O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

Phil Spencer, chefe do Xbox, elogia as capacidades do controle Dualsense do PlayStation 5

Lagarto Distraído

Bam-bam-bam
Mensagens
4.509
Reações
8.778
Pontos
303
Você quase descreveu o controle do SNES.

Mesmo você negando, o sonismo flui em suas palavras.

É nítido a influência da Sega e Nintendo do controle do Xbox. Porém, como o primeiro controle do PS foi uma cópia descarada do controle do SNES com a adição da empunhadura e mais 2 botões de ombro, quer colocar como se o mérito fosse somente da Sony.
Eu disse que o controle do PlayStation era inspirado no do SNES. Todo mundo sabe.

Por isso usei Street Fighter 2 como exemplo. Os controles que vieram depois não se inspiravam no do Super Nintendo e sim no do PlayStation.
 


armachad

Bam-bam-bam
Mensagens
1.230
Reações
1.986
Pontos
203
Eu disse que o controle do PlayStation era inspirado no do SNES. Todo mundo sabe.

Por isso usei Street Fighter 2 como exemplo. Os controles que vieram depois não se inspiravam no do Super Nintendo e sim no do PlayStation.
Perceba sua falta de lógica:
Controle do PS copia 95% o controle do SNEs, mas ignora a Nintendo e considera somente a Sony.
Controle do DC copia 15% do PS que já existia no SNES, mas ignora a Nintendo e histórico da Sega e considera somente a Sony.
Controle do Xbox copia 90% do controle do DC, mas ignora isso, influência da Nintendo e controles anteriores da Sega e considera somente a Sony.

Percebeu a incoerência?
 

GuybrushBR

Bam-bam-bam
GOLD
Mensagens
4.516
Reações
8.284
Pontos
303
Ninguém copiou ninguém. O Rumble era uma tecnologia existente, ambas introduziram no mesmo ano (diferença de meses apenas) com a diferença clara: A Nintendo via mais como um acessório extra, enquanto a Sony o projetou de forma completa no controle e logo se tornou padrão na industria. Quem popularizou o rumble foi de fato o Playstation, acho que nem deveria haver discussão sobre isso.
É lógico que a Sony copiou a Nintendo... Quando viu o rumble pak do N64 e o que ele poderia oferecer para industria, fez também o seu.

Que se tornou melhor e ela que popularizou essa ideia é obvio!!! Mas quem criou foi a NINTENDO! A Sony como sempre, só melhorou...
 

Lagarto Distraído

Bam-bam-bam
Mensagens
4.509
Reações
8.778
Pontos
303
Perceba sua falta de lógica:
Controle do PS copia 95% o controle do SNEs, mas ignora a Nintendo e considera somente a Sony.
Controle do DC copia 15% do PS que já existia no SNES, mas ignora a Nintendo e histórico da Sega e considera somente a Sony.
Controle do Xbox copia 90% do controle do DC, mas ignora isso, influência da Nintendo e controles anteriores da Sega e considera somente a Sony.

Percebeu a incoerência?
Não tem falta de coerência. Se a Sony não se inspirasse no controle do Super Nintendo ninguém o faria possivelmente, e esse padrão morreria no limbo.
A Nintendo toda geração é um controle mais esquisito que o outro.
A Sega e outras empresas demoraram mas pouco a pouco aderiram a esse padrão resgatado pela Sony. O mundo inteiro abraçou isso.
 

RodrigoviskRJ

Bam-bam-bam
Mensagens
5.289
Reações
7.468
Pontos
384
Já já a M$ vai lançar um controle similar... não faz sentido não lançarem...

Agora, pra jogos de luta, principalmente Street Fighter, o controle de 6 botões do Mega Drive continua imbatível!
Fora isso, o controle do SNES ditou o padrão dos controles pra além dele...
 

Majima-San

Bam-bam-bam
Mensagens
4.234
Reações
11.743
Pontos
303
Sinceramente, não vi nenhum elogio como o título quer passar. Foi bem político em falar sobre tecnologias.

Ele fala sobre tecnologia. A Sony implementou algo de modo melhor que a MS implementou no XOne. Tanto que ele fala em "aberta a integrar feedbacks mais hápticos", pois o negócio já existe nos seus controles em um nível menor.


Ao ler essa afirmação entendo o que o sonismo causa.

Onde que essa evolução:



Foi baseada nessa:



O controle do Xbox é tão influente atualmente que o Dual Sense, quando apresentado, foi criticado por copiar o formato do controle do Xbox.
Se olhar o primeiro controle do Xbox verá o DNA da Sega nele.
O controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock, dizer o contrário é nos expor ao seu caxismo. Por favor, argumente sem recorrer a fanatismos, ou use de algum outro arremate, fora a obviedade, do correto processo de evolução desses quitrecos.


O joy do XBox não só lembra fortemente um Dual Shock, ou não é só visível a influência em todo seu contorno, ele é um Dual Shock sem tirar nem pôr nada, não existe ali nenhum elemento a mais (se existir, favor citá-lo) ou a menos, sequer seu formato é significativamente diferente, todo arranjo, funcionalidades, posicionamento dos botões, anatomia e alcance é o do Dual Shock 1

Esse fluxograma que você acolou é muito conhecido, é o argumento mais manjado quando esse assunto é tratado, lembre-se que não existe historigorafia profissional dentro do mercado de videogames, isso aí foi feito por um Zé Mané de internet. Mesmo que o “inventor” do controle do XBox venha a público dizer que ele se inspirou nos controles da Sega, ainda assim ele precisará argumentar onde.

Controles vêm evoluindo desde o primordial, até estabilizar-se numa forma que tudo acopla e transcende, e essa forma é o Dual Shock 1. Ainda estamos jogando nele.

O controle do XBox não chupou nada de nenhum joystick da Sega, e sim do Dual Shock. Favor, usar da lógica quando for argumentar. Esqueça esse fluxograma que foi cooptado por um fulano na internê.

Vou deixar destrinchado em “time-line” sem tempo, se é que isso é possível, mas podemos te dar as datas e os exemplos se você quiser:


1) Todo controle que existe, em 100% do tempo, trouxe alguma coisa de algum controle anterior. Óbvio, já que é um controle. Como tudo em qualquer seara intelectual humana, alguma coisa veio antes, até derivármos ao primeiro joystick de todos, nesse ínterim, do jeito que tratas, todos lhe seriam cópias. Mas não.

2) Alguns controles criaram dead ends, leia-se, mudanças que não vingaram ou não foram massificadas. Exemplo, direcional em disco do Intellivision

3) Alguns controles não criaram propriamente alguns elementos, mas massificaram. Exemplo, não foi o controle do SNES que criou os botões de ombro, ou não foi o controle do N64 que criou os analógicos, cito o joystick XE-A1P da Sega, que os tinha em 1989, mas foram eles que os popularizaram

4) Alguns controles criaram algumas coisas, que se tornaram Open Ends, e foram popularizadas por eles ou não (exemplo, o Dual Analog da Sony foi o primeiro a vir com Rumble, embora temporalmente por um fio, enquanto o Rumble Pack popularizou). Exemplo, o analógico digital foi criado e popularizado pelo NES (na verdade, apareceu no Game&Watch antes), ou o segundo analógico full, os gatilhos, e o fato de você pressionar os analógicos, como botões (L3 e R3, servindo como botões de ação) foram criados e popularizados pelos controles da Sony

5) Alguns controles não criaram nem popularizaram nada. O controle do XBox está aqui.


