O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

Amazon comprou MGM ( Bond incluso)

slashf

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.809
Reações
30.344
Pontos
553


Amazon finalizou negociações e comprou o MGM, estúdio responsável por franquias como 007, Rocky Balboa, RoboCop, entre outras, por US$ 8,45 bilhões. A fusão foi reportada pela Deadline.

A Amazon Studios comentou a novidade, se comprometendo a preservar o catálogo adquirido: "A Amazon ajudará a preservar a herança da MGM e seu catálogo de filmes, e fornecerá aos clientes um acesso maior a estas obras. Através da aquisição, Amazon vai empoderar a MGM a continuar a fazer o que faz melhor: contar ótimas histórias".

O catálogo da MGM inclui mais de 4 mil filmes, com clássicos como O Silêncio dos Inocentes, Thelma e Louise e A Pantera Cor-de-Rosa e ainda tem em torno de 17 mil séries televisivas como Fargo, The Handmaid's Tale e Vikings.

A aquisição não deve afetar o lançamento dos próximos filmes da MGM, como 007 - Sem Tempo para Morrer, nos cinemas. Como reportado anteriormente, os orçamentos de distribuição e divulgação dos filmes de 2021 da MGM nos cinemas já estão fixados.

A finalização da fusão entre Amazon e MGM ainda precisa ser aprovada por orgãos regulatórios do mercado.
 


Darkx1

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
24.629
Reações
55.362
Pontos
544
Bom pro Prime.

A Netflix se fosse esperta ja tinha feito isso com alguns estúdios.

Enviado de meu SM-J410G usando o Tapatalk
 

Suja

Bam-bam-bam
Mensagens
2.733
Reações
4.083
Pontos
339
Pelo que vi, tratando-se de 007, a Amazon fica com a parte dos direitos que pertenciam à MGM, mas a metade que está na mão da EON (e que inclui todo o controle criativo da franquia) continua intacta.

Ou seja, a bagunça não foi resolvida, apenas mudou de mão em uns dos lados.
 

Sgt. Kowalski

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
50.126
Reações
113.100
Pontos
989
Amazon anuncia compra de estúdio de cinema MGM por US$ 8,45 bilhões


A Amazon está indo para Hollywood. O gigante das compras online fez um acordo de US$ 8,45 bilhões para comprar o MGM, o estúdio de cinema e TV por trás de James Bond, Legalmente Loira e Shark Tank, com a esperança de preencher seu serviço de streaming de vídeo com mais coisas para assistir. O negócio é a segunda maior aquisição da empresa, depois de comprar da rede de mercados Whole Foods, por quase US$ 14 bilhões, em 2017.
O negócio é o mais recente na indústria de mídia que visa a impulsionar os serviços de streaming para competir com Netflix e Disney+. AT&T e Discovery anunciaram no último dia 17 de maio que uniriam empresas de mídia, criando uma potência que inclui HGTV, CNN, Food Network e HBO.
A Amazon, fundada por Jeff Bezos, não diz quantas pessoas assistem a seu serviço Prime Video. Mas mais de 200 milhões têm acesso a ele porque se inscreveram como membros Prime, o que lhes dá remessa mais rápida e outras vantagens em compras online. Além do Prime Video, a Amazon também tem um serviço de streaming gratuito chamado IMDb TV, onde ganha dinheiro exibindo anúncios durante filmes e programas.

