O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Como foi o alistamento nas forças armadas de vocês?

Sr. Auditor

Bam-bam-bam
Mensagens
2.109
Reações
4.808
Pontos
303
Eai galera,

Quem aí já se alistou no exército, aeronáutica ou marinha quando completou os 18 anos? Nunca se alistou? é foragido hue?

Como foi a experiência nessa fase tão marcante kkkkk ?

Conseguiram servir e ganhar uns trocados? Pediram baixa ? juraram bandeira?

Dissertem..

Eu tentei servir na aeronáutica quando tinha os 18, porém entrei no excesso de contingente, ou seja, pra nunca mais huehue.

 


ROLGENIO

Bam-bam-bam
Mensagens
8.057
Reações
19.757
Pontos
363
Juraram bandeira
Sim, e somente isso. Nem os exames eu cheguei a fazer.

Quando fiz a papelada a mulher perguntou se eu queria servir e eu respondi que não. Ela me deu um papel que era diferente dos outros que fizeram aquela hora (até achei que era pra servir direto HUE).

Na data marcada separaram quem tinha o papel tipo o meu dos outros. Os outros fizeram exames e outras coisas. A minha fila só jurou bandeira e tchau...
 

Incalus

Bam-bam-bam
Mensagens
8.149
Reações
8.784
Pontos
444
Foi mais "tranquilo" do que eu esperava. Geralmente essa coisa de Servir o Exército (Tiro de Guerra) é cercado de lenda..


Mas para se alistar, vc precisa obviamente fazer Exame Médico para saber se é apto (resistência física, principalmente). E, no fim, todos ficam de cueca (ui) e tinha que segurar o bilau pra cima (sério, não é zoeira), e "assoprar" o pulso, com a boca colada nele. Não entendo tecnicamente o que isso significa, enfim..Eu servi em 2001.Diferente do que mostram os filmes, com estereotipos em torno do Sargento e da rigidez da disciplina, a vida no Exército é muito mais focado em esmiuçar valores como Honra, disciplina, civilidade, Respeito ao próximo (não o respeito através da coerção e imposição do medo de tomar esporro do Superior, como mostram os filmes).

A rotina no Exército era chegar às 6 da manhã, fazer a marcha, depois Aula teorica e prática sobre Armamentos. Foi no Exército que aprendi a atirar e a tomar ciência sobre tecnicas básicas de Guerra. Depois da Aula, a gente ia fazer Exercícios físicos, como correr 2000 metros, puxar "ferro", etc.Existiam duas turmas, composta cada uma de 50 Soldados. A gente tirava um dia a cada duas semanas, para passar o dia todo no Quartel. Só podíamos dormir por quatro horas e tinhamos que vigiar o Quartel de madrugada...era ruim? Nem tanto....pq muita coisa lá dentro era legal, como os colegas (não existiam pessoas boçais no Quartel, era todo mundo gente boa e "parça").


A cada mês tínhamos que andar fora do Quartel com a arma pendurada no ombro, simulando caminhadas de guerra (testar a resistência física e atenção a comandos)

Enfim...é verdade que durante o Período no Exército, vc PRECISA ter disciplina e seguir ordens, como prestar continência quase sempre, etc....mas castigos só eram aplicados aos mongolóides mesmo, que tinham dificuldade de fazer Barra (a gente precisava fazer 10 barras e 30 flexões)..
 


Odin Games

Bam-bam-bam
Mensagens
2.430
Reações
3.721
Pontos
303
Foi uma merda, e tenso pra caralho...:klol

Me alistei em 2004 quando fiz 18 anos, na época fazia 2 anos que tinha deixado meu cabelo crescer, e estava com muito medo de servir o exército e ter que cortar meu cabelo, que já estava bem grande... Me alistei lá por abril quando faltava menos de uma semana para acabar o alistamento, tirei uma foto cabeludo e tudo, e um mês depois me chamaram de novo para pegar o comprovante de alistamento, e em alguns meses depois, não lembro quanto tempo foi, foi o assustador exame médico, a coisa que mais me dava medo...

