O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

Qual foi o ultimo jogo retro que vc terminou???

Wolfdarks

Habitué da casa
Mensagens
309
Reações
354
Pontos
73
Consegui fechar essa desgraça, versão International, umas 90hs (seria 65h se não tivesse demorado em famar Sphere points).

Sistema Sphere Grid dele só não é pior que o Sistema de junção FFVIII pois é até entendível, mas teve vezes que consegue ser entediante e frustrante, ainda mais destravar os Blocks Sphere, que esse só consegue lá para o final do jogo (e torcer para um inimigo dropar). Apensar de ser international, possui uns extras como os "apelões impossíveis Dark Aeons" que esses só consegue derrotar com quase 80% o sistema Sphere completo de um trio e com arma celestial(pega um tempo do cara&%0, mesmo com os macetes de famar rápido AP). Até me garanto lascar com os Dark Aeons se os Block Spheres fosse fáceis de famar (é demorado e muito chato), vai ficar por isso mesmo.
Historia é até que boa, melhor que aquela continuação feita por um fanfiqueiro que precisa cumprir de missões com uma trio de minas.

Fechei o jogo e ainda não entendi uma coisa... Vou deixar em spoiler, caso de alguém não tenha fechado (click por sua conta em risco).
Em que parte o Tidus sacou que era apenas uma porcaria de uma miragem?
E mais, não me conformo com o que aconteceu com Auron, aquilo ali é mais sem roteiro até por que ele aparece no horroroso FFX-2 como inimigo (mindf#ck por parte dos roteiristas).:kzangado

E pra fechar... Só eu que acho que a voz que dubla o Seymour parecido com do Hyoga de Cisne? Muito parecido, só falta ele mandar o Pó de Diamante.:kfreeze
 


Grief

Supra-sumo
Mensagens
509
Reações
1.658
Pontos
168
Castlevania: Symphony of the Night







Não tenho muito o que falar, todo mundo conhece o jogo.
Terminei com 200.6%. Comecei também outro jogo com Richter Belmont mas vou deixar pra finalizar outro dia, joguei tanto esse jogo hoje que não aguento nem mais olhar.
 
Mensagens
2.995
Reações
2.732
Pontos
339

Liberation Maiden (Nintendo 3DS)

Shoot up 3d, onde a gostosa pilota um robô (because Japão) e mete tiro em tudo em que se mexe. É um jogo bem estilo arcade, fácil (ao menos no normal, mas também há modos easy e hard), e feito pra zerar diversas vezes em um curto espaço de tempo (dá pra zerar em menos de meia hora), tentando alcançar maiores pontuações. Vale pela curiosidade.

Ps: esse jogo foi lançado em uma coletânea de "mini jogos" de diversos produtores conhecidos no Japão (O Liberation Maiden foi produzido pelo Suda 51). No ocidente, esses jogos foram lançados separadamente, apenas digitalmente.
 

The Unknown Guy

Bam-bam-bam
Mensagens
3.619
Reações
6.720
Pontos
303
Consegui fechar essa desgraça, versão International, umas 90hs (seria 65h se não tivesse demorado em famar Sphere points).

Sistema Sphere Grid dele só não é pior que o Sistema de junção FFVIII pois é até entendível, mas teve vezes que consegue ser entediante e frustrante, ainda mais destravar os Blocks Sphere, que esse só consegue lá para o final do jogo (e torcer para um inimigo dropar). Apensar de ser international, possui uns extras como os "apelões impossíveis Dark Aeons" que esses só consegue derrotar com quase 80% o sistema Sphere completo de um trio e com arma celestial(pega um tempo do cara&%0, mesmo com os macetes de famar rápido AP). Até me garanto lascar com os Dark Aeons se os Block Spheres fosse fáceis de famar (é demorado e muito chato), vai ficar por isso mesmo.
Historia é até que boa, melhor que aquela continuação feita por um fanfiqueiro que precisa cumprir de missões com uma trio de minas.

