O que há de Novo?
  • Novo tema VIP está disponível
    Visitante, um novo tema com fundo escuro agora está disponível para aqueles que contribuíram com doações ao fórum e têm o status VIP. Veja os detalhes aqui.


Discutindo os corsos de computação no Brasil

mola_samas

Veterano
Mensagens
1.758
Reações
134
Pontos
144
Postei esse texto um tempo atrás na seção "programadores" da LoL Jogos, mas nem houve discussão. Tô postando aqui pq vejo mais gente da área por aqui do que na seção PCs, basta ver o tópico sobre ciência da computação aí embaixo.
Provavelmente vou tomar umas pedradas, mas ia ser legal debater, afinal num tenho nada melhor pra fazer hoje mesmo...

Olá a todos,

Criei esse tópico pra expor minha opinião sobre o nível dos cursos de computação do Brasil, seus problemas, especialidades etc.

Pra começar acho que o comentário que é mais importante é sobre o monte de cursos duvidosos que abriram nos últimos tempos. Acho que todo mundo da área sabe da enorme carência de profissionais que existe no Brasil na área de TI e ela só tnede a piorar nos próximos anos. A que isto levou?
À abertura de inúmeros cursos chimfrim, principalmente de Sistemas de Informação ou cursos técnologos fast-food.

Nesse ponto acredito que a linha de defesa de quem estuda nestes cursos(a quem não quero ofender de forma alguma) será o "quem faz a faculdade é o aluno" ou algo como "tem um cara que se formou na minha Uni X e que ganha muito bem onde trabalha". Sinceramente, acho isso piada de mau-gosto. Explico: não tem como se fazer uma regra pensando na exceção, não é porque um cara de uma faculdade dessas é bom que os outros também o são, deve-se julgar pela média dos alunos formados.
O mesmo raciocínio vale pra qualquer faculdade, independente do renome, mas quantos "caras bons" temos na Unicamp e quantos temos na Unip(em porcentagem, por favor)?

Outro ponto que acho importante ressaltar é a idéia comum sobre o que deve haver num curso de compuitação: basta ir no tópico sobre as faculdades que está aqui nesta mesma seção pra ver opiniões do tipo "pra programar faça Sistemas da Informação, se você fizer Ciências da Computação, você só vai ver teoria e nada prático".

Apesar de todo mundo querer aprender o que vai usar efetivamente na profissão, sinceramente acho esta uma abordagem muito mercenária e enganadora. Ensina-se apenas exatamente o que está em alta no momento e todo mundo fica feliz, as empresas que tem um leque enorme de estagiários semi-analfabetos, a universidade que está lucrando em cima dos alunos e o próprio aluno que consegue emprego facilmente devido à escassez de profissionais.

Qual seria a abordagem adequada segundo meu ponto de vista então? Acredito ser necessário ter parte deste imediatismo pois o mercado exige mas considero teoria essencial. Acho inadmissível um curso de computação fazer "Fundamentos de Matemática" ao invés de Cálculo 1.
Não concordo também com esquema adotado nas Fatecs, do tipo: você é obrigado a cursar X disciplinas durante a graduação. Certamente é necessário saber programar em mais de uma linguagem nos dias de hoje, mas o foco não deveria ser ensinar a teoria da computação para tornar o estudante apto a parender? Não seria essa a função da faculdade, ensinar a aprender?

Esta visão também leva à frases do tipo "ciências da computação é só pra quem quer fazer pesquisa". Geralmente quem fala isso acha inútil algo como Linguagens Formais e Autômatos, não faz idéia do que é pesquisa científica e estuda em uma universidade em que o mais proximo de pesquisa que se chega é através de tópicos em comunidades do orkut. Não é necessário ser bacharel em ciências da computação pra fazer pesquisa na área, teoricamente qualquer graduado na área pode pesquisar na área e inovar. Agora eu pergunto: quantos dos formados fora de centros de excelência em pesquisa estão aptos a isso, sendo que TODA graduação deveria permitir esse avanço aos alunos. Os três pilares do ensino superior não são "Ensino, pesquisa e extensão"?

Agora vou escrever algo pelo qual tenho certeza absoluta que serei criticado, e com razão, mas não posso deixar de comentar. Este comentário se extende de para todas as áreas.