A compra dá à Amazon acesso a mais filmes, shows e personagens famosos, incluindo Rocky e RoboCop. A empresa também terá o canal a cabo Epix, da MGM.
"O valor financeiro real por trás desse negócio é o tesouro no catálogo profundo que planejamos reimaginar e desenvolver junto com a talentosa equipe da MGM. É muito emocionante e oferece muitas oportunidades para contar histórias de alta qualidade", disse o vice-presidente sênio da Prime Video e Amazon Studios, Mike Hopkins.
Após a notícia, a ação da Amazon subia 0,61% no pré-mercado da Bolsa americana Nasdaq, por volta das 9h50 (horário de Brasília).
Conhecido pelo logotipo do leão que ruge, MGM é um dos mais antigos estúdios de Hollywood, fundado em 1924, quando os filmes eram mudos. Tem uma longa lista de clássicos em sua biblioteca, incluindo o musical Cantando na Chuva.
Produções mais recentes incluem reality shows Shark Tank e The Real Housewives of Beverly Hills, bem como o próximo filme de James Bond, No Time to Die, e uma cinebiografia de Aretha Franklin chamada Respect.
Amazon já tem seu próprio estúdio, mas teve resultados mistos. Duas de suas séries, The Marvelous Mrs. Maisel e Fleabag, ganharam o Emmy de melhor série de comédia. Mas muitos de seus filmes não conseguiram atrair o público nas bilheterias.
O negócio, que está sujeito às aprovações habituais, tornará a Amazon, já uma das empresas mais poderosas e valiosas do mundo, ainda maior. Reguladores em todo o mundo estão examinando as práticas de negócios da Amazon, especificamente a maneira como ela analisa as informações de empresas que vendem produtos em seu site e as usa para criar seus próprios produtos com a marca.
A Amazon, fundada em 1995 como uma livraria online, tornou-se um gigante de US$ 1,6 trilhão que faz um pouco de tudo. Tem uma rede de entrega de negócios que recebe os pedidos às pessoas em dois dias ou antes; vende inaladores e insulina; tem um negócio de computação em nuvem que alimenta os aplicativos da Netflix e do McDonald's; e tem planos de enviar mais de 3.200 satélites ao espaço para transmitir serviços de internet para a Terra./ COM AGÊNCIAS INTERNACIONAIS
 


Megalith

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.873
Reações
26.992
Pontos
564
Muito foda, só o Tom & Jerry que não vai porque agora é da Warner (HBO)
 

Thunder Dream

F1 King
Mensagens
1.060
Reações
1.813
Pontos
188
Vamos ver se libera tudo no Prime ou vai continuar com o canal a parte.

Bom pro Prime.

A Netflix se fosse esperta ja tinha feito isso com alguns estúdios.

Enviado de meu SM-J410G usando o Tapatalk
Se a Netflix quiser sobreviver vai ter que fazer isso, uns tempos atrás tinha a noticia que a Netflix ia comprar a Paramount, mas depois não foi pra frente e lançaram o Paramount +, enfim, se o serviço deles flopar o que acho bem provável devido a concorrência, talvez ainda possa ocorrer, fora a parceria que eles firmaram com a Sony, quem sabe não evolua para uma fusão.
 

RedKnight

Bam-bam-bam
Mensagens
2.456
Reações
5.017
Pontos
279
Netflix tá ficando bem pra trás nessa corrida, daqui a pouco ou acaba ou alguém compra eles.
 

PhylteR

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
27.449
Reações
24.451
Pontos
769
Do nada?

007 não pertencia a Sony?
Não, a Sony foi apenas a distribuidora por um tempo (agora é a Universal)
A franquia pertence à MGM e Eon. MGM distribui os filmes nos EUA e Universal (Sony um tempo atrás) distribui internacionalmente.


O controle criativo é mais da Eon e da Broccoli do que da MGM, então uma mudança drástica nas características da série, no cinema, não é provável, independentemente dessa mudança no controle da MGM.
 

_Sparks

Bam-bam-bam
VIP
Mensagens
1.548
Reações
2.862
Pontos
294
A SONY era uma das donas da MGM, comprou por 5bi na época.
 

Darkx1

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
24.629
Reações
55.362
Pontos
544
Netflix tá ficando bem pra trás nessa corrida, daqui a pouco ou acaba ou alguém compra eles.
Pessoal da Netflix é insano. Gastam uma fortuna pra comprar os direitos de uma "franquia"de filme de detetive.

Vamos ver como eles vão ficar sem Warner, MGM, Fox e as séries canceladas deles na primeira temporada. Parece aqueles caras que acertam uma vez na vida e nunca mais dão uma dentro.
 

Jolteon

Evolução elétrica do Eevee
GOLD
Mensagens
3.937
Reações
7.209
Pontos
303
Muito foda, só o Tom & Jerry que não vai porque agora é da Warner (HBO)
Pq a Hanna-Barbera foi a criadora e a MGM não chegou a comprar os direitos. A dupla HB usava a MGM para produzir e exibir Tom & Jerry, apenas.

A MGM fechou seu estúdio de animação em 1958 e nisso a HB fundou seu estúdio (aquele mesmo, do Zé Colmeia). A MGM, contudo, terceirizou a produção em 1960 e continuou produzindo até 1967, quando parou em definitivo.

