O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Problemas financeiros duríssimos.

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
Galera, boa tarde.

Estou passando por um "perrengue" financeiro. Será que podem me ajudar a encontrar uma luz no fim desse túnel?

Situação é a seguinte; moro com a minha esposa, temos um apartamento financiado, dívidas no cartão de crédito e 2 empréstimos consignados em aberto. Não estamos dando conta.

O real problema em si é que, fazendo uma breve planilha das contas fixas que temos no mês, não conseguimos pagar com os nossos salários, justamente por causa dos dois consignados que tivemos de fazer algum tempo atrás.

Não fosse esses 2 consignados e essas altas dívidas itinerantes (do cartão de crédito) conseguiríamos levar o mês de boa.

Hoje paguei a fatura do cartão de crédito que estava em 1600,00. Minha conta está -1900,00 ou seja, estou no cheque especial.

Isso por que ainda faltam algumas coisas referentes à esse mês como taxa condominial e mais uma parcela do financiamento. Os dois juntos giram em torno de 1.000,00.

Enfim, o que fazer? Pensei em pegar outro consignado, mas do que adianta pagar esse aperto de agora? E no mês que vem? Com o salário reduzido por conta do novo consignado provavelmente não conseguiremos pagar e isso vai acabar virando uma bola de neve.

Enfim, alguém me sugere alguma coisa? E para completar (e não reclamando disso pois sempre foi meu sonho) minha esposa está grávida, por isso as contas com o cartão de crédito saíram do nosso limite, pois precisamos utilizá-lo diversas vezes para comprar remédios e também gastamos com alimentação, já que no início minha esposa estava com muito enjoo e não conseguia comer sua própria comida.

Seriedade galera, estou realmente desesperado, não sei o que fazer. Preciso estudar para um concurso que pode me render pelo menos 300,00 a mais de orçamento, mas não tenho cabeça para estudar estando nessa situação financeira.

Enfim, desculpe-me a extensão do texto, mas preciso muito de auxílio, pelo menos uma forma de conseguir sair desse buraco financeiro do modo correto etc. Por favor, peço encarecidamente, obrigado.
 


Guirdo

Supra-sumo
VIP
Mensagens
1.515
Reações
826
Pontos
194
Cara vais ter que focar em limpar esses empréstimos consignados (e nem pense em fazer outro ou vai se enforcar completamente), o cartão de crédito é importante? Daria para deixar de pagar e depois negociar com o banco. Tens carro próprio? Se tiver sugiro começar a trabalhar de Uber, vai conseguir levantar a grana que falta pra se segurar enquanto paga essas dívidas menores e não contrai mais nenhuma.
 

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
Cara vais ter que focar em limpar esses empréstimos consignados (e nem pense em fazer outro ou vai se enforcar completamente), o cartão de crédito é importante? Daria para deixar de pagar e depois negociar com o banco. Tens carro próprio? Se tiver sugiro começar a trabalhar de Uber, vai conseguir levantar a grana que falta pra se segurar enquanto paga essas dívidas menores e não contrai mais nenhuma.
Não tenho carro próprio, e o cartão de crédito só foi usado por termos comprado coisas para o bebê.
Pensei em trabalhar de Uber agora nas minhas férias, mas com carro alugado (fiz as contas tudo direitinho) vi que vou mais pagar para trabalhar, do que trabalhar para ganhar dinheiro....

E o problema de deixar o cartão de lado é que mesmo assim não vamos conseguir arcar com os custos, e minha esposa tem medo por conta do financiamento (mesmo eu tendo lido que o "nosso" bem não pode ser tomado por dívida de cartão de crédito, então ela não quer deixar de pagar o cartão. Até por que dá ultima vez que ficamos sem pagá-lo, gerou um custo muito elevado, e a negociação foi bem complicada e tivemos que usar parte do 1° consignado para pagar as dívidas que foram geradas pelo cartão...
 

antonioli

O Exterminador de nicknames
VIP
Mensagens
87.200
Reações
129.490
Pontos
949
Não sei o que enxugou mas teria que enxugar durante um longo temos todos os gastos minimamente supérfluos e abdicar de algumas coisas para ao menos zerar as dívidas. Se precisou usar em algum momento o empréstimo consignado é um sinal ruim e se precisou chegar ao ponto de dever o cartão de crédito é um sinal extremamente ruim e que pode desembocar em uma situação cada vez mais difícil de resolver.
 


