O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Nos EUA, brasileiros pirateiam sinais de Globo, Record e SBT

Defalt

Ser evoluído
Mensagens
82
Reações
203
Pontos
33
Esse povo vai morar em outros paises. mas continuam acessando foruns brazukas, vendo programas brasileiros...devem se sentir rejeitados nesses países.
 


Alucardo Sama

Bam-bam-bam
Mensagens
5.629
Reações
8.837
Pontos
353
Só quem morou no exterior sabe que a relação do brasileiro com o Brasil fica mais forte quando está longe. Quem nunca teve a experiência nunca vai entender isso.
Pois é, só tem cagador de regra, eu conheço uma porrada de gente que morou (alguns ainda moram) fora do BR e usam essas artimanhas, principalmente no JP.

Inclusive se não fosse isso muito conteúdo japa nunca tinha nem sido exibido no brasil, como jaspion e os animes, que eram tudo "vhsficado" e vendidos ou alugados lá na liberdade, até chegar nas tv's.

Cada um assiste o que quer, deixa os BR cê feliz.
 

Sr. Israel

Bam-bam-bam
Mensagens
4.793
Reações
8.431
Pontos
314
Pois é, só tem cagador de regra, eu conheço uma porrada de gente que morou (alguns ainda moram) fora do BR e usam essas artimanhas, principalmente no JP.

Inclusive se não fosse isso muito conteúdo japa nunca tinha nem sido exibido no brasil, como jaspion e os animes, que eram tudo "vhsficado" e vendidos ou alugados lá na liberdade, até chegar nas tv's.

Cada um assiste o que quer, deixa os BR cê feliz.
As pessoas só fazem uso de pirataria por alguns motivos:
- Preço alto
- Conteúdo indisponível ate mesmo pra comprar
- Dificuldade em conseguir pagar, mesmo querendo.

Se a empresa/mercado não consegue atender essas demandas básicas, vai ter o conteúdo compartilhado de forma gratuita por outras meios. Tem um zilhão de exemplos de como e por que isso acontece, não precisa ser um gênio da economia pra entender isso.

E quem usa o conteúdo sem pagar por ele não faz nada de imoral, copiar não é tirar, é o oposto inclusive.
 


Guirdo

Bam-bam-bam
VIP
Mensagens
1.630
Reações
1.089
Pontos
234
As pessoas só fazem uso de pirataria por alguns motivos:
- Preço alto
- Conteúdo indisponível ate mesmo pra comprar
- Dificuldade em conseguir pagar, mesmo querendo.

Se a empresa/mercado não consegue atender essas demandas básicas, vai ter o conteúdo compartilhado de forma gratuita por outras meios. Tem um zilhão de exemplos de como e por que isso acontece, não precisa ser um gênio da economia pra entender isso.

E quem usa o conteúdo sem pagar por ele não faz nada de imoral, copiar não é tirar, é o oposto inclusive.
Só ver como Spotify e Netflix resolveram esses problemas quando o mundo se matava na luta contra a pirataria e os torresmos. Hoje nem se fala mais na baia do pirata pela mídia.
 

Sr. Israel

Bam-bam-bam
Mensagens
4.793
Reações
8.431
Pontos
314
Só ver como Spotify e Netflix resolveram esses problemas quando o mundo se matava na luta contra a pirataria e os torresmos. Hoje nem se fala mais na baia do pirata pela mídia.
Pois é, agora me reponde... Em qual curso da Harvard vc é formado? Pq aparentemente pra conseguir entender isso vc precisa ser mesmo um visionário.
 

Ataru

Bam-bam-bam
Mensagens
4.138
Reações
17.705
Pontos
303
As pessoas só fazem uso de pirataria por alguns motivos:
- Preço alto
- Conteúdo indisponível ate mesmo pra comprar
- Dificuldade em conseguir pagar, mesmo querendo.

Se a empresa/mercado não consegue atender essas demandas básicas, vai ter o conteúdo compartilhado de forma gratuita por outras meios. Tem um zilhão de exemplos de como e por que isso acontece, não precisa ser um gênio da economia pra entender isso.

