O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


"USA quer reviver BraZil news" - Topetudo proibe equipamentos de telecomunicações estrangeiros suspeitos

doraemondigimon

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.449
Reações
13.721
Pontos
619
https://www.msn.com/pt-br/noticias/mundo/trump-proíbe-equipamentos-de-telecomunicações-estrangeiros-suspeitos/ar-AABq4Gv?li=AAggXC1

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, proibiu nesta quarta-feira que empresas americanas utilizem equipamentos de telecomunicações estrangeiros que coloquem em risco a segurança nacional, uma medida que parece visar a China.

Trump declarou "emergência nacional" para firmar o decreto, que atinge em particular o gigante chinês das telecomunicações Huawei.

A Casa Branca disse que a decisão tem o objetivo de proteger o país "dos adversários estrangeiros que exploram cada vez mais as vulnerabilidades da infra-estrutura, dos serviços de tecnologia da informação e das comunicações nos Estados Unidos".

O decreto presidencial visa responder a "atos criminosos favorecidos pela Internet, incluindo espionagem econômica e industrial contra os Estados Unidos e sua população".

"Este governo fará o que for preciso para manter os Estados Unidos seguros e prósperos", disse nesta quarta-feira a porta-voz da Casa Branca Sarah Sanders.

O grupo chinês reagiu declarando que "restringir as atividades da Huawei nos Estados Unidos não deixará o país mais seguro ou mais forte". "Ao contrário, só empurrará os Estados Unidos para alternativas inferiores e caras".

No final, os Estados Unidos ficarão "atrasados na área do 5G", a última geração de telefonia móvel, "o que penalizará as empresas e os consumidores americanos", declarou o grupo de Shenzhen.

"Estas restrições absurdas pisoteiam os direitos da Huawei e levantam outras questões jurídicas graves", declarou o grupo.

Diante da possibilidade de um decreto neste sentido, as autoridades chinesas já haviam denunciado o abuso de poder por parte de Washington para eliminar as empresas chinesas da livre concorrência.

"Há algum tempo os Estados Unidos abusam de seu poder para desacreditar deliberadamente as companhias chinesas e fazê-las retroceder a todo custo, o que não é justo ou respeitável", disse Geng Shuang, um porta-voz da diplomacia chinesa.

O funcionário acusou Washington de recorrer ao "pretexto da segurança nacional" para evitar que as companhias chinesas ganhem mercado nos Estados Unidos.

Com o secretário de Estado Mike Pompeo na linha de frente, os Estados Unidos realizam há meses uma ofensiva contra a Huawei, que acusam de espionar para Pequim.

Os Estados Unidos excluíram a Huawei dos projetos de tecnologia 5G em seu território e tentam convencer seus aliados ocidentais a fazer o mesmo, advertindo para os muitos riscos de espionagem por meio da quinta geração da Internet móvel.

"Empresas de telecomunicações chinesas como Huawei servem efetivamente como um braço de Inteligência do Partido Comunista chinês", declarou o senador republicano Tom Cotton. "A administração tem razão ao restringir o uso de seus produtos".


Tá bom.... Por um acaso, a Motorola é americana? :facepalm
 




doraemondigimon

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.449
Reações
13.721
Pontos
619
E tá errado?
Não posso dizer que sim, nem que não. Mas na minha opinião, seria como te forçar a APENAS comprar uma única marca, sem ter poder de escolha. Existem produtos americanos que prestam, mas ter que impedir a entrada dos concorrentes apenas pra isso, me parece uma ideia meio boba.

Tipo assim: A ford está nos EUA e tá com os pés na cova. Daí pra aumentar o poderio da empresa, as outras (VW/Fiat.... Não, essa não existe por lá/Mitsubishi/Toyota/Mini e outras) vão ter que sair e ficar de fora das vendas? Pra mim é incoerente...
 

ME110

Bam-bam-bam
Mensagens
7.367
Reações
6.464
Pontos
429
Verdade é uma só.

Ou NSA ou sua contrapartida Chinesa/Russa esta espionando esse post agora.....só de voce estar no mundo digital, alguém pode te monitorar.
Acredito que apenas se voce estiver dentro da terra...tipo uns 40 metros abaixo da superficie, numa gaiola do cientista que esquecio o nome....pra ninguem saber o que voce esta fazendo.
Nos anos 60 do século passado o povo já sabia tudo que o outro fazia por satelites/avióes espióes, hoje, tudo que esta na internet pode ser monitorado.
E pior, normalmente voce entrega tudo que interessa em redes socias e para o oraculo google.

No final das contas, Trump quer ter uma reserva de mercado, é do jogo.

Abraço a todos.
 

sebastiao coelho neto

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.773
Reações
24.249
Pontos
639
Num primeiro momento parece paranoia, mas por produtos fabricados na China não boto a mão a mão no fogo de jeito nenhum. Principalmente depois de notícias assim:


e não são sites conspiracionistas. a questão é que os EUA não querem nenhuma nação espionando seus cidadãos, só eles próprios.
 