Chegou no dia, eles primeiro examinaram meus dentes, depois tiraram minhas medidas e me pesaram, e depois era o exame de visão, só que eu não passei nesse exame, pois eu não enxergo muito bem do olho esquerdo, e errei ao ler umas letras na parede, ai os caras me colocaram num canto junto com mais alguns que também não passaram, e depois um milico me chamou e me deu uma notícia que quase desmaiei de emoção, vocês estão dispensados dos serviço militar! :viraolho

Depois disso foi a parte mais difícil que escapei nos 45 do segundo tempo, que foi na hora de tirar a roupa para o exame médico, nessa hora eu já estava separado num canto, e os que passaram tiveram que ficar só de cueca, ai uma hora o médico mandou os caras botar o pau para fora e arregaçar o prepúcio para ver se tinha fimose, mas um manja rola do meu lado se virou para o lado deles e olhou bem na hora que os caras mostraram o pau, eu olhando para o outro lado em direção a esse cara, e vi bem na hora que ele manjou a rola deles... :coolface

Mas antes desse exame começar foi bem tenso, primeiro eles me chamaram para me apresentar e passar meus dados da inscrição, ai o cara que me atendeu perguntou para o cara do lado que estava atendendo outro se tinha chegado o barbeiro lá, porque tinha chegado mais um cabeludo para eles cortarem o cabelo, mas no fim foi só para me botarem medo mesmo...

Depois que fiz o exame, marcaram o juramento da bandeira para os dispensados, e isso foi um tempo depois, foi tenso pra caralho também, pois eram várias fileiras de caras, e eu fiquei na terceira fileira, bem perto da banda, e quando o cara bateu o bumbo para começar o hino, quase estourou os tímpanos das primeiras fileiras que estavam perto deles, por sorte como eu estava na terceira fileira, o barulho não foi tão forte, mas para os que ficaram do lado, quase foram arremessados para o lado de tão forte o barulho... Depois que acabou a cerimônia a gente foi saindo em fileiras, e passamos por um corredor de milicos, parecia um corredor polonês, só que com ofensas em vez de agressões, os soldados ficavam debochando da gente, de todos que passavam por eles, fiquei bastante indignado com isso na época, mas no fim anos depois falei sobre isso com um primo meu que serviu na mesma época, quando me alistei ele já estava servindo, ele era um ano mais velho que eu, e ele me disse que eles eram obrigados a nos ofenderem.

Depois disso era só pegar o certificado de reservista, isso já no final do ano, mas tive que tirar outra foto 3x4, pois a que tinha tirado estava bem escura, ai eu estava de jaqueta, e estava com tanto medo de cortarem o meu cabelo ainda, que escondi ele dentro da jaqueta quando fui tirar a foto, mas eu já tinha sido dispensado, estava livre disso, e até hoje sou cabeludo... :klol
 

Maladino

Bam-bam-bam
Mensagens
5.765
Reações
5.722
Pontos
459
Eu perdi um tempão no alistamento.

Na triagem eu precisei fazer todo o processo: ficar sentado um tempão, ficar de cueca erguendo peso, assoprar a mão pro médico, exame de vista, ir fazer provinha, ficar um tempão cozinhando no sol até lembrarem que nós existíamos e nos dispensarem (por aquele dia).

Depois me mandaram pro NPOR fazer flexão, abdominal, fazer barra e depois correr. Nesse dia ficamos um tempão cozinhando no sol sem ninguém nos olhando, naturalmente fomos pra debaixo de uma área coberta e do nada veio um milico reclamar e mandou a gente ir pro sol. Depois disso veio um oficial ou algo do tipo e perguntou o que estávamos fazendo no sol se tinha a área coberta ali e mandou nós irmos pra lá de novo. Mais tarde, um dos caras deitou no chão e do nada veio outro milico, chutou o joelho do cara e disse que não podia ficar deitado... Só que machucou o joelho do cara que realmente queria passar nos testes físicos (Isso foi antes de chamarem pra fazer os testes). Deu um bate-boca que não deu pra escutar e o cara com o joelho machucado saiu dali com mais dois milicos e o oficial anterior.

Depois disso fui mais uma vez pro NPOR fazer os testes, se não me engano eles eram mais difíceis nessa vez. Eu não lembro muito bem desse dia pra ser sincero. Tenho uma vaga memória de que o exame da barra foi mais difícil por alguma razão.

No final do exame do NPOR tiraram eu e mais um cara pro lado e mandaram a gente assinar uns documentos de triagem e algumas coisas assim.

Depois disso eu fiz mais uma prova (No dia da triagem eu fiz duas provas, uma que parecia um psicotécnico com desenhos e uma que tinha de identificar um monte de sequencias de letras/números e coisas do tipo em pouco tempo, devia ser algo pra ver a habilidade burocrática da pessoa, essa era tipo uma provinha do ENEM).