E quem usa o conteúdo sem pagar por ele não faz nada de imoral, copiar não é tirar, é o oposto inclusive.
Claro que é imoral. Você está consumindo um produto que não foi pago. Se, por exemplo, um restaurante é caro, a pessoa não tem o direito de comer e não pagar. Ela vai ter que buscar outra comida mais barata. Paciência.

Pirataria é crime e é imoral sim.
 

Ataru

Bam-bam-bam
Mensagens
4.138
Reações
17.705
Pontos
303
só sinto saudades de churrasco mesmo
Não tem churrascaria ou mercadinho BR por aí? Sempre tem um em alguma cidade grande mundo afora.

Aqui onde moro tem picanha padrão num supermercado chamado Seabra e tem também o Fogo de Chão. O mercado eu nunca fui, mas o Fogo de Chão já fui algumas vezes. É igual a uma churrascaria no BR.

Fora que hoje vendem picanha em alguns mercados como o Costco e Publix, mas tem que procurar.
 

ptsousa

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
48.686
Reações
133.908
Pontos
814
Não tem churrascaria ou mercadinho BR por aí? Sempre tem um em alguma cidade grande mundo afora.

Aqui onde moro tem picanha padrão num supermercado chamado Seabra e tem também o Fogo de Chão. O mercado eu nunca fui, mas o Fogo de Chão já fui algumas vezes. É igual a uma churrascaria no BR.

Fora que hoje vendem picanha em alguns mercados como o Costco e Publix, mas tem que procurar.
Aqui em Varsóvia ainda tem o Brazil on the Plate mas na cidade onde o @toad02 mora aqui na Polônia não deve ter, quase certo.
 

Sr. Israel

Bam-bam-bam
Mensagens
4.793
Reações
8.431
Pontos
314
Claro que é imoral. Você está consumindo um produto que não foi pago. Se, por exemplo, um restaurante é caro, a pessoa não tem o direito de comer e não pagar. Ela vai ter que buscar outra comida mais barata. Paciência.

Pirataria é crime e é imoral sim.
Sua comparação é inválida. Comida é um material físico, não tem como fazer uma cópia da comida, ou vc compra ou vc rouba. Isso sim é imoral.

Fazer uma cópia não pode ser crime, ninguém perde.

A única coisa que vc pode argumentar é sobre propriedade intelectual, mas é outra coisa que eu não acredito e portanto não me importo nem me sinto culpado. Se vc acredita, então talvez seja imoral, mas apenas pra vc ou pra quem acredita.
 

Ataru

Bam-bam-bam
Mensagens
4.138
Reações
17.705
Pontos
303
Sua comparação é inválida. Comida é um material físico, não tem como fazer uma cópia da comida, ou vc compra ou vc rouba. Isso sim é imoral.

Fazer uma cópia não pode ser crime, ninguém perde.

A única coisa que vc pode argumentar é sobre propriedade intelectual, mas é outra coisa que eu não acredito e portanto não me importo nem me sinto culpado. Se vc acredita, então talvez seja imoral, mas apenas pra vc ou pra quem acredita.
Então pra você patrimônio e a venda de um produto só vale quando é físico? A pessoa só tem direito de lucrar quando é algo material?

Se eu produzir um jogo de videogame e ninguém quiser pagar ele, é lógico que vou sair perdendo. O investimento que tive pra desenvolver o jogo acaba sendo socializado por um bando de aproveitadores que não querem pagar pelo conteúdo que estão usando.

Não é só imoral. É crime no mundo inteiro, por mais que você relativize patrimônio intelectual.
 
Ultima Edição:

Sr. Israel

Bam-bam-bam
Mensagens
4.793
Reações
8.431
Pontos
314
Então pra você patrimônio e a venda de um produto só vale quando é físico? A pessoa só tem direito de lucrar quando é algo material? Se eu produzir um jogo de videogame e ninguém quiser pagar ele, não tenho direito moral de receber pelo meu trabalho?