Vamos argumentar então, o que o controle do XBox tem:

  • Quatro botões frontais: veio de controles third parties longíquos da década de 80, dezenas deles, popularizados pelo SNES
  • Bumpers: veio do XE-1AP da Sega, popularizado pelo controle do SNES
  • Direcional Digital: veio do Game&Watch, popularizado pelo NES
  • Gatilhos: veio do Dual Shock
  • Dois Analógicos: veio do Dual Shock
  • Analógicos Pressionáveis: veio do Dual Shock
  • Empunhadura: popularizada pelo controle do PS1
... sendo que o Dual Shock já tinha direcionais, 4 frontais e bumpers. O controle do XBox é um Dual Shock, ele não trouxe nenhum elemento em Dead End dos controles da Sega (que são: um analógico só, não pressionável, botões frontais em múltiplo de 3). Único controle da história que copiou um template antigo e não acrescentou nada é o do XBox


Me argumente por favor onde o controle do XBox não é uma cópia do Dual Shock sem recorrer a fluxogramas terceiros que só servem pra amaciar essa impressão, qual elemento ele tem a mais, até o barulhinho de “cleck” dos botões-analógicos pra se dar sprint nos first person shooters é igual.

O Dual Sense não pode ter imitado o controle do XBox, porque o controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock 1 do PS1. Me mostre aí que não.
 


armachad

Bam-bam-bam
Mensagens
1.230
Reações
1.986
Pontos
203
Não tem falta de coerência. Se a Sony não se inspirasse no controle do Super Nintendo ninguém o faria possivelmente, e esse padrão morreria no limbo.
A Nintendo toda geração é um controle mais esquisito que o outro.
A Sega e outras empresas demoraram mas pouco a pouco aderiram a esse padrão resgatado pela Sony. O mundo inteiro abraçou isso.
Não estava esquecido.

O SNES estava em produção em 1994, ano de lançamento do PS, como principal console de Nintendo e o seu sucessor saiu em 1996, lançamento do N64.

Se olhar o controle do N64, ele manteve a base de botões do SNES e acrescentou algumas coisas. A Nintendo nunca abandonou o esquema de direcional e botões do SNES em seus portáteis.

Do jeito que você coloca, parece que acredita que há uma década de diferença entre os controles do SNES ter saído de produção e o início de produção do PS.
 

Majima-San

Bam-bam-bam
Mensagens
4.234
Reações
11.743
Pontos
303
O controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock, dizer o contrário é nos expor ao seu caxismo. Por favor, argumente sem recorrer a fanatismos, ou use de algum outro arremate, fora a obviedade, do correto processo de evolução desses quitrecos.


O joy do XBox não só lembra fortemente um Dual Shock, ou não é só visível a influência em todo seu contorno, ele é um Dual Shock sem tirar nem pôr nada, não existe ali nenhum elemento a mais (se existir, favor citá-lo) ou a menos, sequer seu formato é significativamente diferente, todo arranjo, funcionalidades, posicionamento dos botões, anatomia e alcance é o do Dual Shock 1

Esse fluxograma que você acolou é muito conhecido, é o argumento mais manjado quando esse assunto é tratado, lembre-se que não existe historigorafia profissional dentro do mercado de videogames, isso aí foi feito por um Zé Mané de internet. Mesmo que o “inventor” do controle do XBox venha a público dizer que ele se inspirou nos controles da Sega, ainda assim ele precisará argumentar onde.

Controles vêm evoluindo desde o primordial, até estabilizar-se numa forma que tudo acopla e transcende, e essa forma é o Dual Shock 1. Ainda estamos jogando nele.

O controle do XBox não chupou nada de nenhum joystick da Sega, e sim do Dual Shock. Favor, usar da lógica quando for argumentar. Esqueça esse fluxograma que foi cooptado por um fulano na internê.

Vou deixar destrinchado em “time-line” sem tempo, se é que isso é possível, mas podemos te dar as datas e os exemplos se você quiser:


1) Todo controle que existe, em 100% do tempo, trouxe alguma coisa de algum controle anterior. Óbvio, já que é um controle. Como tudo em qualquer seara intelectual humana, alguma coisa veio antes, até derivármos ao primeiro joystick de todos, nesse ínterim, do jeito que tratas, todos lhe seriam cópias. Mas não.

2) Alguns controles criaram dead ends, leia-se, mudanças que não vingaram ou não foram massificadas. Exemplo, direcional em disco do Intellivision

3) Alguns controles não criaram propriamente alguns elementos, mas massificaram. Exemplo, não foi o controle do SNES que criou os botões de ombro, ou não foi o controle do N64 que criou os analógicos, cito o joystick XE-A1P da Sega, que os tinha em 1989, mas foram eles que os popularizaram

4) Alguns controles criaram algumas coisas, que se tornaram Open Ends, e foram popularizadas por eles ou não (exemplo, o Dual Analog da Sony foi o primeiro a vir com Rumble, embora temporalmente por um fio, enquanto o Rumble Pack popularizou). Exemplo, o analógico digital foi criado e popularizado pelo NES (na verdade, apareceu no Game&Watch antes), ou o segundo analógico full, os gatilhos, e o fato de você pressionar os analógicos, como botões (L3 e R3, servindo como botões de ação) foram criados e popularizados pelos controles da Sony

5) Alguns controles não criaram nem popularizaram nada. O controle do XBox está aqui.


Vamos argumentar então, o que o controle do XBox tem:

  • Quatro botões frontais: veio de controles third parties longíquos da década de 80, dezenas deles, popularizados pelo SNES
  • Bumpers: veio do XE-1AP da Sega, popularizado pelo controle do SNES
  • Direcional Digital: veio do Game&Watch, popularizado pelo NES
  • Gatilhos: veio do Dual Shock
  • Dois Analógicos: veio do Dual Shock
  • Analógicos Pressionáveis: veio do Dual Shock
  • Empunhadura: popularizada pelo controle do PS1
... sendo que o Dual Shock já tinha direcionais, 4 frontais e bumpers. O controle do XBox é um Dual Shock, ele não trouxe nenhum elemento em Dead End dos controles da Sega (que são: um analógico só, não pressionável, botões frontais em múltiplo de 3). Único controle da história que copiou um template antigo e não acrescentou nada é o do XBox


Me argumente por favor onde o controle do XBox não é uma cópia do Dual Shock sem recorrer a fluxogramas terceiros que só servem pra amaciar essa impressão, qual elemento ele tem a mais, até o barulhinho de “cleck” dos botões-analógicos pra se dar sprint nos first person shooters é igual.

O Dual Sense não pode ter imitado o controle do XBox, porque o controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock 1 do PS1. Me mostre aí que não.
Só pra amarrar no final, deixando em outro post, pra ficar como template: Na hora de vir com os gatilhos, os analógicos pressionáveis e o segundo analógico, o controle do XBox não se inspirou nos controles da Sega, e sim no Dual Shock

Na hora de vir com o direcional digital, os bumpers e os 4 botões frontais, o controle do XBox não se inspirou no controle da Sega, e sim em outros, que evoluíram ao setup do Dual Shock, que foi quem ele imitou

O controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock, e, pela primeira vez na história mainstream, esse aqui foi uma cópia literal, porque não acrescentou literalmente nada, e não modificou nenhum elemento além de subir 1,5 cm o analógico esquerdo
 

Majima-San

Bam-bam-bam
Mensagens
4.234
Reações
11.743
Pontos
303
É lógico que a Sony copiou a Nintendo... Quando viu o rumble pak do N64 e o que ele poderia oferecer para industria, fez também o seu.

