O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

Metroid Prime a saga.

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.762
Reações
7.202
Pontos
459
Bom sei que estes jogos comecaram a sair la em 2002 mas eu so vim jogalos anos depois e recem esta semana terminei o 3ro.

Metroid gamecube god.jpg
Desarrolladora(s)Retro Studios
Distribuidora(s)Nintendo
Director(es)Mark Pacini
Productor(es)Michael Mann, Kenji Miki, Shigeru Miyamoto, Jeff Miller, Steve Barcia
Diseñador(es)Jason Behr, Tony Giovannini, Paul Reed, Amanda Rubright
Compositor(es)Kenji Yamamoto, Kouchi Kyouma
Plataforma(s)Nintendo GameCube
Wii
Fecha(s) de lanzamientoNintendo GameCube
  • JP 28 de febrero de 2003
  • NA 19 de noviembre de 2002
  • EU 21 de marzo de 2003
Wii
  • JP 19 de febrero de 2009
Género(s)Aventura, FPS
Modos de juegoUn jugador
Clasificación(es)CERO: A
ESRB: T
ELSPA: 11+
PEGI: 12+
OFLC: M15+
Formato(s)GameCube Optical Disc (1)
Wii Optical Disc (1)
Requisitos
Ver lista[mostrar]
Controlesmando de videojuegos
Web oficialmetroid.com

117087
O primeiro jogo da saga e magnifico, ele te faz sentir dentro da armadura da Samus e com isso sentir a solidao dela nesse mundo inospito.
Para muitos a evolucao da serie nao devia ir ao FPS, mas o estilo de jogo cai como uma luva para Samus e suas aventuras. Ja que o game nao e um FPS tradicional e mais um jogo de exploracao com momentos de acao e chefes pauleira de vez em quando. Ao igual que era em seus antecessores 2D.
A histora e basica mas consistente fazendo o jogador descobrir cada canto do planeta e ir vendo como a historia vai se dessenvolvendo acorde ao seu esforco no jogo, sem cenas pre renderizadas e com tudo sendo contado pelo que o jogador faz, ou seja nao e so andar do ponto A ao B sem coheriencia so pra habilitar uma cutcsene. O que torna o jogo muito mais rico e dessenvolvido que a inmensa maioria da epoca e de agora.
117115
O sistema de controles e intuitivo e eficiente (principalmente na versao Wii) fazendo que o jogo flua mas ao mesmo tempo o jogador tenha que aperfeicoar seus talentos para poder encarnar a famosoa Bounty Hunter Samus Aran.


O esquema e o mesmo que caracteriza a serie SAmus vai explorar um planeta em sua missao e a medida que vai avancando mais encargos vao lhe aparecendo para poder salvar o dia. Cada upgrade precisa ser achado passando por salas e regioes cheias de inimigos e puzzles muito desafiantes. A cada nova habilidade adquirida voce pode, as vezes deve, voltar a lugares ja conhecidos para poder alcancar novas areas, items secretos, pwer ups ou simplesmente ao passar poder fazel de uma forma mais facil.


Alem das armas nesta saga demos os diferentes visores da Samus, que já estavam em outras entregas, mas de um jeito muito mais inmersivo. Um, o mais usado, e o Scan mode onde analisamos inimigos, objetos e ate o cenario para adquirir informacoes sobre o que são , pontos fracos e o que devemos ou podemos fazer com eles. Quanto mais scanearmos mais % do jogo faremos que nos ajudara a habilitar o melhor final do game.


Assim descrevendo não há nada de mais, mas a altisima quantidade e qualidade dos detalhes no game, desde as musicas muito bem aplicadas, efeitos sonoros e visuais, os diferentes labirintos e regioes do planeta os citados upgrades, armas , passagems secretas ect fazem que o jogo seja extremadamente prazeroso e divertido de se jogar.
 


Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
Metroid Prime é indubitavelmente uma obra-prima. É um dos melhores jogos de todos os tempos e, diria eu, o melhor do Gamecube - com Resident Evil 4 e Wind Waker lhe fazendo sombra como jogos também "igualmente" incríveis.

Mas a ambientação alienígena que deram a Prime é qualquer coisa de primorosa. O seu design artístico, trilha sonora e efeitos de sonoplastia se casam perfeitamente entre si em nome de uma e somente experiência sublime. Realmente parece que estamos em uma missão alien pelo universo por planetas distantes, estranhos e fascinantes.

