O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Popularity of Sony’s PlayStation VR Surprises Even the Company

Tigerfang

Bam-bam-bam
Mensagens
8.238
Reações
13.522
Pontos
354
Ainda da Sony:

  • We are increasing production to meet demand and will continuously support content developers as they create innovative VR experiences that are only possible on PlayStation

  • The number of PS VR software titles and experiences reached more than 100 globally as of February 19, 2017

  • The number of developers and publishers has increased to more than 360

  • Currently there are more than 220 software titles and content in development for PS VR with highly anticipated launches on their way, including ACE COMBAT 7, FINAL FANTASY XV, STEEL COMBAT, TEKKEN 7, Farpoint, Gran Turismo Sport in addition to video content

  • By the end of 2017, over 100 new software titles and experiences are expected to be released.
 


Salaminho

Bam-bam-bam
Mensagens
3.508
Reações
6.157
Pontos
339
Se levarmos em conta a base instalada de Ps4(que está ganhando a geração com folga) e a fervorosidade dos fãs da sony, esse número é baixo.

Podem até dizer que está em falta, mas isso não existe, não tem milhares de pessoas querendo comprar o VR como alguns fazem parecer, eles sabem que não existe demanda suficiente e querem evitar o produto de ficar pegando poeira nas lojas, afinal, é melhor um produto em falta do que sobrando e mostrando desinteresse do público.
 

O Rei Rubro

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.204
Reações
29.381
Pontos
589
Eu queria usar os cardboards dá vida pra VR no PC, já tem coisa boa parece, mas eu estava meio sem tempo pra testar...

Quando tiver tempo quero testar melhor, o futuro deveria ser este...
Os cardboards só apresentam a imagem. Não apresentam reconhecimento de ambiente.

É por isso que tem tanta gente falando: usei o Gear VR (ou similares) e não achei grandes coisas. Além do conteúdo desses equipamentos não ser nada perto de um Serious Sam VR ou REVII, a experiência não é a mesma. Sem um equipamento que permita o reconhecimento espacial de "você", esses cardboards não passam de uma TV 360 graus.
 

ffaabbiio

Ei mãe, 500 pontos!
VIP
Mensagens
10.992
Reações
19.913
Pontos
594
Os cardboards só apresentam a imagem. Não apresentam reconhecimento de ambiente.

É por isso que tem tanta gente falando: usei o Gear VR (ou similares) e não achei grandes coisas. Além do conteúdo desses equipamentos não ser nada perto de um Serious Sam VR ou REVII, a experiência não é a mesma. Sem um equipamento que permita o reconhecimento espacial de "você", esses cardboards não passam de uma TV 360 graus.
Eu usei o gear VR naquele jogo de montanha russa e achei idêntico ao Rift que usei em outra oportunidade com o mesmo jogo.
 

O Rei Rubro

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.204
Reações
29.381
Pontos
589
Eu usei o gear VR naquele jogo de montanha russa e achei idêntico ao Rift que usei em outra oportunidade com o mesmo jogo.
Pode até ser que tenha sido mesmo. Ainda mais por ser uma experiência de montanha russa onde você fica parado o tempo todo.

Mas isso não significa em hipótese alguma que você tenha experimentado o que o Rift tem a oferecer. Seria muita ingenuidade acreditar que um cardboard oferece a mesma experiência que um equipamento dedicado de 800 trumps. Mesmo o PSVR que oferece posicionamento espacial, não tem o mesmo hardware que um Rift.

Cardboard, é só uma TV em 360 graus.
 


Percheron

Bam-bam-bam
Mensagens
1.234
Reações
2.556
Pontos
303
Comprei o meu praticamente no lançamento e estou satisfeitíssimo com ele. Já mostrei para um nem número de pessoas (colegas de trabalho, amigos, parentes) e TODOS gostaram muito.
Resident Evil é outro jogo com VR.:kkong
Eagle Flight foi uma grata surpresa.
Until Dawn eu peguei sem esperar muito e adorei tb.
E, caras... A VR mission do Star Wars Battlefront, pqp. :kqueixo
 

digofly

Bam-bam-bam
Mensagens
4.946
Reações
4.267
Pontos
359
Falam em Damage Control da Sony, mas o que mais vejo é Damage Control de usuários, que até pouco tempo atrás diziam que a Sony tava quieta, e etc. pq tinha flopado e tal, agora depois dessa entrevista, é só... - veja bem, mas é fabricado, mas não atingiu meta, etc. altos 180°....
:klol:klol:klol
 

ffaabbiio

Ei mãe, 500 pontos!
VIP
Mensagens
10.992
Reações
19.913
Pontos
594
Pode até ser que tenha sido mesmo. Ainda mais por ser uma experiência de montanha russa onde você fica parado o tempo todo.