Que se tornou melhor e ela que popularizou essa ideia é obvio!!! Mas quem criou foi a NINTENDO! A Sony como sempre, só melhorou...
A Sony tinha uma solução de rumble que veio antes do Rumble Pack na linha do tempo

A Sony não copiou a Nintendo em Rumble, porque o primeiro Rumble da história em joystick doméstico foi dela. Isso é vernacularmente impossível, portanto

Agora, a Nintendo também não copiou a Sony nisso, porque as duas estavam desenvolvendo rumble ao mesmo tempo, e aconteceu o acaso de o da Sony ser lançado primeiro
 

armachad

Bam-bam-bam
Mensagens
1.230
Reações
1.986
Pontos
203
Não tem falta de coerência. Se a Sony não se inspirasse no controle do Super Nintendo ninguém o faria possivelmente, e esse padrão morreria no limbo.
A Nintendo toda geração é um controle mais esquisito que o outro.
A Sega e outras empresas demoraram mas pouco a pouco aderiram a esse padrão resgatado pela Sony. O mundo inteiro abraçou isso.
Não estava esquecido.

O SNES estava em produção em 1994, ano de lançamento do PS, como principal console de Nintendo e o seu sucessor saiu em 1996, lançamento do N64.

Se olhar o controle do N64, ele manteve a base de botões do SNES e acrescentou algumas coisas. A Nintendo nunca abandonou o esquema de direcional e botões do SNES em seus portáteis.

Do jeito que você coloca, parece que acredita que há uma década de diferença entre os controles do SNES ter saído de produção e o início de produção do PS.
O controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock, dizer o contrário é nos expor ao seu caxismo. Por favor, argumente sem recorrer a fanatismos, ou use de algum outro arremate, fora a obviedade, do correto processo de evolução desses quitrecos.


O joy do XBox não só lembra fortemente um Dual Shock, ou não é só visível a influência em todo seu contorno, ele é um Dual Shock sem tirar nem pôr nada, não existe ali nenhum elemento a mais (se existir, favor citá-lo) ou a menos, sequer seu formato é significativamente diferente, todo arranjo, funcionalidades, posicionamento dos botões, anatomia e alcance é o do Dual Shock 1

Esse fluxograma que você acolou é muito conhecido, é o argumento mais manjado quando esse assunto é tratado, lembre-se que não existe historigorafia profissional dentro do mercado de videogames, isso aí foi feito por um Zé Mané de internet. Mesmo que o “inventor” do controle do XBox venha a público dizer que ele se inspirou nos controles da Sega, ainda assim ele precisará argumentar onde.

Controles vêm evoluindo desde o primordial, até estabilizar-se numa forma que tudo acopla e transcende, e essa forma é o Dual Shock 1. Ainda estamos jogando nele.

O controle do XBox não chupou nada de nenhum joystick da Sega, e sim do Dual Shock. Favor, usar da lógica quando for argumentar. Esqueça esse fluxograma que foi cooptado por um fulano na internê.

Vou deixar destrinchado em “time-line” sem tempo, se é que isso é possível, mas podemos te dar as datas e os exemplos se você quiser:


1) Todo controle que existe, em 100% do tempo, trouxe alguma coisa de algum controle anterior. Óbvio, já que é um controle. Como tudo em qualquer seara intelectual humana, alguma coisa veio antes, até derivármos ao primeiro joystick de todos, nesse ínterim, do jeito que tratas, todos lhe seriam cópias. Mas não.

2) Alguns controles criaram dead ends, leia-se, mudanças que não vingaram ou não foram massificadas. Exemplo, direcional em disco do Intellivision

3) Alguns controles não criaram propriamente alguns elementos, mas massificaram. Exemplo, não foi o controle do SNES que criou os botões de ombro, ou não foi o controle do N64 que criou os analógicos, cito o joystick XE-A1P da Sega, que os tinha em 1989, mas foram eles que os popularizaram

4) Alguns controles criaram algumas coisas, que se tornaram Open Ends, e foram popularizadas por eles ou não (exemplo, o Dual Analog da Sony foi o primeiro a vir com Rumble, embora temporalmente por um fio, enquanto o Rumble Pack popularizou). Exemplo, o analógico digital foi criado e popularizado pelo NES (na verdade, apareceu no Game&Watch antes), ou o segundo analógico full, os gatilhos, e o fato de você pressionar os analógicos, como botões (L3 e R3, servindo como botões de ação) foram criados e popularizados pelos controles da Sony

5) Alguns controles não criaram nem popularizaram nada. O controle do XBox está aqui.


Vamos argumentar então, o que o controle do XBox tem:

  • Quatro botões frontais: veio de controles third parties longíquos da década de 80, dezenas deles, popularizados pelo SNES
  • Bumpers: veio do XE-1AP da Sega, popularizado pelo controle do SNES
  • Direcional Digital: veio do Game&Watch, popularizado pelo NES
  • Gatilhos: veio do Dual Shock
  • Dois Analógicos: veio do Dual Shock
  • Analógicos Pressionáveis: veio do Dual Shock
  • Empunhadura: popularizada pelo controle do PS1
... sendo que o Dual Shock já tinha direcionais, 4 frontais e bumpers. O controle do XBox é um Dual Shock, ele não trouxe nenhum elemento em Dead End dos controles da Sega (que são: um analógico só, não pressionável, botões frontais em múltiplo de 3). Único controle da história que copiou um template antigo e não acrescentou nada é o do XBox


Me argumente por favor onde o controle do XBox não é uma cópia do Dual Shock sem recorrer a fluxogramas terceiros que só servem pra amaciar essa impressão, qual elemento ele tem a mais, até o barulhinho de “cleck” dos botões-analógicos pra se dar sprint nos first person shooters é igual.

O Dual Sense não pode ter imitado o controle do XBox, porque o controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock 1 do PS1. Me mostre aí que não.
O controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock, dizer o contrário é nos expor ao seu caxismo. Por favor, argumente sem recorrer a fanatismos, ou use de algum outro arremate, fora a obviedade, do correto processo de evolução desses quitrecos.


O joy do XBox não só lembra fortemente um Dual Shock, ou não é só visível a influência em todo seu contorno, ele é um Dual Shock sem tirar nem pôr nada, não existe ali nenhum elemento a mais (se existir, favor citá-lo) ou a menos, sequer seu formato é significativamente diferente, todo arranjo, funcionalidades, posicionamento dos botões, anatomia e alcance é o do Dual Shock 1

Esse fluxograma que você acolou é muito conhecido, é o argumento mais manjado quando esse assunto é tratado, lembre-se que não existe historigorafia profissional dentro do mercado de videogames, isso aí foi feito por um Zé Mané de internet. Mesmo que o “inventor” do controle do XBox venha a público dizer que ele se inspirou nos controles da Sega, ainda assim ele precisará argumentar onde.

Controles vêm evoluindo desde o primordial, até estabilizar-se numa forma que tudo acopla e transcende, e essa forma é o Dual Shock 1. Ainda estamos jogando nele.

O controle do XBox não chupou nada de nenhum joystick da Sega, e sim do Dual Shock. Favor, usar da lógica quando for argumentar. Esqueça esse fluxograma que foi cooptado por um fulano na internê.

Vou deixar destrinchado em “time-line” sem tempo, se é que isso é possível, mas podemos te dar as datas e os exemplos se você quiser:


1) Todo controle que existe, em 100% do tempo, trouxe alguma coisa de algum controle anterior. Óbvio, já que é um controle. Como tudo em qualquer seara intelectual humana, alguma coisa veio antes, até derivármos ao primeiro joystick de todos, nesse ínterim, do jeito que tratas, todos lhe seriam cópias. Mas não.

