O que há de Novo?
  • Anunciando os planos GOLD no Fórum Outer Space
    Visitante, agora você pode ajudar o Fórum Outer Space e receber alguns recursos exclusivos, incluindo navegação sem anúncios e dois temas exclusivos. Veja os detalhes aqui.

[TÓPICO OFICIAL] OUYA: Lixo ou Luxo?

topogigio999

Veterano
Mensagens
483
Reações
686
Pontos
128
Buenas Tardes Pessoas,
alguém ai utiliza o VLC da loja do Ouya? fica só travado aquela "coisa" e não acessa nenhuma função...
 


topogigio999

Veterano
Mensagens
483
Reações
686
Pontos
128
Não uso ele, mas qual seria o proposito? Acessar filmes do PC ou algo do tipo?
Se for, tenta o Plex.
Na verdade, eu queria reproduzir alguns videos que o KODI não ta reconhecendo, via USB mesmo...
Cara se o Plex Server funcionasse no OUYA, seria coisa linda... mas pela versão defasada do android só funciona o PLEX Client...
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Na verdade, eu queria reproduzir alguns videos que o KODI não ta reconhecendo, via USB mesmo...
Cara se o Plex Server funcionasse no OUYA, seria coisa linda... mas pela versão defasada do android só funciona o PLEX Client...
É que o server fica na máquina onde estão tuas mídias, no meu caso, na minha máquina servidor, com isso, todos os devices que tiverem o Plex Client instalado lá em casa, terão acesso a tudo que coloquei na máquina Plex Server.

Tenta o MX Player, lembro que no meu antigo Rikomagic III, ele era o salvador da pátria, rodava tudo lindamente.
 

topogigio999

Veterano
Mensagens
483
Reações
686
Pontos
128
É que o server fica na máquina onde estão tuas mídias, no meu caso, na minha máquina servidor, com isso, todos os devices que tiverem o Plex Client instalado lá em casa, terão acesso a tudo que coloquei na máquina Plex Server.

Tenta o MX Player, lembro que no meu antigo Rikomagic III, ele era o salvador da pátria, rodava tudo lindamente.
Vou testar esse MX Player... Obrigado...
 

Spielvan

Bam-bam-bam
Mensagens
1.242
Reações
1.426
Pontos
203
Vou testar esse MX Player... Obrigado...
O mxplayer sem duvida é o melhor player para android, aconselho, baixar os codecs dele também, agora do Kodi não reconhecer vídeos mano, que tipo de formato seria, pois testei de tudo e ele rodou fácil, inclusive o formato AC-3 de áudio, o player padrão do meu box android tv, roda os vídeos com áudio neste formato, sem áudio e com o Kodi, roda com o áudio normalmente, da uma versificada na parte dos adds repositórios se todos os decoders e encoders de áudio estão ativados, uso o Kodi 16.1 no meu box android, e sei que tem, mas eu nunca usei, fiz suporte a SMB samba no Kodi. Para rodar os vídeos que estão no meu pc, pelo box android uso o ES File Explorer, inclusive uso ele direto para passar arquivo do meu pc, para o box android.
 


topogigio999

Veterano
Mensagens
483
Reações
686
Pontos
128
O mxplayer sem duvida é o melhor player para android, aconselho, baixar os codecs dele também, agora do Kodi não reconhecer vídeos mano, que tipo de formato seria, pois testei de tudo e ele rodou fácil, inclusive o formato AC-3 de áudio, o player padrão do meu box android tv, roda os vídeos com áudio neste formato, sem áudio e com o Kodi, roda com o áudio normalmente, da uma versificada na parte dos adds repositórios se todos os decoders e encoders de áudio estão ativados, uso o Kodi 16.1 no meu box android, e sei que tem, mas eu nunca usei, fiz suporte a SMB samba no Kodi. Para rodar os vídeos que estão no meu pc, pelo box android uso o ES File Explorer, inclusive uso ele direto para passar arquivo do meu pc, para o box android.
Então, to revendo a serie Contos da Cripta, porém na terceira temporada tem uns 3 episódios que o KODI não quer reproduzir de jeito nenhum, o pior que estão todos no mesmo formato, que é o AVI padrão...
 

Taldy

Veterano
Mensagens
705
Reações
338
Pontos
113
Ola, alguém tem algum link com o set de roms de mame ?
Por que no site do clube do ouya o link nao estar funcionando, e ja baixei uns set de roms de alguns site e as roms vem com problema, lembro que no clube do ouya aquelas roms funcionavam de boa, mais tive que formatar meu hd e perdi as roms.
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Ola, alguém tem algum link com o set de roms de mame ?
Por que no site do clube do ouya o link nao estar funcionando, e ja baixei uns set de roms de alguns site e as roms vem com problema, lembro que no clube do ouya aquelas roms funcionavam de boa, mais tive que formatar meu hd e perdi as roms.
Caso ninguém te responda até amanhã, eu Upo e te mando o link (links direto aqui não são permitidos).
Lembrando que, esse set funciona perfeitamente com o Mame4droid


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Kyo Olhos Demoniacos

Bam-bam-bam
Mensagens
3.334
Reações
1.524
Pontos
249
OUYA CYANOGENMOD 11 (LINEAGE OS) – ULTIMATE GUIDE

WARNING

Apesar do processo ser seguro, eu já repeti o procedimento N vezes no meu Ouya, NÃO SOU RESPONSÁVEL por bricks, unitilização ou qualquer problemas com o seu Ouya.