Fechei o jogo e ainda não entendi uma coisa... Vou deixar em spoiler, caso de alguém não tenha fechado (click por sua conta em risco).
Em que parte o Tidus sacou que era apenas uma porcaria de uma miragem?
E mais, não me conformo com o que aconteceu com Auron, aquilo ali é mais sem roteiro até por que ele aparece no horroroso FFX-2 como inimigo (mindf#ck por parte dos roteiristas).:kzangado

E pra fechar... Só eu que acho que a voz que dubla o Seymour parecido com do Hyoga de Cisne? Muito parecido, só falta ele mandar o Pó de Diamante.:kfreeze
Antes da batalha com a yunalesca ou jecht, se lembro bem.
cheguei a matar os dark aeons, acho que magus sister e anima usei yojimbo. Foda que eles travam o caminho de algumas paradas até derrotar. tinha 127h no memory card, era meu orgulho na época. nerd é foda.
 


Wellington S.

Supra-sumo
Mensagens
952
Reações
1.514
Pontos
183

Terminei esse jogo de rpg/estratégia, joguei na dificuldade normal, o jogo pode ser difícil ou pode ser fácil, quero dizer que algumas batalhas difíceis podem ficar fáceis se a pessoa souber o que fazer, já que é um jogo de estratégia. Eu conheci essa série no PSP, o Valkyria Chronicles original nunca joguei, e pretendo jogar algum dia.
 
Ultima Edição:

Aruguren

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
13.314
Reações
17.087
Pontos
659
Consegui fechar essa desgraça, versão International, umas 90hs (seria 65h se não tivesse demorado em famar Sphere points).

Sistema Sphere Grid dele só não é pior que o Sistema de junção FFVIII pois é até entendível, mas teve vezes que consegue ser entediante e frustrante, ainda mais destravar os Blocks Sphere, que esse só consegue lá para o final do jogo (e torcer para um inimigo dropar). Apensar de ser international, possui uns extras como os "apelões impossíveis Dark Aeons" que esses só consegue derrotar com quase 80% o sistema Sphere completo de um trio e com arma celestial(pega um tempo do cara&%0, mesmo com os macetes de famar rápido AP). Até me garanto lascar com os Dark Aeons se os Block Spheres fosse fáceis de famar (é demorado e muito chato), vai ficar por isso mesmo.
Historia é até que boa, melhor que aquela continuação feita por um fanfiqueiro que precisa cumprir de missões com uma trio de minas.

Fechei o jogo e ainda não entendi uma coisa... Vou deixar em spoiler, caso de alguém não tenha fechado (click por sua conta em risco).
Em que parte o Tidus sacou que era apenas uma porcaria de uma miragem?
E mais, não me conformo com o que aconteceu com Auron, aquilo ali é mais sem roteiro até por que ele aparece no horroroso FFX-2 como inimigo (mindf#ck por parte dos roteiristas).:kzangado

E pra fechar... Só eu que acho que a voz que dubla o Seymour parecido com do Hyoga de Cisne? Muito parecido, só falta ele mandar o Pó de Diamante.:kfreeze
SIM OBRIGADO É ISSO.

Sabia que quando ele falava vinha algo muito nostálgico, só não sabia o que era :klol
 

Retroaholic

Bam-bam-bam
Mensagens
741
Reações
3.150
Pontos
274
Castlevania: Symphony of the Night







Não tenho muito o que falar, todo mundo conhece o jogo.
Terminei com 200.6%. Comecei também outro jogo com Richter Belmont mas vou deixar pra finalizar outro dia, joguei tanto esse jogo hoje que não aguento nem mais olhar.
Esse jogo me dá boas memórias cara. Na época (1998) febre total, durante um tempo achei assim o melhor jogo da vida.

Até terminar, até você fazer tudo, é muito fod@. É um jogo que eu gostaria de "apagar" da memória toda vez que eu terminasse, pra que fosse igual a primeira vez.

Só que tem umas memórias estranhas também, eu lembro que um dia eu tava jogando, aí meu irmão que naquela época ja era papa-véia, ficou namorando com uma amiga da nossa mãe cara.

Doentão esse cara. Cara pegando a véia lá no sofá cara.


