O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


[Tópico Oficial] VestibulandOS 2019 - DICAS, ASSUNTOS, APOSTILAS, LIVROS, PROVAS, DÚVIDAS E ETC.

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Comece estudando os grupos pra saber o que é uma briófita, pteridófita, gimnosperma e angiosperma. É importante ter essa noção macro (Não precisa se aprofundar em um primeiro momento).

E se prepara pra muito decoreba e muito mapa mental (botânica é bem visual).
Obrigadão! E só mais uma dúvida, vc acha q vale a pena começar pela parte de Quimica Orgânica e deixar a inorgânica pra depois?
 


Maladino

Bam-bam-bam
Mensagens
6.313
Reações
7.550
Pontos
459
Obrigadão! E só mais uma dúvida, vc acha q vale a pena começar pela parte de Quimica Orgânica e deixar a inorgânica pra depois?
Se você tiver uma noção basicona de química geral eu acho que dá sim.

No Positivo se não me engano nós começávamos por orgânica.

Só recomendo pegar química inorgânica antes de passar pras reações orgânicas.
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Se você tiver uma noção basicona de química geral eu acho que dá sim.

No Positivo se não me engano nós começávamos por orgânica.

Só recomendo pegar química inorgânica antes de passar pras reações orgânicas.
Eu ia fazer isso mesmo. Deixar as reações de organicas pra depois de inorganicas. Eu ia ver apenas a parte das funções e e etc...
 

Anayama

Bam-bam-bam
Mensagens
1.247
Reações
2.648
Pontos
278
Prova do ENEM chegando e eu ainda não estudei porra nenhuma.

73211

Pior que eu fui inventar de fazer IF (eletrotécnica) e por conta disso ainda não terminei o ensino médio (era pra eu ter concluido em 2017). Só que como eu desisti do curso vou ter que fazer o Encceja pra pegar diploma kkkkkkkkk. Ainda não estudei porra nenhuma pro Encceja também não (a prova é em agosto) mas me falaram que a prova era de boa.

Uma pergunta pra vocês... É difícil tirar 716 de nota no ENEM? Na humildade, me considero um cara esperto, especialmente na área de humanas/parte de interpretação... Ia bem em matemática também, mas há quase 2 anos que eu não estudo a sério e acabei ficando bem defasado nessa área de exatas (física, química, matemática). Vocês acham que começando a estudar de agora ainda dá pra tirar a nota que eu quero? 716 foi a nota de corte do ano passado do curso que eu pretendo fazer... Então eu almejo um mínimo de 720 pontos. O que vocês acham?
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Prova do ENEM chegando e eu ainda não estudei porra nenhuma.

Visualizar anexo 73211

Pior que eu fui inventar de fazer IF (eletrotécnica) e por conta disso ainda não terminei o ensino médio (era pra eu ter concluido em 2017). Só que como eu desisti do curso vou ter que fazer o Encceja pra pegar diploma kkkkkkkkk. Ainda não estudei porra nenhuma pro Encceja também não (a prova é em agosto) mas me falaram que a prova era de boa.

Uma pergunta pra vocês... É difícil tirar 716 de nota no ENEM? Na humildade, me considero um cara esperto, especialmente na área de humanas/parte de interpretação... Ia bem em matemática também, mas há quase 2 anos que eu não estudo a sério e acabei ficando bem defasado nessa área de exatas (física, química, matemática). Vocês acham que começando a estudar de agora ainda dá pra tirar a nota que eu quero? 716 foi a nota de corte do ano passado do curso que eu pretendo fazer... Então eu almejo um mínimo de 720 pontos. O que vocês acham?
720 da pra fazer, focando em red, mat e indo "razoavel" nas demais. A coisa começa a apertar lá pels 750+.
 

Polla el niño

Habitué da casa
Mensagens
333
Reações
210
Pontos
53
720 da pra fazer, focando em red, mat e indo "razoavel" nas demais. A coisa começa a apertar lá pels 750+.
Prova do ENEM chegando e eu ainda não estudei porra nenhuma.

