O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


TÓPICO OFICIAL DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA JAIR MESSIAS BOLSONARO

Qual será a moeda nova agora com Bolsonaro?

  • BOLSOS

  • MITOS

  • PITÚS

  • BOLSONAROS

  • TALKEIS

  • NIÓBIOS

  • HELENÕES

  • COISOS

  • JAIRES

  • BONOROS


Results are only viewable after voting.

da19x

Bam-bam-bam
Mensagens
1.888
Reações
4.382
Pontos
303
Sim, mas igual RS, MG, RJ, PR tempos atrás. Com atraso e redução. Na prática trabalha um mês pra receber 3 meses depois. Se não trabalhar é processo administrativo e demissão.
Foi um comentário bem genérico. Os peões da esferas mais baixas acabam dependendo muito da arrecadação direta dos estados. Mais um motivo para não travar a economia dos estados, especialmente desses que estão quebrados financeiramente.
 


geist

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.226
Reações
39.605
Pontos
553
Tem um paper de várias "sumidades" do Imperial College defendendo um confinamento total de no mínimo 5 meses (CINCO MESES!).

E pior: os preclaros dizem que o ideal seria 18 meses, mas acham que com 5 já pode haver algum "resultado"…

[URL="http://www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]"]www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]
Foi com base nesse lixo aí que os governadores e políticos daqui "balizaram" as decisões de fechar tudo? Eles têm respaldo jurídico pra aterrorizar a economia?
 

Okira

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.550
Reações
35.045
Pontos
544
Tem um paper de várias "sumidades" do Imperial College defendendo um confinamento total de no mínimo 5 meses (CINCO MESES!).

E pior: os preclaros dizem que o ideal seria 18 meses, mas acham que com 5 já pode haver algum "resultado"…

[URL="http://www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]"]www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]
5 meses e voltamos a idade média, seria surreal e um cenário que nem filme conseguiu reproduzir.
 

arthur the king

Bam-bam-bam
Mensagens
2.400
Reações
4.402
Pontos
303
Foi com base nesse lixo aí que os governadores e políticos daqui "balizaram" as decisões de fechar tudo? Eles têm respaldo jurídico pra aterrorizar a economia?
Não

Foi com base em um estudo lá da Inglaterra que se referia a UK e EUA. Como Brasil e tudo na gambiarra eles usaram a parte dos states como exemplo maaaaaaaaaaaaaissss ou meeeeeeeeenosss proximo

Enviado de meu Redmi Note 8 usando o Tapatalk
 

geist

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.226
Reações
39.605
Pontos
553
Não

Foi com base em um estudo lá da Inglaterra que se referia a UK e EUA. Como Brasil e tudo na gambiarra eles usaram a parte dos states como exemplo maaaaaaaaaaaaaissss ou meeeeeeeeenosss proximo

Enviado de meu Redmi Note 8 usando o Tapatalk
putta que pariu, a gente tá muito na merda
 


Doydis

Bam-bam-bam
Mensagens
6.432
Reações
8.797
Pontos
394
Governadores se aliam à China contra Bolsonaro
Doria, Caiado e outros governadores, na surdina, reúnem-se com embaixador e estreitam laços com a ditadura do Partido Comunista Chinês


https://brasilsemmedo.com/governadores-se-aliam-a-china-contra-bolsonaro/

======
Vou botar o meu tinfoil hat aqui:

ESSA MERDA DE VIRUS FOI CRIADA PARA DERRUBAR O GOVERNO TRUMP E BOLSONARO. CHINA CRIOU A MERDA, ESPALHOU. CRIOU O CAOS MUNDIAL E SE SAIU POR CIMA NA HORA DE REDUZIR O NUMERO DE INFECTADOS. COMO? A CHINA NÃO LIGA PARA A MORTE DE MILHÕES DE CHINESES. É LUCRO PARA ELES E ELES ESTÃO MENTINDO SOBRE OS NÚMEROS.
Velho, eles estão pedindo pra gente sair nas ruas de novo. O problema é que agora não sei se vai ser tão pacífico assim.