2) Alguns controles criaram dead ends, leia-se, mudanças que não vingaram ou não foram massificadas. Exemplo, direcional em disco do Intellivision

3) Alguns controles não criaram propriamente alguns elementos, mas massificaram. Exemplo, não foi o controle do SNES que criou os botões de ombro, ou não foi o controle do N64 que criou os analógicos, cito o joystick XE-A1P da Sega, que os tinha em 1989, mas foram eles que os popularizaram

4) Alguns controles criaram algumas coisas, que se tornaram Open Ends, e foram popularizadas por eles ou não (exemplo, o Dual Analog da Sony foi o primeiro a vir com Rumble, embora temporalmente por um fio, enquanto o Rumble Pack popularizou). Exemplo, o analógico digital foi criado e popularizado pelo NES (na verdade, apareceu no Game&Watch antes), ou o segundo analógico full, os gatilhos, e o fato de você pressionar os analógicos, como botões (L3 e R3, servindo como botões de ação) foram criados e popularizados pelos controles da Sony

5) Alguns controles não criaram nem popularizaram nada. O controle do XBox está aqui.


Vamos argumentar então, o que o controle do XBox tem:

  • Quatro botões frontais: veio de controles third parties longíquos da década de 80, dezenas deles, popularizados pelo SNES
  • Bumpers: veio do XE-1AP da Sega, popularizado pelo controle do SNES
  • Direcional Digital: veio do Game&Watch, popularizado pelo NES
  • Gatilhos: veio do Dual Shock
  • Dois Analógicos: veio do Dual Shock
  • Analógicos Pressionáveis: veio do Dual Shock
  • Empunhadura: popularizada pelo controle do PS1
... sendo que o Dual Shock já tinha direcionais, 4 frontais e bumpers. O controle do XBox é um Dual Shock, ele não trouxe nenhum elemento em Dead End dos controles da Sega (que são: um analógico só, não pressionável, botões frontais em múltiplo de 3). Único controle da história que copiou um template antigo e não acrescentou nada é o do XBox


Me argumente por favor onde o controle do XBox não é uma cópia do Dual Shock sem recorrer a fluxogramas terceiros que só servem pra amaciar essa impressão, qual elemento ele tem a mais, até o barulhinho de “cleck” dos botões-analógicos pra se dar sprint nos first person shooters é igual.

O Dual Sense não pode ter imitado o controle do XBox, porque o controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock 1 do PS1. Me mostre aí que não.
Seus próprios argumentos são contraditórios. Uma hora você afirma que não há controle 100% original e, ao mesmo tempo, ignora todas as influências para dizer que só existe o controle do PS sendo copiado.

Esse é o ruim de escrever demais pra provar um ponto de vista em que a premissa é falha. O controle do Xbox não se baseia no DS. Não nego que há alguns elementos em comum, porém esses elementos são baseados em outros controles por o DS ter usado também como influência.

Veja meus outros posts nesse tópico. Eu estou sendo coerente nas minhas afirmações que são as influências da Sega e Nintendo nos controles do Xbox e, por menos que você acredite, trago argumentos consistentes com a história dos consoles.
 

GuybrushBR

Bam-bam-bam
GOLD
Mensagens
4.516
Reações
8.284
Pontos
303
A Sony tinha uma solução de rumble que veio antes do Rumble Pack na linha do tempo

A Sony não copiou a Nintendo em Rumble, porque o primeiro Rumble da história em joystick doméstico foi dela. Isso é vernacularmente impossível, portanto

Agora, a Nintendo também não copiou a Sony nisso, porque as duas estavam desenvolvendo rumble ao mesmo tempo, e aconteceu o acaso de o da Sony ser lançado primeiro
Realmente.... A Sony aprimorou a utilização do Rumble, que no N64 tinha que ser utilizado um acessório para esse fim. Foi dela o primeiro controle integrado com essa função.

Mas não tira o fato de que o primeiro controle com opção de vibração (com acessório ou integrado) foi lançado pela Nintendo.

E na timeline o Rumble veio antes do Dualshock. A introdução desse conceito se deu pela Nintendo. São fatos. A cronologia mostra isso, mais do que qualquer predileção por controle A ou B.
 

armachad

Bam-bam-bam
Mensagens
1.230
Reações
1.986
Pontos
203
Só pra amarrar no final, deixando em outro post, pra ficar como template: Na hora de vir com os gatilhos, os analógicos pressionáveis e o segundo analógico, o controle do XBox não se inspirou nos controles da Sega, e sim no Dual Shock
Gatilhos a Sony só inseriu no PS3 e o Xbox já tinha desde o início, anos antes da Sony. Como a MS poderia ter copiado isso?

Segue esse fato histórico só pra mostrar como você está enganado nos seus argumentos.
 

sagaopc

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.212
Reações
33.470
Pontos
574
Se for pensar em 4 botões frontais e botões nos ombros, melhor lembrar do SNES.
Talvez seja melhor reformular minha afirmação, verá o DNA da Sega e Nintendo.
Os quatro botões e botões de ombro vieram da Nintendo.
Formato base, posicionamentos do analógico e do digital e gatilhos dos controles da Sega.

Não nego a influência do DS que foi copiado bastante, mas dizer que o controle do Xbox foi cópia do DS é descolado da realidade.

Só um detalhe, o único console da Sega com 6 botões padrão foi o Saturn que foi um fracasso. No Mega Drive era um acessório. Eu penso muito mais no controle do MD ou DC quando falo de Sega.
Controle do Xbox era uma cópia do controller do dreamcast (tinha até memory card no controle como o Dreamcast)
 

sagaopc

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.212
Reações
33.470
Pontos
574
Que mané sonismo.
A única coisa da Sega nesses controles é esse formato arredondado estranho.

Não tem jeito. São 4 botões frontais, 4 nos ombros, 2 analógicos, Start e select. Totalmente PlayStation.
Tá usando drogas? O gatilho do controle do Xbox era o mesmo do Dreamcast, entrada pra memory card, não tinha botão de ombro (eram aqueles botões branco e preto bizarros...) Start e Select vem do Snes, só pra te lembrar...
 

sagaopc

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.212
Reações
33.470
Pontos
574
O controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock, dizer o contrário é nos expor ao seu caxismo. Por favor, argumente sem recorrer a fanatismos, ou use de algum outro arremate, fora a obviedade, do correto processo de evolução desses quitrecos.


O joy do XBox não só lembra fortemente um Dual Shock, ou não é só visível a influência em todo seu contorno, ele é um Dual Shock sem tirar nem pôr nada, não existe ali nenhum elemento a mais (se existir, favor citá-lo) ou a menos, sequer seu formato é significativamente diferente, todo arranjo, funcionalidades, posicionamento dos botões, anatomia e alcance é o do Dual Shock 1

Esse fluxograma que você acolou é muito conhecido, é o argumento mais manjado quando esse assunto é tratado, lembre-se que não existe historigorafia profissional dentro do mercado de videogames, isso aí foi feito por um Zé Mané de internet. Mesmo que o “inventor” do controle do XBox venha a público dizer que ele se inspirou nos controles da Sega, ainda assim ele precisará argumentar onde.

Controles vêm evoluindo desde o primordial, até estabilizar-se numa forma que tudo acopla e transcende, e essa forma é o Dual Shock 1. Ainda estamos jogando nele.

O controle do XBox não chupou nada de nenhum joystick da Sega, e sim do Dual Shock. Favor, usar da lógica quando for argumentar. Esqueça esse fluxograma que foi cooptado por um fulano na internê.

Vou deixar destrinchado em “time-line” sem tempo, se é que isso é possível, mas podemos te dar as datas e os exemplos se você quiser:


1) Todo controle que existe, em 100% do tempo, trouxe alguma coisa de algum controle anterior. Óbvio, já que é um controle. Como tudo em qualquer seara intelectual humana, alguma coisa veio antes, até derivármos ao primeiro joystick de todos, nesse ínterim, do jeito que tratas, todos lhe seriam cópias. Mas não.

