O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


[País do Futuro] Brasil despenca sete posições e se torna o 14º PIB do mundo

Jorgel

Bam-bam-bam
Mensagens
5.635
Reações
4.067
Pontos
389
É triste dizer, mas a derrota dos 7 a 1 diante da Alemanha na Copa de 2014 teve um efeito colateral benéfico, que foi o de preparar nossos espíritos - inveteradamente otimistas - para o desastre econômico que nos vem sendo apresentado em capítulos.

Desde outubro do ano passado, quando os brasileiros foram às urnas para reeleger a presidente Dilma Rousseff, o valor do real (em relação ao dólar) despencou 53,9%. Para tornar o quadro ainda pior, o PIB de 2015 - se as previsões otimistas forem mantidas - vai ser 2,5% menor do que o do ano passado.

A perda de valor de nossa moeda e a queda do PIB vão tirar do setor de propaganda do Palácio do Planalto uma mensagem que muito utilizam, que é a de propalar com a boca cheia, de que o Brasil é a sétima economia do mundo. Infelizmente para nós, isso não é mais verdade.

Se os ventos nos forem favoráveis, fecharemos o ano em 13º ou 14º lugar no ranking mundial de PIBs. O que dói tanto ou mais do que a enfiada de 7 a 1 que levamos dos alemães.

Quando o Brasil era o sétimo maior PIB do mundo (2014: 2,35 trilhões de dólares), só tinha pesos-pesados à sua frente: Estados Unidos (17 trilhões), China (10), Japão (4,6), Alemanha (3,8), Reino Unido (2,9) e França (2,8)., segundo os dados do FMI. Esses seis países mantêm as mesmas posições, dada que a desvalorização de suas moedas em relação ao dólar foi bem inferior à do real em relação ao dólar. Hoje, à nossa frente, vários pesos-médios.

O Brasil, cujo PIB nominal era de 2,35 trilhões de dólares no final de 2014 (com o dólar fechando dezembro a R$2,65), tem sua moeda cotada hoje a 3,89 por dólar) e um PIB que deve ficar um pouco abaixo de 1,4 trilhão de dólares.

A Itália, que era a oitava principal economia do mundo, passou ao sétimo lugar. O euro, sua moeda, caiu cerca de 6% em relação ao dólar, desde janeiro. A economia do país, que havia declinado 0,4% no ano passado, deve crescer cerca de 0,5% este ano. Estima-se que o PIB italiano feche o 2015 um pouco acima de dois trilhões de dólares.

Em nono lugar, disputando de perto com a Itália a posição de oitava principal economia do mundo, está a India, com extraordinário desempenho econômico previsto para este ano (crescimento superior a 7%) e relativamente pequena desvalorização de sua moeda, a rúpia, em relação ao dólar, levará o país asiático a concluir o ano com um Produto Interno Bruto beirando os dois trilhões de dólares.

A posição de 10ª principal economia que no ano passado coube à Rússia, será este ano ocupada pelo Canadá, apesar da estagnação em que se encontra a atividade no país e da desvalorização do dólar canadenses em relação à moeda de seu vizinho EUA. Seu PIB estimado para o final de 2015 é de 1,7 trilhão de dólares.

As estimativas, com base no desempenho econômico e comportamento de suas respectivas moedas, são no sentido de Coréia do Sul, Espanha e Austrália cheguem ao final de 2015 com PIBs na casa de 1,4 trilhão de dólares.

http://www.diariodopoder.com.br/artigo.php?i=30599585742
 


Aulendil

Gato do Mato
VIP
Mensagens
1.716
Reações
10.652
Pontos
309
Pra ser inteiramente justo, PIB nominal significa menos do que possa parecer. O cálculo mais preciso para se determinar o tamanho de uma economia é aquele ajustado pelo poder de compra (paridade). Dito isso, do jeito que andam as coisas, esse aborto de governo também vai conseguir baixar nossa posição nesse outro ranking.
 

Zefiris

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.266
Reações
42.575
Pontos
664
E vai descer mais. O governo está governando para si, não para o povo. E não é como se o povo se importasse, pois deu seu aval para a continuidade disso. Logo após a eleição, se alguém falasse mal do governo aqui no fórum e do futuro sinistro que nos aguardava, era chamado de "bebê chorão", "anunciante do fim", e derivados.

Além de defenderem a presidente com unhas e dentes:
- "A previsão pra 2015 é boa, as coisas vão voltar ao normal, os investimentos vão reaparecer na economia e, quem ganhar, vai tomar o crédito, do mesmo jeito que o Lula tomou pós-FHC."
- "Tem uns pessoal que fala como se Dilma fosse o capeta ,pior pessoa da mundo e várias acusações sem nexo e agredindo a mesma"

Bem, acabei de comer e essa seção do fórum está me dando indigestão. Melhor eu voltar a assistir Hatenkou Yugi.
 

Beiçola From Hell

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
37.254
Reações
39.053
Pontos
753
Aperta o um, aperta o 3...13...

Pililililim...Dilmãe.