Bolsonaro desde o início disse que iria honrar a merda da constituição e segue fazendo. E esses fdp tão achando que vão fazer e acontecer sem nenhuma retaliação do povo?

Tic tac, tic tac...
 

DarkHatsu

Bam-bam-bam
Mensagens
1.245
Reações
1.369
Pontos
239
Se caminhoneiro parar e os governadores insistirem na quarentena ou na derrubada do Bonoro......eu acho q rola a bendita dentadura. O Villas Bôas ainda ta vivo? Ele ainda tem voz nas forças armadas?
 
Mensagens
1.166
Reações
4.867
Pontos
278
Se caminhoneiro parar e os governadores insistirem na quarentena ou na derrubada do Bonoro......eu acho q rola a bendita dentadura. O Villas Bôas ainda ta vivo? Ele ainda tem voz nas forças armadas?
Ele já está bem debilitado, acho que deve ter bastante relevância, o atual comandante do Exército é amigo de turma do Bolsonaro, só tem que ver se eles embarcam nessa aventura, sinceramente acho bem difícil, milicada de hoje em dia é tudo mela cueca só quer o soldo e cuidar do próprio umbigo.
 

Violonista

Bam-bam-bam
Mensagens
1.181
Reações
3.239
Pontos
303


“Conversei hoje com Guedes. Ele vai colocar mais de R$ 600 bilhões em circulação”, diz Abílio Diniz

Empresário participou de uma live da XP, que contou também com Pedro Bartelle, CEO da Vulcabras Azaleia, e Sammy Birmarcker, CEO da Profarma

Equipe InfoMoney25 mar 2020 19h01 - Atualizado 3 horas atrás

SÃO PAULO – “Conversei hoje com [o ministro da Economia Paulo] Guedes. Ele vai colocar mais de R$ 600 bilhões em circulação” para combater a crise do coronavírus. A fala é do empresário Abílio Diniz, durante live da XP Investimentos realizada na noite desta quarta-feira (25).

O empresário disse que esta é a pior crise que ele já viveu e que é preciso dar esperança ao povo brasileiro. Para ele, não é hora de discutir se o lockdown (isolamento das pessoas em suas casas) será vertical ou horizontal.

“Já vi muitas crises diferentes, mas crise de saúde eu nunca tinha visto. Vi a crise do petróleo, da hiperinflação. Todas passaram. Isso vai passar. Ao empresário, posso dizer para que ele procure pagar as pessoas, os empregados. Isso é importante para que eles tenham um mínimo de renda para viver. E tenha paciência porque isso tudo vai passar”, disse.

O executivo afirmou que a solidariedade é um lado positivo do momento atual. “Empresas como o Carrefour e BRF estão colocando dinheiro para ajudar. Todo mundo está solidário. Isso me dá esperança de que o mundo vai sair mais solidário disso tudo.”

Sobre a polêmica gerada com a fala do presidente Jair Bolsonaro, que contrariou a recomendação de especialistas do mundo inteiro para que as pessoas se isolem em suas casas, Diniz afirmou que esta não deve ser a discussão neste momento.

“Não é o momento de a gente discutir se o lockdown no Brasil vai ser horizontal ou vertical. O Brasil já está parado. É preciso discutir o que tem que ser feito nesse período que estamos parados. Tem que construir hospitais de campanha, trazer mais respiradores, máscaras, olhar principalmente as pessoas mais humildes, das favelas. Organizar para onde as pessoas devem ir quando elas precisarem.”

Ele defendeu que o governo pare de se preocupar com a paralisação, que é inevitável, mas que use o período para estruturar como vamos voltar deste gargalo, quais serão as medidas que precisarão ser tomadas para garantir a volta do crescimento econômico lá na frente.

“Temos que ter uma agenda mínima enquanto estamos parados para dar esperança ao povo. Você pode tirar o que você quiser das pessoas, menos a esperança. Nós aqui somos uma migalha, estamos bem. Mas para as pessoas humildes isso é muito importante.”

