitas

Jogo que apenas o ambiente, a personalidade do trico e a narrativa é boa. O jogo, como jogo, é uma porcaria. Nada funciona nele. A câmera é um lixo, a jogabilidade é um lixo, os comandos são uns lixos. É um jogo cheio de ''mas.''. Que me desculpe a galera, mas jogo não basta ter história para me comover, tem que ter boa jogabilidade. Várias vezes passei nervoso com o jogo, pois em certos momentos eu sabia o que fazer e a porra do bicho não obedecia.

Estou dando nota 1 apenas pelo final emocionante, pois se dependesse apenas do jogo seria até nota negativa. Paguei 75 reais e sinto que fui enganado, comprei um jogo que nem finalizado foi. É na verdade um jogo beta.
 

Ultima Weapon

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.291
Reações
14.285
Pontos
629
#5 (03/03) – Kingdom Hearts 3 (PS4, 54hs):
De longe a melhor jogabilidade entre os 3 jogos centrais, dinâmico e oferece inúmeros recursos diferentes em combate, tudo é divertido. Ótimo que há muitos mini-games legais porém esmagadora maioria é pra fazer uma vez e nunca mais olhar, fiz tudo e teve nada que me chamou muuuuito a atenção.
O level design está mais criativo, só não gostei da repetição em Arendelle e Acre Woods está patético de tão curto; Big Hero 6 é grande porém genérico mas valeu a tentativa, os demais são ótimos. O visual do jogo as vezes impressiona, particularmente gostei do Piratas do Caribe pela dimensão do mapa e modelagem mais realista dos personagens, além disso matou a saudade de Assassins Creed Odyssey. =p
Em um jogo com tanto conteúdo extra e com controles que funcionam tão bem senti falta de maior dificuldade, a primeira vez (no Proud) que o jogo te desafia são nos bosses de Arendelle, depois há um aumento progressivo em alguns momentos e termina de forma satisfatória, contudo faltam batalhas opcionais extremas como nos outros jogos (o coliseu ficou de fora, lamentável) e há uma única luta do tipo no post-game, uma migalha que te deixa com imensa vontade de mais.
Tá certo que só joguei os 3 jogos numerados e olhei uns resumos pra entender razoavelmente a história, contudo apesar de algumas cenas bonitas e dramáticas não me empolgou nesse aspecto, parece faltar coesão e qualidade nos diálogos pra um enredo tão complexo, além disso a fórmula que deixa os filmes da Disney quase que desconectados da história central já deu o que tinha que dar, são universos e personagens muito ricos que poderiam dar outra cara pra esse jogo, então poderiam tirar parte das 300 cenas curtas e parecidas com bonecos vestidos de sobretudo preto pra evitar que todos aqueles mundos paralelos licenciados continuem pouco relevantes pro andamento da história dessa franquia.
Nota 8,5
 

Vaçago

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.289
Reações
24.375
Pontos
553
9 - Mega Man X (Legacy Collection)
10 - Mega Man X2 (Legacy Collection)
11 - Mega Man X3 (Legacy Collection)
12 - Mega Man X4 (Legacy Collection)



Tempo: 17 horas
Achievements: 52/52
 
Mensagens
11
Reações
4
Pontos
14
4- Shadow of The Tomb Raider 02/03/2019: Terminei o ultimo jogo da trilogia da Lara, gostei muito deste terceiro, inclusive achei melhor que o segundo, o jogo voltou mais para explorações, e tumbas, deu pra divertir bem!

Nota: 8/10
 

Toguro Games

Supra-sumo
Mensagens
1.004
Reações
1.841
Pontos
199
Jogo 4: Kingdom Hearts 3 - PS4 - 32h

Confesso que eu estou totalmente por fora do que rolou com a série, o último que eu joguei foi o 2. Mas senti falta dos personagens da saga Final Fantasy.

Fiquei muito triste também por não ter o Bizonho no mundo do Bosque dos 100 Acres.

Mas foi um jogo bem divertido, o final foi emocionante.
 