Visualizar anexo 73211

Pior que eu fui inventar de fazer IF (eletrotécnica) e por conta disso ainda não terminei o ensino médio (era pra eu ter concluido em 2017). Só que como eu desisti do curso vou ter que fazer o Encceja pra pegar diploma kkkkkkkkk. Ainda não estudei porra nenhuma pro Encceja também não (a prova é em agosto) mas me falaram que a prova era de boa.

Uma pergunta pra vocês... É difícil tirar 716 de nota no ENEM? Na humildade, me considero um cara esperto, especialmente na área de humanas/parte de interpretação... Ia bem em matemática também, mas há quase 2 anos que eu não estudo a sério e acabei ficando bem defasado nessa área de exatas (física, química, matemática). Vocês acham que começando a estudar de agora ainda dá pra tirar a nota que eu quero? 716 foi a nota de corte do ano passado do curso que eu pretendo fazer... Então eu almejo um mínimo de 720 pontos. O que vocês acham?
Lembrando que a nota de corte no SISU 2019 foi bem mais alta que nos outros anos. Talvez se o TRI de linguagens NÃO for fuderosamente alto esse ano as notas de corte diminuam de novo. Ou vocês acham que a tendência é só subir?
 


Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
Falando em redação, tô indignado com a Imaginie. Toda redação eles me dão 800-880 e não colocam uma explicação coerente (argumentação de senso comum). O que vocês acham dessa que fiz, baseado no que sabem sobre redação? Desconsiderem a contextualização um pouco forçada do Inferno, me veio uma cena em mente e usei ela mesmo.


Enviado de meu Mi A2 Lite usando o Tapatalk
Vamos lá, sempre tive notas boas na redação, mas não significa que eu seja de fato bom, mas vou dar meus um ou dois tips pra tentar ajudar:

1. Evite usar figuras de linguagem na dissertação, guarda esses recursos pra narração ou outro tema mais artístico. Na dissertação tudo tem que ser claro é fácil de digerir. O excesso de hipérbatos deixou sua redação lenta e toda hora a gente tropeça em um:

- logo na introdução, pq não escrever “Gonçalves dias acentua os aspectos ufanistas na ‘canção do exílio’”? Mas fácil de ler, a gente não trupica na vírgula e tudo fica mais agradável pro leitor desse gênero textual

- na próxima oração: a realidade nacional está longe da concepção Romântica pois (?) carece de intervenção no combate ao bullying.
Observe nessa expressão que o hipérbato fez a relação causal ficar meio esquisita pode ser que eu tenha entendido errado, mas não pode tem ambiguidade nesse tipo de texto.

- no segundo parágrafo: “defende que, há na sociedade contemporânea” pq não facilitar e colocar “defende que na sociedade contemporânea há” acho que o hipérbato só valeria a pena se fosse pra evitar o famoso “queísmo” mas nesse caso ele é usado de qualquer forma “.

- “fica claro que” você pode suplemente eliminar essa expressão que de nada acrescenta ao seu ponto de vista argumentativo: “sob tal ótica, o modo passivo e negligente que a comunidade aborda “...” eu até queria terminar a frase mas não entendi exatamente o ponto de vista que você quis lançar. “Sua permanência torna-se incontestável” a permanência de quem? Da sociedade ou da problemática? Outro ponto importante é sempre tomar cuidado com pronomes de posse, a inversão da ordem das orações deixa tudo mais ambíguo, e acaba dificultando que o leitor entenda onde você quer chegar.

2. Evite usar adjetivos e advérbios no texto dissertativo. O importante são as informações, essa floreios deixam o texto mais fraco, jornalístico, da a sensação de que está enrolando a banca:

- No primeiro parágrafo: com efeito, é imprescindível “...” por isso/portanto deve-se discutir “...”