Não é só imoral. É crime no mundo inteiro, por mais que você relativize patrimônio intelectual.
Qualquer um pode lucra com qualquer coisa, mas quando vc trabalha com bits (meios digitais em geral) e seu produto não for competitivo, as pessoas vão fazer cópias dele e não existe nenhuma forma de controlar isso, se as pessoas querem consumir e não consegue pagar por isso, seja por não ter condições ou mesmo tendo condições o produto não existe no mercado local, elas vão consumir de alguma outra maneira e não tem nada que nem eu ou vc possa fazer a respeito.

Inclusive isso pode acontecer com alguns produtos físicos mas é muito mais complexo. Produtos piratas, clones e derivados existem também desde que o mundo é mundo, o que vc vai chamar de contrabando.

Mas enfim... o melhor disso tudo é que não importa sua crença, o mercado funciona assim e não tem nada que eu ou vc possa fazer, podem condenar a pena de morte, isso vai continuar existindo. As pessoas são literalmente assassinadas por comercializar e usar drogas em alguns paises e mesmo assim existe comércio... Agora imagine quando falamos em meios digitais, internet, dados.
 

Rickzinho

Bam-bam-bam
Mensagens
1.422
Reações
3.011
Pontos
324
Quando vi que a reportagem do UOL eu já não acreditei.

Não é possível que o cara vá para os states e queira assistir esses programas bostas que temos aqui.
 

Ignignokt

Bam-bam-bam
Mensagens
2.419
Reações
3.765
Pontos
303
Pois é, só tem cagador de regra, eu conheço uma porrada de gente que morou (alguns ainda moram) fora do BR e usam essas artimanhas, principalmente no JP.

Inclusive se não fosse isso muito conteúdo japa nunca tinha nem sido exibido no brasil, como jaspion e os animes, que eram tudo "vhsficado" e vendidos ou alugados lá na liberdade, até chegar nas tv's.

Cada um assiste o que quer, deixa os BR cê feliz.
dexa os garoto brincá
 

toad02

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
35.779
Reações
52.083
Pontos
959
Não tem churrascaria ou mercadinho BR por aí? Sempre tem um em alguma cidade grande mundo afora.

Aqui onde moro tem picanha padrão num supermercado chamado Seabra e tem também o Fogo de Chão. O mercado eu nunca fui, mas o Fogo de Chão já fui algumas vezes. É igual a uma churrascaria no BR.

Fora que hoje vendem picanha em alguns mercados como o Costco e Publix, mas tem que procurar.
Aqui em Varsóvia ainda tem o Brazil on the Plate mas na cidade onde o @toad02 mora aqui na Polônia não deve ter, quase certo.
Tem uma sim. Abriu faz pouco tempo, mas é bem ruinzinha. O dono é um turco/alemão.
Carne vermelha boa é difícil de achar e, mesmo a ruim, é bem cara.

O que tem bom aqui é açaí.
 

Damascano

Habitué da casa
Mensagens
136
Reações
170
Pontos
78
Um dos moradores conversou com uma fonte desta coluna, sob anonimato, e disse que não perde um episódio do reality "Fábrica de Casamentos", do SBT (pelo fuso horário, em Boston o reality é exibido uma hora antes que aqui no Brasil).

Outro brasileiro, também em Boston, disse ter muita dificuldade em aprender inglês e que, como trabalha com outros brasileiros na cidade, acabou se desinteressando em aprender o idioma.

Ele também comprou a caixa para a família e diz que, como trabalha à noite, adora os filmes da "Sessão da Tarde", da Globo. Quando consegue também assiste aos seriados exibidos pela Record, como "CSI".
Além de escolherem morar na pior parte da Costa Leste 'murica (Sudeste dos EUA>>>>>>>>Nordeste dos EUA, e Boston ainda é meio fraca em qualidade de vida), ainda não perdem a oportunidade para consumir literalmente "restos" culturais tapa-buracos da programação brasileira usando pirataria.
E quem nos diachos dessa terra tem dificuldade em falar inglês: é um dos idiomas mais facéis de aprender atualmente, de longe. E, ainda por cima, os 'muricas são infames por terem uma linguagem mais relaxada, o que teoricamente faria a comunicação ser mais fácil para esses habitantes desta bendita pátria amada.
Analfabeto funcional é uma criatura que precisa ser melhor estudada.
 