Eesha

Novato
Mensagens
35
Reações
23
Pontos
8
19-Shadow of Tomb Rider, xbox one, obsessão mortal, 39h 9/10 (04/03)

Ouvi tanta gente falando que não havia gostado do jogo que comecei jogar até com um pé, mas ao contrário do que ouvi achei o jogo muito bom, um pouco inferior ao rise mas ainda sim um jogaço. Muita gente reclamando que tem pouca partes de ação cheguei inclusive a ouvir que só tinha 3 tiroteios no jogo todo, tudo mentira, de fato tem menos que o rise mas ainda sim boas cenas de ação e a luta final é divertida. Fiz todas as tumbas, criptas e missões secundárias, elas agregam bastante o jogo e aumentam o tempo investido no jogo. Não recomendo muito jogar na dificuldade obsessão mortal pra quem não tem costume de jogar esse estilo de jogo, não pela dificuldade no geral que não achei tão alta mas sim o fato de só salvar em acampamentos praticamente(algumas cenas depois de um cutscene longa slavava, mas só rolou isso umas 3x) chega a ser frustante morrer e ter que refazer tudo de novo, qualquer erro é fatal e vai te custar um bom tempo. achei os elementos de "plataforma" mais elaborados nesse jogo do que no antecessor, rapel e a escalada do teto foram boas adições (acredito que realmente seja adição não lembro disso no rise, espero não falar besteira). História é meio que a de sempre dos tomb raider, não é uma super história mas não é algo negativo também. No mais é isso um ótimo jogo e caso não tenha jogado por conta das critícas, só esqueça e jogue.

20-Ultimate Marvel vs Capcom 3, xbox one, normal, 3h 7,5/10 (04/03)

Fazia anos que não jogava nenhum Marvel vs Capcom, fiz alguns arcades modes enquanto baixava outro jogo, fez o tempo passar rápido, curti mais que o Mortal Kombat X, agora to sem entender porque esse jogo flopou.
 
Ultima Edição:

Aruguren

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.803
Reações
13.443
Pontos
659
#9) Child of Light - 04/03/2019
Um rpg ao estilo japonês mas com menos profundidade. Na dificuldade fácil é muito fácil mas na dificuldade maior pode ser incrivelmente complicado e desafiante. Acabei usando a fácil pra passar os level e a difícil nos bosses, e ficou perfeito, se não o jogo ficaria maçante. A arte e a trilha sonora, principalmente essa última, são a graça do jogo. 8/10
 

vitzera

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.431
Reações
18.980
Pontos
649
#06 - Broforce (PS4 - 2016)
Terminado em 04/03/2019 - ?? horas


Jogava bastante com o meu irmão, mas nunca tinha terminado. Agora que estou morando sozinho resolvi fechar o jogo e vi que só faltava o último mundo. Não é nem de longe tão legal assim jogar sozinho, é um jogo muito caótico e a graça é justamente o co-op pra um ir mantendo o outro vivo enquanto prossegue.

A variedade de "bros" dá uma graça boa pro jogo, mas o fato de ser um personagem aleatório e nem todos eles serem tão úteis assim tira um pouco a graça da referência.

A música do final é muito boa.

Nota 7
 

kaizen

Larva
Mensagens
13
Reações
21
Pontos
3
Ok, gostaria de participar.

FINALIZADOS:

1- Uncharted 4

Me surpreendi bastante, pois antes de comprar o PS4 nunca pensei que gostaria tanto assim de um Uncharted. Sim, joguei a trilogia e achei o segundo jogo excepcional, mas os outros dois eu acho bem medianos, em especial o 3. Mas Uncharted 4 consegue ser espetacular em quase tudo, só achei a ambientação um pouquinho repetitiva no final do jogo e, apesar de ser muito legal, acho que forçaram a barra no ''fan-service'' nos últimos capítulos. Mas, ainda assim, é um grande jogo. Nota 9,5.

2- Ratchet and Clank

Esse foi meu primeiro contato com a franquia e curti bastante. Insomniac fez Sunset Overdrive, que eu adorei, e esse Ratchet and Clank me lembra ele em alguns aspectos, como no humor e as diversas armas insanas. Um jogo bem legal, nota 8,5.


