O que há de Novo?


Devilman Crybaby - Tópico Oficial

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#1
Remake de mangá clássico de Go Nagai, vai ser lançado mundialmente pela Netflix dia 05 de Janeiro de 2018. A série terá 12 episódios e foi animada pelo estúdio Science SARU. Com direção de Masaaki Yuasa (Ping Pong the Animation, Tatami Galaxy) e trilha sonora de Kensuke Ushio (Ping Pong the Animation).


 


Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#2
Acabei de assistir o primeiro episódio, e poucas vezes assistir anime foi uma experiência tão perturbadora. Mas de certa forma, é isso que esse anime se propõe, então não há muito o que criticar. O Masaaki Yuasa fez um puta trabalho ao adaptar essa série, eu esperava algo nessa linha e consegui me surpreender.

Quanto à dublagem em português, ela foi muito bem traduzida, os diálogos fluem naturais e bem adaptados e isso eu devo admitir. Mas o elenco de dubladores, no geral, é bem furreca mas isso não surpreende sendo uma dublagem de Campinas. Felizmente, graças a Deus, ver legendado é uma opção.

EDIT.: Terminei de ver aqui, mas ainda não consegui digerir direito o final, ainda mais depois de tantas cenas realmente desconcertantes e impactantes. Quando eu digerir, posso escrever mais a respeito desse final e da série como um todo.
 
Ultima Edição:

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#3
@Spike Spiegal pq n ver em japones qndo vc sabe q a dublagem campineira é ruim? :lolwtf
Por que aqui nóis é hater, tá ligado?

Zoeiras a parte, eu assisti em japonês mesmo e as cenas que achei mais importantes eu alternei pro português pra ver como ficou.

Aliás, pro @jasque , mas a tal da Tiana Bandeira tá dublando uma personagem de destaque nesse anime. Sim, ela mesma, uma das ditas amantes do Márcio Seixas.
 

jasque

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
23.088
Curtidas
40.283
Pontos
629
#4
Por que aqui nóis é hater, tá ligado?

Zoeiras a parte, eu assisti em japonês mesmo e as cenas que achei mais importantes eu alternei pro português pra ver como ficou.

Aliás, pro @jasque , mas a tal da Tiana Bandeira tá dublando uma personagem de destaque nesse anime. Sim, ela mesma, uma das ditas amantes do Márcio Seixas.
Esse dossiê não serviu foi pra nada lol

O marcio seixas continua rico e pode ficar ate mais
 

xxxnerozzz

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
12.063
Curtidas
12.074
Pontos
569
#5
Acabei de assistir o primeiro episódio, e poucas vezes assistir anime foi uma experiência tão perturbadora. Mas de certa forma, é isso que esse anime se propõe, então não há muito o que criticar. O Masaaki Yuasa fez um puta trabalho ao adaptar essa série, eu esperava algo nessa linha e consegui me surpreender.

Quanto à dublagem em português, ela foi muito bem traduzida, os diálogos fluem naturais e bem adaptados e isso eu devo admitir. Mas o elenco de dubladores, no geral, é bem furreca mas isso não surpreende sendo uma dublagem de Campinas. Felizmente, graças a Deus, ver legendado é uma opção.

EDIT.: Terminei de ver aqui, mas ainda não consegui digerir direito o final, ainda mais depois de tantas cenas realmente desconcertantes e impactantes. Quando eu digerir, posso escrever mais a respeito desse final e da série como um todo.
Pq tem que digerir o final, não ligo para spoiler desse anime pode contar
 

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#6
Esse dossiê não serviu foi pra nada lol

O marcio seixas continua rico e pode ficar ate mais
E diga-se de passagem, mas a dublagem da Tiana em Devilman é uma bosta fétida e inexpressiva, mas foi ao ar assim mesmo.

