O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Tópico dos desabafos - Desabafe sobre o que quiser.



Bisnaga Louca

Bam-bam-bam
Mensagens
3.469
Reações
5.495
Pontos
303
Eu tenho insonia, nao devo viver muito acordando as 4 da manhã.

eu nao quero esses remedios que engordam e broxam, não.
 

Yatahaze

Bam-bam-bam
Mensagens
1.084
Reações
1.095
Pontos
203
Foda, senti a sua dor, essa é daquelas coisas que a gente pensa, pensa, e constata que o tempo não volta e o universo não se importa com a nossa existência.

Pare de pensar que você é especial, sabe o que fez o cara conquistar a mina? Ele cagou com o não dela, na próxima que aparecer ligue o foda-se, e acredite sempre tem a próxima.
valeu, cara. Tá foda mesmo.
 


Coffinator

Mil pontos, LOL!
Mensagens
57.399
Reações
142.836
Pontos
1.029
Começou a trabalhar uma morena inacreditável aqui no trampo.

Começa um novo ciclo.
Add no insta, a princípio não faça nada, nem curta, fique apenas vendo os stories e as fotos. Depois de algum tempo, comente nos stories e curta as fotos. Se ela responder a você, vá puxando altos papos. Profit. Você é bonitão, você conseguirá.
 

Dark Texugo

Bam-bam-bam
Mensagens
2.072
Reações
2.310
Pontos
303
nos últimos meses tenho me sentido péssimo. uma mistura de angustia e frustração constante que estão fazendo eu me afastar das pessoas ao meu redor. eu começo a pensar e sempre acabo com o olhar vidrado sem prestar atenção em mais nada a minha volta.
mesmo com a minha família e amigos comigo, eu acho que nunca me senti tão sozinho em toda a minha vida.
To nessa ai. Mas aprender guitarra tá me ajudando pra caramba.


Eu estou congelado no tempo e me sinto desconectado da vida.

Eu me sinto meio desconectado da vida as vezes, e bem solitário também, uma certa sensação de abandono.

Mas quando eu penso que posso estar numa vibe diferente de todas as outras pessoas, me lembro que isso é meio pretensioso de minha parte, porque eu acho que esses sentimentos são mais comuns do que parecem. E saber que são comuns me levam a ter mais empatia pelos que estão por perto. E esse tipo de coisa costuma nos conduzir por caminhos mais pacíficos.

Reconhecer a possibilidade do sofrimento dos outros, creio eu, abre caminho pra um tipo de convivência melhor. Ainda que as respostas não sejam as que esperamos.

É como eu já escrevi por aqui, todo o tipo de sentimento é humano, podemos vivenciar todos, mas precisamos de uma consciência dominada por uma razão maior que esses sentimentos, atuando por trás deles, para que exista um domínio positivo de nós mesmos, mas que seja favor da vida, não uma razão e lógica egoísta, porque essas levarão aos conflitos desnecessários e mais sofrimento, e novamente a sensação de que apenas nós sofremos, o que aprisiona a um ciclo negativo.

Mas é fácil falar.:kwow

Sempre existe a possibilidade de procurarmos ajuda profissional se certas tristezas e angústias forem prolongadas demais.
 

toad02

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
36.133
Reações
53.251
Pontos
959
Pedi pros meus chefes um aumento de salario de 75%. Sabia que eles nao dariam tanto, entao pedi bem alto.
Eles negociaram e ficou em 50%

PS: Alguem acabou de deletar uns posts antigos desse topico. O post que tava no topo agora ta em penultimo da pagina anterior.
 

Sir.Heisenberg

Bam-bam-bam
Mensagens
1.451
Reações
2.584
Pontos
309
Tenho que terminar uma bosta de uma apresentação pra segunda-feira, pra um "evento" na empresa.
Coisa chata, tema chato, podiam ter colocado pra qualquer um fazer, mas quando eu dou sorte na vida? PQP!
 

popi_gaucha

Larva
Mensagens
12
Reações
10
Pontos
3
Bah, desde 2009 acessando o fórum e só agora criei um login, eita nóis.