Sobre o tutorial:
  • Não cobre a instalação da ferramenta ADB e nem a parte de se conseguir conectar o ouya no PC via USB para transferir os arquivos.
  • É baseado no que já existe no site a seguir: https://www.s-config.com/cyanogen-mod-and-the-ouya/ .
  • Inclui algumas coisas que descobri caçando infos na NET, como resolver o problema de legendas no Netflix e players como VLC.
1 – Preparando o terreno:

Basicamente o que precisamos fazer é baixar os arquivos necessários para instalar a CyanogenMod 11 no Ouya.
O tópico oficial é do fórum XDA: https://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=2692843

Vamos precisar dos seguintes arquivos:
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.img
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Todos eles estão disponíveis no site do criador da ROM para o Ouya, o milaq: https://milaq.net/ . Ache o Ouya na lista de dispositivos e baixe os arquivos, deixando todos juntos num lugar fácil de achar.

Aqui uma explicação: O arquivo lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip é a ROM da da antiga CyanogenMod e é feita uma compilação automatica todo dia 03, então pode ser que exista uma nova versão quado você for instalar.

Você também precisa de um cabo USB/MicroUSB para poder dar boot no clockworkmod e pelo menos um teclado USB para fazer os procedimentos, configurar o Android e poder parear o controle do Ouya.

Depois de baixar todos os arquivos e ter o cabo e o teclado, faça backup se quiser de alguma coisa importante que tenha deixado no Ouya, como uma pasta com ROMs.

Também instale a ferramenta ADB e Fastboot no seu micro. Tem o procedimento disso no site mencionado logo no início deste tópico.
Se quiser, um jeito mais fácil é baixar uma distro linux como a Manjaro linux e usar uma imagem live para apenas facilitar essa parte, porque ela já vem com o ADB e o fasboot, e o Windows é chato pacas para usar ADB e reconhecer o Ouya, mas ai é com você…. O conselho final é: LEIA SOBRE O USO DESSAS FERRAMENTAS.

2 – Copiando tudo:

Tudo baixado no notebook? Então vamos lá:
  • Plug o teclado USB no Ouya e teste se ele está funcionando. As vezes se você deixar para plugar o teclado apenas quando estiver na tela de boot o Ouya não reconhece ele. Plugando antes e já deixando pronto evia esse problema.
  • Plug também o cabo MicroUSB no Ouya.
  • Acesse a memória interna do Ouya (Pasta sdcard) e limpe ela. É melhor não ter nenhum arquivo nela para deixar nossa vida mais fácil.
  • Agora pelo menu do Ouya escolha a opção “Factory Reset” e deixe o Ouya reiniciar.
  • Depois que ele reiniciar vai ficar na tela de Welcome, esperando que você faça o pareamento do controle do Ouya. Agora você pode plugar o Ouya no PC.
Feito isso e verificando que o Ouya está devidamente reconhecido e o ADB rodando (de novo, não vou explicar nada sobre isso), através de um terminal vá no diretório aonde você deixou os arquivos de instalação e transfira todos os arquivos ZIP para o Ouya usando o ADB com o seguinte comando (o processo demora um pouco):

adb push *.zip /sdcard/
Tudo copiado, agora é hora de colocar o Ouya em modo fastboot (mais uma vez, não vou explicar nada sobre isso) com o comando a seguir:

adb reboot bootloader
Depois que o Ouya entrou em modo fastboot e está reconhecido, carrege a image do clockworkmod, que deve estar no mesmo lugar que você deixou salvo os arquivos na sua máquina com o seguinte comando:

fastboot boot recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.img
Se tudo foi certo até aqui, você vai ver a seguinte tela depois de um tempo:



A partir daqui, todos os procedimentos serão através do teclado USB e você já pode desplugar o Ouya do notebook.

3 – Vamos instalar:

Se você fez tudo como dito até aqui, basta seguir na ordem abaixo:
  • Na tela inicial do clockworkmod, vamos esccolher a opção “Install zip” e depois “choose zip from /sdcard”
  • Agora você deve escolher o arquivo “recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip” e confirmar a instalação. Depois de terminada você estará de volta na opção “choose zip from /sdcard”.
Repita o procedimento para os demais arquivos zip, na mesma ordem que informei antes:
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Depois de instalado o arquivo “ouya-keylayouts.zip”, use a opção “Go Back”, para voltar até o menu inicial do clockworkmod, para os paços finais que será:
  • Escolher “wipe data/factory reset”, para limpar os dados restantes da ROM original do Ouya e fazer um factory reset:

  • Escolher “wipe cache partition” para limpar qualquer cache dos aplicativos e da ROM original do Ouya:

  • Escolher a opção “advanced” e depois “wipe dalvik cache”:




Feito tudo isso, volte para a tela inicial do clockworkmod e escolha a opção “reboot system now”, o sistema ira iniciar e você terá essa tela:



Significa que você fez tudo certo e vai passar pelo processo de configurar o Android pela primeira vez. Use as setas do teclado para navegar e o enter para escolher opções ou confirmar escolhas e por fim você chegará na tela abaixo:



É por causa desta tela e de outra logo depois que muitos dizem que é preciso ter um mouse para instalar a CyanogenMod, pois usando as setas do teclado não se consegue acessar as áreas da tela para confirmar as mensagens…. MAAAAASSSSS, dá para usar apenas o teclado para sair dai, você só precisa teclar TAB e depois ENTER e mais um TAB e ENTER: PRONTO! Estamos no CyanogenMod.

Antes de partir para a configuração pesada, agora é hora de fazer uma configuração mínima do sistema, o que signifca ativar o bluetooth e parear o controle do Ouya.

Use as setas do teclado para ir pra esquerda e achar um ícone de engrenagem, que leva as settings do Android, navegue até a opção bluetooth e faça o pareamento do controle do Ouya (telas resumindo o caminho a seguir):



Pronto, controle pareado e agora pode desplugar o teclado!

