O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Emulador não oficial de PS3 rodando bem no PS4 Pro desbloqueado

RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.927
Reações
22.468
Pontos
363
Na verdade a retro do Xone roda qualquer jogo. A disponibilização aos poucos se deve mais a questão de licenciamento por parte das desenvolvedoras.

O que a Microsoft fez foi virtualizar o hardware do Xbox 360 ao invés de emular.

A Sony não fez isso porque não tem know-how nessa área. Teria que contratar outra empresa como a VmWare, a IBM ou até mesmo a Microsoft. Ou tentar desenvolver em cima do Virtual Box que é Open Source. Mas daria trabalho e custaria uma grana.

A Microsoft fez a retro porque ela já trabalha com isso, então é como se fosse um exercício de relaxamento para os engenheiros de virtualização dela.
Dizer que a Sony não tem know how para criar um software de virtualização é uma suposição um tanto que arriscada, ou vc acha que a Sony ainda está usando blades de Cell para entregar o suporte ao PS3 na PSNow?

Até onde se sabe, o Cell já foi descontinuado há muito tempo, seria caro e contraprodutivo utilizar o próprio Cell nos servidores apenas para cuidar da reprodução dos jogos de PS3 no serviço, é quase certo que tudo é feito através de virtualização, a cada nova requisição de uso, os servidores rodam uma instância dedicada para aquele usuário, a questão é que isso só é possível em servidores dedicados com potência suficiente para a tarefa, tentar trazer esse trabalho para o PS4 seria complicado pois o Cell por si só é uma peça complicada, junte a isso dois tipos de memória diferentes, tem a RSX tb, não acho que é assim tão fácil acreditar que até a Microsoft conseguiria cumprir com a tarefa e a Sony só não fez pois é incompetente, vcs subestimam demais a Sony tanto para o bem quanto para o mal.
 


Harold_Finch

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
20.807
Reações
23.173
Pontos
654
Dizer que a Sony não tem know how para criar um software de virtualização é uma suposição um tanto que arriscada, ou vc acha que a Sony ainda está usando blades de Cell para entregar o suporte ao PS3 na PSNow?

Até onde se sabe, o Cell já foi descontinuado há muito tempo, seria caro e contraprodutivo utilizar o próprio Cell nos servidores apenas para cuidar da reprodução dos jogos de PS3 no serviço, é quase certo que tudo é feito através de virtualização, a cada nova requisição de uso, os servidores rodam uma instância dedicada para aquele usuário, a questão é que isso só é possível em servidores dedicados com potência suficiente para a tarefa, tentar trazer esse trabalho para o PS4 seria complicado pois o Cell por si só é uma peça complicada, junte a isso dois tipos de memória diferentes, tem a RSX tb, não acho que é assim tão fácil acreditar que até a Microsoft conseguiria cumprir com a tarefa e a Sony só não fez pois é incompetente, vcs subestimam demais a Sony tanto para o bem quanto para o mal.
A Sony não tem know-how mesmo, não faz parte de seus negócios. A Sony é uma empresa de hardware.
Quem cuida dos servidores da Sony é a Amazon.
Inicialmente a Amazon utilizava os serviços de virtualização de outras empresas, porém ano passado ela criou o Firecraker, o seu serviço de virtualização e entrou pro mercado, já que ela é líder no setor de servidores.
Os players do mercado de virtualização são: VMware, Microsoft, Oracle, Citrix Systems, Red Hat (agora da IBM), Amazon, Huawei, Google, Odin e IBM.
 

RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.927
Reações
22.468
Pontos
363
A Sony não tem know-how mesmo, não faz parte de seus negócios. A Sony é uma empresa de hardware.
Quem cuida dos servidores da Sony é a Amazon.
Inicialmente a Amazon utilizava os serviços de virtualização de outras empresas, porém ano passado ela criou o Firecraker, o seu serviço de virtualização e entrou pro mercado, já que ela é líder no setor de servidores.
Os players do mercado de virtualização são: VMware, Microsoft, Oracle, Citrix Systems, Red Hat (agora da IBM), Amazon, Huawei, Google, Odin e IBM.
Bom, a Microsoft tb não é uma empresa de HW, mas isso não impediu a mesma de adentrar nesse mercado com o auxílio de terceiras, usando do raciocínio inverso, nada impede que a Sony tenha feito o mesmo com esforço próprio junto a terceiros, a Sony possui empresas e pessoal capacitado para trabalhar em SW, seus SDKs, tecnologia na forma de engines e ferramentas de produção de seus estúdios first party, existe o know how obtido com a compra da Gaikai e da OnLive que se escorava na virtualização como base da tecnologia, não vejo nenhum impedimento para a Sony não ter capacidades de projetar esse tipo de solução, recentemente a Sony até mesmo entrou em um acordo com a Google para fornecer o acesso a um serviço de renderização de propriedade da Sony que inclusive tem suporte a Cloud Computing...

https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n136968/google-parceria-sony-gerenciador-renderizacao.html
 

Megazordi64

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
12.151
Reações
19.833
Pontos
553
A verdade é que ninguém sabe se a Sony sequer tentou implementar retro de PS3 no PS4.

Como nao implementaram sequer retrocompatibilidade de PS1 e PS2 na minha opinião o mais provável é quem nem tentaram.

Devem achar que atrapalharia a PSNow ou que já é o bastante ter esse serviço disponível.
 

Harold_Finch

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
20.807
Reações
23.173
Pontos
654
Bom, a Microsoft tb não é uma empresa de HW, mas isso não impediu a mesma de adentrar nesse mercado com o auxílio de terceiras, usando do raciocínio inverso, nada impede que a Sony tenha feito o mesmo com esforço próprio junto a terceiros, a Sony possui empresas e pessoal capacitado para trabalhar em SW, seus SDKs, tecnologia na forma de engines e ferramentas de produção de seus estúdios first party, existe o know how obtido com a compra da Gaikai e da OnLive que se escorava na virtualização como base da tecnologia, não vejo nenhum impedimento para a Sony não ter capacidades de projetar esse tipo de solução, recentemente a Sony até mesmo entrou em um acordo com a Google para fornecer o acesso a um serviço de renderização de propriedade da Sony que inclusive tem suporte a Cloud Computing...

https://www.tudocelular.com/mercado/noticias/n136968/google-parceria-sony-gerenciador-renderizacao.html
A Microsoft não é empresa de HW, mas já criou alguns hardwares desde os anos 90. Fora que como desenvolvedora de um sistema operacional, ela está muito próxima ao desenvolvimento de hardware.

Tudo que a Sony usa vem de terceiros. Gaikai e Onlive eram serviços que usavam serviços de outras empresas também. Eles eram apenas uma empresa que disponibilizava servidores. Isso qualquer um faz. Agora desenvolvimento de software de virtualização é só as empresas citadas acima, sendo Microsoft e VMware, donas de mais da metade do mercado.

A Sony não tem desenvolvedores para isso, não é o foco dela, ela não trabalha com isso. Ela não moveria recursos só para usar no Playstation e para retrocompatibilidade ainda. Ou seja, o retorno seria muito pequeno para ela.

Agora a Microsoft, além de ter interesse no mercado, ela tem gente capacitada e desenvolver a retro no Xone é quase um passeio no parque, uma distração. Eu não duvido que inclusive, isso tenha partido dos engenheiros da Microsoft e levado aos executivos. Tanto que a retro veio depois do lançamento do console e quando a empresa tinha mudado seus diretores cabeça dura.

Para a Sony, ela deve olhar isso somente na próxima geração por causa do hardware. Ela vai implementar, pelas patentes, coisas diretamente no hardware para emular os sistemas antigos. Em resumo, vai tentar via força bruta mesmo. Como estão desenvolvendo um novo console, dá para embutir isso no custo de P&D.