Vei pescador

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
21.349
Reações
15.150
Pontos
714
Com tanta coisa boa pra piratear como rede NGT e Tv Diário o pessoal prefere Globo e Record, francamente hein.....
Eu não passaria um dia sem Garras da Patrulha e Rota 22.
Incluindo aí tb a TVC , Trem bala >>>>>>>>>>>>>>>>>> ESPN + Sportv + Fox daqui e lá de fora

Além de escolherem morar na pior parte da Costa Leste 'murica (Sudeste dos EUA>>>>>>>>Nordeste dos EUA, e Boston ainda é meio fraca em qualidade de vida),
Sempre achei q Nova Inglaterra fosse tudo de bom. É o contrário ?
 

Ataru

Bam-bam-bam
Mensagens
4.138
Reações
17.705
Pontos
303
Qualquer um pode lucra com qualquer coisa, mas quando vc trabalha com bits (meios digitais em geral) e seu produto não for competitivo, as pessoas vão fazer cópias dele e não existe nenhuma forma de controlar isso, se as pessoas querem consumir e não consegue pagar por isso, seja por não ter condições ou mesmo tendo condições o produto não existe no mercado local, elas vão consumir de alguma outra maneira e não tem nada que nem eu ou vc possa fazer a respeito.

Inclusive isso pode acontecer com alguns produtos físicos mas é muito mais complexo. Produtos piratas, clones e derivados existem também desde que o mundo é mundo, o que vc vai chamar de contrabando.

Mas enfim... o melhor disso tudo é que não importa sua crença, o mercado funciona assim e não tem nada que eu ou vc possa fazer, podem condenar a pena de morte, isso vai continuar existindo. As pessoas são literalmente assassinadas por comercializar e usar drogas em alguns paises e mesmo assim existe comércio... Agora imagine quando falamos em meios digitais, internet, dados.
Mas daí você está partindo pra uma ótica utilitarista, e não moral. Sendo essa uma “guerra perdida” ou não, aqueles bits são propriedades da pessoa. Curiosamente essa visão utilitarista se repete em outras esferas de discussões como a liberação de drogas, mas elas não acontecem com outras “guerras perdidas” como hackeamento de dados, estupros e assassinatos.

Por sorte a maioria absoluta dos conteúdos de hoje são instalados mediante a concordância de um contrato, e que obviamente os pirateiros falsificam e descumprem, o que os deixam ainda mais a margem da lei.
 

VanHalenBR

Bam-bam-bam
VIP
Mensagens
6.965
Reações
6.283
Pontos
444
O cara sai do Brasil, mas o Brasil não sai do cara.
É ser mito loser pra fazer uma coisa dessas.
ahahah eiiii!!!!! eu uso esses esquemas para ver futebol lol

Eu so tenho esses "gatos" de canais Brasileiros, porque o lixo de Premiere internacional é um único canal e a Premiere daqui so quer passar jogos do Flamengo... não obrigado....
 

Damascano

Habitué da casa
Mensagens
136
Reações
170
Pontos
78
Pra morar deve ser meio lugubre mesmo... Mas eu queria passar nem q fosse um fds lá, deve parecer um filme do Joe Sarno tipo "Abigail Leslie"
Além do que o Wayne disse, o povo também é meio zoado. Ouço muita gente comentado que são lugares aonde te tratam de forma fria e "desconsiderada" em comparação ao tratamento bem mais educado e agradável nas regiões mais ao sul.
 

