O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

O "fim" da covid na Austrália: milagre ou eficiência?

Rodrigo Zé do Cx Jr

Lenda da OS desde 2000
VIP
Mensagens
26.998
Reações
38.154
Pontos
609

Parece que estamos falando de outro planeta, surreal.
Tenho alguns amigos que moram lá e dizem que é como se a pandemia não tivesse existido.
Não vou entrar no mérito de o quão possível ou impossível seria implementar tais medidas em outros países, sobretudo os subdesenvolvidos como a bananalândia, mas incrível como a capacidade de organização é vital pras políticas públicas, ainda mais em uma crise sanitária como a que vivemos.

O paradoxo disso está no fato de esse nível no combate a pandemia chinesa ser alcançado via controle estatal, da forma mais intervencionista possível, ao mesmo tempo que falamos de um dos países mais liberais do mundo.

Não, não to dizendo que o dedo gordo e inoperante da máquina pública é salutar, pelo contrário: continuo achando o estado um CÂNCER, mas se tem uma situação na qual ele funciona, ao menos em países desenvolvidos, é como a que estamos vivendo agora.
 


edineilopes

Retrogamer
Mensagens
27.749
Reações
89.668
Pontos
654
pelo contrário: continuo achando o estado um CÂNCER, mas se tem uma situação na qual ele funciona, ao menos em países desenvolvidos, é como a que estamos vivendo agora.
O velho "Mas..." que diminui o que existia de relevante no começo da frase. Pareceu o Lula "agradecendo" a vinda da Covid; foi argumento similar de que era "a prova" aos incrédulos da necessidade do Estado intervindo.


179098

Austrália é um caso interessante, de todo modo. Estar isolada pelo oceano não explica totalmente o fato das coisas correrem tão diferente por lá.
 
Ultima Edição:

sebastiao coelho neto

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.292
Reações
38.527
Pontos
639
O velho "Mas..." que destrói o que existia de relevante no começo da frase.
Pareceu o Lula agradecendo a vinda do Covid. Foi argumento similar de que era "a prova" aos incrédulos da necessidade do Estado intervindo.


Austrália é um caso interessante, de todo modo. Estar isolada pelo oceano não explica totalmente o fato das coisas correrem tão diferente por lá.
Achar que o estado é ruim não significa dizer que ele é desnecessário. O erro no argumento do OP é que ele não foi mais específico. provavelmente ele está se referindo aquele tipo de estado gigantesco, burocrático e que grande parte de suas medidas tem como objetivo favorecer, resguardar e aumentar mais ainda o próprio estado.

Ou seja, o estado que funciona para o estado e não para o povo.
 

DanielMF

Bam-bam-bam
Mensagens
3.674
Reações
5.918
Pontos
288
Fizeram isso com lockdowns ao registrar poucos casos, acompanhado de controle rígido das fronteiras, ampla testagem, rastreio de contatos, conscientização das pessoas...

Não é fácil de se fazer isso não, requer um planejamento top. É sim um exemplo de intervenção estatal com sucesso, não há o que tergiversar.
 


Rodrigo Zé do Cx Jr

Lenda da OS desde 2000
VIP
Mensagens
26.998
Reações
38.154
Pontos
609
O velho "Mas..." que diminui o que existia de relevante no começo da frase. Pareceu o Lula "agradecendo" a vinda da Covid; foi argumento similar de que era "a prova" aos incrédulos da necessidade do Estado intervindo.


Visualizar anexo 179098

Austrália é um caso interessante, de todo modo. Estar isolada pelo oceano não explica totalmente o fato das coisas correrem tão diferente por lá.
Sim, mas nesse caso - e somente nesse caso - do combate à COVID na Austrália, seria possível sem intervenção mais severa do estado?
Não é uma pergunta retórica, eu realmente não sei a resposta.
 

Flame Vicious

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
31.958
Reações
72.143
Pontos
744
Sim, mas nesse caso - e somente nesse caso - do combate à COVID na Austrália, seria possível sem intervenção mais severa do estado?
Não é uma pergunta retórica, eu realmente não sei a resposta.
É só olhar o Japão.