EM PROGRESSO:

3- God of War

Até agora é o melhor exclusivo que joguei no PS4 e um dos melhores jogos que joguei nessa geração.


Obs: não tenho muita noção do tempo de jogo, pois o PS4 não tem um contador de horas e esses dois jogos que finalizei foram jogados em Janeiro.
 

natinh0

Supra-sumo
Mensagens
1.562
Reações
719
Pontos
199
Viajando 2 dias nesse feriadão acabei vindo para a casa no sítio dos meus pais e encontrei minha antiga Sony Wega de tubão, não preciso nem falar a quantidade de retro-porn que rolou esses dias com o PS2:


028.Sonic 4 Episode II (01/03/2019, PC)
029.Butcher (01/03/2019, Xbox One)
030.Bloodstained: Curse of the Moon (02/03/2019, Xbox One)
031.Virtua Fighter 5 (03/03/2019, Playstation 3)
032.Medal of Honor Airborne (03/03/2019, Xbox 360)
033.Guns, Gore and Cannoli 2 (04/03/2019, Xbox One)
034.The King of Fighters '98 Ultimate Match Final Edition (04/03/2019, PC)
035.Ridge Racer V (04/03/2019, Playstation 2)
036.Mortal Kombat Deception (04/03/2019, Playstation 2)
 

gamermaniacow

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
37.176
Reações
32.239
Pontos
932
#8 Spyro Rypto's Rage Reignited

Claramente tentam expandir a ideia do original, mas acabam caindo em alguns aspectos, complicando algo que não devia e o tornando menos interessante que o primeiro, que tinha a simplicidade como principal charme.

9

----------------------

#9 Spyro Year of the Dragon Reignited


Pega o que deu certo da expansão do 2, e retorna para algo mais simplificado e interessante, um resultado muito mais agradável.
Minha ordem fica: 1 > 3 > 2.

8

----------------------


#10 AWAY Journey to the Unexpected


Visualmente muito bonito e estiloso, mas peca demais em ser um jogo interessante, por faltar de qualquer tipo de profundidade e se sustentar numa repetição extremamente chata.

5

----------------------

#11 Eastshade


Um belo RPG que busca trazer uma nova maneira de interação sem combate, onde você é um pintor. Mundo lindo, mecânica solida e personagens interessantes, fazem dele um jogo que me agradou demais.
É um jogo muito único, e é o meu preferido do ano até então.

9.5

----------------------

#12 Metro Exodus


Ambientação simplesmente incrível. Gameplay delicioso e open world interessante sem exagerar no mapa, dosagem certa.
A dublagem é estranha, junto com o pacing da narrativa. O jogo desanda na reta final, perdendo vários pontos pra mim. Resolveu dar uma de Final Fantaxy XV.

7.5 < por conta da reta final, antes daria um 9 facilmente.

----------------------

#13 The Stillness of the Wind


Comprei esperando um desses jogos relaxantes e bonitos que se joga em uma sentada, e me arrependi. O jogo é basicamente um trabalho e extremamente bugado, apesar dos belos visuais.

3

----------------------

#14 Ape Out


Sound design simplesmente espetacular, deixa você pilhado enquanto jogado, e game design sensacional, com tudo muito bem amarrado, e junto com os visuais estilosos, fazem dele um jogo muito bom. Porem, a variação é muito pouca.

9

----------------------
 

Project Schizoid

Bam-bam-bam
Mensagens
2.526
Reações
3.567
Pontos
303
Jogo 22
Mass Effect Andromeda
Plataforma: Xbox One
Dificuldade: Normal
Tempo de Jogo: 29hrs
Conquistas: 275/1000G
Nota: 8

Screenshot_20190305-125222.pngScreenshot_20190305-125207.png
 

natinh0

Supra-sumo
Mensagens
1.562
Reações
719
Pontos
199
028.Sonic 4 Episode II (01/03/2019, PC)
029.Butcher (01/03/2019, Xbox One)
030.Bloodstained: Curse of the Moon (02/03/2019, Xbox One)
031.Virtua Fighter 5 (03/03/2019, Playstation 3)
032.Medal of Honor Airborne (03/03/2019, Xbox 360)
033.Guns, Gore and Cannoli 2 (04/03/2019, Xbox One)
034.The King of Fighters '98 Ultimate Match Final Edition (04/03/2019, PC)
035.Ridge Racer V (04/03/2019, Playstation 2)
036.Mortal Kombat Deception (04/03/2019, Playstation 2)
037.Star Wars: The Force Unleashed II (06/03/2019, Xbox 360)

Via gamepass, já tinha fechado nos pcs faz tempo mas valeu o replay, jogo curto e MUITO bonito.
 