Ataru

Bam-bam-bam
Mensagens
4.138
Reações
17.705
Pontos
303
Além de escolherem morar na pior parte da Costa Leste 'murica (Sudeste dos EUA>>>>>>>>Nordeste dos EUA, e Boston ainda é meio fraca em qualidade de vida), ainda não perdem a oportunidade para consumir literalmente "restos" culturais tapa-buracos da programação brasileira usando pirataria.
E quem nos diachos dessa terra tem dificuldade em falar inglês: é um dos idiomas mais facéis de aprender atualmente, de longe. E, ainda por cima, os 'muricas são infames por terem uma linguagem mais relaxada, o que teoricamente faria a comunicação ser mais fácil para esses habitantes desta bendita pátria amada.
Analfabeto funcional é uma criatura que precisa ser melhor estudada.
NE a parte mais fraca? Boston fraca em qualidade de vida? Porra, a maior concentração de estados com maior IDH está justamente ali, e Boston está no estado com melhor IDH de todos (!).

Eu moro na Florida e não trocaria viver pra lá, mas não tem como concordar com isso.
 

k1llm4ster

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
27.176
Reações
10.878
Pontos
724
Não acho normal transgredir a lei. Se eu fosse embora do país, tentaria me adaptar às particularidades do novo país. Caso contrário, não sairia da daqui.
tu é um cara mais inteligente que isso.
te respeito pacaralho pra continuar discutindo isso! não estou falando sobre a pirataria no caso.
 

Damascano

Habitué da casa
Mensagens
136
Reações
170
Pontos
78
NE a parte mais fraca? Boston fraca em qualidade de vida? Porra, a maior concentração de estados com maior IDH está justamente ali, e Boston está no estado com melhor IDH de todos (!).

Eu moro na Florida e não trocaria viver pra lá, mas não tem como concordar com isso.
De fato, eu errei em falar que a qualidade de vida é zoada em Boston.
Devo ter confundido sobre o quão satisfeito você deveria esperar em viver em uma cidade grande como Boston, por ser um lugar com um clima não tão agradável e por ter aquele problema no comportamento das pessoas.
Mas digo novamente que o Sudeste parece ser melhor para viver por questão de simples sastifação, independente do "IDH", tanto pelo que li e pelo ouvi pessoas que confio na opinião comentarem.
 

PicaPauBiruta

Bam-bam-bam
Mensagens
893
Reações
2.313
Pontos
248
Só lembrando que pirataria é o ato de se obter lucro indevido com o trabalho alheio, nesse caso aí como ninguém está vendendo e lucrando com o sinal, isso se qualifica como COMPARTILHAMENTO de informação.

Afinal se o sinal está ali passando pela propriedade do indivíduo, e ele tem como captar isso, não tem nada de errado nisso.


Enviado de meu Moto Z2 Play usando o Tapatalk
 

Sr. Israel

Bam-bam-bam
Mensagens
4.793
Reações
8.431
Pontos
314
Mas daí você está partindo pra uma ótica utilitarista, e não moral. Sendo essa uma “guerra perdida” ou não, aqueles bits são propriedades da pessoa. Curiosamente essa visão utilitarista se repete em outras esferas de discussões como a liberação de drogas, mas elas não acontecem com outras “guerras perdidas” como hackeamento de dados, estupros e assassinatos.

Por sorte a maioria absoluta dos conteúdos de hoje são instalados mediante a concordância de um contrato, e que obviamente os pirateiros falsificam e descumprem, o que os deixam ainda mais a margem da lei.
hackeamento de dados são invasivos, da mesma forma que estupro e assassinatos, basicamente invasão de propriedades privada (fechada, de cunho pessoal, não comercial), o que não tem absolutamente nada a ver com o assunto.

Sobre a questão de moralidade ou se estar a margem de lei ou não, mais uma vez eu digo: não interessa. Chame do que quiser, classifique como quiser, dê cadeira elétrica, prisão perpétua... Se existe alguém botando seu produto no mercado, ele está suscetível a isso e se não souber distribuir da melhor maneira, da maneira mais justa apenas 2 coisas acontecem: Um concorrente destrói ele ou as pessoas vão ter esse produto sem pagar por ele. É simples de mais.

As empresas mais ricas do mundo perceberam isso e por isso são bem sucedidas.
 
Topo