Mas isso não significa em hipótese alguma que você tenha experimentado o que o Rift tem a oferecer. Seria muita ingenuidade acreditar que um cardboard oferece a mesma experiência que um equipamento dedicado de 800 trumps. Mesmo o PSVR que oferece posicionamento espacial, não tem o mesmo hardware que um Rift.

Cardboard, é só uma TV em 360 graus.
Eu testei o Rift, vive e o gear VR, o que mais me decepcionei foi o vive, como foi no project cars, um jogo mesmo, eu esperava mais, a imersão estava OK, mas a imagem me decepcionou demais, vou ficar no aguardo de coisas melhores pra entrar nessa tecnologia, ou preços que justifiquem.
 

O Rei Rubro

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.204
Reações
29.381
Pontos
589
Comprei o meu praticamente no lançamento e estou satisfeitíssimo com ele. Já mostrei para um nem número de pessoas (colegas de trabalho, amigos, parentes) e TODOS gostaram muito.
Resident Evil é outro jogo com VR.:kkong
Eagle Flight foi uma grata surpresa.
Until Dawn eu peguei sem esperar muito e adorei tb.
E, caras... A VR mission do Star Wars Battlefront, pqp. :kqueixo
Conte-me mais sobre a missão VR do Star Wars.

É possível jogar single? Quanto tempo dura? Inevitavelmente tem que comprar o Battlefront full? Não dá pra comprar somente esse pedaço?
 

met-reload

Bam-bam-bam
Mensagens
6.333
Reações
2.783
Pontos
409
é muito caro para pouco proveito.
espero mais games e queda no preço, a sony não me dibrará novamente como fez no psmove.
 

renbh

Bam-bam-bam
VIP
Mensagens
12.508
Reações
9.239
Pontos
434
Muito boa notícia. A internet tem muitos analistas auto-suficientes, aqueles que formulam sua análise super "fiel" do mercado sem consultar qualquer fonte externa, isso é o ápice da avaliação de qualquer tipo de dado, afinal para que gastar milhões em coletas? Basta olhar para o espaço vazio e bam... já sabem tudo.

PSVR é um periférico extremamente caro, então a Sony parece estar administrando a inserção no mercado de forma bem lenta, até pouco tempo atrás existia escassez no mercado, o preço também não caiu como se esperava depois deste período de ágio, então as expectativas estão dentro do que se esperava, mesmo que não tenha sido vendido milhões como as análises mais malucas "previam". Com uma base de um milhão é possível fazer jogos menores e vale a pena olhar a hipótese de jogos hibridos como RE 7, basta que esta base seja ativa, que tenha um attach rate legal. Isso é o que realmente pesa neste caso, as vendas do hardware estão dentro do esperado, tem que ver as vendas de software.
 

VRgulino

Habitué da casa
Mensagens
291
Reações
262
Pontos
63
por sinal, chegou a 4.2 milhões de unidades em pouco mais de 2 anos no mercado, apesar de muito haterismo ignorante

peguei o meu fim de 2017, pq os ports de RE7, Dirt Rally e Skyrim nesse mesmo ano me convenceram de que tinha mais potencial que mera máquina pra diversão casual em minigames estilo Wii e Kinect. Até então, eu também era hater - sem nunca ter testado, como todo hater
 

Grave Uypo

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.363
Reações
17.361
Pontos
553
até hoje vr nao mostra para o que veio. nao tem nada que justifique.
ao contrario de muitos aqui eu era defensor até testar por mais do que alguns minutos. em uma semana vc guarda e nunca mais usa. negocio inutil
 

tortinhas10

É Nintendo ou nada!
Mensagens
80.253
Reações
171.165
Pontos
979
Eu comprei e tinha a previsão de usar bastante, mas só usei quando comprei. As vezes uso quando vem um amigo aqui, mas a galera fica enjoada e para com menos de cinco minutos (um amigo até vomitou).

Sinto falta de jogos mais atraentes, os jogos lá parecem jogos de celular (só o do robô é bom mesmo).
 

RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.435
Reações
21.169
Pontos
363
Apesar dos detratores, não há uma empresa de renome no campo da tecnologia que não esteja explorando e investindo em algum aspecto envolvendo AR/VR, respeito quem não tenha interesse ou não veja importância palpável no potencial, mas para o bem da verdade, AR/VR fará parte da vida de muita gente, o progresso é lento? Sim, mas todos os players que estão jogando esse jogo sabem que é um caminho sem volta, da mesma forma que hj montadoras direcionam investimentos em carros elétricos, ambos serão lugar comum assim que custos acessíveis e usabilidade convergirem.

