O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Sport Club Corintia Paulista 2019 - Capitulo: O rebaixamento eminente



_paniko_

Bam-bam-bam
Mensagens
6.345
Reações
4.044
Pontos
439
Pq tem que ser sofrido toda vez? Não dá pra classificar na tranquilidade não? Precisamos de um Palmeiras ou São Paulo na sul-americana pra ver se fica mais tranquilo pq do jeito que tá é foda..

Sent from my GM1917 using Tapatalk
 

Lacerda Yawara

Bam-bam-bam
Mensagens
3.948
Reações
6.814
Pontos
303
Agora que Gabrilek foi vendido Carile podia ter coragem e bancar Menino Jesus mas vai vir com Ralf bunda de tanajura.
 

WaGuinho_SCCP

Bam-bam-bam
Mensagens
3.275
Reações
7.436
Pontos
303
Técnico comenta possíveis saídas:

"Perder jogador faz parte, todos são sabedores que o clube passa por uma situação financeira não muito boa. Se o Gabriel for, obrigado por tudo, se realmente fechar, fica meu respeito e carinho. No início da minha carreira, em 2017, você fez parte. Vital tem 21 anos, potencial enorme... faz parte do futebol, temos de estar preparados para isso.


Faz muitaaa mesmo, por que não venderam a poha do avellar?!
 


Luis Lionheart

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.018
Reações
11.173
Pontos
694
Parece que agora o Gabriel não vai pq era segunda opção e o Flamengo aceitou vender o Cu....ellar

Enviado de meu SM-G950F usando o Tapatalk
 

NEOMATRIX

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
30.254
Reações
22.177
Pontos
909
Gabriel foi bem vendido. Foda vai ser o Vital por 13kk de euros, esses caras são muito burros.
Mas eu já acho que o Vital chegou aonde tinha de chegar. Não acho ele tão extraordinário jogador. É bom, mas acho que não evolui mais tanto.

Ja o Pedrinho.....

Apesar de que o Vital no São Paulo, seria vendido por pelo menos uns 100M Euros





Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Maner

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
24.424
Reações
17.749
Pontos
739
Vital não é do Carlos Leite?
Acho que não.
Mas eu já acho que o Vital chegou aonde tinha de chegar. Não acho ele tão extraordinário jogador. É bom, mas acho que não evolui mais tanto.

Ja o Pedrinho.....

Apesar de que o Vital no São Paulo, seria vendido por pelo menos uns 100M Euros





Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Então, aí que tá. Hoje em dia qualquer sub 23 é vendido por 20 e poucas milhas, só o Corinthians que é o lojão do 10. Fosse revelado por São Paulo ou Flamengo, Pedrinho e Vital eram 60kk cada.
 

wesleibruno

Bam-bam-bam
Mensagens
2.749
Reações
4.311
Pontos
303
Espero que o vital seja bem sucedido nessa segunda passagem assim como foi na primeira kkk

Enviado de meu Redmi Note 5 usando o Tapatalk
 

Lost Brother

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.958
Reações
19.755
Pontos
554
O time precisa urgentemente de um meia armador e de um segundo atacante. Clayson, Everaldo, Sornoza, Jadson podem ir embora.

Enviado de meu Moto C Plus usando o Tapatalk
 

Lost Brother

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.958
Reações
19.755
Pontos
554
Se for pra tirar o monopolio da globo pra fazer merda, entao nao o faça. Sulamericana ja era um torneio random, agora com o monopolio do dazn ngm liga mais pra competicao, poucos sabem o dia do jogo e muito menos sao aqueles que assistem os jogos. VSF DAZN !!!.