Austrália tem a vantagem de ser uma ilha no meio do oceano sem fronteiras, além de ter uma população pequena demais pra um território tão grande.
 

edineilopes

Retrogamer
Mensagens
27.749
Reações
89.668
Pontos
654
Sim, mas nesse caso - e somente nesse caso - do combate à COVID na Austrália, seria possível sem intervenção mais severa do estado?
Não é uma pergunta retórica, eu realmente não sei a resposta.
O lugar é isolado. Não ter fronteira com vizinhos deve ter um peso enorme no planejamento e eficiência das ações. Por exemplo, gigante facilitador para controlar quem chega contaminado ao país.

Outro exemplo:

Destaque:
Depois da Nova Zelândia com 238 pontos, vem o Japão com 204
 

Rodrigo Zé do Cx Jr

Lenda da OS desde 2000
VIP
Mensagens
26.998
Reações
38.154
Pontos
609
O lugar é isolado. Não ter fronteira com vizinhos deve ter um peso enorme no planejamento e eficiência das ações. Por exemplo, gigante facilitador para controlar quem chega contaminado ao país.

Outro exemplo:

Destaque:
Depois da Nova Zelândia com 238 pontos, vem o Japão com 204
Só o isolamento geográfico não explica, pois adotaram outras medidas internas como o lockdown.

De qualquer forma, a eficácia no combate a pandemia veio a partir da intervenção do estado.
Então o ponto é: estamos de uma situação onde o dedo gordo e fétido do estado pode sim servir de forma TRANSITÓRIA, em uma situação muito rara e ocasional, não passando disso.
 

Billy_louco

Bam-bam-bam
Mensagens
8.594
Reações
20.759
Pontos
409
Veneno de aranha, cobra, ornitorrinco e agua viva deixa a pessoa imune

Como na australia 99% da população ja foi envenenada entao eles estão tranquilos
 

DanielMF

Bam-bam-bam
Mensagens
3.674
Reações
5.918
Pontos
288
É só olhar o Japão.

Austrália tem a vantagem de ser uma ilha no meio do oceano sem fronteiras, além de ter uma população pequena demais pra um território tão grande.
São exemplos bem diferentes. O Japão e muitos asiáticos já tinham um cultura de controle epidêmico, já a Austrália tomou medidas drásticas.

O território é grande, mas a população não está toda espalhada, muito pelo contrário. Quase 90% da população é urbanizada. O centro de Sydney tem 4 mil habitantes por km², e nessa cidade vivem 20% de todo o país.
 
Ultima Edição:

Layzem

Bam-bam-bam
Mensagens
3.736
Reações
7.741
Pontos
354
Ora, ora, quem diria que os países que levaram a sério as medidas recomendadas pela ciência estariam, um ano depois, já voltando à normalidade e restabelecendo a economia. Quem poderia ter imaginado isso, né?
Não viaja vai, a Europa seguiu a risca a tal ciência e tbm, tomou no meio do toba.
Austrália tem muitos pontos que favoreceram o país, barreiras naturais que impediam a propagação, estabilidade política, povo bem educado, estado eficiente. etc...
 

edineilopes

Retrogamer
Mensagens
27.749
Reações
89.668
Pontos
654
Só o isolamento geográfico não explica, pois adotaram outras medidas internas como o lockdown.
Mas isso eu escrevi.
Austrália é um caso interessante, de todo modo. Estar isolada pelo oceano não explica totalmente o fato das coisas correrem tão diferente por lá.

Só o isolamento geográfico não explica, pois adotaram outras medidas internas como o lockdown.

