O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Família Russa foge para Polônia quando a Suécia dá filhos a pais adotivos muçulmanos



Ghim

Bam-bam-bam
Mensagens
9.352
Reações
14.518
Pontos
474
Não existe isso de "muçulmano" não praticante. Essa aberração de se dizer católico "não praticante" é uma coisa moderna. Essa idiotice não permeia o oriente. Pelo meno essa idiotice eles não possuem.
Você está só "meio-certo", penso

De fato não existe isso de católico ou muçulmano não praticante. Se não é praticante, então não é católico ou muçulmano.

Agora, não quer dizer que não existam pessoas que se identificam como católicos ou muçulmanos e que não praticam (e assim, não são).

Tem até homossexual que se diz muçulmano.

Isso porque a lei islâmica diz que todo o filho de muçulmano é muçulmano também. Então ao longo das gerações isso se tornou uma identidade quase que étnica mesmo em famílias que não passam os ensinamentos do Maomé aos descendentes


Enviado de meu Moto G (4) usando o Tapatalk
 


Beren_

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.184
Reações
27.886
Pontos
553
Com a cultura dos jovens na Suécia (basta ver o vídeo postado pelo _Beren) vai ser difícil haver mudança.

É o tipo de gente que dá mais valor à palavras do que à ações. E isso inclusive é familiar à postura de um user em outro tópico, mas deixa pra lá.
Eu não postei video. Foi o @arqueiro182 .

E infelizmente, cada dia mais, cresce uma cultura de que "palavras" ferem, como voce disse, que palavras valem mais do que ações, e com isso o policiamento do que cada um pode ou não dizer. E ele só não foi estendido ao policiamento do que voce PENSA porque ainda não temos leitores de mentes, quando tivermos, fiquem prontos.

Eu vejo por posts no forum, convivência, opiniões em matérias, videos, discursos politicos, etc, que muitos tem a ideia de que "livre expressão" é importante. Mas só quando é a dela e de quem concorda com ela. Quando é algo que voce não gosta, ai não, ai precisa ter um "limite". Só que se voce for um pouco a fundo para o cara explicar o "limite" dele, ele vai bater numa arbitrariedade onde assume que o "motivo" é "não gostar" (e é triste que alguns conservadores e até liberais pensem de forma exatamente igual a esquerda nesse quesito, fortalecendo a própria esquerda).
E é chato pra krai ter que aceitar que outro deve PODER DIZER qualquer besteira, mesmo que voce acha uma merda, sem ter medo de multas, processos, prisão, etc. Tem muitas coisas que eu não concordo fortemente, discurso comunista, discurso racista, discurso que crie "castas" humanas, mas eu morro defendendo que, enquanto nas palavras sem ação, devem ter total liberdade de se expressar. E as consequências vem sem precisar de leis.
Quando começamos a aceitar o discurso de "limitação" da liberdade de expressão, geralmente pregada pela esquerda, estamos concordando que nossa própria fala possa futuramente ser calada. Como já ocorre no Canadá por exemplo, onde quem discorda de coisas como ideologia de gênero, pode ser preso, perder guarda de crianças,. etc. Essa abdicações da liberdade, de direitos básicos, não ocorrem bruscamente, ela vai se infiltrando aos poucos em pequenos temas. E a janela de Overton se move.
Quando se esquece dos PRINCIPIOS basicos, eticos/morais que devem nos guiar, nos dar um norte, em troca de uma comodidade/facilidade (ah, agora ng pode me xingar que eu vou lá e processo, ah eu vou forçar todas as pessoas a serem super educadas, todos vão pensar igual), voce abre caminho tambem para tudo que voce não concorda. Veja como a Suécia, de cultura liberal, está se tornando uma "ditadura da opinião". E uma refém do próprio discurso vazio.
As consequências podemos deduzir:
1 - Imigração reversa, suecos querendo sair de lá (já existem casos).
2 - Queda da qualidade de vida, produtividade, etc. (que leva ao 1).
3 - Aumento de criminalidade. (já ocorre e leva ao 1).
4 - Empobrecimento geral.
5- Cidadania e voto para estrangeiros, pois na visão do estado, imigrantes serão "agradecidos" e vão "votar neles". Só que eles esquecem. que esses mesmos imigrante são INTOLERANTES, e vão pedir governantes que tambem sejam imigrantes, da religião deles. Portanto é questão de tempo para o governo cair na mão deles. Quanto tempo? Sei la, nã dá para prever mas possivelmente já esteja ocorrendo hoje em menor grau.
6 - Islamização em massa da suécia, fuga dos que não concordam e dos que concordavam até afetar diretamente eles. Escravidão de quem ficar. E provavelmente, veremos uma nova Suecia destruída em algumas decadas. Pois a cultura Islamica é reacionária, e embora comercio seja uma coisa importante na cultura deles, outros fatores tem primazia.