Vim desabafar também para vocês também terem uma perspectiva de mulher no vosso mundinho.

Saí com um cara, 27 anos (tenho 26), do Happn, guri bonito, sociável, beija bem, daí o guri cheio dos papos de que gostou de mim, que se quisesse só me comer não teria marcado o segundo date num barzinho depois de ter me pego na facul etc, inclusive comentou que a mãe dele queria sair domingo e sugeriu que eu fosse junto pra conhecê-la. Achei tudo muito estranho e precipitado e disse mandei audio no whats dizendo pra gente ir devagar. Eu já tava altamente desconfiada do cara porque ele tava separado vindo de uma relação 10 anos com resultado de 2 filhos e disse que, na época, separava toda hora da mina e a traia durante essas separações (sim, o cara falou isso logo de cara pra mim, tipo wtf), daí na terceira vez marcamos numa praça e logo mais fomos no carro nos pegar e acabamos dando a nossa primeira vez no carro, só uma rapidinha mesmo. Eu nem fiquei com medo do guri cair fora porque se ele fizesse isso tava me fazendo um favor, pois cara machista melhor ficar longe.
O guri continuou teclando comigo normal nos próximos 3 dias e sumiu. Eu fiquei puta e o exclui de tudo e depois de 2 dias por pressão de amigas mandei msg pra ver qual foi o motivo do sumiço e ele disse ''ué, tu também nao mandou mensagem'', dai veio com uns papos que tava com problemas e não sei o que. Ah, pro inferno. Eu encerrei dizendo que ainda quero sair com ele caso ele queira e paramos por aí. Daí 3 dias depois ele mandou mensagem de novo, perguntando como eu tava sem me convidar pra sair. Dei-me paciência, minha Deusa.

RESUMO: Homem quando enrola é uma merda, fica nesse caga ou não caga e não sai da moita. Que inferno. Eu só queria transar também e o cara se fazendo. Eu é que não vou ficar me rastejando.
 

ROLGENIO

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.957
Reações
30.233
Pontos
563
Bah, desde 2009 acessando o fórum e só agora criei um login, eita nóis.

Vim desabafar também para vocês também terem uma perspectiva de mulher no vosso mundinho.

Saí com um cara, 27 anos (tenho 26), do Happn, guri bonito, sociável, beija bem, daí o guri cheio dos papos de que gostou de mim, que se quisesse só me comer não teria marcado o segundo date num barzinho depois de ter me pego na facul etc, inclusive comentou que a mãe dele queria sair domingo e sugeriu que eu fosse junto pra conhecê-la. Achei tudo muito estranho e precipitado e disse mandei audio no whats dizendo pra gente ir devagar. Eu já tava altamente desconfiada do cara porque ele tava separado vindo de uma relação 10 anos com resultado de 2 filhos e disse que, na época, separava toda hora da mina e a traia durante essas separações (sim, o cara falou isso logo de cara pra mim, tipo wtf), daí na terceira vez marcamos numa praça e logo mais fomos no carro nos pegar e acabamos dando a nossa primeira vez no carro, só uma rapidinha mesmo. Eu nem fiquei com medo do guri cair fora porque se ele fizesse isso tava me fazendo um favor, pois cara machista melhor ficar longe.
O guri continuou teclando comigo normal nos próximos 3 dias e sumiu. Eu fiquei puta e o exclui de tudo e depois de 2 dias por pressão de amigas mandei msg pra ver qual foi o motivo do sumiço e ele disse ''ué, tu também nao mandou mensagem'', dai veio com uns papos que tava com problemas e não sei o que. Ah, pro inferno. Eu encerrei dizendo que ainda quero sair com ele caso ele queira e paramos por aí. Daí 3 dias depois ele mandou mensagem de novo, perguntando como eu tava sem me convidar pra sair. Dei-me paciência, minha Deusa.

RESUMO: Homem quando enrola é uma merda, fica nesse caga ou não caga e não sai da moita. Que inferno. Eu só queria transar também e o cara se fazendo. Eu é que não vou ficar me rastejando.
E aí gaúcha, tc de onde?