De qualquer forma, a eficácia no combate a pandemia veio a partir da intervenção do estado.
Então o ponto é: estamos de uma situação onde o dedo gordo e fétido do estado pode sim servir de forma TRANSITÓRIA, em uma situação muito rara e ocasional, não passando disso.
Esses países "ilha" estavam "jogando no easy" comparados a outras nações. Seria preciso cuidadoso estudo antes de dar crédito deste "sucesso" a controle estatal. Inclusive certas medidas poderiam funcionar em uma localidade e não em outra. Prematuro tirar conclusões. Houve "estados" que falharam.
 

Comic Sans

Bam-bam-bam
Mensagens
1.361
Reações
4.156
Pontos
303
Não viaja vai, a Europa seguiu a risca a tal ciência e tbm, tomou no meio do toba.
Austrália tem muitos pontos que favoreceram o país, barreiras naturais que impediam a propagação, estabilidade política, povo bem educado, estado eficiente. etc...
Não seguiu, não. Isso aqui é uma imagem de uma praia da Inglaterra em junho do ano passado, mas só a título de exemplo. Dá pra achar fácil notícias similares na França, Portugal, Alemanha, enfim.

 

DanielMF

Bam-bam-bam
Mensagens
3.674
Reações
5.918
Pontos
288
Mas isso eu escrevi.



Esses países "ilha" estavam "jogando no easy" comparados a outras nações. Seria preciso cuidadoso estudo antes de dar crédito deste "sucesso" a controle estatal. Inclusive certas medidas poderiam funcionar em uma localidade e não em outra. Prematuro tirar conclusões. Houve "estados" que falharam.
Uma vez que o vírus entrou no país e chegou a ter contaminação comunitária, o fato de ser uma ilha teve efeito nulo nesse ponto. (eles chegaram a ter quase 500 casos diários)

Ajudou apenas mais tarde quando eles contiveram os casos internamente e então controlaram melhor as fronteiras. Mas até chegar nesse ponto, fizeram uma intervenção pesada.
 

johnhartigan

Bam-bam-bam
Mensagens
4.809
Reações
17.977
Pontos
288
Ora, ora, quem diria que os países que levaram a sério as medidas recomendadas pela ciência estariam, um ano depois, já voltando à normalidade e restabelecendo a economia. Quem poderia ter imaginado isso, né?
Joga esse, quem sabe vc entende melhor. E sobre a foto da praia, tenha uma amiga morando lá e estava frequentando normalmente.

 

Bonk

Bam-bam-bam
Mensagens
834
Reações
2.420
Pontos
258
Uma vez que o vírus entrou no país e chegou a ter contaminação comunitária, o fato de ser uma ilha teve efeito nulo nesse ponto.
Tenha paciencia


O negocio é uma ilha menor quantidade de pessoas que o estado de são paulo e com densidade demografica em locais especificos, onde a maioria das pessoas vive em certos polos.
Muito simples controlar somente um pequeno grupo de pessoas, brasil mesmo é um exemplo disso, o governo não tem poder muito menos jurisdição para agir nos mais de 5k municipios, existem municios que se sairam bem "pouca densidade demografica" e outros que se sairam ruim.
Tanto que novas variantes nasceram dentro de estados diferentes e esses estados com contaminação diferente entre eles.

Esse tipo de comentario só mostra que tu não sabe de porra nenhuma e só sai comentando por ai alá comentarios do G1 da vida.
 
Ultima Edição:

Comic Sans

Bam-bam-bam
Mensagens
1.361
Reações
4.156
Pontos
303
Joga esse, quem sabe vc entende melhor. E sobre a foto da praia, tenha uma amiga morando lá e estava frequentando normalmente.
O problema não é frequentar praia, é aglomerar. Uma coisa não está necessariamente ligada à outra. E zero interesse no jogo, perdão.
 

Bonk

Bam-bam-bam
Mensagens
834
Reações
2.420
Pontos
258
Sobre o OP, eles manteram as fronteiras fechadas quase que todo o ano passado (Inclusive fronteiras internas), uma ou outra pessoa conseguia entrar no pais.
Isolaram as pessoas que tinham o virus e conseguiram mitigar o contagio comunitario.