2) Alguns controles criaram dead ends, leia-se, mudanças que não vingaram ou não foram massificadas. Exemplo, direcional em disco do Intellivision

3) Alguns controles não criaram propriamente alguns elementos, mas massificaram. Exemplo, não foi o controle do SNES que criou os botões de ombro, ou não foi o controle do N64 que criou os analógicos, cito o joystick XE-A1P da Sega, que os tinha em 1989, mas foram eles que os popularizaram

4) Alguns controles criaram algumas coisas, que se tornaram Open Ends, e foram popularizadas por eles ou não (exemplo, o Dual Analog da Sony foi o primeiro a vir com Rumble, embora temporalmente por um fio, enquanto o Rumble Pack popularizou). Exemplo, o analógico digital foi criado e popularizado pelo NES (na verdade, apareceu no Game&Watch antes), ou o segundo analógico full, os gatilhos, e o fato de você pressionar os analógicos, como botões (L3 e R3, servindo como botões de ação) foram criados e popularizados pelos controles da Sony

5) Alguns controles não criaram nem popularizaram nada. O controle do XBox está aqui.


Vamos argumentar então, o que o controle do XBox tem:

  • Quatro botões frontais: veio de controles third parties longíquos da década de 80, dezenas deles, popularizados pelo SNES
  • Bumpers: veio do XE-1AP da Sega, popularizado pelo controle do SNES
  • Direcional Digital: veio do Game&Watch, popularizado pelo NES
  • Gatilhos: veio do Dual Shock
  • Dois Analógicos: veio do Dual Shock
  • Analógicos Pressionáveis: veio do Dual Shock
  • Empunhadura: popularizada pelo controle do PS1
... sendo que o Dual Shock já tinha direcionais, 4 frontais e bumpers. O controle do XBox é um Dual Shock, ele não trouxe nenhum elemento em Dead End dos controles da Sega (que são: um analógico só, não pressionável, botões frontais em múltiplo de 3). Único controle da história que copiou um template antigo e não acrescentou nada é o do XBox


Me argumente por favor onde o controle do XBox não é uma cópia do Dual Shock sem recorrer a fluxogramas terceiros que só servem pra amaciar essa impressão, qual elemento ele tem a mais, até o barulhinho de “cleck” dos botões-analógicos pra se dar sprint nos first person shooters é igual.

O Dual Sense não pode ter imitado o controle do XBox, porque o controle do XBox é uma cópia descarada do Dual Shock 1 do PS1. Me mostre aí que não.
Cara, os gatilhos veio do dreamcast, Dualshock só foi ter gatilho no PS3...:klolwtfEmpunhadura do Dualshock? KKKKKKKKKKKKKK

De todos elementos que tem no controle de Xbox, somente dois elementos vieram do dualshock (segundo analógico e analógico clicável) O resto (inclusive o formato) foram evoluções de outros controles, como:

  • Formato: Evolução do dreamcast (por isso ele é mais arredondado)
  • Botões de frente: ainda é resquicio do dreamcast, que é resquicio do Snes
- Analógicos: veio do Dualshock (2 analógicos clicáveis) que veio do N64
  • Direcional: Diretamente do dreamcast, é exatamente o mesmo direcional até hoje (apenas do Xone que é clicável)
  • Botões Gatilhos: Diretamente do dreamcast
  • botões de ombro: diretamente do Snes
  • Select Start: diretamente do NES
  • Driver: Xinput proprietário da própria MS
  • Tecnologia: Wireless proprietário
  • Alimentação: Pilhas
  • Conexão (Duke) Semelhante ao do dreamcast

Olha a quantidade de elementos de um controle e olha quantos foram baseados no Dualshock. e aí vem me dizer que o controle do Xbox é baseado no Dualshock e me diz que não é sonismo? porra, só quem nunca jogou no duke e nem num dreamcast pra falar isso...
 
Ultima Edição:

Lagarto Distraído

Bam-bam-bam
Mensagens
4.509
Reações
8.778
Pontos
303
Não estava esquecido.

O SNES estava em produção em 1994, ano de lançamento do PS, como principal console de Nintendo e o seu sucessor saiu em 1996, lançamento do N64.

Se olhar o controle do N64, ele manteve a base de botões do SNES e acrescentou algumas coisas. A Nintendo nunca abandonou o esquema de direcional e botões do SNES em seus portáteis.

Do jeito que você coloca, parece que acredita que há uma década de diferença entre os controles do SNES ter saído de produção e o início de produção do PS.
Sim, possivelmente esquecido. Se a Sega fosse copiar o Super Nintendo ela teria feito isso no Saturn.
Quando ela insere os 4 botões frontais no Dreamcast, ela não estava mirando no Super Nintendo, mas sim no seu consolidado rival PS1.
O controle do Xbox no início mantinha um ar de Dreamcast mas o próprio Dreamcast já tinha um ar de Dual Shock. Hoje em dia o controle do Xbox é uma réplica do controle que a Sony resgatou do SNES.
E a Nintendo, como eu disse, toda geração é uma salada
Tá usando drogas? O gatilho do controle do Xbox era o mesmo do Dreamcast, entrada pra memory card, não tinha botão de ombro (eram aqueles botões branco e preto bizarros...) Start e Select vem do Snes, só pra te lembrar...
Vem do Dual Shock. O controle do Dreamcast já estava aderindo características do controle da Sony também.
Hoje em dia o padrão de joystick provém do Dual Shock.
 

NUIIO

Habitué da casa
Mensagens
280
Reações
399
Pontos
73
Parabéns a Sony copiou e aprimorou conceitos do Switch e Xone! Criando um controle inovador pode ser a chave para uma nova evolução natural do padrão dos controles! (Só espero que a MS não copie bateria selada)

Eu considero esses controles como os que ditaram o futuro para evolução dos controles atuais.

- Controle do NES
155232

- Controle SNES


155233

- Controle DualShock 1

155234

-Controle Xbox 360

155235

Estes controles foram os mais marcantes, introduzindo padrão que vem sendo seguido. Ergonomia, Número de botões,
Tecnologias usadas.

O que eu vejo na Microsoft com o controle do Series S/X, era que o controle do XONE já era bem aceito como o melhor e controle de sua geração, e eles não tentaram inovar no controle e melhorar algumas coisas em relação ao antigo Xone.

Já aconteceu isso com a Sony com Dualshock 3, que era praticamente o mesmo Dualshock 1 com analógicos macios e aquela tentativa de fazer um gatilho semelhante ao do x360, porém ficou "daquele jeito". Algo que ficou provado no DS3 é que aquele padrão de ergonomia lançando do DS que era muito confortável em 97. Porem a MS mostrou com o controle do 360 que dava para fazer um controle muito mais anatômico do que os clássicos DS 1,2 e 3.
 

sagaopc

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.212
Reações
33.470
Pontos
574
Sim, possivelmente esquecido. Se a Sega fosse copiar o Super Nintendo ela teria feito isso no Saturn.
Quando ela insere os 4 botões frontais no Dreamcast, ela não estava mirando no Super Nintendo, mas sim no seu consolidado rival PS1.
O controle do Xbox no início mantinha um ar de Dreamcast mas o próprio Dreamcast já tinha um ar de Dual Shock. Hoje em dia o controle do Xbox é uma réplica do controle que a Sony resgatou do SNES.
E a Nintendo, como eu disse, toda geração é uma salada

Vem do Dual Shock. O controle do Dreamcast já estava aderindo características do controle da Sony também.
Hoje em dia o padrão de joystick provém do Dual Shock.
Tá bom cara, voce venceu! Parabéns, continua acreditando nisso!
 