Posso estar errado, mas no momento as evidencias aponto para algo nessa direção.

Palavras não ferem, quem é "ofendido" pode escolher não se sentir ofendido. Já ações, um soco, um tiro, isso sim. Isso machuca, e isso voce não pode simplesmente "escolher" não sentir. Voce pode pedir desculpas com uma ofensa, se retratar, mas não pode retirar um soco.
 

Heberus

Supra-sumo
Mensagens
433
Reações
1.004
Pontos
168

Será que a família não são de suecos convertidos?
Mas como o @Makenshi disse, existe a possibilidade dessa família islâmica serem como católicos "não praticantes".
Mas descarto de nenhuma maneira o seu temor.
E pior de tudo ainda com ajuda do próprio Estado, isso é o mais grave.

Suécia não é conhecida, junto com os outros países nórdicos pela flexibilização das armas de fogo?
Não, é a Suíça, eles possuem 46 armas a cada 100 habitantes e uma legislação bem livre. Os homens são obrigados a servir ao Exército, e ao fim do serviço, se eles quiserem podem levar para casa a arma.

Enviado por uma fenda espacial.
 

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
24.403
Reações
54.186
Pontos
544
Não existe isso de "muçulmano" não praticante. Essa aberração de se dizer católico "não praticante" é uma coisa moderna. Essa idiotice não permeia o oriente. Pelo meno essa idiotice eles não possuem.
No oriente de fato isso não existe. Mas for ver alguns muçulmanos aqui no Brasil por exemplo, ao menos dos poucos que tem, eles logo aderem à vida de putaria e largam da religião gradativamente.

Eu não postei video. Foi o @arqueiro182 .

E infelizmente, cada dia mais, cresce uma cultura de que "palavras" ferem, como voce disse, que palavras valem mais do que ações, e com isso o policiamento do que cada um pode ou não dizer. E ele só não foi estendido ao policiamento do que voce PENSA porque ainda não temos leitores de mentes, quando tivermos, fiquem prontos.

Eu vejo por posts no forum, convivência, opiniões em matérias, videos, discursos politicos, etc, que muitos tem a ideia de que "livre expressão" é importante. Mas só quando é a dela e de quem concorda com ela. Quando é algo que voce não gosta, ai não, ai precisa ter um "limite". Só que se voce for um pouco a fundo para o cara explicar o "limite" dele, ele vai bater numa arbitrariedade onde assume que o "motivo" é "não gostar" (e é triste que alguns conservadores e até liberais pensem de forma exatamente igual a esquerda nesse quesito, fortalecendo a própria esquerda).
E é chato pra krai ter que aceitar que outro deve PODER DIZER qualquer besteira, mesmo que voce acha uma merda, sem ter medo de multas, processos, prisão, etc. Tem muitas coisas que eu não concordo fortemente, discurso comunista, discurso racista, discurso que crie "castas" humanas, mas eu morro defendendo que, enquanto nas palavras sem ação, devem ter total liberdade de se expressar. E as consequências vem sem precisar de leis.
Quando começamos a aceitar o discurso de "limitação" da liberdade de expressão, geralmente pregada pela esquerda, estamos concordando que nossa própria fala possa futuramente ser calada. Como já ocorre no Canadá por exemplo, onde quem discorda de coisas como ideologia de gênero, pode ser preso, perder guarda de crianças,. etc. Essa abdicações da liberdade, de direitos básicos, não ocorrem bruscamente, ela vai se infiltrando aos poucos em pequenos temas. E a janela de Overton se move.
Quando se esquece dos PRINCIPIOS basicos, eticos/morais que devem nos guiar, nos dar um norte, em troca de uma comodidade/facilidade (ah, agora ng pode me xingar que eu vou lá e processo, ah eu vou forçar todas as pessoas a serem super educadas, todos vão pensar igual), voce abre caminho tambem para tudo que voce não concorda. Veja como a Suécia, de cultura liberal, está se tornando uma "ditadura da opinião". E uma refém do próprio discurso vazio.
As consequências podemos deduzir:
1 - Imigração reversa, suecos querendo sair de lá (já existem casos).
2 - Queda da qualidade de vida, produtividade, etc. (que leva ao 1).
3 - Aumento de criminalidade. (já ocorre e leva ao 1).
4 - Empobrecimento geral.
5- Cidadania e voto para estrangeiros, pois na visão do estado, imigrantes serão "agradecidos" e vão "votar neles". Só que eles esquecem. que esses mesmos imigrante são INTOLERANTES, e vão pedir governantes que tambem sejam imigrantes, da religião deles. Portanto é questão de tempo para o governo cair na mão deles. Quanto tempo? Sei la, nã dá para prever mas possivelmente já esteja ocorrendo hoje em menor grau.
6 - Islamização em massa da suécia, fuga dos que não concordam e dos que concordavam até afetar diretamente eles. Escravidão de quem ficar. E provavelmente, veremos uma nova Suecia destruída em algumas decadas. Pois a cultura Islamica é reacionária, e embora comercio seja uma coisa importante na cultura deles, outros fatores tem primazia.