Não tem segredo, lá é um ovo.

A população tambem ajudou, aqui a população nunca respeitou porra nenhuma, não sei qual o espanto., não tem lockdown que resolva nossa situação.
E não adianta vir aqui nesse topico querer dizer que só lockdown funciona, quando o mesmo só serve para manter o comercio fechado, já que as festinhas, aglomeração, putaria, bares e a m**** toda continua rolando.
 

coronavirus

Bam-bam-bam
Mensagens
2.032
Reações
2.826
Pontos
278
Ora, ora, quem diria que os países que levaram a sério as medidas recomendadas pela ciência estariam, um ano depois, já voltando à normalidade e restabelecendo a economia. Quem poderia ter imaginado isso, né?
Não da pra culpar só as festas e pessoal querendo trabalhar, principal culpado são turistas e br que insistem viajar de um país pra outro e voltar ir pro Brasil contaminados, já tivemos até vsriants da Inglaterra aqui.

Além dk mais se não fosse esses turistas e br contaminados nem doenca teria no pais.

Tem que fedhar voos internacionais por muito tempo, se não querem ficar circulando nas cidades, a logica sairá maior entre circular em um país e outro.
 

Layzem

Bam-bam-bam
Mensagens
3.736
Reações
7.741
Pontos
354
Minha cidade adota o sistema de isolamento só de doentes, zerou os casos e mortes? Lógico que não, mas está com as empresas e comércio abertos desde abril do ano passado.
 
Ultima Edição:

Hitmanbadass

You can't handle the truth!
VIP
Mensagens
15.523
Reações
25.761
Pontos
614
Alguém tem conhecidos por lá? Conheço algumas pessoas que moram em Camberra e na época da loucura por papel higiênico, conversamos e lá não teve lockdown tipo Itália ou Portugal.
Tinha testagem em massa e o governo (conservador, por sinal) falando sobre o potencial fodido da pandemia o tempo todo.
Meio que a população e fechar fronteias (bem fácil por lá) ajudou bastante. O governo tb subsidiou hospitais privados, deixando leitos pre pagos para caso alguém aparecesse com COVID.
É o que me lembro de memória dessas conversas... mas sobre o Lockdown fiquei em dúvida mesmo se houve ou se foi mais focado em locais onde os testes indicavam surtos.
 

Goris

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
19.734
Reações
68.442
Pontos
553
Fizeram isso com lockdowns ao registrar poucos casos, acompanhado de controle rígido das fronteiras, ampla testagem, rastreio de contatos, conscientização das pessoas...

Não é fácil de se fazer isso não, requer um planejamento top. É sim um exemplo de intervenção estatal com sucesso, não há o que tergiversar.
"Controle rígido da fronteira".

Uma ilha.

Controle rígido de fronteiras.

Risos. Não fique chateado, mas deu mole n ssa, Daniel.
 

Paiva :)

Ei mãe, 500 pontos!
GOLD
Mensagens
14.456
Reações
30.852
Pontos
649
Alguém tem conhecidos por lá? Conheço algumas pessoas que moram em Camberra e na época da loucura por papel higiênico, conversamos e lá não teve lockdown tipo Itália ou Portugal.
Tinha testagem em massa e o governo (conservador, por sinal) falando sobre o potencial fodido da pandemia o tempo todo.
Meio que a população e fechar fronteias (bem fácil por lá) ajudou bastante. O governo tb subsidiou hospitais privados, deixando leitos pre pagos para caso alguém aparecesse com COVID.
É o que me lembro de memória dessas conversas... mas sobre o Lockdown fiquei em dúvida mesmo se houve ou se foi mais focado em locais onde os testes indicavam surtos.
Lockdown lá foi focado nas regiões em que o vírus dava as caras. Como eles fizeram testagem ampla, conseguiam fechar uma região assim que a Covid começava a crescer. Não chegou a ter lockdown nacional, do que me lembro.
 