Agora a Microsoft tem uma solução mais elegante e que está pronta já, bastando somente otimizar para usar novos recursos, tendo em vista que o Scarllet vai continuar usando Windows 10.
 


RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.927
Reações
22.468
Pontos
363
A Microsoft não é empresa de HW, mas já criou alguns hardwares desde os anos 90. Fora que como desenvolvedora de um sistema operacional, ela está muito próxima ao desenvolvimento de hardware.

Tudo que a Sony usa vem de terceiros. Gaikai e Onlive eram serviços que usavam serviços de outras empresas também. Eles eram apenas uma empresa que disponibilizava servidores. Isso qualquer um faz. Agora desenvolvimento de software de virtualização é só as empresas citadas acima, sendo Microsoft e VMware, donas de mais da metade do mercado.

A Sony não tem desenvolvedores para isso, não é o foco dela, ela não trabalha com isso. Ela não moveria recursos só para usar no Playstation e para retrocompatibilidade ainda. Ou seja, o retorno seria muito pequeno para ela.

Agora a Microsoft, além de ter interesse no mercado, ela tem gente capacitada e desenvolver a retro no Xone é quase um passeio no parque, uma distração. Eu não duvido que inclusive, isso tenha partido dos engenheiros da Microsoft e levado aos executivos. Tanto que a retro veio depois do lançamento do console e quando a empresa tinha mudado seus diretores cabeça dura.

Para a Sony, ela deve olhar isso somente na próxima geração por causa do hardware. Ela vai implementar, pelas patentes, coisas diretamente no hardware para emular os sistemas antigos. Em resumo, vai tentar via força bruta mesmo. Como estão desenvolvendo um novo console, dá para embutir isso no custo de P&D.

Agora a Microsoft tem uma solução mais elegante e que está pronta já, bastando somente otimizar para usar novos recursos, tendo em vista que o Scarllet vai continuar usando Windows 10.
Sim, entendo, mas concorda comigo que nada impede a Sony de desenvolver uma solução para essa finalidade mesmo que tenha que fazer uso, licenciar tecnologia de terceiros?

Sobre a retro no Xbox One, eu acompanhei muito do progresso e desenvolvimento do projeto e não foi assim tão fácil quanto vc está dizendo, diversos engenheiros descreveram que foi um tanto desafiador alcançar alguns objetivos, claro que eles conseguiram resultados satisfatórios, mas ainda hoje, não é algo tão trivial quanto vc está afirmando, o projeto possui suas bases, mas ainda demanda um certo trabalho da equipe de engenharia responsável para adaptar o funcionamento jogo a jogo numa filosofia meio que tailor made.

Isso é bem evidente ao observar que os jogos que entram na retro, mesmo que vc use um disco, sempre são baixados pela Xbox Live, cada jogo vem em um container que possui todo o código do emulador/virtualizador e os conteúdos dos arquivos do jogo estruturados para a funcionalidade daquele jogo em específico, se fosse um virtualizador puro, não seria necessário baixar esse conteúdo, exigindo apenas um pequeno DL do emulador/virtualizador, a mesma situação vc observa com os jogos que recebem melhorias no Xbox One X, a solução da Microsoft que consiste em usar um algoritmo avançado de upscale junto ao aniso 16x não é automática, um certo nível de implementação e trabalho é necessário e isso se traduz em poucos jogos com esse suporte após quase 2 anos do Xbox One X no mercado.

Apesar de os resultados serem muito bons, não é assim tão out of the box quanto se imagina, o que ocorre é que eles possuem o conhecimento para adaptar cada jogo a sua necessidade fazendo ajustes pontuais ao SW que simula o Xbox 360, mas não é possível criar um sistema que deixe de fora da equação algum tipo de intervenção por parte da Microsoft para cada jogo que entra na retro.
 

ssj4ac

Bam-bam-bam
Mensagens
7.069
Reações
13.084
Pontos
353
Rodando Demon's Souls

Olhando esse video achei excelente o desempenho pelo que os mestres disseram que não rodaria bem jogo mais pesado, ate ficaria em duvidas se a Sony mesmo não conseguiria rodar esse jogo a full speed.