Posso estar errado, mas no momento as evidencias aponto para algo nessa direção.

Palavras não ferem, quem é "ofendido" pode escolher não se sentir ofendido. Já ações, um soco, um tiro, isso sim. Isso machuca, e isso voce não pode simplesmente "escolher" não sentir. Voce pode pedir desculpas com uma ofensa, se retratar, mas não pode retirar um soco.
Com certeza, mas para pessoas como o LHand (que é o user de outro tópico) as palavras continuam importando bem mais.
 

Martel

Bam-bam-bam
Mensagens
7.081
Reações
21.668
Pontos
353
No oriente de fato isso não existe. Mas for ver alguns muçulmanos aqui no Brasil por exemplo, ao menos dos poucos que tem, eles logo aderem à vida de putaria e largam da religião gradativamente.
Podem até cair na gandaia, mas nunca se considerarão "desigrejados". Pra eles ser do Islã é algo de identidade. Sempre atenderão o chamado. A não ser que apostatem de sua fé. Aí é eles rompem com o Islã.
 

ME110

Bam-bam-bam
Mensagens
7.638
Reações
7.066
Pontos
429
Suécia foi um lugar bom, minhas bandas preferidas dos anos 90 e começo dos 2000 são dela.

Pai tem que ficar com as filhas, fuck the system.

Abraço a todos.
 

GFOLDSCHOOL

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.802
Reações
19.447
Pontos
553
Eu não postei video. Foi o @arqueiro182 .

E infelizmente, cada dia mais, cresce uma cultura de que "palavras" ferem, como voce disse, que palavras valem mais do que ações, e com isso o policiamento do que cada um pode ou não dizer. E ele só não foi estendido ao policiamento do que voce PENSA porque ainda não temos leitores de mentes, quando tivermos, fiquem prontos.

Eu vejo por posts no forum, convivência, opiniões em matérias, videos, discursos politicos, etc, que muitos tem a ideia de que "livre expressão" é importante. Mas só quando é a dela e de quem concorda com ela. Quando é algo que voce não gosta, ai não, ai precisa ter um "limite". Só que se voce for um pouco a fundo para o cara explicar o "limite" dele, ele vai bater numa arbitrariedade onde assume que o "motivo" é "não gostar" (e é triste que alguns conservadores e até liberais pensem de forma exatamente igual a esquerda nesse quesito, fortalecendo a própria esquerda).
E é chato pra krai ter que aceitar que outro deve PODER DIZER qualquer besteira, mesmo que voce acha uma merda, sem ter medo de multas, processos, prisão, etc. Tem muitas coisas que eu não concordo fortemente, discurso comunista, discurso racista, discurso que crie "castas" humanas, mas eu morro defendendo que, enquanto nas palavras sem ação, devem ter total liberdade de se expressar. E as consequências vem sem precisar de leis.
Quando começamos a aceitar o discurso de "limitação" da liberdade de expressão, geralmente pregada pela esquerda, estamos concordando que nossa própria fala possa futuramente ser calada. Como já ocorre no Canadá por exemplo, onde quem discorda de coisas como ideologia de gênero, pode ser preso, perder guarda de crianças,. etc. Essa abdicações da liberdade, de direitos básicos, não ocorrem bruscamente, ela vai se infiltrando aos poucos em pequenos temas. E a janela de Overton se move.
Quando se esquece dos PRINCIPIOS basicos, eticos/morais que devem nos guiar, nos dar um norte, em troca de uma comodidade/facilidade (ah, agora ng pode me xingar que eu vou lá e processo, ah eu vou forçar todas as pessoas a serem super educadas, todos vão pensar igual), voce abre caminho tambem para tudo que voce não concorda. Veja como a Suécia, de cultura liberal, está se tornando uma "ditadura da opinião". E uma refém do próprio discurso vazio.
As consequências podemos deduzir:
1 - Imigração reversa, suecos querendo sair de lá (já existem casos).
2 - Queda da qualidade de vida, produtividade, etc. (que leva ao 1).
3 - Aumento de criminalidade. (já ocorre e leva ao 1).
4 - Empobrecimento geral.
5- Cidadania e voto para estrangeiros, pois na visão do estado, imigrantes serão "agradecidos" e vão "votar neles". Só que eles esquecem. que esses mesmos imigrante são INTOLERANTES, e vão pedir governantes que tambem sejam imigrantes, da religião deles. Portanto é questão de tempo para o governo cair na mão deles. Quanto tempo? Sei la, não dá para prever mas possivelmente já esteja ocorrendo hoje em menor grau.
6 - Islamização em massa da suécia, fuga dos que não concordam e dos que concordavam até afetar diretamente eles. Escravidão de quem ficar. E provavelmente, veremos uma nova Suecia destruída em algumas decadas. Pois a cultura Islamica é reacionária, e embora comercio seja uma coisa importante na cultura deles, outros fatores tem primazia.