Enviado de meu Moto C Plus usando o Tapatalk
 

:GUI:

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
12.868
Reações
22.513
Pontos
614
#Timão109: Time do Povo completa 109 anos de glórias e feitos históricos
01/09/2019 00h01 Agência Corinthians
A- | A+

Ilustração: Pedro Nuim

Às 20h30 do dia 1º de setembro, à luz de um lampião, na esquina das ruas José Paulino e Cônego Martins, no bairro do Bom Retiro, o grupo de operários formado por Anselmo Corrêa, Antônio Pereira, Carlos Silva, Joaquim Ambrósio e Raphael Perrone fundaram o Sport Club Corinthians Paulista. Com mais oito rapazes, foi formada a reunião dos primeiros integrantes e sócio-fundadores do Timão, que teve seu nome inspirado na equipe inglesa Corinthian-Casuals Football Club, que fazia excursão pelo Brasil. O presidente escolhido por eles foi o alfaiate Miguel Battaglia, que, já no primeiro momento, afirmou: “O Corinthians vai ser o time do povo e o povo é quem vai fazer o time”. Um terreno alugado na Rua José Paulino foi aplainado, virou campo e foi lá que, já no dia 14 de setembro, o primeiro treino foi realizado diante de uma plateia entusiasmada, que garantiu: “Este veio para ficar!”.

Apenas quatro anos após estrear nos gramados, ou melhor, nos campos de terra da várzea paulistana, o Corinthians conquistava o seu primeiro título. Com dez vitórias em dez jogos, o time de origem operária que lutava contra o status quo do futebol da época, dominado pelas elites, vencia o Campeonato Paulista de futebol. A partir daí, o crescimento do clube fundado no Bom Retiro não parou. Logo na segunda década de vida, o Sport Club Corinthians Paulista se consolidou como uma força dominante nos campos de futebol do estado de São Paulo. Na década de 20, a conquista da Taça do Centenário da Independência do Brasil em 1922, e dois tricampeonatos estaduais (1922, 1923 e 1924 e 1928, 1929 e 1930) colocavam o clube alvinegro como uma das maiores potências da cidade. Também neste período, surgia o primeiro ídolo do time. Até hoje, nenhum outro jogador vestiu a camisa corinthiana por mais tempo que Manoel Nueses, o Neco. Foram 17 anos, entre 1913 e 1930, com oito títulos conquistados.

No fim dos anos 20, o Corinthians se mudaria para a zona leste de São Paulo. Com a compra do terreno do Parque São Jorge, onde atualmente fica a sede social do clube, o Timão se estabelecia na região que hoje é a mais populosa da capital paulista e reconhecidamente um reduto de corinthianos. Em 1930, a equipe do Parque São Jorge ganha também o apelido de "campeão dos campeões" ao derrotar o Vasco em confronto envolvendo apenas campeões estaduais do Rio de Janeiro e São Paulo, na época, os dois estados mais relevantes no futebol do país.

Na década seguinte, o Timão engataria o terceiro tricampeonato paulista (1937, 1938 e 1939) antes de enfrentar o primeiro jejum de títulos. De 1941 a 1951, o clube alvinegro não conquistou nenhum título de grande relevância, mas tem na história vitórias importantes em amistosos internacionais, como contra River Plate (ARG) e Torino (ITA) e a chegada de futuros ídolos da Fiel, com Cabeção, Idário, Roberto e Luizinho.

Já na década de 50, o Timão apresenta um dos maiores esquadrões de sua história que. entre 1950 e 1955, conquistou nada menos do que seis títulos. Em 1950, venceu o Torneio Rio-São Paulo pela primeira vez. No ano seguinte, a histórica equipe do ataque dos 100 gols voltou a conquistar o Campeonato Paulista depois de dez anos. Pela primeira vez na era profissional, um clube alcançava a marca centenária de gols em uma competição. No ano seguinte veio o bi estadual e, em 1953, mais uma conquista do Torneio Rio-São Paulo. A maior das conquistas, porém, aconteceu em 1954. Além de vencer o Torneio Rio-São Paulo pela terceira vez, o Timão conquistou o título do IV Centenário da fundação da cidade de São Paulo sobre o maior rival, o Palmeiras.

De 1954 a 1977, o clube alvinegro viveu o período de maior seca de sua história. Foram quase 23 anos sem dar uma volta olímpica, embora em 1966 tenha conquistado o Torneio Rio-São Paulo, dividido com outras três equipes por falta de datas para a conclusão do torneio. Mesmo sem conquistar títulos, a torcida corinthiana demonstrava sua força e não parava de crescer. O time do povo provava sua popularidade e levava multidões onde quer que disputasse uma partida de futebol. Além disso, o Corinthians via surgir, no famoso terrão alvinegro, um dois maiores jogadores brasileiros de todos os tempos: Roberto Rivellino, que entre 1965 e 1974 disputou 474 jogos e marcou 144 gols com a camisa alvinegra.