Piga

Alien Pro-Gear Spec!
VIP
Mensagens
6.430
Reações
14.651
Pontos
348
@2345678
Esse tipo de coisa, pra dar solução e tal, seria preciso que você abrisse sua vida, principalmente a financeira para que se possa analisar o que entra e o que sai e quanto sai de $$$$ e tomar as atitudes pertinentes. Se quiser pode me mandar MP pois tenho experiência nesse assunto.

Mas já adianto que vai ter que cortar na carne, baixar padrão de vida, mudar rotinas, hábitos de consumo e etc se quiser botar a vida em ordem.
 

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
Não sei o que enxugou mas teria que enxugar durante um longo temos todos os gastos minimamente supérfluos e abdicar de algumas coisas para ao menos zerar as dívidas. Se precisou usar em algum momento o empréstimo consignado é um sinal ruim e se precisou chegar ao ponto de dever o cartão de crédito é um sinal extremamente ruim e que pode desembocar em uma situação cada vez mais difícil de resolver.
Pior que fiz uma conta assim sem supérfluos e pagando somente os 2 consignados, não conseguiríamos dar conta das dívidas fixas. O que fazer em uma situação dessa? Muita gente me fala "ah vende o apartamento" e aí eu replico: acha mesmo que vou conseguir vender o apartamento assim? Da noite pro dia? E depois? Qual segurança darei para minha família; esposa e futuro filho? E sendo que um aluguel de apartamento gira em torno do que gastamos mensalmente pagando um próprio.
 

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
@2345678
Esse tipo de coisa, pra dar solução e tal, seria preciso que você abrisse sua vida, principalmente a financeira para que se possa analisar o que entra e o que sai e quanto sai de $$$$ e tomar as atitudes pertinentes. Se quiser pode me mandar MP pois tenho experiência nesse assunto.

Mas já adianto que vai ter que cortar na carne, baixar padrão de vida, mudar rotinas, hábitos de consumo e etc se quiser botar a vida em ordem.
Obrigado pela disponibilidade. Lhe mandei uma MP.
 

antonioli

O Exterminador de nicknames
VIP
Mensagens
87.200
Reações
129.490
Pontos
949
Pior que fiz uma conta assim sem supérfluos e pagando somente os 2 consignados, não conseguiríamos dar conta das dívidas fixas. O que fazer em uma situação dessa? Muita gente me fala "ah vende o apartamento" e aí eu replico: acha mesmo que vou conseguir vender o apartamento assim? Da noite pro dia? E depois? Qual segurança darei para minha família; esposa e futuro filho? E sendo que um aluguel de apartamento gira em torno do que gastamos mensalmente pagando um próprio.
Costuma gastar dinheiro com o quê? Consegue por aqui detalhadamente os gastos do último mês por exemplo? Tipo, gastou X no cartão mas que gastos foram esses? Coisas mais detalhadas para se entender melhor o estilo de vida e gastos.
 
Mensagens
1.776
Reações
4.531
Pontos
303
Gastamos mais do que ganhamos e nos atolamos em dívida, o que fazer? Gastem menos.
Todos nós vivemos no mesmo mundo que vocês, e precisamos fazer sacrifícios. Muitos têm filhos, familiares doentes, dependentes, e ainda assim precisamamos dar nossos pulos.

Cai na real e tenha gastos condizentes, fosse só querer ter casa própria ninguém estaria na favela. Que mané estudar pra ganhar 300 pilas, vai pro sinal vender pão de queijo e café que tira isso em 1 dia. Acorda pra vida antes que ela te engula.

Pena nenhuma vai aliviar tua barra, sangue e suor quem sabe. Não ter dívidas vale muito mais que casa própria, liquide os bens e comece novamente, ou vai ficar sem eles e sem mulher em breve.
 

IcE_WiNd

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.806
Reações
15.032
Pontos
724
Muita gente me fala "ah vende o apartamento" e aí eu replico: acha mesmo que vou conseguir vender o apartamento assim? Da noite pro dia? E depois?
Mas na hipótese de conseguir vender você consegue zerar suas dívidas?
 

Rayzen_X

Bam-bam-bam
Mensagens
2.175
Reações
2.002
Pontos
304
Não tem fórmula mágica. Você tem dívidas que não dá pra cortar (talvez a do cartão). Então o negócio é ganhar mais dinheiro. Como? Não sei.
Sou da área da computação. Frequentemente faço freelas pra levantar uma grana extra.
 