Posso estar errado, mas no momento as evidencias aponto para algo nessa direção.

Palavras não ferem, quem é "ofendido" pode escolher não se sentir ofendido. Já ações, um soco, um tiro, isso sim. Isso machuca, e isso voce não pode simplesmente "escolher" não sentir. Voce pode pedir desculpas com uma ofensa, se retratar, mas não pode retirar um soco.
Curto muito o Jordan Peterson que aliás é do Canadá mas bate de frente com todos esses conceitos zuados que o pessoal segue,ele sim defende bem pra caralho a liberdade de expressão ("todo mundo tem o direito de dizer o que quiser e todo mundo tem o direito de refutar"),e não à toa é reconhecido mundialmente por isso e por outros quesitos igualmente importantes.
 

Beren_

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.184
Reações
27.886
Pontos
553
Curto muito o Jordan Peterson que aliás é do Canadá mas bate de frente com todos esses conceitos zuados que o pessoal segue,ele sim defende bem pra caralho a liberdade de expressão ("todo mundo tem o direito de dizer o que quiser e todo mundo tem o direito de refutar"),e não à toa é reconhecido mundialmente por isso e por outros quesitos igualmente importantes.
Sim ele eh um caso que sempre me vem a mente quando lembro disso.
 

Pate_de_queijo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.537
Reações
9.242
Pontos
434
Essa maldita ideologia ainda é bem forte no Brasil, mas quando olho para a Europa dou graças a Deus de ter nascido por aqui. Aqui resolvemos combater esse câncer, mas na Europa, infelizmente está tudo perdido.

Tenho muita dó e pena dos cidadãos de bem que moram por lá e tentam ir contra os vermelhos, porque agora é tarde demais para eles.

Enviado de meu LG-M700 usando o Tapatalk
 

HarrisonUnholy

Bam-bam-bam
Mensagens
3.707
Reações
8.352
Pontos
303
Esse é o socialismo e a esquerda na sua forma pura, controle total do Estado sobre o indivíduo, a cada dia que passa eu olho pra Europa e penso que o futuro que lhes aguarda é muito ruim, a não ser que aconteça uma reviravolta alá "Trump" por lá.
É uma pena, o mundo está se tornando aos poucos um lugar de futuro incerto, sempre foi assim alias, mas no presente parece que a situação é ainda pior, a gente evoluiu muito tecnologicamente em 200 anos, mas mentalmente/intelectualmente o ser humano ainda está atrasado, ainda lutamos muito pra não ter nossas liberdades privadas, é toda hora alguém com ideias malucas, operando experimentos sociais dos mais bizarros, tudo visando o controle total. É cansativo.
 
Ultima Edição:

Alberon

YouTube Player
Mensagens
44.646
Reações
53.062
Pontos
924
Não, é a Suíça, eles possuem 46 armas a cada 100 habitantes e uma legislação bem livre. Os homens são obrigados a servir ao Exército, e ao fim do serviço, se eles quiserem podem levar para casa a arma.

Enviado por uma fenda espacial.

Então a Suécia está ferrada mesmo, pensava que nessa questão as duas nações eram parecidas.
 
Topo