Entre na comunidade do Orkut da Fatec e procure até achar o primeiro comentário dizendo "não basta você fazer Fatec pra se dar bem, tem que fazer um mestrado no mínimo". Bem, sinceramente, minha opinião é que isto ocorre porque a faculdade está formando profissionais incompletos. E isso em uma faculdade pública, de tradição.
Agora vá até o link da Desciclopédia(sim, estou falando sério) e entre na comunidade da POLI-USP: você achará a seguinte citação sobre pós-graduação:

"A Poli também oferece cursos de pós-graduação, Mestrado e Doutorado. Seu objetivo é melhorar o currículo e diminuir o salário e as possibilidades de emprego de quem os cursa."
Quando se faz humor em cima de algo assim há um grande fundo de verdade. Será que não há problemas com o ensino nestas faculdades?

Estamos falando sobre o mestrado acadêmico claro, e não quero de forma alguma dizer que não é importante continuar a estudar após receber o canudo, além do que um MBA é um imenso boost na carreira. Mas a formação requerida é mais para o lado prático, teoricamente fraco na graduação, mas que pode ser aprendido com uma facilidade imensa caso a base teória seja forte, mas não é o que se vê por aí.

Pra confirmar esta teoria de que as pessoas procuram a pós-graduação de renome pra reduzir a insignificância do seu diploma, volto a citar a Desciclopédia:

Encontram-se nestes cursos três tipos de pessoas:(pós-graduações na POLI-USP:
* politécnicos viciados pelo ambiente, incapazes de enfrentar o Mundo de Verdade fora da faculdade. Preferem continuar no ambiente que já conhecem e sofrer da forma que estão acostumados;
* engenheiros de 3ª, que sempre sonharam em estudar em uma faculdade de verdade e ter um diploma da USP. Existe uma subcategoria, que inclui físicos e matemáticos, que sempre sonharam em estudar em uma faculdade de verdade e ter um diploma da Poli;
* pessoas que fizeram faculdades de humanas ou biológicas, que vêm à Poli por insanidade temporária e desconhecimento de causa.
Pra este caso eu poderia achar uma fonte melhor e com maior autoridade. Até achei um exemplo hoje cedo, e me lembro de outro que li tem tempo, mas não achei denovo. Um dele era um aluno de uma faculdade de Ciências da Computação de uma faculdade que o próprio considerava horrível. Por que ele continuava? Segundo ele porque tendo o diploma ele poderia fazer uma pós em uma universidade renomada e ter um currículo vistoso e "renome".

Sei que o texto já ficou grande pra caramba, mas se você estiver com saco pra opinar seria interessante, ainda mais sobre uma questão tão pertinente tanto para quem já cursa faculdade quanto para quem vai entrar.
 


AYSJr

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
23.628
Reações
7.881
Pontos
509
Hum....normalmente, sou um dos primeiros a falar mal da FATEC (estudei lá por 3 anos e sei bem a situação dela), mas tem alguns pontos meio equivocados que você colocou.

mola_samas;2638077 disse:
Não concordo também com esquema adotado nas Fatecs, do tipo: você é obrigado a cursar X disciplinas durante a graduação. Certamente é necessário saber programar em mais de uma linguagem nos dias de hoje, mas o foco não deveria ser ensinar a teoria da computação para tornar o estudante apto a parender? Não seria essa a função da faculdade, ensinar a aprender?
OK, não concordo com o esquema do aluno ser obrigado a ter matérias optativas para terminar o curso (chega a ser piada o nome optativa e ter q fazer n para terminar o curso).Mas foi uma maneira que eles encontraram de tornar o curso mais flexível para tentar fazê-lo atender as exigências de mais de uma profissão.É antiquado?Talvez.Mas isso não elimina a teoria da computação nem retira o foco da mesma.Muito menos faz com que o aluno deixe de aprender a aprender por fora.