@Kise Ryota
 

Link_1998

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.418
Reações
14.791
Pontos
649
Apesar dos detratores, não há uma empresa de renome no campo da tecnologia que não esteja explorando e investindo em algum aspecto envolvendo AR/VR, respeito quem não tenha interesse ou não veja importância palpável no potencial, mas para o bem da verdade, AR/VR fará parte da vida de muita gente, o progresso é lento? Sim, mas todos os players que estão jogando esse jogo sabem que é um caminho sem volta, da mesma forma que hj montadoras direcionam investimentos em carros elétricos, ambos serão lugar comum assim que custos acessíveis e usabilidade convergirem.

@Kise Ryota
Eu confesso que ando tentado no VR e nos conteúdos que saíram, mas na boa, acho que essa tecnologia chegou no ponto máximo de alcance e não vai além disso, tipo o 3D. O desconforto e trabalho extra pra se experimentar um VR ultrapassa a boa vontade dispender o menor esforço depois de um dia cansativo de trabalho.
 

RareHero

Bam-bam-bam
Mensagens
8.435
Reações
21.169
Pontos
363
Eu confesso que ando tentado no VR e nos conteúdos que saíram, mas na boa, acho que essa tecnologia chegou no ponto máximo de alcance e não vai além disso, tipo o 3D. O desconforto e trabalho extra pra se experimentar um VR ultrapassa a boa vontade dispender o menor esforço depois de um dia cansativo de trabalho.
Jogos de corrida são meu gênero predileto e isso que vc descreveu vai de encontro com o ato de jogar com um volante, mas isso não me impede de vivenciar a experiência, mesmo que meu dia tenha sido estafante, na verdade isso também vai de encontro com quem jogava ou joga no Wii, são experiências, que para o bem ou para o mal exigem certa dedicação de quem está disposto a vivenciar seus diferenciais, nunca será igual a apenas segurar um controle, mas tem suas vantagens que compensam a quebra de paradigma na usabilidade.
 

Kise Ryota

Exploiter Lixoso
VIP
Mensagens
40.316
Reações
53.197
Pontos
909
Eu confesso que ando tentado no VR e nos conteúdos que saíram, mas na boa, acho que essa tecnologia chegou no ponto máximo de alcance e não vai além disso, tipo o 3D. O desconforto e trabalho extra pra se experimentar um VR ultrapassa a boa vontade dispender o menor esforço depois de um dia cansativo de trabalho.
Enquanto os headsets não ficam do tamanho de visores e sem fios, exatamente desse jeito aqui, eu acho que um produto como o Oculus Quest tem o potencial de trazer novos consumidores. De todas as tentativas até aqui, eu acho que essa é a que tem as maiores chances de sucesso (talvez até supere o PSVR).

Se fosse esse mesmo hardware mas com jogos da Nintendo (Metroid, Mario Kart, Mario Tennis, Zelda, Mario Party, Wii Sports VR Edition e por aí vai) eu acho que veríamos um home run.

Não ter o apoio das 3rds trazendo AAA's complica muito. Por isso uma empresa como a Nintendo teria as maiores chances de sucesso, pq com um bom hardware nas mãos ela faz mágica no software.






A única coisa que me preocupa em relação ao futuro dessa tecnologia (na indústria de games) é o motion sickness. Será a última barreira a ser transpassada. Nesse momento eu não tenho nenhum dado que mostre qual a porcentagem dos seres humanos suscetíveis a sofrerem motion sickness por movimentação artificial. Ficar limitado a teleporte ou experiências que funcionam apenas num espaço de 2m² é brochante.
 

VRgulino

Habitué da casa
Mensagens
291
Reações
262
Pontos
63
Eu confesso que ando tentado no VR e nos conteúdos que saíram, mas na boa, acho que essa tecnologia chegou no ponto máximo de alcance e não vai além disso, tipo o 3D. O desconforto e trabalho extra pra se experimentar um VR ultrapassa a boa vontade dispender o menor esforço depois de um dia cansativo de trabalho.
gordão apertador de botão com medo de suar a camisa :lolwtf