4 – Tunando o Ouya na CyanogenMod:

Bem, fica a seu gosto que papel de parede usar, se vai ter ou não os efeitos de som habilitados, etc...não vou cobrir isso aqui. Agora vamos tratar de deixar o Ouya melhor quando usando a CyanogenMod e isso se dá em 2 níveis:
  • Básico:
Para o nível “básico”, você precisa ativar as opções de desenvolvedor. Apenas acesse os settings do Android, vá até “About Tablet” e aperte o “O” do controle do Ouya 7 vezes em "Build number" e BINGO:​



Vão aparecer duas opções que não existiam antes, que são:
  • “Developer Options”
  • “Performance”
A primeira possui algumas opções para desenvolvedores, sendo as mais úteis a “ADB Over Network” que permite usar ADB via rede, mas você precisa ativar sempre que precisar, e as opções que alteram a velocidade das animações, mas isso é meio trivial.​

Agora na opção “Performance” sim temos um boost na performance. Acesse ela e deixe as opções como abaixo nas fotos:








Depois de muito testar, estas foram as opções que me deram o melhor desempenho.​
  • Avançado:
Aqui espero que você esteja bem familiarizado com o uso de ADB, porque é necessário agora…. Pois vamos editar o arquivo build.prop do Ouya com CyanogenMod.

ATENÇÃO: Tenha o MÁXIMO DE ATENÇÃO quando estiver editando o arquivo build.prop. Um erro aqui pode simplesmente impedir o boot do Ouya. Novamente, tenha ATENÇÃO.

Existem várias maneiras de se editar o arquivo, mas prefiro ir manualmente e o resumo da Opera é:
  • Acessar o Ouya via ADB e na raiz do sistema fazer:
su
mount -o remount,rw /system
Editar o arquivo build.prop e acrescentar alterar as seguintes opções:
  • Na linha aonde temos a opção “ro.sf.lcd_density=213”, deixe conforme abaixo:
##Original Value
ro.sf.lcd_density=213
###Changed by my
#ro.sf.lcd_density=320
  • Após a linha aonde temos “### < resolution and overscan settings”, pule uma linha e deixe assim:
###Added by me
persist.sys.cinemamode=0
persist.sys.hdmi.videoview=0
persist.sys.ui.hw=true
persist.tegra.nvmmlite=1
persist.sys.NV_FPSLIMIT=0
persist.sys.NV_PROFVER_PWR=1
ro.streaming.video.drs=true
  • Por fim, no final do arquivo acha a linha aonde temos a opção “dalvik.vm.heapstartsize=8m” e deixe assim:
###Original Value
#dalvik.vm.heapstartsize=8m
###Changed by my
dalvik.vm.heapstartsize=32m
##Original Value
#dalvik.vm.heapgrowthlimit=64m
###Changed by my
dalvik.vm.heapgrowthlimit=128m
  • Arquivo editado, salve, volte para a raiz do sistema e faça::
mount -o remount,ro /system

Alguém pode perguntar de onde sairam essas configs e explico: Do próprio Ouya!
  • Por padrão o Ouya tem a opção “ ro.sf.lcd_density” em 320 e por isso os icones dos apks ficam grandes na tela. No CyanogenMod o padrão é 213.
  • As opções “dalvik.vm.heapstartsize” e “dalvik.vm.heapgrowthlimit” são respectivamente 32m e 128m no Ouya.
  • Por fim, as opções informadas no meio estavam no próprio Ouya, algumas relacionadas com o chip Tegra. Procurei muito na web mas a info sobre elas é meio escassa ou inexistente, exceto para a opção abaixo:
“persist.sys.hdmi.videoview=0”
É essa opção que deixa as legendas serem exibidas corretamente no Ouya com CyanogenMod sem ter que recorrer a opção “Disable HW Overlay” nas opções de desenvolvedor, então com certeza é a mais importante.

Agora reinicie o sistema, pronto!

5 – Sugestão de APKs:

A escolha dos apks a se instalar vai de cada um, mas eu recomendaria 3 em especial:
  • LeanKey Keyboard
  • Power Menu (ROOT)
  • OI File Manager
O primeiro é um teclado virtual mil vezes melhor que o padrão do CyanogenMod, o segundo um aplicativo que adiciona um menu para desligar o Ouya sem precisar ficar apertando e segurando o botão e o terceiro é um gerenciador de arquivos super leve, nos mesmos moldes do FilePwn da store do Ouya e completamente funconal apenas com o joystick.

Todos os três aplicativos estão na Play e são gratuitos.

Bem, é isso!
 
Ultima Edição:

Spielvan

Bam-bam-bam
Mensagens
1.242
Reações
1.426
Pontos
203
OUYA CYANOGENMOD 11 (LINEAGE OS) – ULTIMATE GUIDE

WARNING

Apesar do processo ser seguro, eu já repeti o procedimento N vezes no meu Ouya, NÃO SOU RESPONSÁVEL por bricks, unitilização ou qualquer problemas com o seu Ouya.

Sobre o tutorial:
  • Não cobre a instalação da ferramenta ADB e nem a parte de se conseguir conectar o ouya no PC via USB para transferir os arquivos.
  • É baseado no que já existe no site a seguir: https://www.s-config.com/cyanogen-mod-and-the-ouya/ .
  • Inclui algumas coisas que descobri caçando infos na NET, como resolver o problema de legendas no Netflix e players como VLC.
1 – Preparando o terreno:

Basicamente o que precisamos fazer é baixar os arquivos necessários para instalar a CyanogenMod 11 no Ouya.
O tópico oficial é do fórum XDA: https://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=2692843

Vamos precisar dos seguintes arquivos:
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.img
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Todos eles estão disponíveis no site do criador da ROM para o Ouya, o milaq: https://milaq.net/ . Ache o Ouya na lista de dispositivos e baixe os arquivos, deixando todos juntos num lugar fácil de achar.

Aqui uma explicação: O arquivo lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip é a ROM da da antiga CyanogenMod e é feita uma compilação automatica todo dia 03, então pode ser que exista uma nova versão quado você for instalar.