Mas muito bom esse joguete aí. Pena que fica bem fácil depois de um tempo (todo metroidvania sofre um pouco disso).
Tem um hack que transforma o jogo num "hard mode", mas aí parece que zoa um pouco algumas areas e não é muito balanceado, mas só li, talvez seja legal pegar pra testar.

away
 

geist

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.525
Reações
63.523
Pontos
553
Infelizmente eu não tenho tempo e nem paciência para passar 60, 80 ou absurdas mais de 100 horas para finalizar um jogo. É tempo demais de vida pra algo assim.
Hoje eu penso desta maneira. Já fiz muito isso e confesso que a relação "custo-benefício" não foi boa.
 

juminho

Bam-bam-bam
Mensagens
1.085
Reações
2.071
Pontos
314
Infelizmente eu não tenho tempo e nem paciência para passar 60, 80 ou absurdas mais de 100 horas para finalizar um jogo. É tempo demais de vida pra algo assim.
Hoje eu penso desta maneira. Já fiz muito isso e confesso que a relação "custo-benefício" não foi boa.
Penso exatamente assim. Se utilizasse essas horas em estudo por exemplo estaria bem melhor, ganhando mais e num trabalho melhor. Mas infelizmente não consigo, e continuo jogando.:ksnif

Só pata citar um exemplo, de acordo com a Resolução CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001, em seu Art. 10, os cursos de pós-graduação lato sensu têm duração mínima de 360 (trezentos e sessenta) horas.
 

Axel Stone

Bam-bam-bam
Mensagens
1.625
Reações
3.245
Pontos
288
Jogando a série Kingdom Hearts. Terminei o 1, CoM e quase terminando o 2.

Na época eu adorava o 1 e agora vi o quanto é datado, principalmente se comparar com o segundo. Já o CoM foi difícil de engolir, odeio sistema de cartas.
 

geist

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
16.525
Reações
63.523
Pontos
553
Penso exatamente assim. Se utilizasse essas horas em estudo por exemplo estaria bem melhor, ganhando mais e num trabalho melhor. Mas infelizmente não consigo, e continuo jogando.:ksnif

Só pata citar um exemplo, de acordo com a Resolução CNE/CES nº 1, de 3 de abril de 2001, em seu Art. 10, os cursos de pós-graduação lato sensu têm duração mínima de 360 (trezentos e sessenta) horas.
Pois é... tanta coisa mais produtiva. Tento manter o equilíbrio hoje, passo tempo jogando, tempo com a família, tempo no fórum, tempo praticando esporte, tempo trabalhando, tempo dormindo... Nada contra pegar um jogo longo e ir avançando aos poucos, mas com tanta opção que temos hoje eu simplesmente não consigo ficar "amarrado" a um jogo por tanto tempo. Se for para dedicar tanto tempo, prefiro um RTS. Eu era apaixonado por JRPGs, mas não consigo mais ficar horas em quests, subindo nível, numa repetição sem fim.

Perfeito pra mim hoje é joguinho bem feito, redondinho, com no máximo 20 horas para finalizar.
 

Grief

Supra-sumo
Mensagens
509
Reações
1.658
Pontos
168
Esse jogo me dá boas memórias cara. Na época (1998) febre total, durante um tempo achei assim o melhor jogo da vida.

Até terminar, até você fazer tudo, é muito fod@. É um jogo que eu gostaria de "apagar" da memória toda vez que eu terminasse, pra que fosse igual a primeira vez.

Só que tem umas memórias estranhas também, eu lembro que um dia eu tava jogando, aí meu irmão que naquela época ja era papa-véia, ficou namorando com uma amiga da nossa mãe cara.

Doentão esse cara. Cara pegando a véia lá no sofá cara.


Mas muito bom esse joguete aí. Pena que fica bem fácil depois de um tempo (todo metroidvania sofre um pouco disso).
Tem um hack que transforma o jogo num "hard mode", mas aí parece que zoa um pouco algumas areas e não é muito balanceado, mas só li, talvez seja legal pegar pra testar.

away
Pode crer. Quando ouço aquela música do começo do jogo (Dracula's Castle) eu lembro de quando eu tinha uns 8, 9 anos e joguei ele pela primeira vez. :ksnif
Apesar da pouca idade que eu tinha, ainda tenho muitas memórias desses tempos, da locadora que eu frequentava (duas horas no PS1 custava 1 real, lol), das zoeiras entre as pessoas que frequentavam o lugar, de como eu não conseguia passar da parte com a porta azul trancada, etc.
 