Trata-se do melhor Metroid em 3D e que conseguiu a considerável proeza de uma passagem 2D para o 3D comparável àquela da própria Nintendo, com os inenarráveis Mario 64 e Ocarina of Time. Merece todos os elogios. Mas uma coisa é certa: Metroid nunca mais foi tão brilhante novamente. A unidade identitária do primeiro ainda é insuperável.
 

Takayuki Yagami

Bam-bam-bam
Mensagens
6.565
Reações
13.010
Pontos
353
Quero muito jogar Metroid Prime. Parece ser muito bom e diferenciado. Se sair pra Switch é compra garantida.
 

Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
Só reforçando o post anterior

Outra coisa que é preciso ressaltar no jogo é o maestro senso de isolamento com que o inteiro empreendimento interespacial é conduzido. A sensação de estarmos no mais ermo dos lugares (ao menos do nosso ponto de vista humano, é claro) é persuasivamente palpável.

Também é louvável como as suas mecânicas de jogabilidade acomodam a transição da identidade da franquia do 2D para o 3D, novamente à semelhança dos sucessos da própria Nintendo de transportar as suas (até então) franquias bidimensionais para a tridimensionalidade poligonal.

Foi em Metroid Prime que a Retro Studios nos mostrou ser um time/estúdio de primeira magnitude. Os caras são bons. E não só com a franquia Metroid. Apenas vejam o que eles fizeram com a série Donkey Kong Country (Returns), que, ao menos para mim, ficou ainda melhor do que o próprio New Super Mario Bros. Wii da Nintendo no quesito jogos de plataforma.

Daquele jogo em diante, ficou claro que tudo o que o estúdio toca tem o potencial de reluzir ouro. Se eu fosse a Nintendo, deixava os caras desenvolverem qualquer de suas franquias. Enquanto a Nintendo faz X, a Retro faria Y. E quem ganharia com o empreendimento? Todos nós, é claro (e eu quero dizer todos mesmo, sem exceção).
 

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.762
Reações
7.202
Pontos
459
Só reforçando o post anterior

Outra coisa que é preciso ressaltar no jogo é o maestro senso de isolamento com que o inteiro empreendimento interespacial é conduzido. A sensação de estarmos no mais ermo dos lugares (ao menos do nosso ponto de vista humano, é claro) é persuasivamente palpável.

Também é louvável como as suas mecânicas de jogabilidade acomodam a transição da identidade da franquia do 2D para o 3D, novamente à semelhança dos sucessos da própria Nintendo de transportar as suas (até então) franquias bidimensionais para a tridimensionalidade poligonal.

Foi em Metroid Prime que a Retro Studios nos mostrou ser um time/estúdio de primeira magnitude. Os caras são bons. E não só com a franquia Metroid. Apenas vejam o que eles fizeram com a série Donkey Kong Country (Returns), que, ao menos para mim, ficou ainda melhor do que o próprio New Super Mario Bros. Wii da Nintendo no quesito jogos de plataforma.

Daquele jogo em diante, ficou claro que tudo o que o estúdio toca tem o potencial de reluzir ouro. Se eu fosse a Nintendo, deixava os caras desenvolverem qualquer de suas franquias. Enquanto a Nintendo faz X, a Retro faria Y. E quem ganharia com o empreendimento? Todos nós, é claro (e eu quero dizer todos mesmo, sem exceção).
sim o fato de manter as caracteristicas do 2d ao 3d faz deles uns mestres, foi junto com o fator de solidao que voce bem citou , os motivos que me fazem amar tanto esse jogo
 

Balduíno IV

Veterano
Mensagens
396
Reações
1.058
Pontos
133
Obra Prima dos games. Esse jogo é tão bem feito que conseguiu transmitir toda a atmosfera de uma exploração espacial.
Parece que tudo foi milimetricamente pensado.
 


Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
Obra Prima dos games. Esse jogo é tão bem feito que conseguiu transmitir toda a atmosfera de uma exploração espacial.
Parece que tudo foi milimetricamente pensado.
É difícil para as pessoas que não jogaram na época de lançamento dimensionarem a perfeição que este jogo foi. Como todos nós sabemos, havia uma guerra declarada entre PS2, Xbox e Gamecube. Metroid Prime certamente foi a hora do Gamecube brilhar sozinho e eclipsar os outros dois. Senti novamente algo parecido quando Wind Waker foi lançado. Outro jogo também inacreditável.