- no segundo parágrafo: “exímia filosofa” não tem pq você exibir sua opinião sobre a escritora, não é seu papel nessa situação. Por isso na dúvida, evitar adjetivos.

3. Você não precisa começar toda oração com alguma conjunção, também

- final do segundo parágrafo: “logo, é necessário combater “...””
você podia dar um desfecho mais adequado pra essa oração, foi uma boa conclusão pro parágrafo, mas você não precisa anunciar assim, pessoalmente eu faria assim “combater a apatia social desde a tenra idade “...”

- no terceiro paragrafo, podia ter simplesmente omitido o “desse modo” e partido diretamente pra conclusão da ideia

- no quarto parágrafo: elucida-se portanto que “...”
pq não começar diretamente com: O bullying é uma problemática (...)

- ainda no quarto, omitir o com isso também,
“Problemática não resolvida no Brasil, as escolas devem instruir os alunos por meio de aulas sobre a diversidade“

4. Repetições

- Observe quantas vezes você repetiu a palavra “sociedade” no segundo parágrafo. Tenta achar sinônimos, o examinador vai olhar com bons olhos.

5. Ideias

Por último, gostei muito das ideias do 2 3 e 4 parágrafos mas eu não senti que o primeiro parágrafo laçou tudo o que você queria abordar
Talvez não usar o Gonçalves Dias como cerne da sua lógica, mas usar ele só pra dar um argumento de confiança pra sua introdução!

Gostei do texto! Deixei algumas dicas, desculpe se confundi qualquer coisa




Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Lembrando que a nota de corte no SISU 2019 foi bem mais alta que nos outros anos. Talvez se o TRI de linguagens NÃO for fuderosamente alto esse ano as notas de corte diminuam de novo. Ou vocês acham que a tendência é só subir?
Sim. Linguagens foi bem mais alta, isso influenciou em cortes maiores. Este ano talvez se repita.
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
O que você idealizou que é diferente na realidade? As considerações de trabalho, o salário, a oferta de empego?
Emprego não falta, mas não paga tanto quanto eu gostaria, não posso reclamar, também...

Mas as condições de trabalho são ruins, não existe direito trabalhista pra médicos, cada vez mais a mídia se esforça pra acabar com a imagem dos médicos...
Sem contar que muitas vezes quando você trabalha com médicos mais velhos fica a mercê da hierarquia, sendo que grande parte desses velhos não sabe Porra nenhuma é só fica fazendo iatrogenia


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Polla el niño

Habitué da casa
Mensagens
333
Reações
210
Pontos
53
Mas as condições de trabalho são ruins, não existe direito trabalhista pra médicos, cada vez mais a mídia se esforça pra acabar com a imagem dos médicos...
Sem contar que muitas vezes quando você trabalha com médicos mais velhos fica a mercê da hierarquia, sendo que grande parte desses velhos não sabe Porra nenhuma é só fica fazendo iatrogenia
Conte-me mais...
como assim a mídia fica denegrindo a imagem dos médicos?
As condições de trabalho são ruins ao ponto de não ter gaze no hospital? Tu trabalha no interior ou região metropolitana?
Aturar médico velho que não manja dos paranauê deve ser um porre msm
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
Conte-me mais...
como assim a mídia fica denegrindo a imagem dos médicos?
As condições de trabalho são ruins ao ponto de não ter gaze no hospital? Tu trabalha no interior ou região metropolitana?
Aturar médico velho que não manja dos paranauê deve ser um porre msm
Já trabalhei em todos os lugares
Se for pra trabalhar no SUS vai ser ruim; a não ser que seja vinculado a algum hospital escola


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Polla el niño

Habitué da casa
Mensagens
333
Reações
210
Pontos
53
Já trabalhei em todos os lugares
Se for pra trabalhar no SUS vai ser ruim; a não ser que seja vinculado a algum hospital escola