Entre na comunidade do Orkut da Fatec e procure até achar o primeiro comentário dizendo "não basta você fazer Fatec pra se dar bem, tem que fazer um mestrado no mínimo". Bem, sinceramente, minha opinião é que isto ocorre porque a faculdade está formando profissionais incompletos. E isso em uma faculdade pública, de tradição.
Aqui é um ponto delicado.Não é algo que se limita a FATEC apenas, mas todas as faculdades.Atualmente, existe uma onda idiota surgindo no mercado de que quanto maior seu currículo escolar, independente de quão bom profissional você é.Não é que a FATEC está formando profissionais incompletos (mesmo porque, NENHUMA faculdade forma profissionais completos por si só, caso contrário não seria exigido de nenhuma um tempo de estágio obrigatório na área), mas sim que o mercado prefere gente com pós do que gente sem pós.Simples assim.Aliás, colocar em seu currículo que você tem certificado oficial da Microsoft ou da Sun vale mais que qualquer diploma da USP.Será que a culpa então é de que a FATEC oferece só cursos fast-food?

Não quero colocar que a FATEC é um centro de excelência invejável, que deveria ser seguido e bla bla bla.Mas parece que vc se deixa muito a levar pelos cursos de tecnologia de 2000 horas que surgem a todo instante e enquadra a FATEC (com 3600 horas, se não me engano praticamente o mesmo que CC na USP) no meio do bolo de cursos ruins (e ainda assim, tem alguns cursos de tecnologias que tem qualidade mesmo com 2000 horas).Mesmo currículos da USP não vejo mais exercerem tanta pressão atualmente, ainda mais em uma área extremamente mutável como é a área de TI.Tá, cursos duvidosos que pipocam em todos os cantos atrapalham, mas a própria área de TI é uma péssima área para se utilizar como exemplo.Principalmente porque ela É uma área que se vive sempre rodeado por modinhas (única exceção feita a quem trabalha com plataforma alta e COBOL).
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
Cara, o ensino brasileiro eh deficiente desde o pre escolar.
No ensino fundamental, em vez de ensinarem as crianças fundamentos verdadeiros das ciencias e pensamento critico, ficam disseminando modelos enfadonhos de decoreba.

Raras sao as escolas que tem aulas praticas desde cedo.
Isso se extende ao ensino medio (ou deveria dizer pre-vestibular, porque eh pra isso que ta servindo) e finalmente ao ensino superior, de onde saem profissionais incompletos e deficientes nas areas que nao foram abordadas em seus cursos (principalmente portugues, aff).

Precisa-se de uma reforma GERAL, nao so nas faculdades.

Gostei do que voce escreveu, a proposito.
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
AYSJr;2638165 disse:
Atualmente, existe uma onda idiota surgindo no mercado de que quanto maior seu currículo escolar, independente de quão bom profissional você é.
Detesto isso, parece que tem gente que acha que eles vao contratar eh o seu curriculo.
Dai voce vai pra uma entrevista e nao sabe nem dialogar, parabens pra voce auheuhae
 

Xmaster

Bam-bam-bam
Mensagens
1.709
Reações
614
Pontos
209
Ótimo tópico :kongpositivo:

Concordo com o que o amigo disse acima, a educação geral no Brasil é uma piada.

Tenho alguns ótimos professores (história/mátemática), e uns de dar pena (biologia/português |onde já se viu professor falar que herege e heresia se escreve sem H ?|). (estudo em uma ETEC)

Mas é a triste realidade do nosso país
 

More One User

Habitué da casa
Mensagens
2.174
Reações
2
Pontos
61
Phoskje;2638204 disse:
Cara, o ensino brasileiro eh deficiente desde o pre escolar.
No ensino fundamental, em vez de ensinarem as crianças fundamentos verdadeiros das ciencias e pensamento critico, ficam disseminando modelos enfadonhos de decoreba.

Raras sao as escolas que tem aulas praticas desde cedo.
Isso se extende ao ensino medio (ou deveria dizer pre-vestibular, porque eh pra isso que ta servindo) e finalmente ao ensino superior, de onde saem profissionais incompletos e deficientes nas areas que nao foram abordadas em seus cursos (principalmente portugues, aff).

Precisa-se de uma reforma GERAL, nao so nas faculdades.

Gostei do que voce escreveu, a proposito.
Muito bem colocado.

Ensino médio realmente é um pré-vestibular. As aulas muitas vezes não são orientadas ao aprendizado - principalmente se for no 3o ano - mas sim para a fixação de macetes deste ou daquele vestibular da região. Via isso nítidamente principalmente na Matemática/FÍsica.