Você também precisa de um cabo USB/MicroUSB para poder dar boot no clockworkmod e pelo menos um teclado USB para fazer os procedimentos, configurar o Android e poder parear o controle do Ouya.

Depois de baixar todos os arquivos e ter o cabo e o teclado, faça backup se quiser de alguma coisa importante que tenha deixado no Ouya, como uma pasta com ROMs.

Também instale a ferramenta ADB e Fastboot no seu micro. Tem o procedimento disso no site mencionado logo no início deste tópico.
Se quiser, um jeito mais fácil é baixar uma distro linux como a Manjaro linux e usar uma imagem live para apenas facilitar essa parte, porque ela já vem com o ADB e o fasboot, e o Windows é chato pacas para usar ADB e reconhecer o Ouya, mas ai é com você…. O conselho final é: LEIA SOBRE O USO DESSAS FERRAMENTAS.

2 – Copiando tudo:

Tudo baixado no notebook? Então vamos lá:
  • Plug o teclado USB no Ouya e teste se ele está funcionando. As vezes se você deixar para plugar o teclado apenas quando estiver na tela de boot o Ouya não reconhece ele. Plugando antes e já deixando pronto evia esse problema.
  • Plug também o cabo MicroUSB no Ouya.
  • Acesse a memória interna do Ouya (Pasta sdcard) e limpe ela. É melhor não ter nenhum arquivo nela para deixar nossa vida mais fácil.
  • Agora pelo menu do Ouya escolha a opção “Factory Reset” e deixe o Ouya reiniciar.
  • Depois que ele reiniciar vai ficar na tela de Welcome, esperando que você faça o pareamento do controle do Ouya. Agora você pode plugar o Ouya no PC.
Feito isso e verificando que o Ouya está devidamente reconhecido e o ADB rodando (de novo, não vou explicar nada sobre isso), através de um terminal vá no diretório aonde você deixou os arquivos de instalação e transfira todos os arquivos ZIP para o Ouya usando o ADB com o seguinte comando (o processo demora um pouco):



Tudo copiado, agora é hora de colocar o Ouya em modo fastboot (mais uma vez, não vou explicar nada sobre isso) com o comando a seguir:



Depois que o Ouya entrou em modo fastboot e está reconhecido, carrege a image do clockworkmod, que deve estar no mesmo lugar que você deixou salvo os arquivos na sua máquina com o seguinte comando:



Se tudo foi certo até aqui, você vai ver a seguinte tela depois de um tempo:



A partir daqui, todos os procedimentos serão através do teclado USB e você já pode desplugar o Ouya do notebook.

3 – Vamos instalar:

Se você fez tudo como dito até aqui, basta seguir na ordem abaixo:
  • Na tela inicial do clockworkmod, vamos esccolher a opção “Install zip” e depois “choose zip from /sdcard”
  • Agora você deve escolher o arquivo “recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip” e confirmar a instalação. Depois de terminada você estará de volta na opção “choose zip from /sdcard”.
Repita o procedimento para os demais arquivos zip, na mesma ordem que informei antes:
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Depois de instalado o arquivo “ouya-keylayouts.zip”, use a opção “Go Back”, para voltar até o menu inicial do clockworkmod, para os paços finais que será:
  • Escolher “wipe data/factory reset”, para limpar os dados restantes da ROM original do Ouya e fazer um factory reset:

  • Escolher “wipe cache partition” para limpar qualquer cache dos aplicativos e da ROM original do Ouya:

  • Escolher a opção “advanced” e depois “wipe dalvik cache”:




Feito tudo isso, volte para a tela inicial do clockworkmod e escolha a opção “reboot system now”, o sistema ira iniciar e você terá essa tela:



Significa que você fez tudo certo e vai passar pelo processo de configurar o Android pela primeira vez. Use as setas do teclado para navegar e o enter para escolher opções ou confirmar escolhas e por fim você chegará na tela abaixo:



É por causa desta tela e de outra logo depois que muitos dizem que é preciso ter um mouse para instalar a CyanogenMod, pois usando as setas do teclado não se consegue acessar as áreas da tela para confirmar as mensagens…. MAAAAASSSSS, dá para usar apenas o teclado para sair dai, você só precisa teclar TAB e depois ENTER e mais um TAB e ENTER: PRONTO! Estamos no CyanogenMod.

Antes de partir para a configuração pesada, agora é hora de fazer uma configuração mínima do sistema, o que signifca ativar o bluetooth e parear o controle do Ouya.

Use as setas do teclado para ir pra esquerda e achar um ícone de engrenagem, que leva as settings do Android, navegue até a opção bluetooth e faça o pareamento do controle do Ouya (telas resumindo o caminho a seguir):



Pronto, controle pareado e agora pode desplugar o teclado!

4 – Tunando o Ouya na CyanogenMod:

Bem, fica a seu gosto que papel de parede usar, se vai ter ou não os efeitos de som habilitados, etc...não vou cobrir isso aqui. Agora vamos tratar de deixar o Ouya melhor quando usando a CyanogenMod e isso se dá em 2 níveis:
  • Básico:
Para o nível “básico”, você precisa ativar as opções de desenvolvedor. Apenas acesse os settings do Android, vá até “About Tablet” e aperte o “O” do controle do Ouya 7 vezes em "Build number" e BINGO:​



Vão aparecer duas opções que não existiam antes, que são:
  • “Developer Options”
  • “Performance”
A primeira possui algumas opções para desenvolvedores, sendo as mais úteis a “ADB Over Network” que permite usar ADB via rede, mas você precisa ativar sempre que precisar, e as opções que alteram a velocidade das animações, mas isso é meio trivial.​

Agora na opção “Performance” sim temos um boost na performance. Acesse ela e deixe as opções como abaixo nas fotos:








Depois de muito testar, estas foram as opções que me deram o melhor desempenho.​
  • Avançado:
Aqui espero que você esteja bem familiarizado com o uso de ADB, porque é necessário agora…. Pois vamos editar o arquivo build.prop do Ouya com CyanogenMod.