No mais, uma pena o Brasil ter reelegido a Dilma, até entendo a primeira eleição dela pelos números do Lula, mas a população deveria ter sido mais responsável no ano passado, porém como não aconteceu: temos já 5 anos de um completo desgoverno (e olha que estou excluindo o PÉSSIMO segundo mandato do Lula), o Brasil regrediu vários anos e suaremos sangue para recuperar esse tempo perdido...

Em economia, quando vc comete um erro grotesco para obter um resultado imediato, inevitavelmente vc acaba pagando um preço extremamente maior com as consequências futuras. Não há procrastinação que passe impune em economia.
 


Alberon

YouTube Player
Mensagens
44.214
Reações
51.348
Pontos
924
o que vale é índice de qualiddadd de vida, pib é overrated

Brasil PIB US$ 1,4 TRI - População 204 milhões
Canadá PIB US$ 1,75 TRI - População 35,5 milhões (estimativa 2014)

Pior que antes, quando o Brasil estava naquele "auge", na frente da Inglaterra, ninguém se importava com esse "pequeno" detalhe, a população.

http://exame.abril.com.br/economia/noticias/as-10-maiores-economias-do-mundo-em-2030-segundo-o-usda#7
http://www.suapesquisa.com/paises/canada/
 

Coraiola

Bam-bam-bam
Mensagens
10.562
Reações
4.598
Pontos
449
sempre que entro nesses tópicos espero uma tabela ou um gráfico, mas o jornalismo atual anda preguiçoso demais. (eu não, que só quero ver a tabela e nao ler porra nenhuma)
 

Edi (FZ2D)

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.133
Reações
50.282
Pontos
584
Amanha o pais recupera todas as posiçoes que perdeu hoje.

Enviado de um aparelho que transmite sonhos!!!
 

Edi (FZ2D)

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.133
Reações
50.282
Pontos
584
É triste dizer, mas a derrota dos 7 a 1 diante da Alemanha na Copa de 2014 teve um efeito colateral benéfico, que foi o de preparar nossos espíritos - inveteradamente otimistas - para o desastre econômico que nos vem sendo apresentado em capítulos.

Desde outubro do ano passado, quando os brasileiros foram às urnas para reeleger a presidente Dilma Rousseff, o valor do real (em relação ao dólar) despencou 53,9%. Para tornar o quadro ainda pior, o PIB de 2015 - se as previsões otimistas forem mantidas - vai ser 2,5% menor do que o do ano passado.

A perda de valor de nossa moeda e a queda do PIB vão tirar do setor de propaganda do Palácio do Planalto uma mensagem que muito utilizam, que é a de propalar com a boca cheia, de que o Brasil é a sétima economia do mundo. Infelizmente para nós, isso não é mais verdade.

Se os ventos nos forem favoráveis, fecharemos o ano em 13º ou 14º lugar no ranking mundial de PIBs. O que dói tanto ou mais do que a enfiada de 7 a 1 que levamos dos alemães.

Quando o Brasil era o sétimo maior PIB do mundo (2014: 2,35 trilhões de dólares), só tinha pesos-pesados à sua frente: Estados Unidos (17 trilhões), China (10), Japão (4,6), Alemanha (3,8), Reino Unido (2,9) e França (2,8)., segundo os dados do FMI. Esses seis países mantêm as mesmas posições, dada que a desvalorização de suas moedas em relação ao dólar foi bem inferior à do real em relação ao dólar. Hoje, à nossa frente, vários pesos-médios.

O Brasil, cujo PIB nominal era de 2,35 trilhões de dólares no final de 2014 (com o dólar fechando dezembro a R$2,65), tem sua moeda cotada hoje a 3,89 por dólar) e um PIB que deve ficar um pouco abaixo de 1,4 trilhão de dólares.

A Itália, que era a oitava principal economia do mundo, passou ao sétimo lugar. O euro, sua moeda, caiu cerca de 6% em relação ao dólar, desde janeiro. A economia do país, que havia declinado 0,4% no ano passado, deve crescer cerca de 0,5% este ano. Estima-se que o PIB italiano feche o 2015 um pouco acima de dois trilhões de dólares.

Em nono lugar, disputando de perto com a Itália a posição de oitava principal economia do mundo, está a India, com extraordinário desempenho econômico previsto para este ano (crescimento superior a 7%) e relativamente pequena desvalorização de sua moeda, a rúpia, em relação ao dólar, levará o país asiático a concluir o ano com um Produto Interno Bruto beirando os dois trilhões de dólares.

A posição de 10ª principal economia que no ano passado coube à Rússia, será este ano ocupada pelo Canadá, apesar da estagnação em que se encontra a atividade no país e da desvalorização do dólar canadenses em relação à moeda de seu vizinho EUA. Seu PIB estimado para o final de 2015 é de 1,7 trilhão de dólares.

As estimativas, com base no desempenho econômico e comportamento de suas respectivas moedas, são no sentido de Coréia do Sul, Espanha e Austrália cheguem ao final de 2015 com PIBs na casa de 1,4 trilhão de dólares.

http://www.diariodopoder.com.br/artigo.php?i=30599585742
Isso e o de menos. O problema mesmo sao esses bonecos difamando nosso excelentissimo ex presidente da republica, o grande irmao Lula, sem contar os sonegadores de impostos.