Por causa desse negócio de "decorar" que tinha aversão a geografia, história , etc... Felizmente consegui ""aprender"" o necessário para me livrar.

Mas, o que fazer? Principalmente em colégios particulares, a cobrança é óbviamente altíssima para resultados em vestibulares visados.

O mesmo vale para sua afirmação para o ensino superior, e aí não tem desculpa. O cara não está nem aí para aprender, decora aquela fórmula (estou falando no meu caso, já que curso a área de Exatas) e o faz muito bem de modo que ele passe com notas satisfatórias. Entretanto, se você for discutir algo com ele no semestre que vem algo relacionado ele nem se quer vai lembrar (talvez até lhe fale "isso é matéria passada..."). Vejo isso aqui.

EDIT: E o Português está foda mesmo. CULPA DO ORKUT.
 


mola_samas

Veterano
Mensagens
1.758
Reações
134
Pontos
144
AYSJr;2638165 disse:
OK, não concordo com o esquema do aluno ser obrigado a ter matérias optativas para terminar o curso (chega a ser piada o nome optativa e ter q fazer n para terminar o curso).Mas foi uma maneira que eles encontraram de tornar o curso mais flexível para tentar fazê-lo atender as exigências de mais de uma profissão.É antiquado?Talvez.Mas isso não elimina a teoria da computação nem retira o foco da mesma.Muito menos faz com que o aluno deixe de aprender a aprender por fora.
Acho que o direcionamento do curso é uma opção válida, talvez seja mais a favor disto que vc. Uma das coisas que reclamo é de que minha grade é muito fechada, apenas 3 optativas em 5 anos, enquanto Ciencia da Computação aqui tem pra lá de 10 em 4 anos.(faço UFSCar)

Neste parágrafo eu quis recalmar foi do tipo de optativas. Pelo que conheço da Fatec Tiradentes(por alunos e discussões por aí) temos algo do tipo optativas de programação nde vc TEM que aprender Delphi ou Cobol nesta optativa X(exemplo).

Compare com o caso daqui, onde tenho uma optativa chamada "modelagem e simulação". Temos aqui um caso muito mais específico sendo tratado, que definitivamente não é um conhecimento necessário à todos os profissionais.

Na minha opinião saber programar em mais de uma linguagem é conhecimento importantíssimo, mas que foge deste escopo "optativo". É necessário, todos tem que sabe aprender uma nova linguagem que surja durante a carreira. Matérias neste sentido parecem para mim remendo de outros buracos.

Acredito que o ideal seriam apenas minicursos rapidos de linguagens "da moda" dentro da faculdade, assim poderiam haver cadeiras mais pertinentes à formação profissional.


Aqui é um ponto delicado.Não é algo que se limita a FATEC apenas, mas todas as faculdades.Atualmente, existe uma onda idiota surgindo no mercado de que quanto maior seu currículo escolar, independente de quão bom profissional você é.Não é que a FATEC está formando profissionais incompletos (mesmo porque, NENHUMA faculdade forma profissionais completos por si só, caso contrário não seria exigido de nenhuma um tempo de estágio obrigatório na área), mas sim que o mercado prefere gente com pós do que gente sem pós.Simples assim.Aliás, colocar em seu currículo que você tem certificado oficial da Microsoft ou da Sun vale mais que qualquer diploma da USP.Será que a culpa então é de que a FATEC oferece só cursos fast-food?
De fato certificações valem mais neste caso. E realmente ocorre o que vc disse com o inchamento de currículos. Mas mesmo que nenhuma universidade forme profissionais completos, mantenho que a Fatec faz menos do que devia, masi que estes "cursos" por aí mas ainda assim menos. Pós é complemento, não conhecimento de base.