“É preciso gastar dinheiro. Dinheiro mesmo. Muito dinheiro. Conversei hoje com Guedes. Ele está a par disso. Vai colocar mais de R$ 600 bilhões em circulação. Ele é liberal, mas em momentos de crise somos todos keynesianos“, afirmou o empresário.

Segundo a fala de Guedes a Diniz, o pacote de ajuda do governo pode chegar até R$ 700 bilhões, contou o bilionário. “É um valor muito próximo ao que economizaremos com a [reforma da] Previdência em ate 10 anos. Mas vamos colocar tudo isso agora, de uma só vez.”

Para o empresário, as pessoas têm que entender que o cenário é muito ruim, mas que elas não vão ficar desamparadas por parte do governo. “O Brasil tem que voltar a crescer, mas para isso é preciso colocar dinheiro de forma organizada. Estamos parados e isso não vai mudar. Aproveita esse período parado para organizar como vamos colocar dinheiro na economia depois para estruturar uma retomada.”

Diniz disse que a intenção de Guedes demonstra uma “grande responsabilidade” com os brasileiros e com o país. “Este foi o número que eu ouvi do ministro Paulo Guedes: R$ 600 bilhões podendo até chegar a um pouco mais que isso. Ele se refere a um conjunto de medidas, como compulsório, isenções etc, que vão somar mais de R$ 600 bilhões.”

O executivo encerrou sua participação na live frisando que o brasileiro precisa neste momento de esperança. “Amor e carinho ajudam bastante neste momento. (…) Não há bem que sempre dure, nem mal que nunca acabe.”

Outros setores

Também estavam participando da live da XP, comandada pelo sócio da corretora Rafael Furlanetti, Pedro Bartelle, CEO do grupo Vulcabras Azaleia, e Sammy Birmarcker, CEO da Profarma.

Birmarcker também tentou ser otimista e afirmou que a produção farmacêutica na China já está em 70%, depois da paralisação total com o coronavírus. Segundo ele, “no médio prazo, o brasileiro não vai sofrer desabastecimento de remédios. Não é preciso correr para a farmácia.”

Já Bartelle frisou que a cadeia inteira de produção de sapatos no Brasil e no mundo está sofrendo. Ele pediu uma maior compreensão entre as partes neste momento delicado da economia.

“O varejo no Brasil é muito pulverizado. Existem muitas sapatarias no Brasil. A cadeira inteira está sofrendo. Todo mundo, na medida do possível, tem tentado negociar. A gente precisa entender que existe uma paralisação, mas é importante que a cadeia inteira entenda que é só uma suspensão temporária, mantendo os pedidos”, disse.

“Todo mundo quer prazo. Todo mundo tem dúvida do que vai acontecer. A cadeia toda não pode dar prazo porque precisa honrar seus compromissos. Nós temos 14 mil colaboradores. Neste momento, estamos próximos deles, mantendo um otimismo dentro da empresa, e estamos nos preparando para uma retomada que, com segurança, esperamos que venha o mais rápido possível.”

O executivo afirmou que o desemprego será o maior problema criado pela crise do coronavírus. “As pessoas mais humildes estão sem receber. Criou-se um problema social enorme. É uma paralisação necessária para que se contenha a disseminação do vírus, mas se ela for o mais curta possível, dentro da segurança, o impacto será menor.”

Fonte: https://www.infomoney.com.br/negocios/abilio-diniz-e-outros-executivos-do-varejo-falam-sobre-os-desafios-do-setor-acompanhe/amp/

Enviado de meu Moto G (4) usando o Tapatalk
 

da19x

Bam-bam-bam
Mensagens
1.888
Reações
4.382
Pontos
303
Tem um paper de várias "sumidades" do Imperial College defendendo um confinamento total de no mínimo 5 meses (CINCO MESES!).

