O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Você, homem, já se sentiu desejado por outro homem (olhares, agrados...)?

interior1982

Habitué da casa
Mensagens
153
Reações
464
Pontos
73
De que forma foi essa abordagem? Você se sentiu como? Constrangido? Anojado? Amedrontado? Irritado?
 


Atlante

Bam-bam-bam
Mensagens
5.366
Reações
9.559
Pontos
353
Recebo olhares e atenção de gays com certa frequência.

Outra vez um tentou até pegar na minha mão. Não fiz escândalo, mas puxei minha mão de forma agressiva, sem dizer nada. Obviamente, detestei a abordagem.

Em outra ocasião, numa festa, uma conhecida tentou me jogar pra um amigo gay a seu pedido. Declinei polidamente.

Obviamente, não gostei nem um pouco de nada disso, e não vejo motivos pra me sentir lisonjeado por atrair o que não me interessa.
 

Defalt

Habitué da casa
Mensagens
110
Reações
259
Pontos
63
Uma vez um me chamou no semaforo (achei que tava pedindo informação), ai me deu uma nota de 10 junto com um papel e um numero e pediu pra eu ligar (na epoca 10 valia uns 50). Fiquei com o dinheiro e lógico que não liguei.

Certo dia fui no hospital, pois meu dedo tava inflamado cheio de pus. Quando chego lá o médico era esse viado que tinha me dado o dinheiro, chega gelei na hora. O fdp da puta quase arrancou meu dedo , acho que ele nao deu a anestesia corretamente e chorei de dor quando ele cortou com o bisturi pra tirar o pus.
 

Uma outra pessoa

Bam-bam-bam
Mensagens
11.095
Reações
7.669
Pontos
484
uma vez, umas 6 da manha voltando da balada a uns 15 anos atras, tava saindo do metro e indo embora a pé pra casa, quando vejo um gordinho barbudo estilo fã de zelda, meio ursao e tal, ai e ele me perguntou onde ficava tal lugar, que nao me recordo agora, ai orientei ele e nisso na hora ele agradeceu e eu virei e continuei meu caminho, nesse eu vejo que ele vem me seguindo, ai ele me chamou, e eu perguntei, ja desconfiado, fala amigo? ele falou o seguinte com toda a educação que queria fazer uma chupeta, ai mandei ele tomar no rabo e sair andando

esses caras são tao promíscuos assim mesmo?
mulher nunca fez isso comigo e nem imagino uma fazendo isso na rua com quem nem conhece

fiquei numa puta raiva

como ele era um pouco mais forte que eu resolvi não partir pra ignorância
e tb estava sem meu spray de pimenta
 


Kaiketsu_Zubat

Bam-bam-bam
Mensagens
1.800
Reações
3.773
Pontos
303
Já e não é preconceito, mas é uma situação estranha, até ruim na verdade, porque homossexuais são muito indiscretos e olhavam como se eu fosse um pedaço de carne e isso me incomoda demais principalmente quando eu era mais novo.
 

trevz

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.277
Reações
17.745
Pontos
609
Tem um viado famoso aqui onde eu moro, a cidade inteira conhece elx, mas acho que elX deve ter algum problema mental pq é meio loucx.

Uma vez na rodoviária ele chegou pra trocar idéia comigo e com um amigo, só pelo lulz eu dei bola pra ver até onde ia. Não deu 5min de conversa elx já começou a falar que queria dar pra mim e pro meu amigo :klol, chamando pra ir no beco e tudo mais, foi divertido.

Tem ate uns vídeos delx perdidos no YouTube.

 

Leon Powalski

Bam-bam-bam
Mensagens
1.927
Reações
5.357
Pontos
303
Uma vez um maluco passou a mão na minha bunda... isso conta? :klolwtf

Tem um viado famoso aqui onde eu moro, a cidade inteira conhece elx, mas acho que elX deve ter algum problema mental pq é meio loucx.

Uma vez na rodoviária ele chegou pra trocar idéia comigo e com um amigo, só pelo lulz eu dei bola pra ver até onde ia. Não deu 5min de conversa elx já começou a falar que queria dar pra mim e pro meu amigo :klol, chamando pra ir no beco e tudo mais, foi divertido.

Tem ate uns vídeos delx perdidos no YouTube.

Então... acontece que o cara tinha uma personalidade parecida com ele, só que mais peculiar. O camarada aborda todo mundo, homem, mulher, idoso, criança. O cara não perdoa ninguém, hahahahahaha...

O pior que esse manolo ainda arriscou uma carreira de vereador aqui onde moro...

 

konde10

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
12.320
Reações
12.399
Pontos
689
Já, trabalhei em um ambiente que tinha muitos gays, então acontecia com frequência, mas a maioria me respeitava.
 

ptsousa

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
49.172
Reações
135.702
Pontos
814
Uma única vez.

Numa festa de 7 de setembro feita pelo Consulado lá em Vancouver, quando eu trampava lá.

Estava eu conversando com um amigo de trampo e eis que chega um coreano pra conversar conosco. A esposa desse meu amigo o chama para dançar e talz e eu fico conversando com esse coreano.