Chris Redfield

Bam-bam-bam
Mensagens
10.015
Reações
6.514
Pontos
484
Como disse no outro tópico, a tecnologia do Dual Sense é algo a ser copiado e que se ocorrer todo mundo sai ganhando porque vira algo padrão e não corre o risco de cair no esquecimento como falante e o touch pad do Dual Shock 4
 

EvilMonkey

Bam-bam-bam
Mensagens
9.371
Reações
10.209
Pontos
389
Cara, os gatilhos veio do dreamcast, Dualshock só foi ter gatilho no PS3...:klolwtfEmpunhadura do Dualshock?
Gatilho mesmo acho que foi implantado no Sega Saturn naquele controle exclusivo para Nights. Lembro muito bem dele por causa de jogar Street Fighter Zero com meu irmao hahaha . Depois veio no DC


Depois vi no xbox classico que funcionava bem em ninja gaiden e halo. Os gatilhos no dual shock sempre achei de brinquedo. So no ps4 que melhorou hahah
 

sagaopc

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.212
Reações
33.470
Pontos
574
Gatilho mesmo acho que foi implantado no Sega Saturn naquele controle exclusivo para Nights. Lembro muito bem dele por causa de jogar Street Fighter Zero com meu irmao hahaha . Depois veio no DC


Depois vi no xbox classico que funcionava bem em ninja gaiden e halo. Os gatilhos no dual shock sempre achei de brinquedo. So no ps4 que melhorou hahah
Verdade, tinha esquecido desse controle
 

sagaopc

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.212
Reações
33.470
Pontos
574
Como disse no outro tópico, a tecnologia do Dual Sense é algo a ser copiado e que se ocorrer todo mundo sai ganhando porque vira algo padrão e não corre o risco de cair no esquecimento como falante e o touch pad do Dual Shock 4
Ah, só pra dar uma trolada com fundo de realidade, feedback tactil já tinha no Steam controller, pena que foi um fracasso (Vários erros, tiraram o direcional pra botar um trackpad inútil, trackpad direito no lugar errado, empurrando pra baixo os botões deixando desconfortável, Botões back, start e guide muito baixos, botões traseiros com funcionalidade quase nula...)

Pra mim o steam controller tinha um potencial de ser o controle definitivo, pois o analógico é bom, os gatilhos são excelentes, porém mal implementados (Dois níveis de pressão, se fossem analógicos seria o que é o do DS5 basicamente) botões extras atrás do controle (pra jogo de corrida seriam as marchas borboletas), os botões de ombro são infinitamente melhores que o do XONE, fora que o controle é totalmente personalizável via software, permitindo jogar tudo.

se tivesse um Steam controller 2 com essas melhorias, isso seria um novo padrão
 

RodrigoviskRJ

Bam-bam-bam
Mensagens
5.289
Reações
7.468
Pontos
384
Não estava esquecido.

O SNES estava em produção em 1994, ano de lançamento do PS, como principal console de Nintendo e o seu sucessor saiu em 1996, lançamento do N64.

Se olhar o controle do N64, ele manteve a base de botões do SNES e acrescentou algumas coisas. A Nintendo nunca abandonou o esquema de direcional e botões do SNES em seus portáteis.

Do jeito que você coloca, parece que acredita que há uma década de diferença entre os controles do SNES ter saído de produção e o início de produção do PS.
O Controle do PS só tem o mesmo padrão do SNES não pq eles vislumbraram alguma vantagem ergonômica, algo do gênero, mas sim pq a Sony estava a frente do projeto de add-on do cd-rom do SNES...
Deve ter sido mais rápido manter o padrão do que pensar em algo "melhor".
 

SilentHill2

Bam-bam-bam
Mensagens
2.186
Reações
3.489
Pontos
303
É lógico que a Sony copiou a Nintendo... Quando viu o rumble pak do N64 e o que ele poderia oferecer para industria, fez também o seu.

Que se tornou melhor e ela que popularizou essa ideia é obvio!!! Mas quem criou foi a NINTENDO! A Sony como sempre, só melhorou...
Não dá para dizer que a Sony copiou a Nintendo no caso do rumble: o Dual Analog e o Rumble Pak saíram exatamente no mesmo mês no Japão. E fora que já existia tecnologia force feedback semelhante em arcades, pinball e acho que até em controle de PC.
 

LSTRY

Bam-bam-bam
Mensagens
3.764
Reações
7.293
Pontos
303
Lembro quando joguei Mario 64 e Starfox 64 pela primeira no dia do lançamento do N64 com o rumble pack. Foi uma sensação indescritível. Estou vivendo isso novamente jogando Astrobot com o Dualsense mas em outro nível.
A Sony mandou muito bem em não apenas lançar um console com placa de vídeo e processador mais poderosos. Se preocupou em oferecer uma nova experiência ao se jogar. Espero que esse recurso não caia no esquecimento.
 

Sony-AMD

Bam-bam-bam
Mensagens
7.640
Reações
7.610
Pontos
338
o controle dual shock e seus derivados são um atraso infelizmente, uma herançaa da dominação playstation, nele só ta errado três coisas, 4 botões de ombro, dois analógicos, 4 botões em forma de diamante. Até surgir uma empresa que rivalize com a sony será isso aí, e as poucas que existem ainda a copiam, nunca perdoarei a Sega por usar aquele controle ridiculo do dreamcast, salvo o analogico ali, o resto nada se aproveita até o fio saí por baixo.

a evolução lógica dos controles é pegar esse aqui e oferecer nele um acabamento elite, colocar a mesma pegada do controle do one ou 360 que é basicamente o que a sony fez e muito feito no dual sense, ale dos outros gmiks

155273
 
Ultima Edição:

NUIIO

Habitué da casa
Mensagens
280
Reações
399
Pontos
73
Parabéns a Sony copiou e aprimorou conceitos do Switch e Xone! Criando um controle inovador pode ser a chave para uma nova evolução natural do padrão dos controles! (Só espero que a MS não copie bateria selada)

Eu considero esses controles como os que ditaram o futuro para evolução dos controles atuais.

- Controle do NES
Visualizar anexo 155232

- Controle SNES


Visualizar anexo 155233

- Controle DualShock 1

Visualizar anexo 155234

-Controle Xbox 360

Visualizar anexo 155235

Estes controles foram os mais marcantes, introduzindo padrão que vem sendo seguido. Ergonomia, Número de botões,
Tecnologias usadas.

O que eu vejo na Microsoft com o controle do Series S/X, era que o controle do XONE já era bem aceito como o melhor e controle de sua geração, e eles não tentaram inovar no controle e melhorar algumas coisas em relação ao antigo Xone.

Já aconteceu isso com a Sony com Dualshock 3, que era praticamente o mesmo Dualshock 1 com analógicos macios e aquela tentativa de fazer um gatilho semelhante ao do x360, porém ficou "daquele jeito". Algo que ficou provado no DS3 é que aquele padrão de ergonomia lançando do DS que era muito confortável em 97. Porem a MS mostrou com o controle do 360 que dava para fazer um controle muito mais anatômico do que os clássicos DS 1,2 e 3.
o controle dual shock e seus derivados são um atraso infelizmente, uma herançaa da dominação playstation, nele só ta errado três coisas, 4 botões de ombro, dois analógicos, 4 botões em forma de diamante. Até surgir uma empresa que rivalize com a sony será isso aí, e as poucas que existem ainda a copiam, nunca perdoarei a Sega por usar aquele controle ridiculo do dreamcast, salvo o analogico ali, o resto nada se aproveita até o fio saí por baixo.

a evolução lógica dos controles é pegar esse aqui e oferecer nele um acabamento elite, colocar a mesma pegada do controle do one ou 360 que é basicamente o que a sony fez e muito feito no dual sense, ale dos outros gmiks

Visualizar anexo 155273
Mas o controle do Dreamcast era ótimo para FPS ou jogos de corrida. Gran Turismo 4 seria muito mais divertido se naquela época a Sony tivesse copiado os gatilhos já no PS2, porém só fez isso com competência no PS4. O controle do Dream tinha seus defeitos, mas não era por exemplo o controle do N64.