Depois eu tive de voltar no lugar que eu fiz a segunda prova (Era eu e mais cinco) e me perguntaram se eu queria servir, se eu tinha interesse em engenharia, em assunto de inteligência e essas coisas... E eu fiz a maior cagada da vida de dizer: "HUR DUR, NÃO QUERO SERVIR, VAI ESTRAGAR MINHA FACULDADE DE DESIGN GRÁFICO". PUTA QUE PaRiU.

Depois disso eu precisei ir pra uma triagem final que era basicamente os caras chamando o pessoal num anfiteatro. Não chamaram meu nome e disseram que o meu processo foi atípico e que precisava voltar no dia tal pq enrolou alguma coisa.

Voltei no dia tal e peguei minha dispensa diretamente com um carinha numa sala. Depois disso apareceu mais uns dez perdidos lá e fomos jurar a bandeira. Foi a parada mais nada a ver do universo porque o milico ficou pedindo pra repetirmos e na hora do "morrer pela nação" ele falou com uma voz de putão tirando sarro e todo mundo: "ee murrrrmurrr pur nurnão".
 

Aizen ~

Larva
Mensagens
8
Reações
23
Pontos
3
Não queria servir mas não sobrava de jeito nenhum, fui até o último processo aí sobrei, quando sobrei já tava até querendo servir

nessa brincadeira foram 1 ano e 6 meses
 

Martel

Bam-bam-bam
Mensagens
7.102
Reações
21.041
Pontos
353
Pra quem for servir, já vou adiantando que vai ser assim:


Vai virar zumbi na escala de serviço, saindo hoje e estando já no dia seguinte. Quando não estiver tirando serviço vai estar sendo pedreiro, faxineiro ou jardineiro. :coolface (fora o trollface é tudo verdade :obrigue)
 

iporco

Bam-bam-bam
Mensagens
3.772
Reações
7.874
Pontos
303
falei pro medico q n queria servir e ele me dispensou; easy peasy
 
Ultima Edição:

Txai Viegas

Veterano
Mensagens
211
Reações
788
Pontos
103
Me juntei com os dispensados e o cara lá falou "Vocês só vão ficar em casa assistindo desenho animado, né?"

Pior que depois me formei em Cinema de Animação.
 

Dr.Saber

Bam-bam-bam
Mensagens
2.946
Reações
4.431
Pontos
303
Foi de boa e bem rápido. Acho que fui em dois dias, o primeiros foi para passar os meus dados e o segundo foi para jurar a bandeira. Se for somar o tempo perdido nesses dois dias não dá 1 hora.

Até me arrependo de ter pedido para ser dispensado.
 

Bug_Secular

Bam-bam-bam
Mensagens
2.836
Reações
4.027
Pontos
303
Eai galera,

Quem aí já se alistou no exército, aeronáutica ou marinha quando completou os 18 anos? Nunca se alistou? é foragido hue?

Como foi a experiência nessa fase tão marcante kkkkk ?

Conseguiram servir e ganhar uns trocados? Pediram baixa ? juraram bandeira?

Dissertem..

Eu tentei servir na aeronáutica quando tinha os 18, porém entrei no excesso de contingente, ou seja, pra nunca mais huehue.

Só tive que assinar o nome e sair de lá. Foi muito suave. Sem burocracia, sem estresse... o lado bom de morar em cidade pequena é isso...
Conseguiram servir e ganhar uns trocados?
Não.
Pediram baixa ?
O que é isso?
 

Sr. Auditor

Bam-bam-bam
Mensagens
2.109
Reações
4.808
Pontos
303
Só tive que assinar o nome e sair de lá. Foi muito suave. Sem burocracia, sem estresse... o lado bom de morar em cidade pequena é isso...
Conseguiram servir e ganhar uns trocados?
Não.
Pediram baixa ?
O que é isso?
Pedir baixa é quando já está dentro e pede pra sair kkk

Enviado de meu Moto E (4) usando o Tapatalk
 

victor_br12

Bam-bam-bam
Mensagens
4.619
Reações
3.389
Pontos
369
Levei uns atestados médicos, quando chegou minha vez o médico folheou, olhou pra minha cara, perguntou: "você quer servir?" eu disse que não, ai ele reclamou pra outro cara ali que ninguém queria mais servir o exercito hoje em dia e disse que eu estava dispensado. Ai só foi esperar pra fazerem o documento. Nem juramento da bandeira teve porque chovia pra caralho no dia.
 