VR não é só estar lá atacando com uma espada na sua mão ou desviando de golpes, balas, etc. Tem jogos mais tradicionais de jogar sentado mesmo, não só jogos de cockpit, mas também jogos de plataforma, estratégia, puzzles, adventures. Jogar esses não "cansa" e a emoção de estar dentro do jogo é incomparável com apenas assistir numa telinha

mas mesmo jogos como Skyrim, com espada na mão, não cansam tanto quanto parece, tirando em batalhas mais tensas. Mas o lance é que entre uma batalha e outra tem momentos de descanso, ajeitando o inventário, explorando, etc

mas sim, VR precisa de pique. Se chego cansado em casa, tô fora
 

VRgulino

Habitué da casa
Mensagens
291
Reações
262
Pontos
63
Jogos de corrida são meu gênero predileto e isso que vc descreveu vai de encontro com o ato de jogar com um volante, mas isso não me impede de vivenciar a experiência, mesmo que meu dia tenha sido estafante, na verdade isso também vai de encontro com quem jogava ou joga no Wii, são experiências, que para o bem ou para o mal exigem certa dedicação de quem está disposto a vivenciar seus diferenciais, nunca será igual a apenas segurar um controle, mas tem suas vantagens que compensam a quebra de paradigma na usabilidade.
jogo de corrida em VR não cansa absolutamente nada. O único problema pra VRgens é ganhar a resistência ao movimento

discordo sobre serem mini experiências estilo Wii. O que acontece é que enquanto for um mercado pequeno de nicho, não há lucro envolvido para empresas grandes - mas indies tem se saído bem. Só que indies tem menor orçamento, seus jogos nunca terão conteúdo suficiente, mas por outro lado são baratos.

Eu espero no PS5 estar jogando RDR2 no psvr - tem o poder extra pra isso e quero estar lá cavalgando por aquelas pradarias, mirando uma arma como se deve, laçando inimigos, entrando em brigas de bar com meus próprios punhos, quebrando garrafas nas cabeças... tenho poucas dúvidas de que ports maiores como esses serão um dos grandes atrativos do psvr no PS5

cansado depois de um dia de trabalho ou não, é num mundo virtual desses que quero descansar
 

O Rei Rubro

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.204
Reações
29.381
Pontos
589
Engraçado ver nintendista neste tópico tentando desmerecer o psvr, já em 2017 (e sem razão ainda) e hoje estarem com aquele lixo do Labo kkkkkk (vejam a primeira página :kkk).

O mundo dá voltas queridinha.
E não é? Pessoal deveria tomar cuidado com o que fala para não se tornar escravo das próprias palavras...kkkk.
 

Versao

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.955
Reações
25.169
Pontos
604
Ontem por coincidência liguei novamente o PSVR depois de algum tempo, confesso que gostaria MUITO de ver mais jogos com uma certa profundidade (não esses minis jogos), estava jogando novamente Astro Bot e viajando naquele mundo, a imersão com VR é algo que jamais teremos olhando pra uma tela.


.
 

Morpheu Mishima

Supra-sumo
Mensagens
3.384
Reações
200
Pontos
169
por sinal, chegou a 4.2 milhões de unidades em pouco mais de 2 anos no mercado, apesar de muito haterismo ignorante

peguei o meu fim de 2017, pq os ports de RE7, Dirt Rally e Skyrim nesse mesmo ano me convenceram de que tinha mais potencial que mera máquina pra diversão casual em minigames estilo Wii e Kinect. Até então, eu também era hater - sem nunca ter testado, como todo hater
Ótimo! Mas ainda espero por uma versão atualizada do periférico antes de compra-lo.
 

VRgulino

Habitué da casa
Mensagens
291
Reações
262
Pontos
63
Ontem por coincidência liguei novamente o PSVR depois de algum tempo, confesso que gostaria MUITO de ver mais jogos com uma certa profundidade (não esses minis jogos), estava jogando novamente Astro Bot e viajando naquele mundo, a imersão com VR é algo que jamais teremos olhando pra uma tela.


.
já tentou Skyrim ou Borderlands?
 

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.157
Reações
6.745
Pontos
459
por sinal, chegou a 4.2 milhões de unidades em pouco mais de 2 anos no mercado, apesar de muito haterismo ignorante

peguei o meu fim de 2017, pq os ports de RE7, Dirt Rally e Skyrim nesse mesmo ano me convenceram de que tinha mais potencial que mera máquina pra diversão casual em minigames estilo Wii e Kinect. Até então, eu também era hater - sem nunca ter testado, como todo hater
para uma base de quase 100milhoes de usuarios acho isso um racasso estrepitoso. Mas como e da Sony todo mundo diz que eum sucesso.
 

VRgulino

Habitué da casa
Mensagens
291
Reações
262
Pontos
63
para uma base de quase 100milhoes de usuarios acho isso um racasso estrepitoso. Mas como e da Sony todo mundo diz que eum sucesso.
é um acessório com o mesmo preço do console desses 100 milhões

e relativamente poucos jogos

é um pioneiro que vai estar barato suficiente na entrada em cena do PS5. E aí a biblioteca tem um salto significativo e o preço do acessório se torna relativamente bem menor que o do console
 
Topo