ATENÇÃO: Tenha o MÁXIMO DE ATENÇÃO quando estiver editando o arquivo build.prop. Um erro aqui pode simplesmente impedir o boot do Ouya. Novamente, tenha ATENÇÃO.

Existem várias maneiras de se editar o arquivo, mas prefiro ir manualmente e o resumo da Opera é:
  • Acessar o Ouya via ADB e na raiz do sistema fazer:

Editar o arquivo build.prop e acrescentar alterar as seguintes opções:
  • Na linha aonde temos a opção “ro.sf.lcd_density=213”, deixe conforme abaixo:
  • Após a linha aonde temos “### < resolution and overscan settings”, pule uma linha e deixe assim:
  • Por fim, no final do arquivo acha a linha aonde temos a opção “dalvik.vm.heapstartsize=8m” e deixe assim:
  • Arquivo editado, salve, volte para a raiz do sistema e faça::

Alguém pode perguntar de onde sairam essas configs e explico: Do próprio Ouya!
  • Por padrão o Ouya tem a opção “ ro.sf.lcd_density” em 320 e por isso os icones dos apks ficam grandes na tela. No CyanogenMod o padrão é 213.
  • As opções “dalvik.vm.heapstartsize” e “dalvik.vm.heapgrowthlimit” são respectivamente 32m e 128m no Ouya.
  • Por fim, as opções informadas no meio estavam no próprio Ouya, algumas relacionadas com o chip Tegra. Procurei muito na web mas a info sobre elas é meio escassa ou inexistente, exceto para a opção abaixo:
É essa opção que deixa as legendas serem exibidas corretamente no Ouya com CyanogenMod sem ter que recorrer a opção “Disable HW Overlay” nas opções de desenvolvedor, então com certeza é a mais importante.

Agora reinicie o sistema, pronto!

5 – Sugestão de APKs:

A escolha dos apks a se instalar vai de cada um, mas eu recomendaria 2 em especial:
  • LeanKey Keyboard
  • Power Menu (ROOT)
O primeiro é um teclado virtual mil vezes melhor que o padrão do CyanogenMod e o segundo um aplicativo que adiciona um menu para desligar o Ouya sem precisar ficar apertando e segurando o botão. Os dois aplicativos estão na Play.

Bem, é isso!
Que maravilha de explicação mano, tenho um box android 5.1.1 MX3-G, e queria praticamente nem usar o mouse, deixar fixo um controle de ps3 no boot do box, mas tinha duas coisas que me impediam de fazer, uma era o power, e a outra era o quadrado da barra de menu, que é para fechar as abas abertas, existe um apps que simule o fechar as abas abertas? um abração.
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
PRIMEIRA página do tópico atualizada com os links de fácil acesso para explicativos.
Caso falte algum (relacionado ao OUYA) ou algo que tenha feito e não consta ali, favor informar que verifico e atualizo, se necessário.
 

Kyo Olhos Demoniacos

Bam-bam-bam
Mensagens
3.334
Reações
1.524
Pontos
249
@Kyo Olhos Demoniacos após muito incomodar, eis que tu vem pro bar e explica para os amigos como faz, muito bem explicado. Pensando em pegar outro OUYA e fazer testes com Cyano + Heya.
O heya não tem 100% de compatibilidade porque ele espera achar comandos e menus específicos da ROM original do Ouya. Ele está uns 70% funcional com a CyanogenMod

Sent from my Nexus 5 using Tapatalk
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
To com um OUYA parado (sem som, mas o resto funcionando normalmente), se quiser pegar para seus testes é só falar.
Tenta fazer esse tuto ai do Kyo, quem sabe resolva teu problema, do contrário, qualquer coisa me envia, faço e te reenvio ele.
 

Luiz35

Larva
Mensagens
12
Reações
22
Pontos
3
Boa noite a todos.
Eu tive um ouya, comprei pouco tempo depois que lançou, me arrependi de ter passdo pra frente.eu costumava a jogar a serie castlevania do DS rodava perfeitamente..fica a saudade:kpalha
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Boa noite a todos.
Eu tive um ouya, comprei pouco tempo depois que lançou, me arrependi de ter passdo pra frente.eu costumava a jogar a serie castlevania do DS rodava perfeitamente..fica a saudade:kpalha
É uma pena mesmo, ainda mais DS, ele com o Drastic roda DS 100%
Hoje em dia tu encontra ele entre 230~300, vale a pena correr atrás de um.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

Luiz35

Larva
Mensagens
12
Reações
22
Pontos
3
É uma pena mesmo, ainda mais DS, ele com o Drastic roda DS 100%
Hoje em dia tu encontra ele entre 230~300, vale a pena correr atrás de um.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
Com certeza esse fim de ano vou ser se compro.Na época paguei 560 temer sem dó:eek:.
Já faz um tempo mas o esquema de conectar o ouya no pc via usb ainda o mesmo ?, precisa baixar
O drivers da google etc etc... me lenbro que foi osso até descobrir.
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Com certeza esse fim de ano vou ser se compro.Na época paguei 560 temer sem dó:eek:.
Já faz um tempo mas o esquema de conectar o ouya no pc via usb ainda o mesmo ?, precisa baixar
O drivers da google etc etc... me lenbro que foi osso até descobrir.
Eu desconheço esse processo, mas tem forma bem mais simples que é por sideload (seja você upando pro OUYA o aplicativo / jogo) ou instalando via pendrive, basta passar o jogo / aplicativo pro pendrive e conectar no OUYA, de lá é só instalar e ser feliz, sem depender de um PC.