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Então virar associado de um convênio conhecido tipo Unimed vale a pena?
Ainda não entendo como a mídia denigre a imagem dos médicos. O único pessoal que vejo falando mal da profissão são os haters que não passaram no vestibular
 

heitoroliveira

Veterano
Mensagens
756
Reações
436
Pontos
104
Vamos lá, sempre tive notas boas na redação, mas não significa que eu seja de fato bom, mas vou dar meus um ou dois tips pra tentar ajudar:

1. Evite usar figuras de linguagem na dissertação, guarda esses recursos pra narração ou outro tema mais artístico. Na dissertação tudo tem que ser claro é fácil de digerir. O excesso de hipérbatos deixou sua redação lenta e toda hora a gente tropeça em um:

- logo na introdução, pq não escrever “Gonçalves dias acentua os aspectos ufanistas na ‘canção do exílio’”? Mas fácil de ler, a gente não trupica na vírgula e tudo fica mais agradável pro leitor desse gênero textual

- na próxima oração: a realidade nacional está longe da concepção Romântica pois (?) carece de intervenção no combate ao bullying.
Observe nessa expressão que o hipérbato fez a relação causal ficar meio esquisita pode ser que eu tenha entendido errado, mas não pode tem ambiguidade nesse tipo de texto.

- no segundo parágrafo: “defende que, há na sociedade contemporânea” pq não facilitar e colocar “defende que na sociedade contemporânea há” acho que o hipérbato só valeria a pena se fosse pra evitar o famoso “queísmo” mas nesse caso ele é usado de qualquer forma “.

- “fica claro que” você pode suplemente eliminar essa expressão que de nada acrescenta ao seu ponto de vista argumentativo: “sob tal ótica, o modo passivo e negligente que a comunidade aborda “...” eu até queria terminar a frase mas não entendi exatamente o ponto de vista que você quis lançar. “Sua permanência torna-se incontestável” a permanência de quem? Da sociedade ou da problemática? Outro ponto importante é sempre tomar cuidado com pronomes de posse, a inversão da ordem das orações deixa tudo mais ambíguo, e acaba dificultando que o leitor entenda onde você quer chegar.

2. Evite usar adjetivos e advérbios no texto dissertativo. O importante são as informações, essa floreios deixam o texto mais fraco, jornalístico, da a sensação de que está enrolando a banca:

- No primeiro parágrafo: com efeito, é imprescindível “...” por isso/portanto deve-se discutir “...”

- no segundo parágrafo: “exímia filosofa” não tem pq você exibir sua opinião sobre a escritora, não é seu papel nessa situação. Por isso na dúvida, evitar adjetivos.

3. Você não precisa começar toda oração com alguma conjunção, também

- final do segundo parágrafo: “logo, é necessário combater “...””
você podia dar um desfecho mais adequado pra essa oração, foi uma boa conclusão pro parágrafo, mas você não precisa anunciar assim, pessoalmente eu faria assim “combater a apatia social desde a tenra idade “...”

- no terceiro paragrafo, podia ter simplesmente omitido o “desse modo” e partido diretamente pra conclusão da ideia

- no quarto parágrafo: elucida-se portanto que “...”
pq não começar diretamente com: O bullying é uma problemática (...)

- ainda no quarto, omitir o com isso também,
“Problemática não resolvida no Brasil, as escolas devem instruir os alunos por meio de aulas sobre a diversidade“

4. Repetições

- Observe quantas vezes você repetiu a palavra “sociedade” no segundo parágrafo. Tenta achar sinônimos, o examinador vai olhar com bons olhos.

5. Ideias

Por último, gostei muito das ideias do 2 3 e 4 parágrafos mas eu não senti que o primeiro parágrafo laçou tudo o que você queria abordar
Talvez não usar o Gonçalves Dias como cerne da sua lógica, mas usar ele só pra dar um argumento de confiança pra sua introdução!