Obs: Eu também gosto muito do controle do Mega e Saturn. Até hoje não tem controle para jogos 2D melhor que o do Sega Saturn.
 

NUIIO

Habitué da casa
Mensagens
280
Reações
399
Pontos
73
o controle dual shock e seus derivados são um atraso infelizmente, uma herançaa da dominação playstation, nele só ta errado três coisas, 4 botões de ombro, dois analógicos, 4 botões em forma de diamante. Até surgir uma empresa que rivalize com a sony será isso aí, e as poucas que existem ainda a copiam, nunca perdoarei a Sega por usar aquele controle ridiculo do dreamcast, salvo o analogico ali, o resto nada se aproveita até o fio saí por baixo.

a evolução lógica dos controles é pegar esse aqui e oferecer nele um acabamento elite, colocar a mesma pegada do controle do one ou 360 que é basicamente o que a sony fez e muito feito no dual sense, ale dos outros gmiks

Visualizar anexo 155273
Mas o controle do Dreamcast era ótimo para FPS ou jogos de corrida. Gran Turismo 4 seria muito mais divertido se naquela época a Sony tivesse copiado os gatilhos já no PS2, porém só fez isso com competência no PS4. O controle do Dream tinha seus defeitos, mas não era por exemplo o controle do N64.

Obs: Eu também gosto muito do controle do Mega e Saturn. Até hoje não tem controle para jogos 2D melhor que o do Sega Saturn.
 

Sony-AMD

Bam-bam-bam
Mensagens
7.640
Reações
7.610
Pontos
338
Mas o controle do Dreamcast era ótimo para FPS ou jogos de corrida. Gran Turismo 4 seria muito mais divertido se naquela época a Sony tivesse copiado os gatilhos já no PS2, porém só fez isso com competência no PS4. O controle do Dream tinha seus defeitos, mas não era por exemplo o controle do N64.

Obs: Eu também gosto muito do controle do Mega e Saturn. Até hoje não tem controle para jogos 2D melhor que o do Sega Saturn.
eu não sei, não estou hateando o controle do dreamcast apenas por hatear, quando a gente apenas joga a impressão que se tem é positiva, o d-pad em cruz, o analógico estranho, a leveza do controle, o espaço para colocar os acessórios, até o fio saindo por baixo sendo prendido naquele encaixe que solta, tudo é bem legal.

A coisa fica estranha quando começamos a analisar o controle, a comparar, a questionar, por exemplo quando vemos o controle padrão do saturn vemos que o design dele é para jogos de luta, quando vemos o controle do ps2 vemos um controle para jogos abrangentes, o wii mote vemos que o movimento se adequa bem, mas o controle do DC não vemos um padrão, a sega acertou em colocar um único analógico mas errou feio em reduzir o número de botões, no fundo o plano deles era que a pessoas comprassem teclado e controle arcade enfim eles nerfaram o controle de proposito para vender acessórios.

não é ruim de todo, como nenhum controle é, só menos bom, sobretudo se comparado ao controle 3D do saturn o controle perfeito de onde a evolução parou.
 

Majima-San

Bam-bam-bam
Mensagens
4.234
Reações
11.743
Pontos
303
Do jeito que você coloca, parece que acredita que há uma década de diferença entre os controles do SNES ter saído de produção e o início de produção do PS.
Seus próprios argumentos são contraditórios. Uma hora você afirma que não há controle 100% original e, ao mesmo tempo, ignora todas as influências para dizer que só existe o controle do PS sendo copiado.

Esse é o ruim de escrever demais pra provar um ponto de vista em que a premissa é falha. O controle do Xbox não se baseia no DS. Não nego que há alguns elementos em comum, porém esses elementos são baseados em outros controles por o DS ter usado também como influência.

Veja meus outros posts nesse tópico. Eu estou sendo coerente nas minhas afirmações que são as influências da Sega e Nintendo nos controles do Xbox e, por menos que você acredite, trago argumentos consistentes com a história dos consoles.

Essa tática é bastante ineficaz, esse ghost da citação de algo que não ocorre num punhado de argumentos, como se existisse, não funciona, You Have no Power Here, não existe contradição alguma no que eu disse. O Dual Shock é a amálgama de elementos que foram se moldando, vindo do passado remoto, + várias criações próprias (meia dezena), até estabilizar-se num formato ULTIMATE, que doutrinou completamente o mercado


O joy do XBox é um Dual Shock, não tem dificuldade de entender isso. Tudo que ele tem de mais recente, coube ao Dual Shock (o duo gatilhos + Bumpers, dois analógicos, botões sobre os direcionais, arranjo na tábua), quando ele puxa os quatro botões frontais ou a empunhadura, ele não está se inspirando em joys antigos da década de 80, ou no controle do SNES (cujo layout a própria Nintendo mudou no N64), e sim copiando descaradamente o Dual Shock. É claramente em fluxo.


Não é difícil perceber de quem ele é uma cópia, pela lógica helênica, pra ficar fácil de entender:

  • ele tem tudo que o Dual Shock tem, não existe nenhum elemento no controle do PS1 que também não esteja presente no controle do XBox. Os caras sequer tiveram a preocupação de omitir algum feature
  • não tem nada a mais, nenhum um mísero recurso sequer, vibração, analógicos com “cleck”, dois botões de ombro, qualquer coisa que tem nele tem no Dual Shock 1.
  • o Dual Shock é anterior a ele na linha do tempo
  • o Dual Shock tem elementos únicos, ausentes em outros controles prévios, leia-se, ele mesmo não é cópia de nenhum outro, embora seja, como todo controle, uma evolução em alguns aspectos, já que é de natureza de qualquer elemento intelectual, o mero uso de botões, ao invés de “switches”, ou “roscas”, já configura tal questão. Não vamos chamar o controle do NES de cópia do do Atari, porque ambos usam botões como ação, e não roldanas como os Pong

Tanto é verdade, que eu consigo jogar Halo 5 no Dual Shock 1 do PS1, o botão de mira é o mesmo e está no mesmo lugar, o botão de atirar, o de dar sprint, o de recarregar a arma, o de pular, o de verificar objetos, o de mover o personagem, tudo é executável perfeitamente, sequer a posição espacial desses botões precisa ser mudada, é uma fotocópia, vá lá tentar jogar Gears 5 no controle do Dreamcast ou do Saturn, danadão


. Foi dela o primeiro controle integrado com essa função.
E na timeline o Rumble veio antes do Dualshock.
De jeito nenhum. O primeiro controle integrado com a função foi da Sony, temporalmente falando inclusive. O Dual Analog, um Dual Shock exclusivo do Japão, precedeu o Rumble Pack em lançamento e revelação. O que eu estou falando é que o primeiro joystick com vibração da história é da Sony, contando tudo, inclusive adons, ele foi o primeiro literalmente.


Leia esse post abaixo com fontes, curiosamente num outro tópico sobre o Dual Sense, para mais detalhes...

Bem, vamos lá. Antes de mais nada, a minha intenção não é aviltar a Nintendo, cujo cerne amo, e cuja história é repleta de vanguardas, quitrecos e inovações. Outrossim, muito menos me animaria em difamá-la adiante e além, porque eu não ganharia um puto com isso sequer, e eu não aceitaria erodi-la sem que alguns bits entrassem em minha conta bancária.


Mas não foi ela quem criou e nem foi ela a pioneira na tecnologia Rumble em controles domésticos. Não foi ela. Não foi. Quem criou pro mundo sequer sabemos - pra registro, há uma patente da Atari de 1991 de controles que tremem.


O Rumble Pack foi revelado na Nintendo Space World (antiga Shoshinkai) em 22 de novembro de 1996. O Dual Analog, joystick que já continha a função Rumble, foi revelado na Playstation Expo, que ocorreu de 1 a 4 de novembro de 1996, portanto 21 dias antes. Donde, pela regra da razão, temos que aceitar que a primeira revelação histórica de um controle para consoles de mesa com a função Rumble se deu assim, by Sony.