E pior: os preclaros dizem que o ideal seria 18 meses, mas acham que com 5 já pode haver algum "resultado"…

[URL="http://www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]"]www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]
Na verdade isso que você comenta é o cenário ideal, como seria possível controlar considerando apenas o fator quarentena para minimizar o número de mortes. Eles foram bem ponderados nas conclusões.

Long-term suppression may not be a feasible policy option in many countries. Our results show that the alternative relatively short-term (3-month) mitigation policy option might reduce deaths seen in the epidemic by up to half, and peak healthcare demand by two-thirds. The combination of case isolation, household quarantine and social distancing of those at higher risk of severe outcomes (older individuals and those with other underlying health conditions) are the most effective policy combination for epidemic mitigation.
Por coincidência é a política que o Bolsonaro decidiu adotar.

Ainda assim, se olhar os resultados lá na última página verá que a quarentena em si não resolve o problema. Contribui muito pouco, na verdade. A melhor situação é o fechamento de escolas e universidades + isolamento de casos detectados + distanciamento social, pois impacta menos na economia (entendimento meu. Até onde li, eles não comentam sobre isso de maneira clara).

Outro ponto interessante apresentado é o seguinte:
The WHO China Joint Mission Report suggested that 80% of transmission occurred in the household, although this was in a context where interpersonal contacts were drastically reduced by the interventions put in place. Social distancing of high-risk groups is predicted to be particularly effective at reducing severe outcomes given the strong evidence of an increased risk withage though we predict it would have less effect in reducing population transmission.
However, we emphasise that is not at all certain that suppression will succeed long term
Por esses trechos dá para se ter uma ideia de que a quarentena em si não vai resolver, especialmente depois do vírus ter se espalhado. Se não me engano, esse fato destacado foi o que aconteceu inicialmente no país, com as pessoas que vieram da Itália e infectaram familiares.

Falando sobre a quarentena, aponta que a contenção da propagação só é efetiva se for feita bem no início. Depois disso é muito difícil controlar.

no public health interventionwith such disruptive effects on society has been previously attempted for such a long duration of time. How populations and societies will respond remains unclear
Para fechar com chave de ouro, destaco esse trecho. Não tem ninguém considerando o fator humano nesses estudos? Informações sobre o comportamento humano nesse tipo de situação está disponível aos monte por aí.
 

constatine

Bam-bam-bam
Mensagens
5.913
Reações
29.761
Pontos
344








Coronavírus: menos de 1% dos mortos em Itália não sofria de doença prévia
A média de idades dos mortos é de 80,5 anos, sendo que a dos homens (79,5 anos) é inferior à das mulheres (83,7 anos).



A Itália tornou-se o centro da pandemia de coronavírus no mundo, sendo hoje o país com mais mortos (3405), superando a China (3253), em mais de 41 mil pessoas com covid-19. Segundo os números do Instituto Italiano de Saúde (ISS), 90% dos mortos tinha mais de 70 anos de idade e cerca de 75% sofria de duas ou mais doenças. Sendo que metade dos mortos tinha três ou mais condicionantes prévias, especialmente problemas cardíacos, diabetes e cancro.

Segundo o estudo do ISS, apenas 0,8% dos infectados com o vírus que morreram não tinham qualquer doença crónica e dos cincos mortos com idades entre os 31 e os 39 anos, todos sofriam de um problema de saúde prévio, fosse ele cancro ou coronário.

O mesmo instituto refere que a média de idades dos mortos é de 80,5 anos, sendo que a dos homens (79,5 anos) é inferior à das mulheres (83,7 anos), também porque os homens são as principais vítimas da covid-19, correspondendo a 70% das mortes. Um décimo dos mortos tinha mais de 90 anos.