Foi neste período também, que o Brasil presenciou uma das maiores demonstrações de amor a um clube. Pela semifinal do Campeonato Brasileiro de 1976, quando o Corinthians já completava 22 anos sem títulos importantes no currículo, mais de 70 mil corinthianos dividiram o Maracanã com a torcida do Fluminense, no episódio que ficou conhecido como a Invasão Corinthiana.

Enquanto no futebol a Fiel sofria, outra modalidade do clube dava alegrias ao torcedor. A equipe de basquete do Timão, liderada pro Wlamir Marques, era uma das maiores forças do basquete sul-americano e mundial. Entre 1954 e 1977, período sem conquistas nos gramados, o Corinthians conquistou, nas quadras, sete Campeonatos Paulistas, três Campeonatos Brasileiros (1965, 1966 e 1969), além de dois Campeonatos Sul-Americanos de Clubes, em 1964 e 1969.

Com o fim de jejum em 1977, o Corinthians dava início a um novo período em sua história, repleto de glórias e conquistas. O gol de Basílio contra a Ponte Preta, que deu o título estadual para o clube do Parque São Jorge depois de quase 23 anos, é até hoje um dos mais lembrados e mais comemorados pela Fiel. A equipe corinthiana voltava aos trilhos, conquistando o Campeonato Paulista de 1979 e se reestabelecendo como grande potência do estado e do país.

A década de 80, embora repleta de conquistas, é marcada por um movimento jamais visto em qualquer outro clube de futebol do planeta. Em 1982, jogadores e dirigentes do clube decidiram tomar as decisões do clube através do voto. Sem importância de cargo, os votos tinham o mesmo peso e as decisões eram tomadas ouvindo as opiniões de todos. Considerando o momento vivido pelo Brasil, governado por um regime militar autoritário, a Democracia Corinthiana, como ficou conhecido o movimento, foi algo único. Liderado por Sócrates e com a ajuda de jogadores como Casagrande, Zé Maria e Wladimir, o Corinthians conquistou o bicampeonato estadual em 1982 e 1983, ambas as vezes derrotando o rival São Paulo na decisão. No fim da década, o Timão conquistaria mais um título estadual, em 1988, antes de se postular como grande força nas competições nacionais, que passavam a ter maior importância no cenário esportivo brasileiro.

Em 1990, a primeira conquista do Campeonato Brasileiro. Em final contra o São Paulo, Tupãzinho, o talismã da Fiel, deu a taça nacional para o Timão. Na metade dos anos 90, o Timão derrotou o Grêmio e conquistou sua primeira Copa do Brasil. Fechando a década, um dos maiores times da história da equipe alvinegra, que conquistou dois títulos do Campeonato Brasileiro. Em 1998, após os empates em 2 a 2 e 1 a 1 nos primeiros jogos, o Timão venceu o Cruzeiro por 2 a 0 na última partida com gols de Edílson e Marcelinho Carioca, sagrando-se bicampeão Brasileiro. A equipe de Vanderlei Luxemburgo marcou 57 gols em 32 duelos, sendo que 19 deles foram do artilheiro Marcelinho Carioca.

No ano seguinte, o Corinthians levou mais um Paulista e, pelo segundo ano consecutivo, o Brasileiro. Como havia acontecido no ano anterior, o Alvinegro dominou o nacional de ponta a ponta em 1999. Os resultados dos três jogos finais foram: Atlético-MG 3 x 2 Corinthians, Corinthians 2 x 0 Atlético-MG e Corinthians 0 x 0 Atlético-MG. Dessa vez, o técnico era Oswaldo de Oliveira. Luizão marcou 21 dos 61 gols que o Alvinegro fez durante as 29 rodadas.