Não é só que a Retro conseguiu fazer um mundo alien convincente - você realmente achava se tratar daquilo. Talvez a ambientação mais impressionante de todos os tempos (e, se não for, chegou perto o suficiente). Os detalhes logo nos impressionaram. Lembro como era foda ver as gotas da chuva molhando o visor da Samus. Se hoje isto é banal, naquela época era "babante".
 

Landstalker

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.394
Reações
31.112
Pontos
584
É difícil para as pessoas que não jogaram na época de lançamento dimensionarem a perfeição que este jogo foi. Como todos nós sabemos, havia uma guerra declarada entre PS2, Xbox e Gamecube. Metroid Prime certamente foi a hora do Gamecube brilhar sozinho e eclipsar os outros dois. Senti novamente algo parecido quando Wind Waker foi lançado. Outro jogo também inacreditável.

Não é só que a Retro conseguiu fazer um mundo alien convincente - você realmente achava se tratar daquilo. Talvez a ambientação mais impressionante de todos os tempos (e, se não for, chegou perto o suficiente). Os detalhes logo nos impressionaram. Lembro como era foda ver as gotas da chuva molhando o visor da Samus. Se hoje isto é banal, naquela época era "babante".
Na época eu tive o GC e tinha esse jogo, tive também na época o Xbox com Halo.

A diferença do Prime pro Halo era brutal. Prime era melhor em quase todos os aspectos mesmo sabendo que, apesar de em primeira pessoa, são jogos bem diferentes e para públicos e propostas diferentes.

A qualidade visual do Prime era de cair o queixo.
 

Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
Na época eu tive o GC e tinha esse jogo, tive também na época o Xbox com Halo.

A diferença do Prime pro Halo era brutal. Prime era melhor em quase todos os aspectos mesmo sabendo que, apesar de em primeira pessoa, são jogos bem diferentes e para públicos e propostas diferentes.

A qualidade visual do Prime era de cair o queixo.
Sortudo. Rsrs. Na época, tive que escolher entre um Gamecube e um Xbox. Era fascinado por Halo. Cheguei até a sonhar com o jogo na época. Rsrs. Mas o cubo tinha Mario, Zelda, Metroid, Mario Kart... Aí ficou difícil. Pra mim, àquela altura do campeonato, comprar um console Microsoft ainda era uma aventura desnecessária. Mas eu sempre tive uma invejinha do Xbox. Rsrs. Principalmente dos multiplataformas.
 

Landstalker

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.394
Reações
31.112
Pontos
584
Sortudo. Rsrs. Na época, tive que escolher entre um Gamecube e um Xbox. Era fascinado por Halo. Cheguei até a sonhar com o jogo na época. Rsrs. Mas o cubo tinha Mario, Zelda, Metroid, Mario Kart... Aí ficou difícil. Pra mim, àquela altura do campeonato, comprar um console Microsoft ainda era uma aventura desnecessária. Mas eu sempre tive uma invejinha do Xbox. Rsrs. Principalmente dos multiplataformas.
Eu sonhava com o Halo e vendo os vídeos pela Game Trailers era algo incrível, mas jogando ambos pude perceber o quão especial o Prime foi. Claro que o Halo teve a inovação de se realmente o grande FPS para consoles, até então era algo não muito bem consolidado, né?!

E aí, Ivo, quando iremos fazer o nosso podcast?
 

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.762
Reações
7.202
Pontos
459
Eu sonhava com o Halo e vendo os vídeos pela Game Trailers era algo incrível, mas jogando ambos pude perceber o quão especial o Prime foi. Claro que o Halo teve a inovação de se realmente o grande FPS para consoles, até então era algo não muito bem consolidado, né?!

E aí, Ivo, quando iremos fazer o nosso podcast?
Eu tive GCN na epoca mas joguei muito PS2 na casa de amigos e no finalzinho da geracao pude ter um tempo emprestado um Xbox desbloqueado mas que dava problemas por um falho no CFW mas mesmo assim joguei ums jogacnos nele o tempo que pude.
 

Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
Eu sonhava com o Halo e vendo os vídeos pela Game Trailers era algo incrível, mas jogando ambos pude perceber o quão especial o Prime foi. Claro que o Halo teve a inovação de se realmente o grande FPS para consoles, até então era algo não muito bem consolidado, né?!