Um dos factores apresentados como hipótese para o facto de a Itália, um país de 60 milhões de habitantes, ter mais de metade de casos de covid-19 que a China, com uma população de 1400 milhões, é por ter a segunda população mais idosa do mundo, a seguir ao Japão, 22,4% dos seus habitantes tem mais de 65 anos.
https://www.publico.pt/2020/03/20/mundo/noticia/coronavirus-menos-1-mortos-italia-nao-sofria-doenca-previa-1908734
 

da19x

Bam-bam-bam
Mensagens
1.888
Reações
4.382
Pontos
303
Foi com base nesse lixo aí que os governadores e políticos daqui "balizaram" as decisões de fechar tudo? Eles têm respaldo jurídico pra aterrorizar a economia?
Se for esse artigo mesmo, acho que as pessoas que se basearam nele para fazer as recomendações foram um tanto radicais. Pegaram apenas a melhor situação para prevenir a propagação do vírus (Isolamento social + isolamento de casos + fechamento de escolas/universidade + quarentena doméstica) e definiram que era assim que se deveria agir e ponto. Mas a segunda melhor situação (Isolamento social + isolamento de casos + fechamento de escolas/universidade) também apresentou bons resultados e casa com o que alguém comentou sobre a curva do impacto econômico (o professor de algum user aqui que fez e compartilhou) .
 
Ultima Edição:

Ultima Weapon

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.041
Reações
17.178
Pontos
629
Para você vir berrar/gritas palavras de ordem/insultos típicas? :kpensa
Depende, não se pede muito além de coerência e responsabilidade. Contudo se tratando de Bolsonaro a possibilidade de meter os pés pelas mãos é alta, não há porque poupar um líder incapaz que persiste nos mesmos erros.

Foi em rede nacional com qual pretensão além de "lacrar" e gerar ódio em quem acredita que não é uma "gripezinha"? Se ele entende que agora as escolas devem estar abertas então com o aval de seus ministros converse com os governadores sem dar atenção a sua ala ideológica, que só sabe minar esse debate e falar em 2022, o cara parece que só sabe viver em uma dicotomia violenta e não consegue conviver na divergência.

Se pronuncie ao público com uma decisão, ironia não resolve problema e só traz irritação. Só aqui na Outerspace vejo gente achando bonito aquele fiasco de ontem que só o fez perder capital político, na vida real as pessoas estão revoltadas com esse desequilíbrio do presidente.

Enviado de meu Redmi 7 usando o Tapatalk
 

jasque

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
25.148
Reações
47.319
Pontos
629
Tem um paper de várias "sumidades" do Imperial College defendendo um confinamento total de no mínimo 5 meses (CINCO MESES!).

E pior: os preclaros dizem que o ideal seria 18 meses, mas acham que com 5 já pode haver algum "resultado"…

[URL="http://www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]"]www.imperial.ac.uk/media/imperial-college/medicine/sph/ide/gida-fellowships/Imperial-College-COVID19-NPI-modelling-16-03-2020.pdf[/URL]
Se a OMS ler isso, ferrou bonito
 

billpower

Power Poster
Mensagens
40.697
Reações
27.825
Pontos
989
Depende, não se pede muito além de coerência e responsabilidade. Contudo se tratando de Bolsonaro a possibilidade de meter os pés pelas mãos é alta, não há porque poupar um líder incapaz que persiste nos mesmos erros.

Foi em rede nacional com qual pretensão além de "lacrar" e gerar ódio em quem acredita que não é uma "gripezinha"? Se ele entende que agora as escolas devem estar abertas então com o aval de seus ministros converse com os governadores sem dar atenção a sua ala ideológica, que só sabe minar esse debate e falar em 2022, o cara parece que só sabe viver em uma dicotomia violenta e não consegue conviver na divergência.

Se pronuncie ao público com uma decisão, ironia não resolve problema e só traz irritação. Só aqui na Outerspace vejo gente achando bonito aquele fiasco de ontem que só o fez perder capital político, na vida real as pessoas estão revoltadas com esse desequilíbrio do presidente.