Project Schizoid

Bam-bam-bam
Mensagens
2.526
Reações
3.567
Pontos
303
Jogo 23
Just Dance 2017
Plataforma: PS4
Dificuldade: -
Tempo de Jogo: ?
Conquistas: 15/41 troféus(22%)
Nota: 7

Joguinho que não tem como zerar, mas acho que parei de vez e enjoei. Joguei por mais ou menos um ano, mas bem ocasionalmente, para me distrair. O jogo é divertido, mesmo sozinho(ou online), mas duas caracteristicas me desanimaram um pouco:

1 - Sem Kinect ou controles especiais no PS4, tive que usar o smartphone. E, em várias ocasiões, o aparelho parece simplesmente não responder como o movimento se apresenta na tela. É frustrante ver movimentos simples darem errado por besteira. Isso te leva a pagar caro em kinect e derivados, o que é foda.

2 - Pagar para ter músicas legais. Como se não bastasse pagar o jogo, ainda precisamos pagar uns 20 paus por mês para ter uma quantidade realmente interessante de músicas. Desse 1 ano que paguei, uns 9 meses eu joguei dinheiro fora. Mas agora deixei de preguiça e cancelei. Fora que jogar sem esses pacotes nem rola.

Screenshot_20190307-235756.pngScreenshot_20190307-235612.png
 

MadScientist

Supra-sumo
Mensagens
879
Reações
1.697
Pontos
183
Jogo 8 - Zeldinha Twilight Princess - Nota 9

É o pior da série que joguei até agora, e mesmo assim o jogo é excelente. É, junto com o Skyward Sword, o mais criticado da franquia, então fica claro que mesmo os Zeldas mais fracos são jogos de muita qualidade.

TP é um Zelda com menos identidade que todos os outros. Isso porque, sempre que a franquia reaparece, surge com uma arte diferente, um conceito novo. No TP, sinto que eles quiseram entregar um OoT repaginado, com melhorias mecânicas e maior dimensão de tudo (os cenários são maiores, o jogo tem mais texto, mais personagens, as dungeons são mais extensas...), a obra reflete aquele desejo imediato que se tem na transição de gerações, de se reviver a experiência com aquele título queridinho da franquia apenas com evoluções gráficas e de jogabilidade. Então, apesar de ser um jogo mais genérico, dá pra entender que atendeu um certo público. A ideia do Link virar um lobo seria o diferencial desse jogo, aquilo que os desenvolvedores pensaram "certo, isso vai revestir o jogo de personalidade própria", mas esse elemento falha em reconfigurar o tema e a atmosfera do jogo, restringindo-se apenas a diversificar o gameplay (e apenas a primeira vista, já que quanto mais você joga, mais percebe sua frivolidade), o que não acontece com outros elementos centrais de outros games da série, como as máscaras do Majora's Mask.

No mais, a história é ok para um Zelda (fica ali empatada com a do BotW, no limítrofe da mediocridade, apenas o suficiente para compôr um jogo da série), mas não encosta em OoT nem em MM (esse realmente tem o melhor mundo, a melhor lore, as melhores side-quests e personagens).

As dungeons são muito boas, City in the Sky e Goron Mines, para mim, são duas das mais divertidas da franquia, mas o design de algumas ensejou a construção de itens gimmicks, aqueles que você realmente só vai usar em situações específicas daquela dg, e se vier a utilizar no overworld ou em outros templos, será provavelmente de maneira forçada.

O combate não tem dificuldade alguma, mas poucos jogos da série oferecem algum desafio nesse sentido (dos que joguei, apenas o BotW). Não vou considerar isso um ponto negativo porque a progressão do jogo em si não é tranquila, requer atenção e exploração como todos os outros jogos, então o combate fácil não torna o jogo boring. Até porque tem uns inimigos bem legais, tipo os Darknuts.