PS4 rodando tambem jogo de Nintendo Wii U


Super Mario 3D World on PS4 PRO 5.05 Psxitarch Linux v2 |

E enquanto PS4 roda outros consoles o PC tenta rodar PS4 lol


ORBITAL | Mais PROGRESSOS na emulação do PS4!
 

RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.927
Reações
22.468
Pontos
363
Olhando esse video achei excelente o desempenho pelo que os mestres disseram que não rodaria bem jogo mais pesado, ate ficaria em duvidas se a Sony mesmo não conseguiria rodar esse jogo a full speed.

PS4 rodando tambem jogo de Nintendo Wii U


Super Mario 3D World on PS4 PRO 5.05 Psxitarch Linux v2 |

E enquanto PS4 roda outros consoles o PC tenta rodar PS4 lol


ORBITAL | Mais PROGRESSOS na emulação do PS4!
Se vc me mostrar GT5/6, Uncharted 1/2/3, TLoU, KZ 2/3, GOW e mais aí, uns 200 ~ 300 jogos com visuais complexos do acervo do PS3, sem baixar frame em momento algum, aí vc vai me convencer.
 

LucianoBraga

Moderador
Membro STAFF
Mensagens
34.936
Reações
124.092
Pontos
834
Olhando esse video achei excelente o desempenho pelo que os mestres disseram que não rodaria bem jogo mais pesado, ate ficaria em duvidas se a Sony mesmo não conseguiria rodar esse jogo a full speed.

PS4 rodando tambem jogo de Nintendo Wii U


Super Mario 3D World on PS4 PRO 5.05 Psxitarch Linux v2 |

E enquanto PS4 roda outros consoles o PC tenta rodar PS4 lol


ORBITAL | Mais PROGRESSOS na emulação do PS4!
Véio, se você chama isso de rodando bem, pqp
Tá uma desgraça isso aí.
 

rsmoraisjr

Bam-bam-bam
Mensagens
5.639
Reações
4.567
Pontos
419
Se vc me mostrar GT5/6, Uncharted 1/2/3, TLoU, KZ 2/3, GOW e mais aí, uns 200 ~ 300 jogos com visuais complexos do acervo do PS3, sem baixar frame em momento algum, aí vc vai me convencer.
Desses só Uncharted 1 é jogável no PC, e mesmo assim é necessário um Core i7/i5 de sexta geração pra cima ou um Ryzen 5/7 de segunda geração.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

AxelJoestar

Bam-bam-bam
Mensagens
1.723
Reações
1.727
Pontos
204
Na verdade a retro do Xone roda qualquer jogo. A disponibilização aos poucos se deve mais a questão de licenciamento por parte das desenvolvedoras.

O que a Microsoft fez foi virtualizar o hardware do Xbox 360 ao invés de emular.

A Sony não fez isso porque não tem know-how nessa área. Teria que contratar outra empresa como a VmWare, a IBM ou até mesmo a Microsoft. Ou tentar desenvolver em cima do Virtual Box que é Open Source. Mas daria trabalho e custaria uma grana.

A Microsoft fez a retro porque ela já trabalha com isso, então é como se fosse um exercício de relaxamento para os engenheiros de virtualização dela.
rá de PS4.[/QUOTE]

Isso que é emulação. https://www.ign.com/articles/2017/10/23/the-untold-story-of-xbox-one-backwards-compatibility

E a sony sabe fazer emulador, quando eles compraram aquela emulador de ps1 comercial eles utilizaram o código para o emulador de ps1 no psp .
 