Fechando o histórico período, a equipa alvinegra conquistaria o título do primeiro Campeonato Mundial de Clubes da FIFA. Disputado no Brasil, o Timão passou por Raja Casablanca (MAR), Al-Nassr (ASD) e Real Madrid (ESP) na fase de grupos e derrotou o Vasco na decisão, disputada no Maracanã.

No século XXI, o clube do Parque São Jorge se estabeleceu como o time que mais conquistou títulos no Brasil. De lá pra cá, o time do povo venceu sete Campeonatos Paulistas (2001, 2003, 2009, 2013 e o quarto tricampeonato 2017, 2018 e 2019), um Torneio Rio-São Paulo (2002), uma Recopa Sul-Americana (2013), duas Copas do Brasil (2002 e 2009), quatro Campeonatos Brasileiros (2005, 2011, 2015 e 2017), uma Copa Libertadores (2012) e um Mundial de Clubes FIFA (2012), que contou, inclusive, com uma reedição da Invasão Corinthiana, quando mais de 30 mil torcedores do Bando de Loucos atravessaram o mundo para empurrar o Corinthians no Japão rumo ao bicampeonato mundial.

Desde 2014, a Fiel tem um dos estádios mais bonitos e modernos do Brasil. Na Arena Corinthians, palco da abertura da Copa do Mundo FIFA Brasil 2014, sede dos Jogos Olímpicos Rio 2016 e também da Copa América de 2019, o Timão possui um dos melhores retrospectos como mandante do Brasil. O estádio alvinegro é o único da cidade de São Paulo a sediar jogos da Copa do Mundo, da Olimpíada e da Copa América.

No ano do 109º aniversário, o Timão já ergueu uma taça. Em abril, na Arena Corinthians, a equipe comandada pelo técnico Fábio Carille derrotou o rival São Paulo por 2 a 1, sagrando-se tricampeã paulista (2017, 2018 e 2019). Além de ser o 18º título alvinegro no século, a taça serviu para estabelecer um recorde. Com a conquista, o goleiro Cássio chegou a nove títulos pelo Corinthians, isolando-se na liderança de uma renomada lista, que inclui Marcelinho Carioca, Neco, Alessandro, Chicão e Danilo, todos com oito taças.

No dia 1º de setembro de 2019, o Sport Club Corinthians Paulista faz aniversário. O time do povo, fundado por operários e de origem humilde, completa 109 anos de vida, repletos de conquistas, glórias, momentos difíceis, superações e de muito apoio da Fiel Torcida.
 

Sgt. Kowalski

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
42.781
Reações
90.754
Pontos
989
Nós estamos em quinto lugar, logo atrás do Palmares e com um jogo a menos?
É isso mesmo?
O QUE DIABOS ESTÁ ACONTECENDO?
 

_paniko_

Bam-bam-bam
Mensagens
6.345
Reações
4.044
Pontos
439
Nós estamos em quinto lugar, logo atrás do Palmares e com um jogo a menos?
É isso mesmo?
O QUE DIABOS ESTÁ ACONTECENDO?
Problema é essa derrota contra o patético em casa por menos de 3x0 que não me deixou triste.

Sent from my GM1917 using Tapatalk
 

:GUI:

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
12.868
Reações
22.513
Pontos
614
Essa chuva aqui em Itaquera City, veio bem a calhar hein!?
Vai disfarçar bem as lagrimas de Carille pela demissão após a humilhação imposta na Arena, no dia de celebração dos 109 anos.
 

Luis Lionheart

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.018
Reações
11.173
Pontos
694
Queria entender Jadson nesse tipo de jogo, faz nada, sobrecarrega marcação pq ele não corre. Errando tudo

Enviado de meu SM-G950F usando o Tapatalk
 

fingolfin_br

Habitué da casa
Mensagens
395
Reações
431
Pontos
98
Love (1,50 m de altura) em campo = 63 cruzamentos

Gustavo (2,00 m de altura) em campo =0 cruzamentos

Enviado de meu SM-G970F usando o Tapatalk
 

NEOMATRIX

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
30.254
Reações
22.177
Pontos
909
Pedrinho se precipitou seriamente hj com as finalizações. Já Vital, só não deu sorte mesmo.
Agora Carille.....pq não o Boseli?


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 
Topo