Pq tem que digerir o final, não ligo para spoiler desse anime pode contar
Todas as mortes de personagens coadjuvantes que aconteceram no final, além do desfecho da batalha entre o Satanás e o Devilman/Akira foi o que não me fez digerir bem. Eu confesso que eu esperava um final talvez um pouco mais feliz depois de tudo que foi abordado no anime de forma tão crua e visceral, como a cena da orgia no Sabbath no primeiro episódio ou a morte do pai da Miki ou até mesmo da cena de sexo gay do Koda (ainda que sexo gay não seja um problema em si, a forma como a cena do ocorrido foi construída foi feita pra chocar, pra impactar, até porque ele mata o outro personagem ali), ou então, o Taro transformado em demônio comendo o cachorro e a própria mãe.
Claro, o mangá original também termina em tragédia, mas como há várias diferenças entre essa adaptação e o mangá original, imaginei que o desfecho pudesse ser diferente. Mas não foi. Foi uma experiência super perturbadora e ao mesmo emocionante ver esse anime.
 


borogodo

Bam-bam-bam
Mensagens
11.977
Curtidas
5.046
Pontos
469
#9

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#10
Comenta lá no meu "Quais os animes que mais marcaram vcs?" q assisto esse e comento. :ksafado
Tudo bem então, façamos a sua barganha.

Tu acha que quem é de fora vai dar a mínima pra isso? O povo gosta da voz do cara, e enquanto ele render, o tal dossiê vai cair no esquecimento (e gerar mais memes). :klol
Mas não seriam os memes uma "imortalização" desse dossiê? Ainda que num tom totalmente de zoeira e sem seriedade?
 
Ultima Edição:
Mensagens
2.011
Curtidas
2.149
Pontos
303
#17
Eu comecei a ver hoje e estou curtindo muito. Ele é remake mesmo ou é baseado no original?

Espero que faça bastante sucesso e que a próxima produção seja Getter Robo.

Tapando do Tapatalk
 
Mensagens
3.293
Curtidas
4.292
Pontos
303
#18
Eu não estava com muita vontade de assistir agora porque tenho outras coisas para assistir, mas assisti um episódio e É DE CAIR O CU DA BUNDA MEU DEUS DO CÉU JESUS ME PROTEJA!

Caraleo!
Não estavam hypando isso atoa.
O Go Nagai já era loucão, uma história dessas feita por um "auteur" com "culhões" como o Yuasa, com dinheiro estranheiro e passe livre para fazer o que quisesse sem limites... meos deos do céu.
Ainda estou no segundo episódio e que anime foda, que anime fudido.

 

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#22
Eu comecei a ver hoje e estou curtindo muito. Ele é remake mesmo ou é baseado no original?

Espero que faça bastante sucesso e que a próxima produção seja Getter Robo.

Tapando do Tapatalk
É baseado no mangá, mas com várias adaptações e diferenças. Não é totalmente fiel, mas ainda consegue ser respeitoso quanto ao conteúdo e à mensagem da obra original. Aqueles rappers por exemplo, eles não existem no mangá ou anime originais.

Estou amando e odiando isso ao mesmo tempo.
Tantas mulheres "simpáticas" sendo espedaçadas, que desperdício.
Idem com a reação mista aqui. Também me senti assim. A única coisa que eu mudaria talvez fosse o excesso de conteúdo sexual, já que o mangá original ainda que tivesse seus momentos, não era tão enfocado nisso como o anime da Netflix.

Mas, a série cumpre o que ela se propõe e é o que importa. É um anime de horror e violência, e isso ele executa direitinho.

Bem ou mal, não é um anime pra todo mundo ver, em todos os sentidos. Desde o visual até a história em si.

3 episódios é bonzinho o anime
Diga o que achou quando terminar de ver, ou quando avançar mais episódios.
 
Ultima Edição:
Mensagens
3.293
Curtidas
4.292
Pontos
303
#25
Aquela corrida é para enterrar a "corrida Naruto".