Cito a UFRGS:
[SIZE=-1]Público alvo[/SIZE]
[SIZE=-1]Podem se candidatar para a ênfase em Engenharia da Computação: [/SIZE]
  • [SIZE=-1]Profissionais formados em cursos superiores plenos de computação ou engenharia elétrica [/SIZE]
  • [SIZE=-1]Formados em qualquer curso superior pleno que exerçam atividades profissionais em Informática por mais de 3 anos ou que possuam curso de especialização (360 horas) na área [/SIZE]
  • [SIZE=-1]Excepcionalmente, formados em Tecnologia de Processamento de Dados, com curso de especialização e mais de 5 anos de experiência profissional na área após formatura[/SIZE]
http://www.inf.ufrgs.br/pos/MestradoProf/EngComp/EC.html
Não quero colocar que a FATEC é um centro de excelência invejável, que deveria ser seguido e bla bla bla.Mas parece que vc se deixa muito a levar pelos cursos de tecnologia de 2000 horas que surgem a todo instante e enquadra a FATEC (com 3600 horas, se não me engano praticamente o mesmo que CC na USP) no meio do bolo de cursos ruins (e ainda assim, tem alguns cursos de tecnologias que tem qualidade mesmo com 2000 horas).Mesmo currículos da USP não vejo mais exercerem tanta pressão atualmente, ainda mais em uma área extremamente mutável como é a área de TI.Tá, cursos duvidosos que pipocam em todos os cantos atrapalham, mas a própria área de TI é uma péssima área para se utilizar como exemplo.Principalmente porque ela É uma área que se vive sempre rodeado por modinhas (única exceção feita a quem trabalha com plataforma alta e COBOL).
Realmente não diferenciei bem estes cursos porcos do que seria a Fatec, acabei colocando tudo num mesmo saco sem me preocupar devidamente. Acredito que errei assim pq queria tratar de cursos porcos e citei demais a Fatec(a qual conheço um pouco melhor). Realmente cometi este erro.
 

mola_samas

Veterano
Mensagens
1.758
Reações
134
Pontos
144
Phoskje;2638204 disse:
Cara, o ensino brasileiro eh deficiente desde o pre escolar.
No ensino fundamental, em vez de ensinarem as crianças fundamentos verdadeiros das ciencias e pensamento critico, ficam disseminando modelos enfadonhos de decoreba.

Raras sao as escolas que tem aulas praticas desde cedo.
Isso se extende ao ensino medio (ou deveria dizer pre-vestibular, porque eh pra isso que ta servindo) e finalmente ao ensino superior, de onde saem profissionais incompletos e deficientes nas areas que nao foram abordadas em seus cursos (principalmente portugues, aff).

Precisa-se de uma reforma GERAL, nao so nas faculdades.

Gostei do que voce escreveu, a proposito.
Sim, o texto é meu. Escrevi pq antes tentava muito discutir nas comunidades do orkut sobre este tema, mas lá o nível é uma desgraça. Argumento é lixo. Basta vc soltar "quem faz faculdade é o aluno" que não tme como manter uma discussão mais aprofundada por lá.
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
More One User;2638247 disse:
Muito bem colocado.

Ensino médio realmente é um pré-vestibular. As aulas muitas vezes não são orientadas ao aprendizado - principalmente se for no 3o ano - mas sim para a fixação de macetes deste ou daquele vestibular da região. Via isso nítidamente principalmente na Matemática/FÍsica.

Por causa desse negócio de "decorar" que tinha aversão a geografia, história , etc... Felizmente consegui ""aprender"" o necessário para me livrar.

Mas, o que fazer? Principalmente em colégios particulares, a cobrança é óbviamente altíssima para resultados em vestibulares visados.

O mesmo vale para sua afirmação para o ensino superior, e aí não tem desculpa. O cara não está nem aí para aprender, decora aquela fórmula (estou falando no meu caso, já que curso a área de Exatas) e o faz muito bem de modo que ele passe com notas satisfatórias. Entretanto, se você for discutir algo com ele no semestre que vem algo relacionado ele nem se quer vai lembrar (talvez até lhe fale "isso é matéria passada..."). Vejo isso aqui.

EDIT: E o Português está foda mesmo. CULPA DO ORKUT.
Velho, isso me fez tomar um odio do terceiro ano...

A escola treinava os alunos pra passarem nos vestibulares conceituados para entao fazer o nome da escola.

E isso virava uma coisa insuportavel.
Passei pelo terceiro ano sem ter nenhum prazer de ir a escola.
 