Enviado do meu iPhone usando Tapatalk
 

eder182

Veterano
Mensagens
514
Reações
172
Pontos
109
Muito bem ezplic
OUYA CYANOGENMOD 11 (LINEAGE OS) – ULTIMATE GUIDE

WARNING

Apesar do processo ser seguro, eu já repeti o procedimento N vezes no meu Ouya, NÃO SOU RESPONSÁVEL por bricks, unitilização ou qualquer problemas com o seu Ouya.

Sobre o tutorial:
  • Não cobre a instalação da ferramenta ADB e nem a parte de se conseguir conectar o ouya no PC via USB para transferir os arquivos.
  • É baseado no que já existe no site a seguir: https://www.s-config.com/cyanogen-mod-and-the-ouya/ .
  • Inclui algumas coisas que descobri caçando infos na NET, como resolver o problema de legendas no Netflix e players como VLC.
1 – Preparando o terreno:

Basicamente o que precisamos fazer é baixar os arquivos necessários para instalar a CyanogenMod 11 no Ouya.
O tópico oficial é do fórum XDA: https://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=2692843

Vamos precisar dos seguintes arquivos:
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.img
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Todos eles estão disponíveis no site do criador da ROM para o Ouya, o milaq: https://milaq.net/ . Ache o Ouya na lista de dispositivos e baixe os arquivos, deixando todos juntos num lugar fácil de achar.

Aqui uma explicação: O arquivo lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip é a ROM da da antiga CyanogenMod e é feita uma compilação automatica todo dia 03, então pode ser que exista uma nova versão quado você for instalar.

Você também precisa de um cabo USB/MicroUSB para poder dar boot no clockworkmod e pelo menos um teclado USB para fazer os procedimentos, configurar o Android e poder parear o controle do Ouya.

Depois de baixar todos os arquivos e ter o cabo e o teclado, faça backup se quiser de alguma coisa importante que tenha deixado no Ouya, como uma pasta com ROMs.

Também instale a ferramenta ADB e Fastboot no seu micro. Tem o procedimento disso no site mencionado logo no início deste tópico.
Se quiser, um jeito mais fácil é baixar uma distro linux como a Manjaro linux e usar uma imagem live para apenas facilitar essa parte, porque ela já vem com o ADB e o fasboot, e o Windows é chato pacas para usar ADB e reconhecer o Ouya, mas ai é com você…. O conselho final é: LEIA SOBRE O USO DESSAS FERRAMENTAS.

2 – Copiando tudo:

Tudo baixado no notebook? Então vamos lá:
  • Plug o teclado USB no Ouya e teste se ele está funcionando. As vezes se você deixar para plugar o teclado apenas quando estiver na tela de boot o Ouya não reconhece ele. Plugando antes e já deixando pronto evia esse problema.
  • Plug também o cabo MicroUSB no Ouya.
  • Acesse a memória interna do Ouya (Pasta sdcard) e limpe ela. É melhor não ter nenhum arquivo nela para deixar nossa vida mais fácil.
  • Agora pelo menu do Ouya escolha a opção “Factory Reset” e deixe o Ouya reiniciar.
  • Depois que ele reiniciar vai ficar na tela de Welcome, esperando que você faça o pareamento do controle do Ouya. Agora você pode plugar o Ouya no PC.
Feito isso e verificando que o Ouya está devidamente reconhecido e o ADB rodando (de novo, não vou explicar nada sobre isso), através de um terminal vá no diretório aonde você deixou os arquivos de instalação e transfira todos os arquivos ZIP para o Ouya usando o ADB com o seguinte comando (o processo demora um pouco):



Tudo copiado, agora é hora de colocar o Ouya em modo fastboot (mais uma vez, não vou explicar nada sobre isso) com o comando a seguir:



Depois que o Ouya entrou em modo fastboot e está reconhecido, carrege a image do clockworkmod, que deve estar no mesmo lugar que você deixou salvo os arquivos na sua máquina com o seguinte comando:



Se tudo foi certo até aqui, você vai ver a seguinte tela depois de um tempo:



A partir daqui, todos os procedimentos serão através do teclado USB e você já pode desplugar o Ouya do notebook.

3 – Vamos instalar:

Se você fez tudo como dito até aqui, basta seguir na ordem abaixo:
  • Na tela inicial do clockworkmod, vamos esccolher a opção “Install zip” e depois “choose zip from /sdcard”
  • Agora você deve escolher o arquivo “recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip” e confirmar a instalação. Depois de terminada você estará de volta na opção “choose zip from /sdcard”.
Repita o procedimento para os demais arquivos zip, na mesma ordem que informei antes:
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Depois de instalado o arquivo “ouya-keylayouts.zip”, use a opção “Go Back”, para voltar até o menu inicial do clockworkmod, para os paços finais que será:
  • Escolher “wipe data/factory reset”, para limpar os dados restantes da ROM original do Ouya e fazer um factory reset:

  • Escolher “wipe cache partition” para limpar qualquer cache dos aplicativos e da ROM original do Ouya:

  • Escolher a opção “advanced” e depois “wipe dalvik cache”:




Feito tudo isso, volte para a tela inicial do clockworkmod e escolha a opção “reboot system now”, o sistema ira iniciar e você terá essa tela:



Significa que você fez tudo certo e vai passar pelo processo de configurar o Android pela primeira vez. Use as setas do teclado para navegar e o enter para escolher opções ou confirmar escolhas e por fim você chegará na tela abaixo:



É por causa desta tela e de outra logo depois que muitos dizem que é preciso ter um mouse para instalar a CyanogenMod, pois usando as setas do teclado não se consegue acessar as áreas da tela para confirmar as mensagens…. MAAAAASSSSS, dá para usar apenas o teclado para sair dai, você só precisa teclar TAB e depois ENTER e mais um TAB e ENTER: PRONTO! Estamos no CyanogenMod.