:coolface
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.130
Reações
4.539
Pontos
303
Bah, desde 2009 acessando o fórum e só agora criei um login, eita nóis.

Vim desabafar também para vocês também terem uma perspectiva de mulher no vosso mundinho.

Saí com um cara, 27 anos (tenho 26), do Happn, guri bonito, sociável, beija bem, daí o guri cheio dos papos de que gostou de mim, que se quisesse só me comer não teria marcado o segundo date num barzinho depois de ter me pego na facul etc, inclusive comentou que a mãe dele queria sair domingo e sugeriu que eu fosse junto pra conhecê-la. Achei tudo muito estranho e precipitado e disse mandei audio no whats dizendo pra gente ir devagar. Eu já tava altamente desconfiada do cara porque ele tava separado vindo de uma relação 10 anos com resultado de 2 filhos e disse que, na época, separava toda hora da mina e a traia durante essas separações (sim, o cara falou isso logo de cara pra mim, tipo wtf), daí na terceira vez marcamos numa praça e logo mais fomos no carro nos pegar e acabamos dando a nossa primeira vez no carro, só uma rapidinha mesmo. Eu nem fiquei com medo do guri cair fora porque se ele fizesse isso tava me fazendo um favor, pois cara machista melhor ficar longe.
O guri continuou teclando comigo normal nos próximos 3 dias e sumiu. Eu fiquei puta e o exclui de tudo e depois de 2 dias por pressão de amigas mandei msg pra ver qual foi o motivo do sumiço e ele disse ''ué, tu também nao mandou mensagem'', dai veio com uns papos que tava com problemas e não sei o que. Ah, pro inferno. Eu encerrei dizendo que ainda quero sair com ele caso ele queira e paramos por aí. Daí 3 dias depois ele mandou mensagem de novo, perguntando como eu tava sem me convidar pra sair. Dei-me paciência, minha Deusa.

RESUMO: Homem quando enrola é uma merda, fica nesse caga ou não caga e não sai da moita. Que inferno. Eu só queria transar também e o cara se fazendo. Eu é que não vou ficar me rastejando.
Imaginei o carro "balançando" kkkk.

Mas agora sério, vc poderia ter demonstrado interesse e ter "tentado" manter contato. Talvez ele viu q vc não tava nem aí e fez o que pensou ser certo: esquecer.
 

Sr. Auditor

Bam-bam-bam
Mensagens
2.327
Reações
5.474
Pontos
303
Bah, desde 2009 acessando o fórum e só agora criei um login, eita nóis.

Vim desabafar também para vocês também terem uma perspectiva de mulher no vosso mundinho.

Saí com um cara, 27 anos (tenho 26), do Happn, guri bonito, sociável, beija bem, daí o guri cheio dos papos de que gostou de mim, que se quisesse só me comer não teria marcado o segundo date num barzinho depois de ter me pego na facul etc, inclusive comentou que a mãe dele queria sair domingo e sugeriu que eu fosse junto pra conhecê-la. Achei tudo muito estranho e precipitado e disse mandei audio no whats dizendo pra gente ir devagar. Eu já tava altamente desconfiada do cara porque ele tava separado vindo de uma relação 10 anos com resultado de 2 filhos e disse que, na época, separava toda hora da mina e a traia durante essas separações (sim, o cara falou isso logo de cara pra mim, tipo wtf), daí na terceira vez marcamos numa praça e logo mais fomos no carro nos pegar e acabamos dando a nossa primeira vez no carro, só uma rapidinha mesmo. Eu nem fiquei com medo do guri cair fora porque se ele fizesse isso tava me fazendo um favor, pois cara machista melhor ficar longe.
O guri continuou teclando comigo normal nos próximos 3 dias e sumiu. Eu fiquei puta e o exclui de tudo e depois de 2 dias por pressão de amigas mandei msg pra ver qual foi o motivo do sumiço e ele disse ''ué, tu também nao mandou mensagem'', dai veio com uns papos que tava com problemas e não sei o que. Ah, pro inferno. Eu encerrei dizendo que ainda quero sair com ele caso ele queira e paramos por aí. Daí 3 dias depois ele mandou mensagem de novo, perguntando como eu tava sem me convidar pra sair. Dei-me paciência, minha Deusa.