Enviado de meu Redmi 7 usando o Tapatalk
Eu vejo em toda a sua observação uma birra com o fato dele ter falado a palavra "gripezinha" que, na verdade, foi um momento em que ele citava uma fala de um médico da emissora que só faz atormentar o governo e semear o pânico na população. E se você acha que o que vemos no Brasil é divergência, realmente é como eu disse antes sobre sua colocação: Ela não tem o menor sentido em cobrar nada do Presidente, pois qualquer coisa seria um pretexto para sua crítica, aliás, como você deixa bem claro na primeira linha de sua postagem. :kclassic
 

constatine

Bam-bam-bam
Mensagens
5.913
Reações
29.761
Pontos
344
Coronavírus: bares e restaurantes do ES já demitiram 13,5 mil funcionários
O número, segundo o Sindbares, representa 15% do total de 90 mil trabalhadores que atuam nesse setor em todo o estado
111060


Cerca de 13,5 mil funcionários de bares e restaurantes no Espírito Santo já foram demitidos em virtude da pandemia do Coronavírus e a consequente restrição ao funcionamento desses estabelecimentos nos últimos dias. A estimativa é do Sindicato dos Restaurantes, Bares e Similares do Espírito Santo (Sindbares).

O número de demitidos, segundo o sindicato, representa 15% do total de trabalhadores que atuam nesse setor no Espírito Santo. "Ainda não temos uma pesquisa, mas trabalhamos com a estimativa de 18 mil estabelecimentos, que geram 90 mil postos de trabalho em todo estado", afirmou o presidente do Sindbares, Rodrigo Vervloet.

Segundo ele, esse número só não é maior porque a maior parte dos estabelecimentos está aguardando medidas do governo federal para ajudar o setor, que devem ser anunciadas a qualquer momento.

"Tudo vai depender das medidas do governo, mas ainda assim deve aumentar o número de demissões. Algumas empresas já deram férias, mas a maioria ainda aguarda as medidas do governo. Estamos na expectativa de que elas virão ao encontro dos anseios do setor, auxiliando na diminuição de tributos e encargos", frisou Vervloet.

>> Com comércios fechados, 80 mil trabalhadores estão fora de suas atividades no ES

O presidente do Sindbares destacou ainda que discorda do isolamento das pessoas, proposto pelas autoridades, como forma de tentar frear o avanço do Coronavírus.

"A medida de afastamento social, que é a adequada, segundo os números oficiais e o governo federal, não impõe fechamento geral de restaurantes. Entendemos que é possível o controle com cuidados sanitários já praticados, além dos implementados por conta da crise. É importante este equilíbrio para que não haja o colapso do sistema social como um todo", argumentou.
https://www.folhavitoria.com.br/economia/noticia/03/2020/coronavirus-bares-e-restaurantes-do-es-ja-demitiram-13-5-mil-funcionarios


Que dá vontade de deixar e ajudar que essa quarentena role até maio/junho dá.
De coração, espero que essa histeria vá até junho/ julho.

















Essa gente ai é muito perigosa. Mas tavão entrando na justiça para soltar bandido, vai entender :klolwtf!
 
Ultima Edição:

zumax

Bam-bam-bam
Mensagens
1.792
Reações
5.475
Pontos
303
Ultima Edição:

carlos222

Supra-sumo
Mensagens
830
Reações
1.307
Pontos
174
Hospital de NY já tá lotado...
É só uma gripezinha...

Se as coisas caminharem nesse ritmo, vai ser pior q uma greve da polícia em escala nacional.

Kd a posse de arma que o mito prometeu?




Enviado de meu Redmi Note 7 usando o Tapatalk
 

constatine

Bam-bam-bam
Mensagens
5.913
Reações
29.761
Pontos
344
Hospital de NY já tá lotado...
É só uma gripezinha...

Se as coisas caminharem nesse ritmo, vai ser pior q uma greve da polícia em escala nacional.

Kd a posse de arma que o mito prometeu?




Enviado de meu Redmi Note 7 usando o Tapatalk

https://www.dailymail.co.uk/news/article-8148481/Man-died-bus-China-tests-positive-deadly-virus-RATS-spread-humans.html

Relaxa que tem coisa boa vindo por ai.
Olha só essa oportunidade de estender essa querente até dezembro :viraolho?
 
Topo