Gostei do texto! Deixei algumas dicas, desculpe se confundi qualquer coisa




Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Muito obrigado pelos comentários, já mudei algumas coisas e espero progredir na redação. Não querendo "puxar pro meu lado", conversei com outras pessoas que assinam o Imaginie e são todos reclamando da correção. Levei uma redação pro professor dar uma olhada e foram comentários totalmente diferentes. Preciso achar um lugar que a correção seja um padrão, o problema é pagar agora huehuehue

Enviado de meu Mi A2 Lite usando o Tapatalk
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
Muito obrigado pelos comentários, já mudei algumas coisas e espero progredir na redação. Não querendo "puxar pro meu lado", conversei com outras pessoas que assinam o Imaginie e são todos reclamando da correção. Levei uma redação pro professor dar uma olhada e foram comentários totalmente diferentes. Preciso achar um lugar que a correção seja um padrão, o problema é pagar agora huehuehue

Enviado de meu Mi A2 Lite usando o Tapatalk
Eu achei ótima
Só que pra tirar nota nos concursos tem que escrever do jeito que eles querem: simples, fácil e fluido. Acho que passa uma sensação melhor pra quem tá lendo. Imagina corrigir 5000 redações enfadonhas, cheias de figuras de linguagem. Aí pegam uma que está mais simples, correta, com argumentos claros
Claro que essa vai ser vista com bons olhos


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Como aprender (digo, memorizar) elementos da tabela periódica? Vi que enquanto eu não aprender alguns elementos (e suas propriedades) continuarei errando muitas questões de quimica... Como vocês aprenderam?

@Maladino @heitoroliveira
 

Maladino

Bam-bam-bam
Mensagens
6.313
Reações
7.550
Pontos
459
Como aprender (digo, memorizar) elementos da tabela periódica? Vi que enquanto eu não aprender alguns elementos (e suas propriedades) continuarei errando muitas questões de quimica... Como vocês aprenderam?

@Maladino @heitoroliveira
Eu não acho que precise saber muita coisa da tabela.

O importante é saber os metais alcalinos, metais alcalinos terrosos, halogênios, ter uma noção dos gases nobres e saber o segundo período da parte direita dos elementos representativos (BCNOF). Não diria que é a coisa mais importante do mundo, com o tempo você guarda os principais (Tipo Sódio, Potássio, Magnésio, Cálcio, e os Halogênios) só de fazer os exercícios. Eu acho que se você souber essas coisas você já ganha bastante tempo (Mas é saber mesmo, não depender de musiquinha).

O que você é obrigado a saber é ter uma noção da distribuição da tabela, pra saber localizar um elemento pela distribuição eletrônica e também saber as propriedades periódicas (Principalmente raio atômico, porque praticamente todo o resto emana disso).

Falando de mim, eu comecei com musiquinha idiota mesmo (Hoje Li Na Kama Rbson Crusoé em Francês, Beijei Mgarida na Casa do Sr Barão Ratão e Helio Nem Argumentou Kréu na Xereca da Rnata), com o tempo e uso fui guardando. os Halogênios por exemplo eu guardei só pelos exercícios. Meu primeiro tapa na cara foi descobrir que apesar do Hidrogênio estar no primeiro período ele não tem família, o segundo é até hoje ver K e não pensar automaticamente em Potássio.

Pra UFPR a gente precisa saber a ordem real de eletronegatividade (FONClBrISCPH, que é literalmente o que eu guardei, como se fosse uma palavra).

Propriedade específica de elemento você não precisa decorar, o que é importante você vai aprender em temas específicos (Tipos os metais nobres em eletroquímica).

TLDR: O mais importante de tudo, acredito eu, é saber os metais alcalinos e alcalinos terrosos (Pra saber a solubilidade de bases por exemplo), localizar um elemento na tabela pela distribuição eletrônica e as propriedades periódicas gerais. As coisas específicas que você seja obrigado a saber acredito que sejam só as formas alotrópicas dos elementos clássicos (Do Carbono, Oxigênio, Fósforo e Enxofre).