Logo após, como a marca era da HB e não da MGM, acabou indo no pacote quando a HB foi comprada pela Turner (e depois pela TimeWarner). Mas foi separada e ficou dentro da Warner Bros. Animation e não do Cartoon Network Studios (sucesso oficial da HB). Já todos os outros desenhos que a HB produziu (desde Jambo e Ruivão até aquela bosta de SWAT Kats), ficaram com o CN Studios.
 

RedKnight

Bam-bam-bam
Mensagens
2.456
Reações
5.017
Pontos
279
não acho, ela esta investimento no conteúdo próprio...

existem vários caminhos.. não somente o da compra ou união.
Como praticamente todos os estúdios tão criando seus streamings próprios se a Netflix não começasse a fazer produções próprias daqui a pouco não ia ter mais nada no serviço, rsrs
Mas ainda assim acho pouco pra competir com os gigantes, quando eles aumentarem as produções/catalogo penso q a Netflix não aguenta não
 

Darkx1

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
24.629
Reações
55.362
Pontos
544
Como praticamente todos os estúdios tão criando seus streamings próprios se a Netflix não começasse a fazer produções próprias daqui a pouco não ia ter mais nada no serviço, rsrs
Mas ainda assim acho pouco pra competir com os gigantes, quando eles aumentarem as produções/catalogo penso q a Netflix não aguenta não
Netflix criou um problema pra si mesma.
Criou um publico que perdeu o habito de esperar pela próxima semana pra assistir algo e com isso criou pessoas que apenas assistem o conteúdo novo da semana e passam pro próximo.
O que leva o conteúdo feito em um ano ou dois ser consumido em algumas horas e provavelmente esquecido. É só pensar em quantas séries ou filmes a gente revê depois que acaba.

A Netflix precisa sempre gerar hits instantaneos e ainda não perceberam que não aparece um Stranger Things novo toda semana.

Com a falta de séries longas, ela deixa de ter conteúdo que motive as pessoas a ficarem na plataforma durante o restante do ano. Tem um critico de cinema do Youtube que tem feito uns videos falando sobre a situação atual da empresa. e o que ele acha do futuro(Raphael PH ou algo assim).

E eu meio que já desisti do Marketing da Netflix pra divulgar os conteúdos deles. As redes sociais são basicamente compilados de memes da geração millenial do que algo que serve pra apresentar conteúdo, eu ultimamente tento buscar as coisas na plataforma de outras maneiras.
Isso atrapalha porque tem um monte de coisa que acaba morrendo sem qualquer divulgação por parte deles.
 

Thunder Dream

F1 King
Mensagens
1.060
Reações
1.813
Pontos
188
não acho, ela esta investimento no conteúdo próprio...

existem vários caminhos.. não somente o da compra ou união.
Problema que os grandes lançamentos da Netflix estão sendo grandes fiascos. Olha esse Army of the Dead... Maioria que vê já fica irritado e perde o interesse por uma sequencia. Netflix precisa de franquias fortes.

A Netflix até acerta, mas com filmes que não tem grande apelo ao público como Roma ou o Irlandês.
 

RodrigoANBR

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.656
Reações
13.401
Pontos
584
Problema que os grandes lançamentos da Netflix estão sendo grandes fiascos. Olha esse Army of the Dead... Maioria que vê já fica irritado e perde o interesse por uma sequencia. Netflix precisa de franquias fortes.

A Netflix até acerta, mas com filmes que não tem grande apelo ao público como Roma ou o Irlandês.
 

Thunder Dream

F1 King
Mensagens
1.060
Reações
1.813
Pontos
188

RodrigoANBR

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
10.656
Reações
13.401
Pontos
584
Então, mas isso não significa muito. A maioria dessas indicações que não fazem tanto sucesso assim, o próprio Oscar já não faz tanto sucesso, Netflix precisa de filmes/séries pop, olha ai Mank,10 indicações (2 vitórias) mas é um filme para um publico extremamente restrito.
mas estamos falando de qualidade ou de blockbusters?
 

Thunder Dream

F1 King
Mensagens
1.060
Reações
1.813
Pontos
188
mas estamos falando de qualidade ou de blockbusters?
Blockbuster e com qualidade caso contrario não atrai assinaturas.

Fazendo uma comparação:

HBO Max que chega mês que vem tem a Warner por trás, com DC, Monsterverse, clássicos, filmes do Nolan, etc. Muita variedade.

Disney+ dispensa comentários, e logo vai ter a Star+ com filmes da Fox.

Amazon agora tem a MGM e um vasto catalogo de clássicos, 007, Rocky/Creed, Exterminador, Robocop...