Xmaster

Bam-bam-bam
Mensagens
1.709
Reações
614
Pontos
209
mola_samas;2638300 disse:
Sim, o texto é meu. Escrevi pq antes tentava muito discutir nas comunidades do orkut sobre este tema, mas lá o nível é uma desgraça. Argumento é lixo. Basta vc soltar "quem faz faculdade é o aluno" que não tme como manter uma discussão mais aprofundada por lá.
Realmente tentar discutir isso no orkut é perda de tempo

Quanto a frase: na minha opnião quem faz a faculdade é o "conjunto da obra" (alunos, docentes, administração). Não adianta estar na melhor faculdade e ser um relaxado, nem ser um ótimo aluno e estudar numa faculdade meia boca.
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
mola_samas;2638300 disse:
Sim, o texto é meu. Escrevi pq antes tentava muito discutir nas comunidades do orkut sobre este tema, mas lá o nível é uma desgraça. Argumento é lixo. Basta vc soltar "quem faz faculdade é o aluno" que não tme como manter uma discussão mais aprofundada por lá.
Orkut nao serve pra discutir nada, porque (salvo raras excecoes) eh um antro de descerebrados, nescios e bitolados.

Nego la quer ser arrogante sem nem mesmo saber se expressar direito, quer ser dono da verdade baseado em informacoes que qualquer um empurra pra ele, ou que le em qualquer lugar da net sem aplicar um pingo de senso critico pra filtrar a informacao.

Melhor nem tentar.
 

Fareday_

Veterano
Mensagens
12.005
Reações
8
Pontos
146
nao eh por nada, mas eh Curso e nao Corso :D

edita aih o título do tópico :D
 

mola_samas

Veterano
Mensagens
1.758
Reações
134
Pontos
144
Xmaster;2638333 disse:
Realmente tentar discutir isso no orkut é perda de tempo

Quanto a frase: na minha opnião quem faz a faculdade é o "conjunto da obra" (alunos, docentes, administração). Não adianta estar na melhor faculdade e ser um relaxado, nem ser um ótimo aluno e estudar numa faculdade meia boca.
Verdade. Mas vc há de concordar que a faculdade tem parcela importante desta equação. Não é nula como pregam os intelectuais do orkut.

Fareday_;2638352 disse:
nao eh por nada, mas eh Curso e nao Corso :D

edita aih o título do tópico :D
Num consegui.:-(

Mas o Corso em São Carlos tb é legal, pergunte ao google.
 

WhiteHorseBR01

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
24.189
Reações
3.915
Pontos
584
O que seria um Corso, melhor você fazer Letras primeiro. Antes de aprender linguagens de programação é bom saber pelo menos um português mais-ou-menos :lol
 

Xmaster

Bam-bam-bam
Mensagens
1.709
Reações
614
Pontos
209
mola_samas;2638380 disse:
Verdade. Mas vc há de concordar que a faculdade tem parcela importante desta equação. Não é nula como pregam os intelectuais do orkut.
Concorde plenamente, só acrescentei que não depende só do aluno e sim do geral para formar uma ótima faculdade :kongpositivo:
 

Xmaster

Bam-bam-bam
Mensagens
1.709
Reações
614
Pontos
209
andregarcia_1;2638403 disse:
O que seria um Corso, melhor você fazer Letras primeiro. Antes de aprender linguagens de programação é bom saber pelo menos um português mais-ou-menos :lol
Corso até vai

O pior é professora de português escrever certas palavras assim: eresia, erege, prossesão, falar que o feminino de perdigão é sadia :lol entre outras coisas
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
Xmaster;2638430 disse:
Corso até vai

O pior é professora de português escrever certas palavras assim: eresia, erege, prossesão, falar que o feminino de perdigão é sadia :lol entre outras coisas
?
Voce conhece uma professora de portugues assim?

Pra fogueira com ela.
 

Xmaster

Bam-bam-bam
Mensagens
1.709
Reações
614
Pontos
209
Phoskje;2638434 disse:
?
Voce conhece uma professora de portugues assim?