O resto é bônus, pelo menos pro ENEM.
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Eu não acho que precise saber muita coisa da tabela.

O importante é saber os metais alcalinos, metais alcalinos terrosos, halogênios, ter uma noção dos gases nobres e saber o segundo período da parte direita dos elementos representativos (BCNOF). Não diria que é a coisa mais importante do mundo, com o tempo você guarda os principais (Tipo Sódio, Potássio, Magnésio, Cálcio, e os Halogênios) só de fazer os exercícios. Eu acho que se você souber essas coisas você já ganha bastante tempo (Mas é saber mesmo, não depender de musiquinha).

O que você é obrigado a saber é ter uma noção da distribuição da tabela, pra saber localizar um elemento pela distribuição eletrônica e também saber as propriedades periódicas (Principalmente raio atômico, porque praticamente todo o resto emana disso).

Falando de mim, eu comecei com musiquinha idiota mesmo (Hoje Li Na Kama Rbson Crusoé em Francês, Beijei Mgarida na Casa do Sr Barão Ratão e Helio Nem Argumentou Kréu na Xereca da Rnata), com o tempo e uso fui guardando. os Halogênios por exemplo eu guardei só pelos exercícios. Meu primeiro tapa na cara foi descobrir que apesar do Hidrogênio estar no primeiro período ele não tem família, o segundo é até hoje ver K e não pensar automaticamente em Potássio.

Pra UFPR a gente precisa saber a ordem real de eletronegatividade (FONClBrISCPH, que é literalmente o que eu guardei, como se fosse uma palavra).

Propriedade específica de elemento você não precisa decorar, o que é importante você vai aprender em temas específicos (Tipos os metais nobres em eletroquímica).

TLDR: O mais importante de tudo, acredito eu, é saber os metais alcalinos e alcalinos terrosos (Pra saber a solubilidade de bases por exemplo), localizar um elemento na tabela pela distribuição eletrônica e as propriedades periódicas gerais. As coisas específicas que você seja obrigado a saber acredito que sejam só as formas alotrópicas dos elementos clássicos (Do Carbono, Oxigênio, Fósforo e Enxofre).

O resto é bônus, pelo menos pro ENEM.
O meu pai me ensinou a 1º tabela (lina K RObou Césio da França)... Mas as demais não peguei.
Eu ia fazer isso, estudar os grupos + CHONPS. Eu ia na ideia de decorar tudo mas não rola mesmo. O que pesa mesmo é na parte de ácidos, bases, óxidos e afins.. onde devemos ter uma ideia dos elementos. Muito obrigado por me responder. Ajudou muito!
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
Como aprender (digo, memorizar) elementos da tabela periódica? Vi que enquanto eu não aprender alguns elementos (e suas propriedades) continuarei errando muitas questões de quimica... Como vocês aprenderam?

@Maladino @heitoroliveira
Você sabe fazer distribuição eletrônica por Linus Pauling?
Acho que é o primeiro passo pra compreender as propriedades eletrônicas dos átomos


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
O meu pai me ensinou a 1º tabela (lina K RObou Césio da França)... Mas as demais não peguei.
Eu ia fazer isso, estudar os grupos + CHONPS. Eu ia na ideia de decorar tudo mas não rola mesmo. O que pesa mesmo é na parte de ácidos, bases, óxidos e afins.. onde devemos ter uma ideia dos elementos. Muito obrigado por me responder. Ajudou muito!
Eu ainda sei de cor as porcarias de química, nem são tão úteis pro vestibular nem pra nada kkkk o ideal é você resolver exercícios o suficiente pra se sentir confortável com as coisas, eu usava uma frase diferente
Li Na Kama Robson Crusoé Francês
Bela Magrela Casou Sr Barão Ratão

Boca Alugada Ganha Indio Talentoso
Comi Siri Gelado no Sanatório Público
Não Pense Assim Sobre Bichos
Os SeTe Porquinhos
Foi Clovis Bravo Invadiu Atenas

kkkkkk até hoje meu cérebro tem espaço pra esse lixo
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
Um relato de superação pra motivar vocês a continuarem estudando que um dia vai dar certo:

Eu venho de uma cidade rural, no interior de SP, trabalhava literalmente na roça quando mais novo (colhia e vendia caqui e alcachofra), sem me zoavam bastante por ser "nerd", ouvi muita gente falando que o estudo não valia a pena, mas minha mãe sempre falava que o estudo era a única forma de mudar de vida. Acreditei nisso e estudei a vida toda, dava aulas de kumon de matemática e inglês pra conseguir complementar a renda.
No fim, com todo o esforço, consegui passar em medicina, numa época que ainda não tinha cotas.

Hoje encontrei um colega que trabalhava comigo, ele está trabalhando de Uber. Comentou que hoje se arrepende de não ter estudado no passado também, e que gostaria que as coisas tivessem sido diferentes.
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Você sabe fazer distribuição eletrônica por Linus Pauling?
Acho que é o primeiro passo pra compreender as propriedades eletrônicas dos átomos


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Vc diz aquelas das distribuição eletrônica? (1s2, 2 s2 ... ?) Sim, esta parte já está OK tem uns anos (revisei ontem inclusive). Mas o que me deixa louco são os outros elementos... Mas acho que vou focar em exercicios, como vc disse: tenho que me familiarizar com os elementos.

Um relato de superação pra motivar vocês a continuarem estudando que um dia vai dar certo:

Eu venho de uma cidade rural, no interior de SP, trabalhava literalmente na roça quando mais novo (colhia e vendia caqui e alcachofra), sem me zoavam bastante por ser "nerd", ouvi muita gente falando que o estudo não valia a pena, mas minha mãe sempre falava que o estudo era a única forma de mudar de vida. Acreditei nisso e estudei a vida toda, dava aulas de kumon de matemática e inglês pra conseguir complementar a renda.
No fim, com todo o esforço, consegui passar em medicina, numa época que ainda não tinha cotas.

Hoje encontrei um colega que trabalhava comigo, ele está trabalhando de Uber. Comentou que hoje se arrepende de não ter estudado no passado também, e que gostaria que as coisas tivessem sido diferentes.
O tempo é cruel... Uma dúvida, vc foi aprovado com quantos anos? Eu já vou fazer 22 anos no fim do ano, apesar de nunca ser tarde em realizar algum desejo, a idade pesa. Este ano eu não ia tentar novamente, mas como evolui um pouco ano passado (consegui aumentar 50 pts) acho que darei mais uma chance pra mim... Tenho medo de chegar nos meus 30, 35 anos frustrado por não ter persistido até passar.
 

Meemers

Habitué da casa
Mensagens
255
Reações
321
Pontos
63
Vc diz aquelas das distribuição eletrônica? (1s2, 2 s2 ... ?) Sim, esta parte já está OK tem uns anos (revisei ontem inclusive). Mas o que me deixa louco são os outros elementos... Mas acho que vou focar em exercicios, como vc disse: tenho que me familiarizar com os elementos.



O tempo é cruel... Uma dúvida, vc foi aprovado com quantos anos? Eu já vou fazer 22 anos no fim do ano, apesar de nunca ser tarde em realizar algum desejo, a idade pesa. Este ano eu não ia tentar novamente, mas como evolui um pouco ano passado (consegui aumentar 50 pts) acho que darei mais uma chance pra mim... Tenho medo de chegar nos meus 30, 35 anos frustrado por não ter persistido até passar.
Fui aprovado com 16 pra 17
Mas idade não é fator que deve impedir ninguém de seguir o sonho


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Anayama

Bam-bam-bam
Mensagens
1.247
Reações
2.648
Pontos
278
Fiz a inscrição pro ENEM semana passada, fiz hoje a inscrição pro Encceja, agora só tá faltando o principal... Estudar :kduvida