LucianoBraga

Moderador
Membro STAFF
Mensagens
34.936
Reações
124.092
Pontos
834
quando eles compraram aquela emulador de ps1 comercial eles utilizaram o código para o emulador de ps1 no psp .
Não, a Sony só comprou a Connectix pra parar o desenvolvimento do VGS, já que eles entraram na justiça pra travar o emulador e perderam em todas as instâncias.
O PSP roda PS1 porque a CPU do PSP era da mesma família da CPU do PS1 e, com isso, tinha suporte nativo. Não tem absolutamente nada a ver com o VGS.
 

AxelJoestar

Bam-bam-bam
Mensagens
1.723
Reações
1.727
Pontos
204
Não, a Sony só comprou a Connectix pra parar o desenvolvimento do VGS, já que eles entraram na justiça pra travar o emulador e perderam em todas as instâncias.
O PSP roda PS1 porque a CPU do PSP era da mesma família da CPU do PS1 e, com isso, tinha suporte nativo. Não tem absolutamente nada a ver com o VGS.
Eu jurava que eles tinham usado aquele código . :obrigue Bateu com o desenvolvimento do psp ainda.
 

LucianoBraga

Moderador
Membro STAFF
Mensagens
34.936
Reações
124.092
Pontos
834
Eu jurava que eles tinham usado aquele código . :obrigue Bateu com o desenvolvimento do psp ainda.
Essa derrota da Sony fez escola no que tange aos processos contra emuladores. Não dá, perdem mesmo. Desenvolvimento de emulador só pode dar problema quando eles usam partes de código proprietário, ou BIOS proprietária ou coisa do gênero. Por isso é que a Nintendo, por exemplo, corre atrás dos sites de roms e não dos desenvolvedores de emuladores.
 

Sagittarius A*

Veterano
Mensagens
505
Reações
648
Pontos
133
engraçado q todo mundo eh rico pra comprar 2 ou 3 do mesmo console e n tem grana pra comprar jogos ou entao vem com historia de usar como maquina pra emulação. sendo q um pc faz isso.

esse OS cada dia pior.






PS.: contagem regressiva pra os mimizentos e os revoltadinhos chegarem me chingando.

3, 2, 1...
 

Harold_Finch

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
20.807
Reações
23.173
Pontos
654
Sim, entendo, mas concorda comigo que nada impede a Sony de desenvolver uma solução para essa finalidade mesmo que tenha que fazer uso, licenciar tecnologia de terceiros?

Sobre a retro no Xbox One, eu acompanhei muito do progresso e desenvolvimento do projeto e não foi assim tão fácil quanto vc está dizendo, diversos engenheiros descreveram que foi um tanto desafiador alcançar alguns objetivos, claro que eles conseguiram resultados satisfatórios, mas ainda hoje, não é algo tão trivial quanto vc está afirmando, o projeto possui suas bases, mas ainda demanda um certo trabalho da equipe de engenharia responsável para adaptar o funcionamento jogo a jogo numa filosofia meio que tailor made.

Isso é bem evidente ao observar que os jogos que entram na retro, mesmo que vc use um disco, sempre são baixados pela Xbox Live, cada jogo vem em um container que possui todo o código do emulador/virtualizador e os conteúdos dos arquivos do jogo estruturados para a funcionalidade daquele jogo em específico, se fosse um virtualizador puro, não seria necessário baixar esse conteúdo, exigindo apenas um pequeno DL do emulador/virtualizador, a mesma situação vc observa com os jogos que recebem melhorias no Xbox One X, a solução da Microsoft que consiste em usar um algoritmo avançado de upscale junto ao aniso 16x não é automática, um certo nível de implementação e trabalho é necessário e isso se traduz em poucos jogos com esse suporte após quase 2 anos do Xbox One X no mercado.