Antes de partir para a configuração pesada, agora é hora de fazer uma configuração mínima do sistema, o que signifca ativar o bluetooth e parear o controle do Ouya.

Use as setas do teclado para ir pra esquerda e achar um ícone de engrenagem, que leva as settings do Android, navegue até a opção bluetooth e faça o pareamento do controle do Ouya (telas resumindo o caminho a seguir):



Pronto, controle pareado e agora pode desplugar o teclado!

4 – Tunando o Ouya na CyanogenMod:

Bem, fica a seu gosto que papel de parede usar, se vai ter ou não os efeitos de som habilitados, etc...não vou cobrir isso aqui. Agora vamos tratar de deixar o Ouya melhor quando usando a CyanogenMod e isso se dá em 2 níveis:
  • Básico:
Para o nível “básico”, você precisa ativar as opções de desenvolvedor. Apenas acesse os settings do Android, vá até “About Tablet” e aperte o “O” do controle do Ouya 7 vezes em "Build number" e BINGO:​



Vão aparecer duas opções que não existiam antes, que são:
  • “Developer Options”
  • “Performance”
A primeira possui algumas opções para desenvolvedores, sendo as mais úteis a “ADB Over Network” que permite usar ADB via rede, mas você precisa ativar sempre que precisar, e as opções que alteram a velocidade das animações, mas isso é meio trivial.​

Agora na opção “Performance” sim temos um boost na performance. Acesse ela e deixe as opções como abaixo nas fotos:








Depois de muito testar, estas foram as opções que me deram o melhor desempenho.​
  • Avançado:
Aqui espero que você esteja bem familiarizado com o uso de ADB, porque é necessário agora…. Pois vamos editar o arquivo build.prop do Ouya com CyanogenMod.

ATENÇÃO: Tenha o MÁXIMO DE ATENÇÃO quando estiver editando o arquivo build.prop. Um erro aqui pode simplesmente impedir o boot do Ouya. Novamente, tenha ATENÇÃO.

Existem várias maneiras de se editar o arquivo, mas prefiro ir manualmente e o resumo da Opera é:
  • Acessar o Ouya via ADB e na raiz do sistema fazer:

Editar o arquivo build.prop e acrescentar alterar as seguintes opções:
  • Na linha aonde temos a opção “ro.sf.lcd_density=213”, deixe conforme abaixo:
  • Após a linha aonde temos “### < resolution and overscan settings”, pule uma linha e deixe assim:
  • Por fim, no final do arquivo acha a linha aonde temos a opção “dalvik.vm.heapstartsize=8m” e deixe assim:
  • Arquivo editado, salve, volte para a raiz do sistema e faça::

Alguém pode perguntar de onde sairam essas configs e explico: Do próprio Ouya!
  • Por padrão o Ouya tem a opção “ ro.sf.lcd_density” em 320 e por isso os icones dos apks ficam grandes na tela. No CyanogenMod o padrão é 213.
  • As opções “dalvik.vm.heapstartsize” e “dalvik.vm.heapgrowthlimit” são respectivamente 32m e 128m no Ouya.
  • Por fim, as opções informadas no meio estavam no próprio Ouya, algumas relacionadas com o chip Tegra. Procurei muito na web mas a info sobre elas é meio escassa ou inexistente, exceto para a opção abaixo:
É essa opção que deixa as legendas serem exibidas corretamente no Ouya com CyanogenMod sem ter que recorrer a opção “Disable HW Overlay” nas opções de desenvolvedor, então com certeza é a mais importante.

Agora reinicie o sistema, pronto!

5 – Sugestão de APKs:

A escolha dos apks a se instalar vai de cada um, mas eu recomendaria 3 em especial:
  • LeanKey Keyboard
  • Power Menu (ROOT)
  • OI File Manager
O primeiro é um teclado virtual mil vezes melhor que o padrão do CyanogenMod, o segundo um aplicativo que adiciona um menu para desligar o Ouya sem precisar ficar apertando e segurando o botão e o terceiro é um gerenciador de arquivos super leve, nos mesmos moldes do FilePwn da store do Ouya e completamente funconal apenas com o joystick.

Todos os três aplicativos estão na Play e são gratuitos.

Bem, é isso!
Muito bem explicado! Valeu, mesmo!
Agora minha dúvida é..
Quais as reais vantagens de fazer todo esse processo?
Algum emulador ou jogo passa a rodar melhor?
Abraço
 

Spielvan

Bam-bam-bam
Mensagens
1.242
Reações
1.426
Pontos
203
Muito bem ezplic

Muito bem explicado! Valeu, mesmo!
Agora minha dúvida é..
Quais as reais vantagens de fazer todo esse processo?
Algum emulador ou jogo passa a rodar melhor?
Abraço
Geralmente mano colocar uma rom customizada no android, modifica o firmware do mesmo por um todo, podendo por exemplo em um celular quer consuma muita bateria, usar bem menos, fazendo as mesmas funções, apenas com algumas mudanças de configurações na firmware, pode adicionar funções a firmware, que a firmware original não possui, e até mesmo solucionar bugs da firmware original, sem precisar esperar por uma nova atualização na firmware original, que muitas vezes nem acontecem.
 

liofreitas

Bam-bam-bam
Mensagens
1.319
Reações
1.481
Pontos
203
Tenta fazer esse tuto ai do Kyo, quem sabe resolva teu problema, do contrário, qualquer coisa me envia, faço e te reenvio ele.
Valeu amigo, agradeço a ajuda, mas consegui vende-lo, mesmo com o defeito no som por 100 pilas.
Como estou com outro ouya novo, tá de boa (por enquanto hehe)
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Valeu amigo, agradeço a ajuda, mas consegui vende-lo, mesmo com o defeito no som por 100 pilas.
Como estou com outro ouya novo, tá de boa (por enquanto hehe)
poxa.. se soubesse que era este o preço, tinha catado contigo só pra fazer testes nele.
 