Btw, tenho que ir no exército também. Era pra eu ter me alistado no ano passado e até agora não fui lá resolver minha situação. Alguém sabe se dá alguma bronca esse negócio de ir se alistar atrasado? E o pedido de dispensa, eles dão na hora, aceitam a vontade do cara de boa e tal?
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
3.177
Reações
4.602
Pontos
303
Fiz a inscrição pro ENEM semana passada, fiz hoje a inscrição pro Encceja, agora só tá faltando o principal... Estudar :kduvida

Btw, tenho que ir no exército também. Era pra eu ter me alistado no ano passado e até agora não fui lá resolver minha situação. Alguém sabe se dá alguma bronca esse negócio de ir se alistar atrasado? E o pedido de dispensa, eles dão na hora, aceitam a vontade do cara de boa e tal?
Aproveita e vai logo, não deixe pra quando "passar" no SISU (devido o prazo corrido). Mas acredito que não dá problema, lá eles irão te dar um comprovante "provisório".
 

Dr.Saber

Bam-bam-bam
Mensagens
3.048
Reações
4.587
Pontos
303
Fiz a inscrição pro ENEM semana passada, fiz hoje a inscrição pro Encceja, agora só tá faltando o principal... Estudar :kduvida

Btw, tenho que ir no exército também. Era pra eu ter me alistado no ano passado e até agora não fui lá resolver minha situação. Alguém sabe se dá alguma bronca esse negócio de ir se alistar atrasado? E o pedido de dispensa, eles dão na hora, aceitam a vontade do cara de boa e tal?
Não sei, pois eu me alistei a tempo, mas meu amigo se atrasou e disse que teve que pagar apenas uma multa. Mas não sei se o que ele disse é verdade e/ou vale para todos os lugares. Mas, de qualquer maneira, recomendo ir logo resolver essa situação.

Ainda tem tempo para estudar, claro que vai ter que priorizar algumas áreas nessa altura do campeonato, mas não desista. Ainda há chances.
 

Polla el niño

Habitué da casa
Mensagens
333
Reações
210
Pontos
53
Um relato de superação pra motivar vocês a continuarem estudando que um dia vai dar certo:

Eu venho de uma cidade rural, no interior de SP, trabalhava literalmente na roça quando mais novo (colhia e vendia caqui e alcachofra), sem me zoavam bastante por ser "nerd", ouvi muita gente falando que o estudo não valia a pena, mas minha mãe sempre falava que o estudo era a única forma de mudar de vida. Acreditei nisso e estudei a vida toda, dava aulas de kumon de matemática e inglês pra conseguir complementar a renda.
No fim, com todo o esforço, consegui passar em medicina, numa época que ainda não tinha cotas.

Hoje encontrei um colega que trabalhava comigo, ele está trabalhando de Uber. Comentou que hoje se arrepende de não ter estudado no passado também, e que gostaria que as coisas tivessem sido diferentes.
E foi mt perrengue pra se sustentar nos 6 anos de faculdade?
 

Anayama

Bam-bam-bam
Mensagens
1.247
Reações
2.648
Pontos
278
Seguinte, como eu passo muito tempo em casa minha mamis quer que eu escolha um curso online de pré-vestibular que ela vai pagar. Aos estudiosOS: quais cursinhos online vocês recomendam? Já fizeram uso de algum? Como foi a experiência?

PS: só não avacalha com cursos de 200 talkeys mensais.
 

Polla el niño

Habitué da casa
Mensagens
333
Reações
210
Pontos
53
Essa reportagem mostra que as inscrições do Enem caiu 41% de 2014 pra cá, e esse ano terá o menor número de participantes desde 2009. Será que isso vai facilitar ou dificultar a nossa vida?
Eu particularmente acho que graças ao baixo número de inscrições, a média de acertos vai ser maior, o TRI vai ser fuderosamente alto e a nota de corte pra pedagogia vai ficar em 900 pontos. Pode anotar!
 
Topo