E aí, Ivo, quando iremos fazer o nosso podcast?
Sim. Halo também foi uma revolução em seus próprios termos. Não era o carro-chefe do console à toa. Eu quase optei pelo Xbox somente por causa dele. Exclusivos podem ser cruéis com a gente. Heh. Também adorava a saudosa Game Trailers. Vi com muita tristeza o seu fim.

Naquela época, as coisas ainda eram especiais, pois que ainda eram difíceis de se conseguir. Você tinha que lutar pela informação, e o fator "pura sorte" era preponderante. Já sobre o podcast, estou às ordens. Acho interessante. É só definir mais exatamente o que se quer fazer com ele.
 

Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
A premissa de Metroid também é bastante cruel: uma loiraça linda, muda, ágil, forte, inteligente e curvilínea, solitariamente enfrentando ameaças alienígenas desconhecidas e explorando os mais ermos dos planetas, e usando uma fascinante armadura ultra-tecnológica em todo este processo.

Vai se fuder, Metroid! Rsrs. Como diabos não amá-lo e ficar por ele perdidamente fascinado? Rsrs. Chega até a ser desleal com a mente fértil de um adolescente (ou de um adulto). Some-se a isto toda a qualidade técnica e artística que o circunda e é caixão e vela preta. Resistência é fútil aqui. Hehe.
 

Landstalker

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.394
Reações
31.112
Pontos
584
Sim. Halo também foi uma revolução em seus próprios termos. Não era o carro-chefe do console à toa. Eu quase optei pelo Xbox somente por causa dele. Exclusivos podem ser cruéis com a gente. Heh. Também adorava a saudosa Game Trailers. Vi com muita tristeza o seu fim.

Naquela época, as coisas ainda eram especiais, pois que ainda eram difíceis de se conseguir. Você tinha que lutar pela informação, e o fator "pura sorte" era preponderante. Já sobre o podcast, estou às ordens. Acho interessante. É só definir mais exatamente o que se quer fazer com ele.
Vou entrar em contato. :kjoinha
 

Phantasy Star

Bam-bam-bam
Mensagens
7.618
Reações
6.840
Pontos
444
Posts assim me fazem querer conhecer a saga. Infelizamente tive um GC, mas sem esse jogo.
Às vezes sinto vontade de jogar no emulador, mas no fundo aguardo mesmo é por uma versão Switch.
Imagino que jogando na TV, a tal sensação de isolamento e a imersão devem ser melhores ainda.
 

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.762
Reações
7.202
Pontos
459
Posts assim me fazem querer conhecer a saga. Infelizamente tive um GC, mas sem esse jogo.
Às vezes sinto vontade de jogar no emulador, mas no fundo aguardo mesmo é por uma versão Switch.
Imagino que jogando na TV, a tal sensação de isolamento e a imersão devem ser melhores ainda.
Eu quase passei batido do jogo, nunca tinha sido fã da saga ate ele. Comprei o Cube por Zelda TP, Resident 4, Eternal Darcknes, Soul Calibur 2 Mario Kart, Smash....
Mas Metroid nao me chamava a atencao, dai um dia um cara tinha um Prime 2 com um memory card que tinham dado a ele como pago por uma mercadoria perdida. Ele me ofereceu tudo por 25 dolares (preco do memory card na epoca era 20 dolares) e peguei, gostei muito do game. Mas usava ele para conseguir outros jogos, emprestava e pagava algum. Um dia um cara me vendeu 3 jogos usados. Metroid Prime 1 com o bonus disc, Mario Sunshine e Zelda WW (que eu ja tinha). Vendi o Zelda e comecei a jogar os outros dois foi paixao pelo Metroiid.
 

Pinganil

Veterano
Mensagens
317
Reações
305
Pontos
108
É incrível como a Nintendo soube realizar a transição do 2d para o 3d de forma impecável nesse jogo, tenho um Wii desb., mas estou correndo atrás de alguns blockbuster do console, justamente pra não sumirem de vez e o preço subir ainda mais. (Dos mais conhecidos, os metroids ainda estão com valores tangíveis). Ademais, bela análise e eu preciso zerar o 2 e o 3.
 