FONTE: Next Generation. Edição 25 de Janeiro de 1997, está lá na página 14 - as matérias, de cobertura em flanela dessas belas feiras noventistas, citam a apresentação do Joystick com função Rumble.


O controle foi lançado no Japão, e Tobal Number 2 (Tobal 2, e não 1) e Bushido Blade foram os primeiros games da história compatíveis com a função Rumble num Joystick Home, do primeiro joystick rumble da história. O primeiro.


Essa informação é facilmente checável por regressão via emulação.


Doravante, a história demonstra que a Sony não quis fazer o lançamento internacional do Dual Analog com a função Rumble, que ficou restrita aos modelos japoneses. Justificativa, dada pelo spokesman da Sony:


"Avaliamos todos os recursos e decidimos, por razões de fabricação, que o mais importante para os jogadores ocidentais era o recurso analógico."


Outros tagarelas Sonísticos disseram que alguns modelos apresentavam alguns pequenos defeitinhos, o que ajudou na decisão.


FONTE: A página 26 da edição número 33 da antológica - e infelizmente extinta - revista Next Generation, uma das magazines-símbolo dos meus queridos 90's.


Depois, a função veio sob a forma do rebatizado Dual Shock pro Ocidente.


By the way, nessa mesma matéria de grande valor histórico, a Nintendo revelou, também em entrevista, que jamais processou a Sony quando ela veio com a função Rumble pros EUA (isso foi boato de fanboy), porque ela sabia que iria perder, já que a Sony é que foi historicamente a pioneira na tecnologia.



Agora, não é porque a Sony mostrou a função Rumble num Joystick 21 dias antes da Nintendo, e não é porque Tobal 2 e Bushido Blade venceram Star Fox 64 em 2 fucking dias como os dois primeiros games com Rumble do mundo é que a Nintendo copiou a Sony.


Isso é impossível, porque ela não conseguiria fazê-lo em 3 semanas. Portanto, é mais um caso de muitos milhões de desenvolvimento conjunto e coincidente.


Eu me lembro do alvoroço com o Rumble Pack, das publicidades na Super Game Power de Star Fox 64, com a frase de efeito: "FAÇA UM TEST DRIVE. SEGURE NA MÃO DE SEU AVÔ", minha memória é muito boa pra essas coisas (e pra outras coisas também).


Mas é preciso deixar a história repousar nos cálices da verdade: o primeiro controle com Rumble e os dois primeiros games com Rumble da história são da Sony, e não há nada que possa ser feito quanto a isso. Ela é a pioneira aqui, embora isso só valha como Trivia, já que poucos dias depois a Nintendo apresentou coisa semelhante - embora menos hermosa e caliente, já que as funções da Sony sempre foram Buil-in, portanto superiores tecnicamente.

... mas, se clicar no Link, não se avilte com o chilique do Gamer King sobre a questão abaixo.

O primeiro Rumble da história foi do Dual Shock japonês, ele foi tanto lançado quanto teasado antes da demonstração do Rumble Pack do 64tão, os dois primeiros jogos da história a fazerem uso do Rumble foram Tobal e Bushido Blade do PS1, a Sony só não quis trazer o joystick pro ocidente. Favor, ler o post acima em quote.


Gatilhos a Sony só inseriu no PS3 e o Xbox já tinha desde o início, anos antes da Sony. Como a MS poderia ter copiado isso?

Segue esse fato histórico só pra mostrar como você está enganado nos seus argumentos.
Cara, os gatilhos veio do dreamcast, Dualshock só foi ter gatilho no PS3...:klolwtfEmpunhadura do Dualshock? KKKKKKKKKKKKKK

De todos elementos que tem no controle de Xbox, somente dois elementos vieram do dualshock (segundo analógico e analógico clicável) O resto (inclusive o formato) foram evoluções de outros controles, como:

  • Formato: Evolução do dreamcast (por isso ele é mais arredondado)
  • Botões de frente: ainda é resquicio do dreamcast, que é resquicio do Snes
- Analógicos: veio do Dualshock (2 analógicos clicáveis) que veio do N64
  • Direcional: Diretamente do dreamcast, é exatamente o mesmo direcional até hoje (apenas do Xone que é clicável)
  • Botões Gatilhos: Diretamente do dreamcast
  • botões de ombro: diretamente do Snes
  • Select Start: diretamente do NES
  • Driver: Xinput proprietário da própria MS
  • Tecnologia: Wireless proprietário
  • Alimentação: Pilhas
  • Conexão (Duke) Semelhante ao do dreamcast
Olha a quantidade de elementos de um controle e olha quantos foram baseados no Dualshock. e aí vem me dizer que o controle do Xbox é baseado no Dualshock e me diz que não é sonismo? porra, só quem nunca jogou no duke e nem num dreamcast pra falar isso...

Meu Deus...

.............................................

........

.........

Claro que não. Vocês estão se atando à forma, e não à função. O conceito de Bumpers e Triggers é o do L1/L2 - R1/R2, tanto na teoria como na prática, dado o uso consagrado moderno em Alien Ressurrection do PS1, onde o L2 mira e o R2 atira, e o analógico direito movimenta a câmera.



O que o Dual Shock 1 do PS1 tem no contorno posterior de seus ombros são dois gatilhos nas acepções moderna e eterna, não importa se o formato é redondo, de alça de cabide ou de benga de jumento, se ultrapassa a borda do acrílico, ou se se inclui na margem do botão proximal.

Os botões traseiros do Dreamcast são L e R tradicionais, com usos diversos, e o Z Trigger do N64 é um botão L pra quem faz a empunhadura central, já que não dá pra alcançar o L real na borda de lá do controle, dado um canino do tridente no mei trapaiano.

Até é usado como botão de tiro em GoldenEye, por exemplo, mas um botão de ombro de qualquer outro controle idem.


A formatação correta que traduz o Gatilho moderno é o duo Bumper + Trigger, que é o L1/L2 - R1/R2, essa foi a solução final, os outros layouts ensejaram respostas em Dead End histórico, e foram os gatilhos (segundo botão de ombro), a partir de Alien Ressuction do PS1, que o Joystick do Xbox calhou em imitar descaradamente.


Porque o controle do Xbox é uma cópia full, sem acrescentar nem tirar nada, do Dual Shock 1 do PS1, é o mesmo controle até hoje.

O Tortinhas já tentou me vir com essa umas 3 vezes, eu ri da cara dele nessas ocasiões, mas não vou rir da sua.

O Dual Shock é basicamente o Dual Analog (versão Japan-Only), que por sua vez é a minituarização do Analog Joystick SCPH-1110, que foi revelado publicamente em agosto de 95, e lançado em 25 de abril de 96 (o Nintendo 64 saiu em setembro)



155324

Ele é compatível com games de corrida, futebol, ação, shooters e aventura, inclusive o software do Japan Studio que serviu de show pro Dual Shock, Ape Escape, é compatível com esse controle também. Ele tem duas alavancas analógicas. Uso reptício e frustro por uso reptício e frustro, eu fico com esse, no lugar daqueles botões C do N64, porque o Analog SCPH-1110 é temporalmente anterior a ele, “tá em casa”, como diz os tiozão, e além de tudo é a história real da coisa.
 

Polivalente

Bam-bam-bam
Mensagens
1.312
Reações
5.152
Pontos
303
discussão inútil do c***lho acima. Pqp. Todo copiou um pouco de todo mundo. E não existe posição de analógico certa ou errada, cada um escolhe a que prefere e fodase.
Quero saber mesmo é quando sai novas cores para esse joystick, pois o layout atual é brochante.
 
Topo