Felipe1459

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
22.052
Reações
11.841
Pontos
774
Alistei, compareci, fiz tudo direitinho sem fingir doença e sem pegar leve nos testes físicos.
Quando me perguntaram se eu queria servir, disse que não e me deram a dispensa.
 

trevz

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.622
Reações
15.613
Pontos
609
Fiquei no exame médico, fiz a fila pra ficar pelado mas estava com uns atestados... O médico viu e mandou eu sair da fila, não fui obrigado a me despir.

Só voltei outro dia pra jurar a bandeira.
 

Shinigami Slash

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.775
Reações
13.582
Pontos
594
Cidade pequena não tem isso. Você só se alista pra assinar a dispensa.

Enviado de meu GT-I9505 usando o Tapatalk
Tive sorte então.

Ano: 2011
Local: Deodoro - RJ "famoso REI"

Primeira coisa é fazer cadastramento na junta militar,blz, tudo normal.
passam uns meses, ou semanas não lembro.
Chegou o dia
Acordei 4 da manha
Cheguei lá 6 e poca
Botaram a gente pra dentro
"Quem quer servir vai pra lá e quem não quer servir fica aqui"
Pessoal que não queria servir ficou esperando aprox 1hr ou 1hr e meia
Dava pra ver que alguns soldados fizeram alguns discursos pra quem queria servir
Quem não quer servir alinha pra ouvir um discurso tambem
Foram levando a gente de lugar em lugar e as vezes carimbava uns papeis
Aprox 10:30 da manha estavamos metendo o pé
Na hora de ir embora, Passamos por uma bandeira, mas não tivemos que cantar hino nem nada, nem naquele dia e nenhum outro.
Cheguei 6 e saí 10:30, me considero no lucro
 

Enforque

Veterano
Mensagens
192
Reações
529
Pontos
103
Antes ficava com um puta medo achando que quando chegasse a hora eu ia ter que meter do louco na junta, começar a puxar a perna pra fingir que não pode servir, dizer que tinha bronquite, sei lá, começava a criar várias ideia, mas no final só fui até lá disse que não queria e depois de uns meses peguei a reservista.

Minha crítica é: O pagamento daquela merda ter que ser feito no Banco do Brasil. Puta que pariu, mermão, aquilo ali não deve ser muito diferente daqueles testes de resistencia não.
 

SimonsOps

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
15.496
Reações
23.966
Pontos
553
Eu acho que foi o dia que eu mais senti medo na vida, ta doido, se eu entrasse no exercito eu ia dar uma de Pvt Pyle fodase
Mas fui salvo por um cara da Aeronautica que estava ali do nada
 

VanHalenBR

Bam-bam-bam
VIP
Mensagens
6.592
Reações
5.753
Pontos
444
Resumindo:
Soldado: “Você que servir ou reserva?”
Eu: “Reserva”
Soldado: “Ok, fila da direita”
Aí voltei algumas vezes pra assinar papéis, e jurar a bandeira e foi isso.
 

Gorila_Albino

Bam-bam-bam
Mensagens
636
Reações
2.399
Pontos
293
Meu avo é oficial refomado e meu pai foi militar do exército e depois passou em um concurso para Escrivão e meu irmão é Policial militar.
Imagine crescer em uma familia que fala só em giriais militares? Fui praticamente obrigado a servir na minha epoca haha (2015).
Não vou mentir que tentei o máximo ser rejeitado, mas imagine a minha fixa? 1,86cm de altura, 92kg, filho, neto e irmão de militares haha

Servir durante 4 anos e me arrependo amargamente por ter servido..
Você perde muitoooo tempo da sua vida em um serviço que não vai te trazer beneficio nenhum no furuto, mas vai ser uma boa historia para os nossos filhos e netos.
 

Boboyo²

Veterano
Mensagens
555
Reações
1.415
Pontos
148
Era pra eu ter ido me alistar ano passado

Até agora não apareci por lá ainda :kjoinha
 

Helghast Trooper

Bam-bam-bam
Mensagens
7.077
Reações
8.528
Pontos
353
fui com 17 anos

ainda tive que voltar mais 2 vezes la, nao me dispensaram de primeira igual muita gente aqui :/
 

Andvari

Ser evoluído
Mensagens
74
Reações
143
Pontos
33
Minha cidade é pequena e fui dispensando, só tive que ir lá jurar a bandeira mesmo
 

Cyber King

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.740
Reações
15.039
Pontos
699
Eu fiz tiro de guerra nos meus 18 anos.