A música é maravilhosa, uma das melhores OSTs da série. O tema Courage, a ser várias vezes recondicionado às situações, é uma das principais marcas desse jogo pra mim e uma das coisas que me impedirá de relembrar do jogo apenas como "só mais um".

E acho que é isso. Por fim, só tenho a dizer que esse jogo consolidou Zelda como a minha franquia favorita de videogames, pois dos quatro jogos que joguei da série principal 3D, três entraram pra lista de melhores da vida, e um é outro jogo excelente que joguei nessa década.

Que venham Wind Waker, Skyward Sword e o próximo título do Switch que certamente será uma obra-prima.
 

Toguro Games

Supra-sumo
Mensagens
1.004
Reações
1.841
Pontos
199
Jogo 5: Wonder Boy: The Dragon's Trap - Switch - 5h

Que jogo, meus amigos!
Me arrependi de não ter jogado antes. O jogo é simplesmente IMPECÁVEL!
Trilha sonora primorosa? Épica mesmo? Aqui tem!
Gráficos absurdamente lindos? Aqui tem!
Respeito total pelo jogo original? Aqui tem! (inclusive dá pra jogar com gráficos e sons estilo 8-bits, mudando de um estilo ao outro com o toque de um botão)
Jogabilidade divertida e simples? Sim!
Segredos e itens a encontrar? Sim!

O jogo tem uma pegada estilo "metroidvania", de ir conquistando novos poderes e liberando novos caminhos, é bem divertido voltar as áreas já exploradas procurando novos caminhos.

Defeitos? Pra mim, dois: poderia ter um mapa e o jogo é muito curto!

E fica a dica, comprem a versão física da NICALIS, ele vem com CD com a trilha sonora, manual colorido e bem grossinho, um chaveiro e a box com arte reversível.

Foi a melhor compra que eu fiz esse ano, sem dúvida alguma. Fazia um bom tempo que um jogo não despertava tanto o meu espírito de nostalgia.

 

coolerdgb

Supra-sumo
Mensagens
803
Reações
1.262
Pontos
183
#4 Rise of The Tomb Raider (PS4)
Concluído em: 14/02/2019
Progresso: História principal finalizada
Duração: 13 horas
Nota: 7/10



Nesse jogo a Lara entra na vibe Rambo, é uma assassina obstinada pela tal Fonte Divina, querendo a todo custo finalizar o que o pai dela começou a escavar.

Gostei do início por apresentar diversas implementações em relação ao primeiro game. Cenários mais variados, dando um destaque maior pros gráficos. Infelizmente, ao longo do jogo vai se tornando um game cansativo, com muito combate, algo que não é o ponto forte dessa série desde o Reboot. A história lançava um potencial, havia interesse em chegar ao destino final e conhecer qual é o grande barato que ela e o pai tanto correram atrás, mas foi um desfecho muito decepcionante. Os personagens num geral também são fracos e sem carisma. Ao terminar o Shadow vou me sentir no direito de comparar a saga da Lara com a do Nathan Drake + Nadine & Chloe. Pelo menos por agora, os Uncharted valiam mais a pena pelo desfecho da história de cada jogo.

#5 Far Cry 5 (PS4)
Concluído em: 23/02/2019
Progresso: História principal finalizada
Duração: 24 horas
Nota: 7/10



Pra mim, foi a repetição da fórmula dos Far Cry desde o 3 com mudança na ambientação. Não senti os gráficos tão destacados, não surpreende em nada nesse aspecto pra quem já jogou Horizon, Gow, RDR2 ou Spiderman. A inteligência artificial é no selo de qualidade Ubisoft.
Foi muito divertido por ter jogado inteiramente em Coop, sendo que no 5 vc pode fazer missões em dupla, diferentemente do FC4 em que só se podia dominar outposts e coisas de cenário. Desde o começo vc pode andar livremente, roubar aviões e helicópteros e assim, curtir o Coop promovendo o caos. Um jogo divertido por um lado mas no geral é mais do mesmo.