DanielMF

Bam-bam-bam
Mensagens
3.674
Reações
5.918
Pontos
288
Tenha paciencia


O negocio é uma ilha menor que o estado de são paulo e com densidade demografica especifica, onde a maioria das pessoas vive em certos polos.
Muito simples controlar somente um pequeno grupo de pessoas, brasil mesmo é um exemplo disso, o governo não tem poder muito menos jurisdição para agir nos mais de 5k municipios, existem municios que se sairam bem "pouca densidade demografica" e outros que se sairam ruim.
Tanto que novas variantes nasceram dentro de estados diferentes e esses estados com contaminação diferente entre eles.

Esse tipo de comentario só mostra que tu não sabe de porra nenhuma e só sai comentando por ai alá comentarios do G1 da vida.
Bela interpretação de texto hein.

Após a transmissão comunitária do vírus, o fato de ser uma ilha tem efeito nulo nesse ponto (da transmissão comunitária). Você sabe o que é transmissão comunitária?

A OS nunca decepciona na semântica e interpretação de texto. Cagam sempre.
 

Hitmanbadass

You can't handle the truth!
VIP
Mensagens
15.523
Reações
25.761
Pontos
614
Lockdown lá foi focado nas regiões em que o vírus dava as caras. Como eles fizeram testagem ampla, conseguiam fechar uma região assim que a Covid começava a crescer. Não chegou a ter lockdown nacional, do que me lembro.
Sim, olhando de longe e sem ler nada mais específico, me parece que a testagem em massa e o fato de terem fechado a fronteira cedo foram os mais determinantes para esse controle.

Testagem nós vacilamos mas fronteira aqui não tem como controlar de forma eficaz, é impossível.
 

Goris

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
19.734
Reações
68.442
Pontos
553
Uma vez que o vírus entrou no país e chegou a ter contaminação comunitária, o fato de ser uma ilha teve efeito nulo nesse ponto. (eles chegaram a ter quase 500 casos diários)

Ajudou apenas mais tarde quando eles contiveram os casos internamente e então controlaram melhor as fronteiras. Mas até chegar nesse ponto, fizeram uma intervenção pesada.
Aí, com ama a dar a é mais fácil entender seu ponto. Deveria ter dado esses dados na primeira postagem.
 

Paiva :)

Ei mãe, 500 pontos!
GOLD
Mensagens
14.456
Reações
30.852
Pontos
649
Bela interpretação de texto hein.

Após a transmissão comunitária do vírus, o fato de ser uma ilha tem efeito nulo. Você sabe o que é transmissão comunitária?
Mas o vírus ter várias portas de entrada muda tudo. Você ter transmissão comunitária em um ponto inicial, e ter em 10, faz uma diferença absurda. Eu concordo que não bastou a Austrália ser uma ilha pra que a situação automaticamente se resolvesse por lá, mas esse isolamento geográfico sem a menor dúvida ajudou bastante.
 

Goris

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
19.734
Reações
68.442
Pontos
553
Ora, ora, quem diria que os países que levaram a sério as medidas recomendadas pela ciência estariam, um ano depois, já voltando à normalidade e restabelecendo a economia. Quem poderia ter imaginado isso, né?
Quais medidas recomendadas pela ciência?
 

DanielMF

Bam-bam-bam
Mensagens
3.674
Reações
5.918
Pontos
288
Mas o vírus ter várias portas de entrada muda tudo. Você ter transmissão comunitária em um ponto inicial, e ter em 10, faz uma diferença absurda. Eu concordo que não bastou a Austrália ser uma ilha pra que a situação automaticamente se resolvesse por lá, mas esse isolamento geográfico sem a menor dúvida ajudou bastante.
Mas teve várias portas de entradas inclusive lá, por via aérea. Inclusive os locais que primeiros sofreram no Brasil, não fazem fronteira com outros países (São Paulo, Rio de Janeiro), e Manaus é isolado por uma vasta floresta.

O fato da Austrália ser uma ilha ajudou muito mais depois de terem feito o controle comunitário.
 
Topo