Foi uma experiência bem legal.

A princípio eu fiz de tudo pra não fazer, lembro que quando fui me alistar, eram 5 mil jovens e eles iam escolher 240.

Fui passando nos testes, até que na entrevista "final" com um sargento, ele perguntou

"Você quer fazer tiro de guerra ?"

Eu falei "Não, não quero".

Ele "Ih rapaz, mas acho que você vai fazer".

O negócio era puxado, das 5:30 da manhã as 7:30 de segunda a sexta, fora os plantões quinzenais que ficava o dia inteiro no quartel.

Vish, tenho muito história pra contar desse período, mas to com preguiça, mas foi muito legal ter feito. Eu gostava muito de ir fazer campanha de vacinação fardado, as menininhas pagavam um pau.

O engraçado é que quando foi escolhidos oficialmente os atiradores, ficou dividido em 4 turmas de 60, ai todos reunidos no pátio, e o sub-tenente lá no palanque discursando:

"Nesse ano, escolhemos os melhores jovens que poderiam representar o exército e nossa comunidade, escolhemos a nata, só os mais aptos"

Eu me senti o cara.

Ai foi passando o tempo eu vi que naquele ano o que mais tinha era moleque doido da cabeça, viado, usuário de droga....:lolwtf:kkk

Mas foi legal.
 

Tokai

Bam-bam-bam
Mensagens
1.403
Reações
2.526
Pontos
303
Na cidade foram chamados todos com final 2 e 8 do numero de inscrição para o exame físico, e fui premiado eu com puta medão de servir fui lá o medico olhou para mim e falou você é muito grande ta dispensado, jurei bandeira e fim.
Achei estranho que tinha um monte de gente que queria servir mas pela "loteria" nem foram chamado para o exame.
 

Darkdogz

Supra-sumo
Mensagens
723
Reações
823
Pontos
154
Eu fiz tiro de guerra nos meus 18 anos.

Foi uma experiência bem legal.

A princípio eu fiz de tudo pra não fazer, lembro que quando fui me alistar, eram 5 mil jovens e eles iam escolher 240.

Fui passando nos testes, até que na entrevista "final" com um sargento, ele perguntou

"Você quer fazer tiro de guerra ?"

Eu falei "Não, não quero".

Ele "Ih rapaz, mas acho que você vai fazer".

O negócio era puxado, das 5:30 da manhã as 7:30 de segunda a sexta, fora os plantões quinzenais que ficava o dia inteiro no quartel.

Vish, tenho muito história pra contar desse período, mas to com preguiça, mas foi muito legal ter feito. Eu gostava muito de ir fazer campanha de vacinação fardado, as menininhas pagavam um pau.

O engraçado é que quando foi escolhidos oficialmente os atiradores, ficou dividido em 4 turmas de 60, ai todos reunidos no pátio, e o sub-tenente lá no palanque discursando:

"Nesse ano, escolhemos os melhores jovens que poderiam representar o exército e nossa comunidade, escolhemos a nata, só os mais aptos"

Eu me senti o cara.

Ai foi passando o tempo eu vi que naquele ano o que mais tinha era moleque doido da cabeça, viado, usuário de droga....:lolwtf:kkk

Mas foi legal.
Mais um aqui, também servi no TG e também tenho boas memórias do período...
 

User666

Bam-bam-bam
Mensagens
6.419
Reações
14.431
Pontos
354
Fui com meu amigo de infância no REI em Deodoro. Ficamos num galpão fechado e sem janela com mais de 500 candango num calor brabo do RJ, sem telefone e com acesso limitado(e extremamente vigiado) ao banheiro e bebedouro(tinha um tiozinho vendendo salgado nos fundos porém acabou muito rápido). Na hora de fazer os exames o soldado perguntou se eu queria servir(mesmo eu pesando um arroba e fazendo faculdade), eu disse que não e ele me mandou pra uma fila onde ficavam os meio dodói da cabeça que não serviriam, não precisei fazer exame e nem testes, mas meu amigo precisou e ele disse que um doidão ficou de bauduco e todo mundo ficou rindo. Todos nós seriamos liberados às 11:00, porém deu falha no sistema e só sairmos de lá as 16:00(meu amigo conseguiu sair as 11:00 antes do sistema falhar), com todo mundo com fome, fedendo e cabeça quente, graças a isso teve brigas(até o cabo que tava tomando conta da gente entrou) e nego tentando fugir.
 
Topo