#6 Far Cry 5 DLC Lost on Mars
Duração: 5 horas
Nota: 6

IMG-20190224-WA0002-512x288.jpg




Na verdade, gráficos e trilha sonora desse DLC do FC5 são nota 10. Achei o visual que fizeram de Marte impressionante, quando vc está em uma estação e sai para o ambiente aberto, o efeito de luz é impressionante, e olhar para o céu é belíssimo. A trilha sonora empolga e encaixa legal, proporcionando momentos divertidos. Porém, no resto é muito decepcionante, muito mesmo. A história é fraca, com um plot Twist extremamente previsível e os personagens são péssimos, um carisma forçadíssimo. Em alguns aspectos imitam demais o borderlands 2, mas sem nenhum traço do carisma deste.
Terminei por estar jogando todo em Coop, com momentos de frustração por spikes de dificuldade e variedade limitada de inimigos, armas e missões.

Pra admirar o visual e gastar tempo numa ambientação diferente eu recomendo, mas fora isso só vale se estiver magro de backlog

#7 Borderlands 2 (PS4)
Concluído em: 07/03/2019
Progresso: História principal finalizada
Duração: ?
Nota: 8.8/10



Primeira vez nesse ano que finalizei esse jogo, provavelmente a décima vez no total. Seguindo a pegada de jogar em coop com um brother. Esse jogo foi feito pra se jogar em 2, 3 ou 4 pessoas. Recomendo muito pra quem não jogou ainda ou não conhece. Personagens com carisma, variedade infinita de armas e equipamentos, possibilidade de variar builds... Recomendo, principalmente pra jogar sem compromisso.
 
Ultima Edição:

ssj4ac

Bam-bam-bam
Mensagens
5.192
Reações
9.102
Pontos
353
19-Shadow of Tomb Rider, xbox one, obsessão mortal, 39h 9/10 (04/03)

Ouvi tanta gente falando que não havia gostado do jogo que comecei jogar até com um pé, mas ao contrário do que ouvi achei o jogo muito bom, um pouco inferior ao rise mas ainda sim um jogaço. Muita gente reclamando que tem pouca partes de ação cheguei inclusive a ouvir que só tinha 3 tiroteios no jogo todo, tudo mentira, de fato tem menos que o rise mas ainda sim boas cenas de ação e a luta final é divertida. Fiz todas as tumbas, criptas e missões secundárias, elas agregam bastante o jogo e aumentam o tempo investido no jogo. Não recomendo muito jogar na dificuldade obsessão mortal pra quem não tem costume de jogar esse estilo de jogo, não pela dificuldade no geral que não achei tão alta mas sim o fato de só salvar em acampamentos praticamente(algumas cenas depois de um cutscene longa slavava, mas só rolou isso umas 3x) chega a ser frustante morrer e ter que refazer tudo de novo, qualquer erro é fatal e vai te custar um bom tempo. achei os elementos de "plataforma" mais elaborados nesse jogo do que no antecessor, rapel e a escalada do teto foram boas adições (acredito que realmente seja adição não lembro disso no rise, espero não falar besteira). História é meio que a de sempre dos tomb raider, não é uma super história mas não é algo negativo também. No mais é isso um ótimo jogo e caso não tenha jogado por conta das critícas, só esqueça e jogue.

20-Ultimate Marvel vs Capcom 3, xbox one, normal, 3h 7,5/10 (04/03)

Fazia anos que não jogava nenhum Marvel vs Capcom, fiz alguns arcades modes enquanto baixava outro jogo, fez o tempo passar rápido, curti mais que o Mortal Kombat X, agora to sem entender porque esse jogo flopou.
Que flopou foi o Marvel vs Capcom Infinity.
 

HonkaHonka

Veterano
Mensagens
469
Reações
778
Pontos
108
#15- Playroom (PS4)

Fui testar a câmera e acabei pegando todos os trophies. É simplezinho, não tenho mais motivo nenhum pra retornar a ele.

Nota: sem nota/10

Abraços!