Pra fogueira com ela.
Conheço sim.. a minha [kong]

Nem queira saber da profª de biologia, pois sem brincadeira, acho que eu ensino melhor que ela [kzangado]
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
Xmaster;2638441 disse:
Conheço sim.. a minha [kong]

Nem queira saber da profª de biologia, pois sem brincadeira, acho que eu ensino melhor que ela [kzangado]
Nossa, entao voce da muito azar com professores o.o

Minha ultima professora de portugues era muito boa, aqui do interior de MG e era chamada pra corrigir redacao da Unicamp.
 

Xmaster

Bam-bam-bam
Mensagens
1.709
Reações
614
Pontos
209
Phoskje;2638446 disse:
Nossa, entao voce da muito azar com professores o.o

Minha ultima professora de portugues era muito boa, aqui do interior de MG e era chamada pra corrigir redacao da Unicamp.
Pelo menos na área de exatas é excelente, a profª de mát ensina tudo mesmo, o phoda é os alunos "lerdos" que fazem repetir a msm materia pra eles aprenderem [kzangado]

Não sei como é o ensino médio nas outras regiões, mas aqui na minha cidade a minha escola é a única que ensina trigonometria avançada (sec, cosec, cotg, leis dos senos e cossenos, funções, etc). As outras escolas vão até tg e olha lá.

Quimica e fisica são ótimos tbm, pena a profª de quimica ter se aposentado :-(
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
Xmaster;2638489 disse:
Pelo menos na área de exatas é excelente, a profª de mát ensina tudo mesmo, o phoda é os alunos "lerdos" que fazem repetir a msm materia pra eles aprenderem [kzangado]

Não sei como é o ensino médio nas outras regiões, mas aqui na minha cidade a minha escola é a única que ensina trigonometria avançada (sec, cosec, cotg, leis dos senos e cossenos, funções, etc). As outras escolas vão até tg e olha lá.

Quimica e fisica são ótimos tbm, pena a profª de quimica ter se aposentado :-(
o.o

Trigonometria avançada eles ensinam no segundo ano onde eu estudei.
 

Ponfick

All Hail
Mensagens
8.728
Reações
1.372
Pontos
339
Eu curso Analise de Sistemas, Meu curso parece mais adm do que um curso voltado a TI.

Meu curso deixa a desejar nem e por causa da grade de estudo, e sim por causa dos alunos.
Os professores ficam passando a mão na cabeça de um bando de tapados, que so entraram no curso por que eram incapases de entrar em outro curso.
Estou indo para o segundo periodo agora, vc podem dizer que e assim mesmo no primeiro periodo, mas teve prof. que chegou na sala deu 7 para todos e foi embora, e a turma ficou toda feliz.
A professora de algoritimo(que é a materia mais importante no periodo), faltou umas três semanas é todo mundo tava feliz.
Eu que tive que ficar no pé do repesentante para ele falar com o cordenador do curso.

Eu chegava a faltar aulas por que minha turma não havia entendido um assunto que a professora tinha dado ha três aulas seguidas.

Minha professora de algoritimo havia passado um trabalho, valendo como prova, ela deu duas semanas, para uma equipe de três pessoas fazerem o trabalho, eu peguei o trabalho com apenas três dias restando para a primeira apresentação(eram três trabalhos diferentes, um cada dia, varias equipes apresentavam um trabalho, umas três a quatro por dia), eu fiz sozinho três trabalhos, dois para colegas e um meu(isso com apenas um dia de intervalo entre os trabalhos), ainda tive que ir na casa de uma colega explicar sobre o trabalho(ela ja tinha repetido a materia, e mesmo assim não sabia de nada),
com tudo isso ainda fui o unico da turma a fazer o progama rodar 100% (e ainda coloquei mais coisas que a professora não havia pedido).

Minha turma não que nada com a vida.
Pesquisei outros horarios mas e tudo a mesma coisa.


Para termos faculdades melhores temos que ter alunos melhores.
 

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
Po cara, se a situacao eh essa, se os caras nao tao nem ai, voce nem deveria ajudar...

Faz o seu e deixa os outros se lascarem pra la.
 

RoDriG0

Veterano
Mensagens
2.813
Reações
34
Pontos
149
Ponfick;2638528 disse:
Eu curso Analise de Sistemas, Meu curso parece mais adm do que um curso voltado a TI.