Netflix ??? (La Casa de Papel, Stranger Things, Army of the Dead?, sequências de Knives Out), é pouco comparado a concorrência.
 

ROLGENIO

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
18.911
Reações
58.549
Pontos
563
ainda assim acho pouco pra competir com os gigantes, quando eles aumentarem as produções/catalogo penso q a Netflix não aguenta não
A diferença é que a Netflix É uma gigante, e mais que isso: É a gigante ORIGINAL no streaming, se não fosse ela aparecer nada disso estaria a disposição do público e ainda viveríamos num tempo que estaríamos a mercê dos pacotes de TVs por assinatura...
 

Landstalker

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.880
Reações
35.020
Pontos
584
Bom pro Prime.

A Netflix se fosse esperta ja tinha feito isso com alguns estúdios.

Enviado de meu SM-J410G usando o Tapatalk
O pior que a Netflix gasta mais de 15 bi por ano em produções novas. Foi uma tolice não ter pego um acervo tão grande como esse por quase 9 bi.
 

Covinhas

Bam-bam-bam
Mensagens
1.023
Reações
1.654
Pontos
203
Netflix criou um problema pra si mesma.
Criou um publico que perdeu o habito de esperar pela próxima semana pra assistir algo e com isso criou pessoas que apenas assistem o conteúdo novo da semana e passam pro próximo.
O que leva o conteúdo feito em um ano ou dois ser consumido em algumas horas e provavelmente esquecido. É só pensar em quantas séries ou filmes a gente revê depois que acaba.

A Netflix precisa sempre gerar hits instantaneos e ainda não perceberam que não aparece um Stranger Things novo toda semana.

Com a falta de séries longas, ela deixa de ter conteúdo que motive as pessoas a ficarem na plataforma durante o restante do ano. Tem um critico de cinema do Youtube que tem feito uns videos falando sobre a situação atual da empresa. e o que ele acha do futuro(Raphael PH ou algo assim).

E eu meio que já desisti do Marketing da Netflix pra divulgar os conteúdos deles. As redes sociais são basicamente compilados de memes da geração millenial do que algo que serve pra apresentar conteúdo, eu ultimamente tento buscar as coisas na plataforma de outras maneiras.
Isso atrapalha porque tem um monte de coisa que acaba morrendo sem qualquer divulgação por parte deles.
Tambem concordo que essa ideia de lançar tudo de uma temporada de uma vez só é um tiro no pé, nao se cria um hype pela série e nem dá tempo dela ser digerida pelo publico, em poucas semanas depois ela acaba sendo esquecida.

Para continuar nessa onda ela precisa manter várias séries com a qualidade de um Stranger Things e tá bem claro que ela não consegue fazer isso, várias series de qualidade duvidosa e que só tem um direcionamento para o publico jovem.
 

EgonRunner

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
11.967
Reações
24.776
Pontos
553
Tambem concordo que essa ideia de lançar tudo de uma temporada de uma vez só é um tiro no pé, nao se cria um hype pela série e nem dá tempo dela ser digerida pelo publico, em poucas semanas depois ela acaba sendo esquecida.

Para continuar nessa onda ela precisa manter várias séries com a qualidade de um Stranger Things e tá bem claro que ela não consegue fazer isso, várias series de qualidade duvidosa e que só tem um direcionamento para o publico jovem.
Com o nível de qualidade das séries, se ela não fizer isso, o pessoal dropa no primeiro episódio.
 

ryutorrent

Bam-bam-bam
Mensagens
4.850
Reações
4.699
Pontos
349
Muito bom para a Amazon pois tem uma quantidade absurda de IP's e filmes da era de ouro de Hollywood embaixo do guarda chuva da MGM.

James Bond não vai mudar muito pois o controle do personagem, inclusive o criativo, é da EON e a Bárbara Brocolli é quem manda no personagem. Eu, particularmente, não tô com muito hype por esse proximo filme, mesmo gostando do Daniel Craig como 007.

Sobre o Netflix: O acordo que eles fizeram com a Sony é bom para a plataforma mas é bem pouco. Só passar o olho nos conteudos na plataforma, pois tirando os conteudos originais que são deles, muito conteudo de lá são de outros estudios e assim que o contrato de utilização vencer, se o dono não quiser renovar, o conteudo sai e enfraquece o catalogo da plataforma.

Foi assim com Friends, os conteudos da Disney, etc.
 
Topo Fundo