Enviado de meu SM-G9650 usando o Tapatalk
 

senryu

Bam-bam-bam
Mensagens
3.619
Reações
2.240
Pontos
334
Jogo 9
Anthem
Terminei o modo de história e...(bom um MMO, não tem fim mas quando os desenvolvedores poem limites aliados a um ponto!, acho que aqui marca o fim do jogo e´o começo do pós jogo!)
Este jogo tinha tudo pra dar certo!
Pegou as missões rápidas e simples do Warframe (mas com menos variedade ainda que ele!)
Colocou um grind do Destiny pra obter itens (é pro game em si não necessita quase grind nenhum, pois a dificuldade até antes de zerar vai até difícil, gran master só abre ao zerar o modo história).
Num sistema de jogo que você customiza as habilidades e os debuffs!
As melhores coisas de MMO RPG!
O que poderia dar errado?
Bom aqui deu quase tudo o que podia dar errado!
O jogo é recheado de bug´s que causam desde de quedas simples a crashes graves!(a unica coisa boa é que no Xbox One, quando ocorre uma queda pequena se consegue voltar na mesma partida com as mesmas pessoas!).
Apesar de rápida e ter umas...300 missões até o end game elas se resumem a quatro tipos: defenda o ponto!, capture orbs pra "acalmar a relíquia", invada tal lugar e mate o boss gigante..., mas confesso que ao menos tem variações no meio do tipo busque isso ou aquilo em tal lugar...que dá um pouco de ilusão de fazer algo diferente!
E ainda tem as monetizações da EA que pro jogo normal não servem pra nada...
Mas você nota a economia quebrada se:
a) Não comprou na pré venda pois comprar o "chassi" mais avançado te deixa no jogo o tempo todo "quebrado" de grana e fica a "tentação" de pagar pra ir mais rápido!
b) ao terminar o jogo se nota que pra fabricar as coisas mais avançadas exige dois tipos de grind!, do ranking dos freelancers e das fortalezas que cada uma uma vez por dia tem chance de dar um bom item no gran master...e eles são chatos e repetitivos pois exigem fazer a mesma coisa várias vezes sob os mesmos contratos só que na versão legendária...
É inegável que o jogo diverte como Diablo; mas vira algo passageiro por causa dos dissenti-vos como: Bug´s de montão!,grind chato no pós game!, missões repetitivas!
Voar e caçar minions por um tempo é divertido (seria mais se tivesse uma maneira de chamar os players do mapa pra te ajudar por um flare ou sinal de emergência!), mas como tudo fica chato com o tempo e bem provável que não faça os mil nesse jogo..., nem sei se vou me preender muito no pós game!?
Dou a ele a nota 4,5 tem tanto potencial jogado fora nesse game!
Mas como FF 14, o melhor é pegar esse potencial e fazer um jogo novo com o aprendizado dos erros!, pois como tá tem que se queimar desde da base pra se acertar...
 

Eesha

Novato
Mensagens
35
Reações
23
Pontos
8
21-Halo: Spartan Assault, xbox one, 3h, 9/10(10/03)

Um top down shooter redondinho no universo de halo, não tinha como ser ruim, me proporcionou um bom relaxamento depois de praticamente dropar alien isoloation. Só podia ser um pouco mais longo, jogo bem curtinho em 2h da pra zerar de boaça, 30 missões de 3-5 minutos, mas vale muito a pena, ainda mais no gamepass, não joguei o coop, mas acredito que depois de terminar as minhas jogatinas de halo com meu brother provavelmente iremos jogar esse.
 

HonkaHonka

Veterano
Mensagens
469
Reações
778
Pontos
108
#16- Resident Evil VII (PS4)

Comprei pra experimentar no PS VR, considerando que ele é um dos jogos mais recomendados pra usar com os óculos. Não esperava nada além de um jogo que mostrasse como pode ser um jogo AAA no VR... Eis que me surpreendi. A história e o clima do jogo me cativaram do início ao fim, e a experiência é marcante tanto com quanto sem VR. Facilmente, é o meu RE preferido e acabou entrando pro meu ranking de jogos favoritos que joguei na vida. Não consegui jogar ele inteiro em VR, pois nem sempre estava com clima pra aguentar a tensão do jogo, mas em VR, foi uma das experiências mais marcantes que tive com jogos.