Wellington S.

Supra-sumo
Mensagens
952
Reações
1.514
Pontos
183
Jogando a série Kingdom Hearts. Terminei o 1, CoM e quase terminando o 2.

Na época eu adorava o 1 e agora vi o quanto é datado, principalmente se comparar com o segundo. Já o CoM foi difícil de engolir, odeio sistema de cartas.
Apesar de eu já ter jogado e terminado, também não vou muito com a cara não de CoM.
 

Yotsuya

Supra-sumo
Mensagens
573
Reações
1.620
Pontos
168
Terminei hoje, eu estava seguindo a ordem dos labirintos que estava no Menu e acabei terminado o jogo de forma inesperada, felizmente o ultimo chefe era suscetível aos Status Negativos e derrotei ele, mas ainda falta finalizar o Deep Dungeon e uma Quest para encontrar uma espada amaldiçoada.
186116
 

Asha

Bam-bam-bam
Mensagens
1.903
Reações
5.743
Pontos
303
186367
Terminei Panorama Cotton no Mega Drive mais uma vez, mas...mais ou menos por acaso.:kawaii

Comprei um controle universal para minha televisãozinha e ia testar o brilho e contraste dela rapidinho com o Sonic 2. No entanto, acabei encostando o controle sem querer no rack onde fica a TV e o Mega Everdrive automaticamente iniciou o Panorama Cotton, game que eu havia jogado anteriormente no console. No começo, só ia usá-lo para verificar a imagem, mas acabei terminando ele de uma vez só. O game é bem curtinho (e bastante divertido!), então não demorei muito tempo.

Diferente da maioria dos jogos da série Cotton, esse é um Rail Shooter ao invés de um Shmup horizontal e utiliza efeitos de escala em conjunto a uma quantidade bem grande de sprites na tela. O game costuma a ter slowdowns quando muitos sprites aparecem ao mesmo tempo, mas não deixa de ser impressionante. Os visuais e músicas lembram algo vindo de uma placa de arcade da época.
 
Ultima Edição:

Grief

Supra-sumo
Mensagens
509
Reações
1.658
Pontos
168
Finalizei Fallout de novo mas dessa vez com meu personagem bom de combate/tiro.






Dessa vez terminei matando o ultimo boss, antes só havia conseguido finalizar usando habilidades de stealth e lábia.
A última luta não foi tão difícil, mas também eu estava com a Power Armor melhorada e armado até os dentes com Plasma Rifle e cheio de stimpaks (itens de cura).
Meu personagem estava no level 13 e com as habilidades de small guns e plasma guns em 150% além dos perks para ganhar action points.
A luta contra os super mutantes no Vault da Cathedral foi mais suada.
 
Mensagens
2.995
Reações
2.732
Pontos
339

Ghost Trick - Phantom Detective (Nintendo DS)

Já tinha terminado ele uma vez uns anos atrás e tinha gostado bastante. E gostei ainda mais nessa nova jogatina.
O jogo é basicamente um point e click, onde você controla o fantasma de Sissel, e manipula itens do ambiente, tanto para se movimentar, quanto para resolver os puzzles e avançar na história (podendo usar tanto a stylus quanto os botões, felizmente).
Tudo nesse jogo transborda personalidade, desde a história excêntrica, os gráficos "3d chapados", parecendo uma animação 2d, trilha sonora ótima, e dificuldade e duração na medida certa (não devo ter gasto mais de 15hs zerando, apesar de me lembrar de uns macetes que facilitaram minha vida).
Não acho que nada que eu escreva faça jus ao quanto eu gostei do jogo, ou a qualidade do mesmo. Deve ser um dos melhores do DS e lamento muito que a Capcom tenha deixado a franquia no limbo.
Enfim, jogo obrigatório. Acho difícil alguém não gostar.
 