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
Costuma gastar dinheiro com o quê? Consegue por aqui detalhadamente os gastos do último mês por exemplo? Tipo, gastou X no cartão mas que gastos foram esses? Coisas mais detalhadas para se entender melhor o estilo de vida e gastos.
Posso te enviar por MP? Assim prefiro, para evitar tais julgamentos.
 

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
Mas na hipótese de conseguir vender você consegue zerar suas dívidas?
Talvez sim. Maaaaas, para vender tão rápido assim como imaginam, teria que ser um valor bem abaixo. Tipo uma entrada baixíssima e o repasse do financiamento para o comprador.

Mas aí surgem minhas dúvidas: e o dinheiro que investimos vamos jogar no ralo? E mesmo baixando esse preço de entrada, é difícil encontrar um comprador assim "do nada".

E se vendesse o apto? Morar de aluguel à beira de ter um filho e tal, não seria conturbado?
 

Skull Kid

Bam-bam-bam
Mensagens
867
Reações
2.191
Pontos
248
Vende suas coisas superfulas.
Computador, celular caro, bicicleta e tudo quanto é diabo.
Para de sair para lugares caros, deixe de fazer empréstimos e aceite sua realidade financeira (Tu só deve tanto do CC por que está querendo comprar coisas que você não "deveria" ter).

Tente pedir dinheiro emprestado para algum familiar, para pelo menos não cair no cheque especial.

Infelizmente não tem muito mais a fazer.
 

IcE_WiNd

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.806
Reações
15.032
Pontos
724
Mas aí surgem minhas dúvidas: e o dinheiro que investimos vamos jogar no ralo?
Cara, tu tem que entender que sua prioridade daqui em diante é zerar suas dívidas de qualquer forma. Antes de partir para essa opção drástica tente cortar e vender tudo que for possível, se mesmo assim não conseguir então paciência. Encare como um recomeço e aprenda com os erros. Talvez a compra desse apto na hora errada foi o que levou à essa situação.
 

2345678

Ser evoluído
Mensagens
65
Reações
42
Pontos
18
No mais se o bagulho estiver tenso mesmo, venda agua no semáforo, bombons, faça freela de garçom etc.
Não pode é desistir.
É uma das coisas que mais procuro. Freela de garçom e manobrista (já que tenho CNH) mas não encontro em lugar algum.
 

Mr Green

Veterano
Mensagens
221
Reações
754
Pontos
128
Então, cada organismo responde de forma diferente aos intempéries da gravidez. Utilizamos Uber eats sim....
Ele tava falando de voce trabalhar com isso.
E mais, se vc fica pedindo delivery de comida a situação nao ta tão ruim né?
Cara, enquanto a marca da maionese na sua geladeira for Hellmanss vc não economizou o suficiente. Da pra cortar muito gasto.
 

Skull Kid

Bam-bam-bam
Mensagens
867
Reações
2.191
Pontos
248
Não tinha entendido. Infelizmente não temos carro próprio, já até fiz as contas com carro alugado e vi que não daria muito certo, acabaria pagando para trabalhar.
Teria que ter moto.
Uber eats de carro acho que não rola, mais caro e lento.
Dá para fazer de bike ou a pé.
Tinha um cara aqui na minha cidade que pegava aquelas bikes alugadas, tipo do itau e fazia entregas.
 

Saoro Master

Supra-sumo
Mensagens
1.683
Reações
452
Pontos
194
Amigo, vou tentar te ajudar da seguinte forma: 1) Em relação aos débitos contraídos. Pegar um empréstimo desde que as taxas sejam MENORES do que as atuais que você paga pode ser um primeiro caminho que você pode adotar. Não tem o que fazer muito nisso, ou pega com alguém ou familiar e quitar os gastos extras e reequilibra os gastos atuais. 2) Ganhar dinheiro extra é bico: Não sei se mora em capital ou interior, eu moro no interior vejo muita gente pegando bico de garçom em festa e bares, consegue tirar uns 200 reais no fds. Agora em capital tem as mais variadas opções de ganhar dinheiro, mesmo que seja pouco, irá acrescer seu orçamento. Cortar gastos é essencial, no limite do que puder. 3) Agora se a coisa está feia mesmo, dê prioridade para pagar o imóvel e contas básicas (agua, luz, alimentação, remédios), as demais você pode negociar para frente e conseguir cortar os juros, provavelmente vai para o SPC, mas geralmente é coisa tranquila para resolver com o credor. E mais para frente quando tiver condições, você procura e diminui os valores dos juros incidentes e deve conseguir dividir.
 
Topo