E cara, amei esses rappers.
Assistiu o filme recente do Yuasa, "Walk on Girl"? Tem bastante partes musicais, parece que ele quer experimentar com isso. Aquele freestyle improvisado que aconteceu sem aviso no episódio 4 quase me fez chorar.
Essa adição dele foi uma sacada genial, porque ao mesmo tem em que parece que é algo que ele quer fazer e deve ter se divertido fazendo, também ao mesmo tempo serve para fazer exposição dos temas da história.
 
Mensagens
3.293
Curtidas
4.292
Pontos
303
#26
Todo episódio "shit got real".




"Demônios possuem coração, mas não possuem empatia, consideração pelos outros, pensam apenas neles mesmos".
Ele estava se descrevendo não é?
Quero ver qual será o "mistério" desse Ryo.
Será que ele é o oposto de um demônio, um anjo?
No primeiro episódio o Ryo comentou do Akira correr, em um sentido de que certo modo era besteira uma pessoa correr competitivamente, por humanos não serem fortes ou terem qualidades físicas especiais como certos animais. Fiquei na dúvida se ele estava falando apenas do Akira ou das pessoas em geral.
Então, quando os demônios possuem as pessoas elas as "corrompem", apenas amplificando sentimentos já humanos que elas possuem, eles apenas dão força e poderes sobre-humanos para eles, compensando sua fraqueza física. Fora isso eles adicionam nada mais nas vontades e desejos das pessoas.
Humanos tem essa qualidade de serem nem demônios nem anjos, serem o meio termo, enquanto que demônios e anjos são puros. Por isso penso, será que o Ryo é um anjo? Por isso que ele tem aquela personalidade extrema e sem compromissos? Afinal se existem demônios faz sentido existirem também anjos, ainda mais havendo símbolos cristãos bem claros pela série, reforçando essa possibilidade.
 

Falk22

Bam-bam-bam
Mensagens
1.134
Curtidas
1.022
Pontos
203
#27
Assisti tudo ontem, não sabia direito como era a obra só de um cara q era possuído por um demônio, mas o coração continuava como o de um humano.
No final senti um misto de emoções, não sabia se ficava triste, se ficava puto.
Muito bom o anime!
 
Mensagens
1.908
Curtidas
1.328
Pontos
239
#28
Comecei e terminei hoje mesmo.
Não sei o quanto foi alterado da obra original, mas se a base for a mesma, dá pra dizer que o autor estava muito a frente de seu tempo, achei sensacional.
Quanto a animação, achei ela meio bizarra, parecia algo da Trigger ou da Shaft, com aquelas cores viajadas, ação fluida em troca de desenhos simplistas. A trilha sonora também é de destaque, vou até ouvir no YouTube depois. Não posso falar sobre a dublagem, pois falaram que era ruim e nem dei chance.
Enfim, anime mais que recomendado. Só no final que (provavelmente) você ficará pensando "mas que porra aconteceu?"
 
Mensagens
3.293
Curtidas
4.292
Pontos
303
#29
Comecei e terminei hoje mesmo.
Não sei o quanto foi alterado da obra original, mas se a base for a mesma, dá pra dizer que o autor estava muito a frente de seu tempo, achei sensacional.
Quanto a animação, achei ela meio bizarra, parecia algo da Trigger ou da Shaft, com aquelas cores viajadas, ação fluida em troca de desenhos simplistas. A trilha sonora também é de destaque, vou até ouvir no YouTube depois. Não posso falar sobre a dublagem, pois falaram que era ruim e nem dei chance.
Enfim, anime mais que recomendado. Só no final que (provavelmente) você ficará pensando "mas que porra aconteceu?"
Dizem que o Nagai era mesmo um pouco a frente, de longe você olha e só vê bizarrice e nudez mas sempre ouvi dizer que tinha "temas" ali.
E a animação é marca registrada do Yuasa, agora ele tem esse estúdio próximo, o Science Saru e eles animam em Flash. Sim, Adobe Flash.

https://vimeo.com/sciencesaru


Indo para último episódio agora, consigo sentir mais nada.
Ficarei ofendido se tiver final feliz, depois de ir tão longe que vá até o fim.