Apesar de os resultados serem muito bons, não é assim tão out of the box quanto se imagina, o que ocorre é que eles possuem o conhecimento para adaptar cada jogo a sua necessidade fazendo ajustes pontuais ao SW que simula o Xbox 360, mas não é possível criar um sistema que deixe de fora da equação algum tipo de intervenção por parte da Microsoft para cada jogo que entra na retro.
Isso que é emulação. https://www.ign.com/articles/2017/10/23/the-untold-story-of-xbox-one-backwards-compatibility

E a sony sabe fazer emulador, quando eles compraram aquela emulador de ps1 comercial eles utilizaram o código para o emulador de ps1 no psp .[/QUOTE]

O artigo da Digital Foundry é mais completo: https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2017-xbox-one-x-back-compat-how-does-it-actually-work

Eles falam em emulador conversando diretamente com o hardware... Isso é o que a virtualização faz. Eles provavelmente falaram de forma a simplificar o entendimento dos jornalistas.

Agora o lance de ter que baixar os jogos novamente é por conta do design do sistema do Xbox one.
A partição de serviços e as de jogos, são máquinas virtuais. Os jogos são encapsulados em formato de imagem de máquina virtual. Cada jogo é assim, por isso os jogos de Xbox 360 precisam ser convertidos para esse formato, para que o Exclusive OS os reconheça no sistema e use os atributos da máquina.



 

RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.927
Reações
22.468
Pontos
363
Isso que é emulação. https://www.ign.com/articles/2017/10/23/the-untold-story-of-xbox-one-backwards-compatibility

E a sony sabe fazer emulador, quando eles compraram aquela emulador de ps1 comercial eles utilizaram o código para o emulador de ps1 no psp .
O artigo da Digital Foundry é mais completo: https://www.eurogamer.net/articles/digitalfoundry-2017-xbox-one-x-back-compat-how-does-it-actually-work

Eles falam em emulador conversando diretamente com o hardware... Isso é o que a virtualização faz. Eles provavelmente falaram de forma a simplificar o entendimento dos jornalistas.

Agora o lance de ter que baixar os jogos novamente é por conta do design do sistema do Xbox one.
A partição de serviços e as de jogos, são máquinas virtuais. Os jogos são encapsulados em formato de imagem de máquina virtual. Cada jogo é assim, por isso os jogos de Xbox 360 precisam ser convertidos para esse formato, para que o Exclusive OS os reconheça no sistema e use os atributos da máquina.



[/QUOTE]

O lance dos diversos subsistemas eu já tinha lido a respeito, mas sinceramente acreditava que tinham dado um jeito de enxugar com o W10, isso de certa forma mostra como o sistema do console é um tanto quanto excessivamente complexo, nem mesmo o W10 conseguiu dar um jeito.

Ainda assim, se é necessário fazer uma conversão, não vejo o pq isso não poderia ser feito usando os arquivos do proprio disco para preparar essa imagem, não ter que baixar os jogos novamente seria de grande ajuda.
 

Harold_Finch

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
20.807
Reações
23.173
Pontos
654
O lance dos diversos subsistemas eu já tinha lido a respeito, mas sinceramente acreditava que tinham dado um jeito de enxugar com o W10, isso de certa forma mostra como o sistema do console é um tanto quanto excessivamente complexo, nem mesmo o W10 conseguiu dar um jeito.

Ainda assim, se é necessário fazer uma conversão, não vejo o pq isso não poderia ser feito usando os arquivos do proprio disco para preparar essa imagem, não ter que baixar os jogos novamente seria de grande ajuda.
Talvez seja porque eles tem que autenticar o jogo antes. Mas acho que é simplesmente pela complexidade do sistema.

O Xbox One não foi feito para ser um videogame e sim uma central de entretenimento. Algo decente mesmo só no Scarllet.

Acho que ele vai ser apenas um Windows 10 com interface de games. E é bem capaz da Microsoft lançar essa interface pro Windows 10 nos pcs. Atrairia os jogadores a "montarem seus xboxes".
 
Topo