The Unknown Guy

Bam-bam-bam
Mensagens
3.619
Reações
6.720
Pontos
303

Ghost Trick - Phantom Detective (Nintendo DS)

Já tinha terminado ele uma vez uns anos atrás e tinha gostado bastante. E gostei ainda mais nessa nova jogatina.
O jogo é basicamente um point e click, onde você controla o fantasma de Sissel, e manipula itens do ambiente, tanto para se movimentar, quanto para resolver os puzzles e avançar na história (podendo usar tanto a stylus quanto os botões, felizmente).
Tudo nesse jogo transborda personalidade, desde a história excêntrica, os gráficos "3d chapados", parecendo uma animação 2d, trilha sonora ótima, e dificuldade e duração na medida certa (não devo ter gasto mais de 15hs zerando, apesar de me lembrar de uns macetes que facilitaram minha vida).
Não acho que nada que eu escreva faça jus ao quanto eu gostei do jogo, ou a qualidade do mesmo. Deve ser um dos melhores do DS e lamento muito que a Capcom tenha deixado a franquia no limbo.
Enfim, jogo obrigatório. Acho difícil alguém não gostar.
e esse spoiler enorme aí?
 

metaller

Bam-bam-bam
Mensagens
5.771
Reações
4.868
Pontos
399

Fiz um favor a mim mesmo e terminei essa coisa linda. Na epoca que joguei no SNES não consegui terminar. Fiz todas as sides, a luta final foi bem tranquila por isso.

Jogo perfeito, história, carisma de alguns personagens, trilha sonora, tudo.

Nota 10
 
Mensagens
2.995
Reações
2.732
Pontos
339
Sissel não é o nome do gato?
Sim, é o nome do gato. Mas isso só é revelado no fim do jogo. Antes disso, o personagem acha que é o Sissel, e maioria dos coadjuvantes o trata por esse nome. E ao contrário do que você acabou de fazer, eu não revelei isso em qualquer parte de meus posts. Coloque esse seu post em spoiler pra não estragar a diversão alheia.
 

The Unknown Guy

Bam-bam-bam
Mensagens
3.619
Reações
6.720
Pontos
303
Sim, é o nome do gato. Mas isso só é revelado no fim do jogo. Antes disso, o personagem acha que é o Sissel, e maioria dos coadjuvantes o trata por esse nome. E ao contrário do que você acabou de fazer, eu não revelei isso em qualquer parte de meus posts. Coloque esse seu post em spoiler pra não estragar a diversão alheia.
 

Yotsuya

Supra-sumo
Mensagens
573
Reações
1.620
Pontos
168
Romancing Saga (Super Famicom), Terminei desta vez com o personagem Albert, na vez anterior terminei com o personagem Jamil, mas o final é o mesmo, dependendo das escolhas feitas no jogo apenas muda algumas Quest's que se pode fazer ou não, gostei deste jogo, apesar dele ter alguns problemas foi bastante divertido.

Batalha contra Saruin

186961
186962
 

Leira

Supra-sumo
Mensagens
1.678
Reações
825
Pontos
184
Kirby's Adventure (NES)

Sempre gostei dos jogos do Kirby, então resolvi jogar um da era 8bits. O jogo é no mesmo sistema do Kirby Dream Land, lançado para Super Nintendo. Eu que estava acostumado com os mais novos, apanhei com a jogabilidade, que não contém algumas melhorias que vieram depois. Ainda assim, é um bom jogo.

186998
 

Jujuba o cão idealista

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
21.950
Reações
22.187
Pontos
659
terminei bucky o'hare (nes/famicom). muito bom jogo, tem a dificuldade sem noção da época, mas mesmo sendo difícil não é roubado. também facilita o fato de haver password, continues infinitos e de você voltar pra mesma parte da fase mesmo com game over. tenho a impressão de que é o jogo que mais exigiu reflexos e musculatura que eu já joguei, ele é muito frenético em vários momentos. e a trilha é foda bagarai, foi ela que me animou em jogar.

187043
 
Topo Fundo