Agora jogarei as DLCs, já que a minha versão é a Gold, e talvez jogue ele mais vezes e um dia tente terminá-lo de ponta a ponta com o VR. Nunca na minha vida tinha ficado tão tenso com um jogo, o nível de imersão dele no VR é simplesmente sem igual.

Nota: 12/10

Abraços!

Enviado de meu SM-G9650 usando o Tapatalk
 

coolerdgb

Supra-sumo
Mensagens
803
Reações
1.262
Pontos
183
#8 Far Cry 5 DLC Hours of Darkness (PS4)
Concluído em: 09/03/2019
Progresso: História principal finalizada
Duração: 1h30
Nota: 6.5/10

65974

Gameplay que tenta trazer elementos de stealth, mas nada inovador. Curtíssimo, linear e raso. Valeu a pena por ser jogado em coop, com uma duração que não deu tempo pra se incomodar. Em algum momento partiremos pra DLC dos zumbis pra enfim desinstalar esse FC5 e aguardar promoção do New Dawn
 

Eesha

Novato
Mensagens
35
Reações
23
Pontos
8
22-Mario + Rabbids Kingdom Battle, switch, 25h 9/10(11/03)

Estranhamente esse é o primeiro jogo da ubisoft que zero e o segundo que joguei, só queria deixar esse adendo mesmo. Quanto ao jogo, jogo muito divertido mais um rpg tático que jogo esse ano, e é bem diferente do wargroove, mas continua sendo igualmente bom. Antes de jogar esse jogo eu sempre via os rabbids e pensava "nossa que bicho retardado, não deve ter graça nenhuma", agora o pensamento é "nossa que bicho retardado, mas são um tanto quanto engraçado e carismático". As batalhas são bem dinâmicas, não são tão dificies, mas umas duas três me deram um trabalho, pincipalmante o boss do mundo fantasma, e os puzzles entre as batalhas são interessantes. O que eu não gostei tanto do jogo foi o fato de toda batalha usar apenas 3 no time, poderiam ter fases com mais ou menos personagens, também a demora em liberar o ultimo personagem, nem da pra aproveitá-lo que o jogo acaba. Mas é isso um jogo que me surpreendeu bastante, espero que haja mais crossovers entre eles.
 

Ultima Weapon

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.291
Reações
14.285
Pontos
629
#6 (09/03) – God of War (PS4, ~40hs):
Dessa série só havia jogado metade do primeiro game, peguei esse por terem investido em elementos de rpg e não decepcionou. Destaco sua jogabilidade, level design, gráficos e eventos opcionais relevantes (não, caçar corvos é tosco), contudo o maior expoente está na narrativa, uma jornada muito agradável de acompanhar. A única parte um pouco chata está no grind pelos melhores equipamentos nos reinos opcionais, não deveria ter feito apenas uma valquíria antes disso pois nível nesse jogo faz uma diferença absurda e então apenas a última delas deu um belo desafio. Preciso de uma continuação.
Nota 9,5
 

Eesha

Novato
Mensagens
35
Reações
23
Pontos
8
23- Half-Life 2 Episódio 2, pc, fácil, 2h 9,5/10 (11/03)

Deve ter sido no mínimo a quinta vez que zero esse jogo, só que eu me propus a zerar o mais rápido possível e evitando ao máximo o uso da gravity gun, ou pelo menos sem usar o modo de pegar as coisas, conclusão é que eu precisei de 6 puxadas de gravity gun pra completar, isso no fácil, pelas minhas contas seriam 8 no normal e 10 no díficil, mas não testei. Só não dou 10 pra esse jogo por que ele muito curto, maior que o episódio 1 mas ainda sim curto, e por não terf a gravity gun azul, meu deus como amo essa arma.
 

Vaçago

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.289
Reações
24.375
Pontos
553
13 - Ys II



Tempo: 25 horas
Conquistas: 21 de 21

Excelente jogo como todos os outros Ys que já joguei. Divertido de jogar e com ótima trilha sonora, as duas qualidades que eu mais admiro num jogo.
 
Topo