Trendkill

Die Hard
Mensagens
28.926
Reações
19.646
Pontos
809
Num primeiro momento parece paranoia, mas por produtos fabricados na China não boto a mão a mão no fogo de jeito nenhum. Principalmente depois de notícias assim:


e não são sites conspiracionistas. a questão é que os EUA não querem nenhuma nação espionando seus cidadãos, só eles próprios.
Ou testes básicos como esse aqui em telefones android da huwaei


 

pavomba

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.030
Reações
15.047
Pontos
614
Não posso dizer que sim, nem que não. Mas na minha opinião, seria como te forçar a APENAS comprar uma única marca, sem ter poder de escolha. Existem produtos americanos que prestam, mas ter que impedir a entrada dos concorrentes apenas pra isso, me parece uma ideia meio boba.

Tipo assim: A ford está nos EUA e tá com os pés na cova. Daí pra aumentar o poderio da empresa, as outras (VW/Fiat.... Não, essa não existe por lá/Mitsubishi/Toyota/Mini e outras) vão ter que sair e ficar de fora das vendas? Pra mim é incoerente...
Vide o que aconteceu que o governo anterior salvou a GeMe, putaria total.

O argumento que eu vejo a favor é que grandes companhias chinesas reportam pro governo e tendem a ter pessoas ligadas diretamente ao partidão comunista lá. Visto que desde ascenção do XI a censura lá voltou com força, e a relação que continua azeda com os vizinhos (isso se é que não pioraram), eles estão olhando suspeitos para qualquer comapnhia de lá, vale lembrar que houveram prisões de executivos da Huawei nos EUA, Canadá e Inglaterra.
 

Gary Oak

Bam-bam-bam
Mensagens
1.969
Reações
3.201
Pontos
303
Esse bagulho da haweii é sinistro, eu realmente não dúvido de nada do governo chinês.

edit: HUAWEI, nome difícil.
 

Damyen

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
33.410
Reações
61.326
Pontos
979
Não posso dizer que sim, nem que não. Mas na minha opinião, seria como te forçar a APENAS comprar uma única marca, sem ter poder de escolha. Existem produtos americanos que prestam, mas ter que impedir a entrada dos concorrentes apenas pra isso, me parece uma ideia meio boba.

Tipo assim: A ford está nos EUA e tá com os pés na cova. Daí pra aumentar o poderio da empresa, as outras (VW/Fiat.... Não, essa não existe por lá/Mitsubishi/Toyota/Mini e outras) vão ter que sair e ficar de fora das vendas? Pra mim é incoerente...
O que o Trump quer é impedir a Huawei de vender coisas por lá, não que haja monopólio de uma marca só.
 

Rafa - Él

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.137
Reações
44.026
Pontos
604
Se for pra impedir c8oisas como Hao123, aprovo :kclassic


















No mais, o Laranjão do topete tá numa queda de braço com a China qu tenho até medo de pensar onde vai parar...:kpanico
 

Baralho

Bam-bam-bam
Mensagens
1.810
Reações
5.113
Pontos
293
Se os Eua punirem outros países e empresas que não sejam China (e talvez, Rússia, plagiadora notória desde os tempos de Urss) estará agindo desproporcionalmente e equivocadamente, contra seu próprio mercado interno.

Mas se a medida atingir exatamente os autores identificados, de conduta ilegal, aí sim, a medida é positiva, mesmo que a ônus de um possível decréscimo da concorrência em alguns setores mais específicos.

Tem diferenças básicas entre identificar e punir (conforme as leis locais, sobre propriedade industrial) uma ou outra empresa chinesa que comprovadamente agiu nesse sentido e simplesmente fechar o mercado a (dezenas, centenas) de outras empresas que concorrem legalmente e honestamente.

O histórico da China (somente foram aceitos na OMC em 2003) sobre espionagem industrial é antigo, é um país notório por fazer engenharia reversa de armamentos/caminhões/aviões soviéticos e até hoje, com o advento do capitalismo de mercado, tem marcas locais que plagiam Land Rover e BMW, por exemplo.

Um exemplo de boas práticas da versão ''não-comunista'' do mesmo país, é a ilha de Taiwan, tão livre-mercado e próspera quanto seus vizinhos Japão e Coreia do Sul.
 

PhylteR

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
21.632
Reações
9.284
Pontos
569
Isso realmente afetaria a venda de smartphones chineces lá? Vou pros states em setembro e cogito trazer um P30 Pro pra mim... Não me fode, Trump.
 

Lacerda Yawara

Bam-bam-bam
Mensagens
2.505
Reações
4.114
Pontos
303

O tiozinho ai falou tudo ao contrario, os produtos XAINA tem componentes de espionagem e isso já foi comprovado pelas investigações da apple e amazon.
 
Topo