Enviado de um aparelho que transmite sonhos!!!
 

Real Lion

Veterano
Mensagens
521
Reações
843
Pontos
143
Espera para ver o PIB per capita como vai ser vergonhoso, ja adianto que ficaremos em patamar junto a Colômbia e o Peru, Usd 7 mil - Usd 8 mil. Quase metade do chileno.
 

antonioli

O Exterminador de nicknames
VIP
Mensagens
89.949
Reações
137.799
Pontos
949
Mentira dos yankees. A Dilma falou esta semana que os pessimistas ficam querendo destruir tudo, que temos potencial para nos recuperar e que será moleza para a sétima maior economia do mundo.

Hoje novamente com suas baboseiras

“Acredito que o Brasil tem todas as condições na superação das dificuldades. Nesses últimos anos acumulamos um grande arsenal para reagir. O Brasil está passando por alguns problemas, é verdade, mas ele é mais forte e maior do que esses problemas. Temos uma agricultura avançada. Temos uma agricultura familiar em crescimento e não em retração”

"O Brasil é muito maior do que os pessimistas de plantão querem fazer crer"

"Embora não se utilize mais dos métodos do passado, [tal processo] abusa dos mecanismos solertes das mentiras, dos factóides e das tentativas canhestras de manobras pseudo-jurídicas para afrontar o voto popular e a democracia"

“Obviamente, o governo está atento a todas as tentativas de produzir uma espécie de instabilidade profunda nesse país, o pessoal do quanto pior, melhor. Esse pessoal, só eles ganham. O Brasil, a duras penas, conquistou uma democracia. Sei quantas penas duras foi. Nós não vamos, em momento algum, concordar. Faremos de tudo para impedir que processos não democráticos cresçam e se fortaleçam”
 
Ultima Edição:

Pinguim 55

Bam-bam-bam
Mensagens
3.813
Reações
5.848
Pontos
294
Isto acho que está meio errado.

Meio que implica que o Brasil produz tudo em real e depois é convertido em dólar. Mas acredito que muito do que é produzido, como as exportações, são diretamente em dólar mesmo.

Enfim, o que quero dizer é que não acho que funciona assim, de baixar o valor da moeda e o PIB cair junto na mesma proporção, acho que não funciona assim quando se faz o cálculo.

Claro, estamos ferrados de qualquer jeito e não duvído que somos agora a 8º ou 9º economia.
 

tiagobronson

We've adopted Satan!
VIP
Mensagens
9.334
Reações
26.000
Pontos
459
E o índice de radar na marginal?
Acho que nesse ranking o Brasil tá no Top 3.
 

antonioli

O Exterminador de nicknames
VIP
Mensagens
89.949
Reações
137.799
Pontos
949
— Aconteceu com os EUA em 2011, como também com França, Itália e Espanha em 2012, e agora conosco. Todos os países foram muito maiores que suas notas. E o Brasil é muito maior que sua nota. Todos voltaram a crescer e vai ser assim com o Brasil.

— Essas pessoas geralmente torcem para o quanto pior, melhor. Na área da economia, da política. Todas elas esperando uma oportunidade para navegar em águas turvas

— Esse método de querer usar a crise como um mecanismo para você querer chegar ao poder é uma versão moderna do golpe. Atualmente, o que nós temos fazer é nos unir e mais rapidamente, independente de nossas posições e interesses pessoais ou partidários, formamos o “Partido do Brasil”, que levará a mudanças da nossa situação. Por isso é e fundamental muita calma nessa hora, muita tranquilidade

Tudo golpista.
 

alucardlv1313

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
19.251
Reações
42.370
Pontos
734
— Aconteceu com os EUA em 2011, como também com França, Itália e Espanha em 2012, e agora conosco. Todos os países foram muito maiores que suas notas. E o Brasil é muito maior que sua nota. Todos voltaram a crescer e vai ser assim com o Brasil.

— Essas pessoas geralmente torcem para o quanto pior, melhor. Na área da economia, da política. Todas elas esperando uma oportunidade para navegar em águas turvas

— Esse método de querer usar a crise como um mecanismo para você querer chegar ao poder é uma versão moderna do golpe. Atualmente, o que nós temos fazer é nos unir e mais rapidamente, independente de nossas posições e interesses pessoais ou partidários, formamos o “Partido do Brasil”, que levará a mudanças da nossa situação. Por isso é e fundamental muita calma nessa hora, muita tranquilidade

Tudo golpista.
Vontade de chegar nela e falar: Se é golpe, então entregue a faixa para o Collor q ele sofreu um golpe nos anos 90 :brbr
 

antonioli

O Exterminador de nicknames
VIP
Mensagens
89.949
Reações
137.799
Pontos
949
Vontade de chegar nela e falar: Se é golpe, então entregue a faixa para o Collor q ele sofreu um golpe nos anos 90 :brbr
Aquilo foi justiça. Uma verdadeira luta pela democracia. Agora é golpe pelo grupo do quanto pior melhor que fere a democracia.
 
Topo