 
Mensagens
3.293
Curtidas
4.292
Pontos
303
#30
Devilman Crybaby, cena final...
"NÃO CHORA POR ELE PORRA!!"



Disse que queria que o Yuasa fosse até o fim...
Não sei mais o que quero. Ele conseguiu fazer seu sentir novamente, e não são sentimentos agradáveis.
Porra Yuasa.

É por isso que muito autor não faz suas histórias "a sério", não "faz o que tem que fazer", e tenta "agradar ao público".
Que inferno seria viver em um mundo onde toda história fosse Devilman Crybaby.
Um desses a cada década, se muito, já basta.
 

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#31
Comecei e terminei hoje mesmo.
Não sei o quanto foi alterado da obra original, mas se a base for a mesma, dá pra dizer que o autor estava muito a frente de seu tempo, achei sensacional.
Quanto a animação, achei ela meio bizarra, parecia algo da Trigger ou da Shaft, com aquelas cores viajadas, ação fluida em troca de desenhos simplistas. A trilha sonora também é de destaque, vou até ouvir no YouTube depois. Não posso falar sobre a dublagem, pois falaram que era ruim e nem dei chance.
Enfim, anime mais que recomendado. Só no final que (provavelmente) você ficará pensando "mas que porra aconteceu?"
Bastante coisa da obra original foi alterada, ainda que a rota seguida pela história seja na prática a mesma, com diferenças no meio do percurso. A série original não tem aqueles rappers e nem tantas cenas de cunho sexual quando o anime recente teve.

Devilman Crybaby, cena final...
"NÃO CHORA POR ELE PORRA!!"



Disse que queria que o Yuasa fosse até o fim...
Não sei mais o que quero. Ele conseguiu fazer seu sentir novamente, e não são sentimentos agradáveis.
Porra Yuasa.

É por isso que muito autor não faz suas histórias "a sério", não "faz o que tem que fazer", e tenta "agradar ao público".
Que inferno seria viver em um mundo onde toda história fosse Devilman Crybaby.
Um desses a cada década, se muito, já basta.
Não atoa, o nome da OST que toca no final é "Crybaby".

Dizem que o Nagai era mesmo um pouco a frente, de longe você olha e só vê bizarrice e nudez mas sempre ouvi dizer que tinha "temas" ali.
E a animação é marca registrada do Yuasa, agora ele tem esse estúdio próximo, o Science Saru e eles animam em Flash. Sim, Adobe Flash.

https://vimeo.com/sciencesaru


Indo para último episódio agora, consigo sentir mais nada.
Ficarei ofendido se tiver final feliz, depois de ir tão longe que vá até o fim.

Bem ou mal, não deixa de ser uma puta forma ousada de se fazer um anime.
 
Mensagens
1.793
Curtidas
2.414
Pontos
303
#33
Apesar do estilo “estranho” de animação gostei de terem modernizado a história (o mangá é de 1972) mantendo o espírito transgressor do original.
E, bem, quem esperava um final feliz melhor ficarem com o Devilman do anime clássico...
 

Spike Spiegal

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
17.801
Curtidas
35.812
Pontos
544
#34
Apesar do estilo “estranho” de animação gostei de terem modernizado a história (o mangá é de 1972) mantendo o espírito transgressor do original.
E, bem, quem esperava um final feliz melhor ficarem com o Devilman do anime clássico...
O anime clássico foi bem infantilizado pra poder passar na televisão, diga-se de passagem.

Aliás, estava conversando hoje (ontem, na verdade, pois já passou da meia noite, mas enfim) com uns amigos e entrou num papo de animes, e eu falei que assisti Devilman e tinha sido uma experiência de emoções mistas, e eis que um deles solta a pérola:

"ain spike, mas eu vi o trailer e tava mt feio, parece deseinho de criança"
É. Eu já sabia que esse anime não é pra qualquer um, mas agora tenho 110% de certeza, ainda mais que o dito cujo conseguiu a proeza de gostar de ... Fate/Apocrypha (bleeeeargh).
 


Topo