Quando percebi, o dito cujo estava fazendo o gesto do bola-gato (língua por dentro da bochecha) entre uma frase e outra. Em um momento, ele inclina acabeça e os olhos para o lado de fora do Centro de Convenções onde era a festa.

No entanto, eu, com a minha expertise evasiva talhada por décadas de situações desagradáveis, mantive a cara de paisagem intacta, sem esboçar 1 mm de que havia entendido a chamada viadesca :klolz

No meio de uma frase do coreia, mudei a expressão facial e virei a cara rapidamente para trás, fingindo proucurar algo como se alguém houvesse me chamado. Pedi licença, fui para junto do pessoal que estava preparando os salgados para servir e fiquei na cozinha comendo salgado e bebendo refri até a festa acabar :klolz
 

Ex-peão louco

Mad Spy
VIP
Mensagens
1.433
Reações
2.621
Pontos
303
Muitas vezes. Já fui abordado diretamente por um que se disse fotógrafo e que eu deveria ser modelo. Me passou número e pediu pra eu ligar.
Modelo não sei do que com meus 1,70 hahaha
Só se for de bunda.

Já tive um irmão de colega dando em cima demais. Explicitamente.
Na época era pelo MSN e eu era novo, ficava constrangido de bloquear o cara e causar confusão. Bobeira minha mesmo. Hj em dia isso seria resolvido rapidamente.

Já recebi assobios e olhares na rua. Quando deixo o cabelo maior é batata. Até aqui no Canada tenho notado que os gays olham muito pra mim.

As molieres é que tinham parado de olhar depois que dei uma engordada (sempre olharam muito). Vai ver é só cisma minha mesmo. Agora que tô emagrecendo notei umas olhadas mais tímidas recomeçando.

Mulher tbm já deu muito em cima de forma descarada. Só que desde que virei adulto estou em relacionamento, então corto logo.
 

Project Schizoid

Zima Blue
VIP
Mensagens
6.598
Reações
8.913
Pontos
353
Vez ou outra aparece homem ou mulher interessados, mas eu só rejeito educadamente. Tem homem que é meio carentão, mas eu não esquento. Eu só digo que não "fico" ou "namoro", e pronto. O que é verdade mesmo.
 

Landstalker

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.171
Reações
26.462
Pontos
584
Tiveram algumas vezes.

Eu fui comprar um CD de Laura Pausine para uma ex minha. Aí estava na sessão onde só tem esse tipo de música. Então chegou um cara afeminado e começou a puxar o papo comigo. Eu percebi que ele tava conseguidas intenções, então eu falei: "eu acho que esse CD a minha namorada vai gostar". Ele perguntou: "Namorado?", eu: "não, namorada!!!".

A outra vez foi num prédio onde eu tava sentando numa mesa e o cara passou a mão na minha perna. "Eu êpa, cara, você tá pensando errado". O maluco ainda veio com a conversa de que se ele fosse fazer boquete em mim eu não iria me transformar em gay. Eu pulei fora.
 

da19x

Bam-bam-bam
Mensagens
1.629
Reações
3.726
Pontos
303
Já, uma única vez.

ODP decidiu me seguir enquanto eu seguia para o trabalho, logo após eu descer do ônibus. Em um local mais tranquilo ele simplesmente chegou e mandou um "estou afim de você, gato. Quero lhe chupar". Bem na cara dura mesmo. Depois de eu negar algumas vezes e quase meter a mão por ele continuar insistindo, ele desistiu e cada um seguiu o seu rumo. Foi BEM constrangedor.
 

Malaquias Duro

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.267
Reações
48.246
Pontos
553
Uma única vez.

Numa festa de 7 de setembro feita pelo Consulado lá em Vancouver, quando eu trampava lá.

Estava eu conversando com um amigo de trampo e eis que chega um coreano pra conversar conosco. A esposa desse meu amigo o chama para dançar e talz e eu fico conversando com esse coreano.

Quando percebi, o dito cujo estava fazendo o gesto do bola-gato (língua por dentro da bochecha) entre uma frase e outra. Em um momento, ele inclina acabeça e os olhos para o lado de fora do Centro de Convenções onde era a festa.

No entanto, eu, com a minha expertise evasiva talhada por décadas de situações desagradáveis, mantive a cara de paisagem intacta, sem esboçar 1 mm de que havia entendido a chamada viadesca :klolz

No meio de uma frase do coreia, mudei a expressão facial e virei a cara rapidamente para trás, fingindo proucurar algo como se alguém houvesse me chamado. Pedi licença, fui para junto do pessoal que estava preparando os salgados para servir e fiquei na cozinha comendo salgado e bebendo refri até a festa acabar :klolz
kkkkkkkkkkkkkkk
 

Malaquias Duro

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.267
Reações
48.246
Pontos
553
Costumo ser lisonjeado por gays. É uma turma que não tem medo de levar não.

Extremamente desconfortante, ainda mais quando em público. Mas é a vida, negócio é tratar com educação, a menos que passem dos limites (pegar ou falar alto que tá afim).

É tipo mulher levando cantada de homem na rua. Eu tenho essa empatia por elas, pois é muito chato alguém que não é do seu interesse investir em você.
 
Topo