RESUMO: Homem quando enrola é uma merda, fica nesse caga ou não caga e não sai da moita. Que inferno. Eu só queria transar também e o cara se fazendo. Eu é que não vou ficar me rastejando.
Oiiiii, quer tc?
 

RTX

Habitué da casa
Mensagens
316
Reações
449
Pontos
73
Tive uma discussão bem pesada com a minha avó, falei tudo que me incomodava por muito tempo, o quanto ela julga as pessoas, como se tivesse o poder pra isso, das coisas que ela fala em casa, de sempre se achar na razão de tudo e de nunca reconhecer que erra ("eu tô certa, ponto final"). Muitos vão dizer que é da idade, mais pra mim ela ainda é bem consciente das teimosias pra poder ignorar.

O resultado? EU sou o filho/neto ruim, que esmagou o coraçãozinho por ser tão ingrato falando tudo isso. Não sei o que vai ser daqui pra frente, fui sincero e falei tudo o que sentia, falso não posso ter sido, não vou ser expulso, o clima ficou bem pesado. Informando que, moramos todo mundo junto (pai, vó, vô, tia, prima pequena), não tenho pra onde ir e nem tenho condições de morar sozinho.

Antes que pensem que eu sou um filho revoltado, (eu sou um banana, mal saio de casa, não bebo, não ando em farra, falo pouco, sempre na minha) a mesma sempre termina em discussão com alguém, por incrível que parece, comigo é muito raro, porém pelo acumulo, foi bem mais intenso. Mesmo que eu saísse de casa, ela ainda iria ter atrito com todas as outras pessoas.

No fim, não importa, ela nunca reconhece que tá errada, ela cai atirando pra tudo quanto é lado, mas não aceitar a falta de razão. É assim comigo, com meu pai, meu avô, minha tinha... todos tem defeitos, todos erram, as pessoas do mundo ao redor erram, ela é responsável pelo julgamento, pois a mesma tem a razão suprema.

Ela sempre fez de tudo por nós, principalmente, materialmente falando, não tenho do que reclamar (vestimentas, saúde, internet, celular), mas o que fala, jamais reconhece que atinge, palavras também doem, e reconhecer que errou faz bem a convivência em família, da qual ela sempre reclama, mas tá sempre puxando treta, provocando conflitos. E isso que estou dizendo, não é apenas a minha opinião, já escutei de outras pessoas na família também.
 

ROLGENIO

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.957
Reações
30.233
Pontos
563
Tenho negócio próprio, mas vai mal das pernas. O que entra só dá pra pagar as contas do mês e fazer a feira. Não sobraria pra sair mais que 1 ou 2x por mês.
E vender, não vale a pena?

Talvez ir pra iniciativa privada dê mais dinheiro.
 

educastro9

Bam-bam-bam
Mensagens
2.034
Reações
10.654
Pontos
303
Acabaram de roubar minha bike

Deixei presa com dois cadeados na frente da academia onde faço musculação , quando saí, nem rastro. Só os cadeados partidos no chão pqp
 

Senhor Catástrofe

Bam-bam-bam
Mensagens
1.956
Reações
4.918
Pontos
303
quando comecei meu curso de eng de produção o fiz pq eng de computação não me interessava e o curso que eu queria (data science) não tinha aqui
ano que vem vou pro 3° ano de produção, só que incluíram no vestibular desse ano (pra iniciar ano que vem, claro) o curso de data science

agora estou em dúvida se termino o curso atual ou se largo e vou pra data science, que me renderia um ano a mais pra me formar

tenho até metade do mes que vem pra pensar nisso
definitivamente não vou fazer o vestibular se for pra não fazer o curso, então não vou fazer a prova pra pensar depois

apesar de eng de produção ter um mercado muito amplo, me parece que data science pode ser algo mais promissor
 
Topo