Meu curso deixa a desejar nem e por causa da grade de estudo, e sim por causa dos alunos.
Os professores ficam passando a mão na cabeça de um bando de tapados, que so entraram no curso por que eram incapases de entrar em outro curso.
Estou indo para o segundo periodo agora, vc podem dizer que e assim mesmo no primeiro periodo, mas teve prof. que chegou na sala deu 7 para todos e foi embora, e a turma ficou toda feliz.
A professora de algoritimo(que é a materia mais importante no periodo), faltou umas três semanas é todo mundo tava feliz.
Eu que tive que ficar no pé do repesentante para ele falar com o cordenador do curso.

Eu chegava a faltar aulas por que minha turma não havia entendido um assunto que a professora tinha dado ha três aulas seguidas.

Minha professora de algoritimo havia passado um trabalho, valendo como prova, ela deu duas semanas, para uma equipe de três pessoas fazerem o trabalho, eu peguei o trabalho com apenas três dias restando para a primeira apresentação(eram três trabalhos diferentes, um cada dia, varias equipes apresentavam um trabalho, umas três a quatro por dia), eu fiz sozinho três trabalhos, dois para colegas e um meu(isso com apenas um dia de intervalo entre os trabalhos), ainda tive que ir na casa de uma colega explicar sobre o trabalho(ela ja tinha repetido a materia, e mesmo assim não sabia de nada),
com tudo isso ainda fui o unico da turma a fazer o progama rodar 100% (e ainda coloquei mais coisas que a professora não havia pedido).

Minha turma não que nada com a vida.
Pesquisei outros horarios mas e tudo a mesma coisa.


Para termos faculdades melhores temos que ter alunos melhores.
poutz!! eu nunca vi isso na minha vida! se fosse aqui, como ja houve antes com alunos insatisfeitos, esses professores iriam td ser botados pra fora.
 

Modesto

Supra-sumo
Mensagens
4.384
Reações
3
Pontos
182
Ponfick;2638528 disse:
Minha professora de algoritimo havia passado um trabalho, valendo como prova, ela deu duas semanas, para uma equipe de três pessoas fazerem o trabalho, eu peguei o trabalho com apenas três dias restando para a primeira apresentação(eram três trabalhos diferentes, um cada dia, varias equipes apresentavam um trabalho, umas três a quatro por dia), eu fiz sozinho três trabalhos, dois para colegas e um meu(isso com apenas um dia de intervalo entre os trabalhos), ainda tive que ir na casa de uma colega explicar sobre o trabalho(ela ja tinha repetido a materia, e mesmo assim não sabia de nada),
com tudo isso ainda fui o unico da turma a fazer o progama rodar 100% (e ainda coloquei mais coisas que a professora não havia pedido).
Caramba,e era sobre o que o trabalho?
 

mola_samas

Veterano
Mensagens
1.758
Reações
134
Pontos
144

Phoskje

Veterano
Mensagens
3.511
Reações
7
Pontos
137
mola_samas;2638574 disse:
Grande parte do cálculo integral requer estas funções trigonométricas.
Assusta o cara nao, vai que ele descobre que as integrais mais cabulosas sao as trigonometricas!

Eu ate lembro do dia que meu professor pediu pra gente achar a integral de arcsen²x.dx

Terror total.
 

Ponfick

All Hail
Mensagens
8.728
Reações
1.372
Pontos
339
Modesto;2638561 disse:
Caramba,e era sobre o que o trabalho?
Eram três progamas de controle, controle de carros e motoristas, controle de itens e reponasveis, e outro que não me lembro de que era.

O do controle de carros era quase a mesma coisa do controle de itens(este era o meu trabalho), basicamente nele eu tinha apenas de copiar parte do meu codigo e mudar as variaveis, e adicionar pouca coisa.
O segundo foi o mais dificil, eu tive que criar do zero, e tinha coisas que não tinha sido pedidas nos outros dois trabalhos, o mais dificil foi explicar minha logica e a quantidade de variaveis para meus colegas.
O meu foi apenas uma verção turbinada do primeiro, foi bem facil de fazer, o ruim e que cada vez que eu colocava algo a mais no codigo, aparecia um erro, mas no final deu tudo certo.

Parece que em algoritimo na minha turma apenas eu tirei a media 10( 13 para falar a verdade, um dia ainda vou cobrar da minha professora).
 
Topo