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.762
Reações
7.202
Pontos
459
É incrível como a Nintendo soube realizar a transição do 2d para o 3d de forma impecável nesse jogo, tenho um Wii desb., mas estou correndo atrás de alguns blockbuster do console, justamente pra não sumirem de vez e o preço subir ainda mais. (Dos mais conhecidos, os metroids ainda estão com valores tangíveis). Ademais, bela análise e eu preciso zerar o 2 e o 3.
Eu ainda vou atualizar o topico com as analizes do 2 e 3
 

The Trooper

Bam-bam-bam
GOLD
Mensagens
11.569
Reações
8.004
Pontos
454
Tô rejogando a trilogia atualmente.

Hoje acabei o Prime 1 e já tô no Prime 2.

Esses jogos, pra mim, são todos obras primas, com destaque para o primeiro. Que put* jogo, tudo nele é absolutamente maravilhoso!
 

The legend

Supra-sumo
Mensagens
952
Reações
979
Pontos
154
Tô rejogando a trilogia atualmente.

Hoje acabei o Prime 1 e já tô no Prime 2.

Esses jogos, pra mim, são todos obras primas, com destaque para o primeiro. Que put* jogo, tudo nele é absolutamente maravilhoso!
Vendo o tópico do colega, até deu vontade rejogar tmb. A única falha dos 3 é o final: no 1 tem q coletar os artefatos; no 2, os chaves Ing; e, no 3, as células de combustível.
 

The legend

Supra-sumo
Mensagens
952
Reações
979
Pontos
154
Esse no 3 são células do nave da Samus?
Nem lembro mais, cara, hehe, acho que não. Pelo q lembro, acho q é para uma nave-mãe da federação galática. O fato é q é chata essa coleta nos 3 jogos pra esticá-los jogos. A Nintendo poderia relançar a trilogia e ainda por cima diminuir a qtd de artefatos, chaves e células a encontrar, como fizeram no remake do Wind Waker (vc só precisa, lembro, de pegar uns 4 pedaços da Triforce e, não, uns 7 ou 8).
 

Ivo Maropo

Bam-bam-bam
Mensagens
7.590
Reações
10.504
Pontos
353
Tô rejogando a trilogia atualmente.

Hoje acabei o Prime 1 e já tô no Prime 2.

Esses jogos, pra mim, são todos obras primas, com destaque para o primeiro. Que put* jogo, tudo nele é absolutamente maravilhoso!
Eu me recordo de vibrar quando somente uma foto pouco reveladora foi divulgada de Metroid Prime. Mas já dava pra ver que a franquia seria elevada para outros patamares. Mas a falta de informações deixava tudo excitante.

Era legitimamente difícil saber das coisas. Era puro fator de sorte o que nós iríamos ou não encontrar. Outra coisa legal era o maior espaço para a inventividade. Não é à toa que foi no Gamecube que a Nintendo lançou Pikmin, um AAA original, polido e divertido que dificilmente ela lançaria hoje em dia para ser um grande lançamento.

Eram outros tempos. Minha última grande excitação com a indústria foi quando a geração "PSWii60" saiu. Depois, nada foi mais o mesmo. Inclusive, coincidiu também de eu parar de comprar revistas de games, que eu passei quase duas décadas comprando. Uma grande pena.
 

Helghast Trooper

Bam-bam-bam
Mensagens
8.186
Reações
10.610
Pontos
353
queria tanto jogar metroid prime, isso desde quando tive um gc em 2005

eh so começar e depois de 20min fico :knojo super enjoado. Motion sickness

so ele, dishonored 2 e doom 2016 me causaram isso. Dishonored pelo menos retirando o bobblehead effect melhorou, mas doom foi tenso, como era curto, joguei de 15 em 15min cada noite.

Ja metroid q eh longo e tem q olhar pra todo lado, nao da :(
 

Snake-Eyes

Bam-bam-bam
Mensagens
16.762
Reações
7.202
Pontos
459
Nem lembro mais, cara, hehe, acho que não. Pelo q lembro, acho q é para uma nave-mãe da federação galática. O fato é q é chata essa coleta nos 3 jogos pra esticá-los jogos. A Nintendo poderia relançar a trilogia e ainda por cima diminuir a qtd de artefatos, chaves e células a encontrar, como fizeram no remake do Wind Waker (vc só precisa, lembro, de pegar uns 4 pedaços da Triforce e, não, uns 7 ou 8).
Sao as celulasda nave que e atacada no inicio do game.
 
Topo