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Muito bem ezplic

Muito bem explicado! Valeu, mesmo!
Agora minha dúvida é..
Quais as reais vantagens de fazer todo esse processo?
Algum emulador ou jogo passa a rodar melhor?
Abraço
A ideia principal é ter uma segunda opção, caso algum dia a loja OUYA (que foi comprada por não sei quem, está sendo usada em outros locais, então acho que vai durar muito) venha a ficar off para sempre, com isso, quando restaurado de fábrica, no momento da ativação do console (onde este tem que se conectar com teu user e senha uma única vez) não ocorrerá, com isso, deixando o aparelho inutilizável, já que não sairá desta parte da configuração inicial do aparelho.
 

liofreitas

Bam-bam-bam
Mensagens
1.319
Reações
1.481
Pontos
203
poxa.. se soubesse que era este o preço, tinha catado contigo só pra fazer testes nele.
Putz, coloquei direto no Mercado Livre, acabei não avisando aqui. Sorry.
Mas tenho um PS3 Fat 80gb (+10 jogos) e uma Apple TV 4 32gb (ambos por 400,00) vendendo por lá também.
 

Spielvan

Bam-bam-bam
Mensagens
1.242
Reações
1.426
Pontos
203
Putz, coloquei direto no Mercado Livre, acabei não avisando aqui. Sorry.
Mas tenho um PS3 Fat 80gb (+10 jogos) e uma Apple TV 4 32gb (ambos por 400,00) vendendo por lá também.
Eu quase que comprei uma Apple tv, quando comprei o meu box android, estava de olho na aplle tv e no amazon tv fire, mas ai pensei vai que eles perdem o contrato com apps tipo youtube e netflix e deixem de funcionar, tenho um bluray player s190 Sony, que dei pra minha mãe, que o youtube deixou de funcionar nele.
 

liofreitas

Bam-bam-bam
Mensagens
1.319
Reações
1.481
Pontos
203
Eu quase que comprei uma Apple tv, quando comprei o meu box android, estava de olho na aplle tv e no amazon tv fire, mas ai pensei vai que eles perdem o contrato com apps tipo youtube e netflix e deixem de funcionar, tenho um bluray player s190 Sony, que dei pra minha mãe, que o youtube deixou de funcionar nele.
Caraca, essa de perder o contrato é zica heim. Não sabia que acontecia isso em alguns players. Na Apple TV e na Amazon acho difícil pois são grandes marcas e empresas com muita bala na agulha. A apple Tv inclusive é IOS né, mesmo sistema e processador do iphone, então quando os apps mobile atualizam o da TV também entra junto, inclusive quando é atualização de Sistema Operacional também. Eu curti bem ela, e caso não venda, vou passar pros meus pais. A única coisa que vejo como defeito nela, é problema pra gente do Brasil, que é tudo muito caro...um controle SteelSeries ou Nimbus custa o que estou pedindo na Apple TV (Ipega e outros nem pensar, não funcionam nem com macumba). Comprar filmes, só em dolar...eu usava bastante o Plex e o Infuse pra fazer streaming direto do meu HD externo, mas ai vejo a facilidade do Kodi no Ouya por exemplo e hoje, uma Android box no Brasil é muito mais negócio.
 

frpnit

Ser evoluído
Mensagens
19
Reações
44
Pontos
24
OUYA CYANOGENMOD 11 (LINEAGE OS) – ULTIMATE GUIDE

WARNING

Apesar do processo ser seguro, eu já repeti o procedimento N vezes no meu Ouya, NÃO SOU RESPONSÁVEL por bricks, unitilização ou qualquer problemas com o seu Ouya.

Sobre o tutorial:
  • Não cobre a instalação da ferramenta ADB e nem a parte de se conseguir conectar o ouya no PC via USB para transferir os arquivos.
  • É baseado no que já existe no site a seguir: https://www.s-config.com/cyanogen-mod-and-the-ouya/ .
  • Inclui algumas coisas que descobri caçando infos na NET, como resolver o problema de legendas no Netflix e players como VLC.
1 – Preparando o terreno:

Basicamente o que precisamos fazer é baixar os arquivos necessários para instalar a CyanogenMod 11 no Ouya.
O tópico oficial é do fórum XDA: https://forum.xda-developers.com/showthread.php?t=2692843

Vamos precisar dos seguintes arquivos:
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.img
  • recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Todos eles estão disponíveis no site do criador da ROM para o Ouya, o milaq: https://milaq.net/ . Ache o Ouya na lista de dispositivos e baixe os arquivos, deixando todos juntos num lugar fácil de achar.

Aqui uma explicação: O arquivo lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip é a ROM da da antiga CyanogenMod e é feita uma compilação automatica todo dia 03, então pode ser que exista uma nova versão quado você for instalar.

Você também precisa de um cabo USB/MicroUSB para poder dar boot no clockworkmod e pelo menos um teclado USB para fazer os procedimentos, configurar o Android e poder parear o controle do Ouya.

Depois de baixar todos os arquivos e ter o cabo e o teclado, faça backup se quiser de alguma coisa importante que tenha deixado no Ouya, como uma pasta com ROMs.

Também instale a ferramenta ADB e Fastboot no seu micro. Tem o procedimento disso no site mencionado logo no início deste tópico.
Se quiser, um jeito mais fácil é baixar uma distro linux como a Manjaro linux e usar uma imagem live para apenas facilitar essa parte, porque ela já vem com o ADB e o fasboot, e o Windows é chato pacas para usar ADB e reconhecer o Ouya, mas ai é com você…. O conselho final é: LEIA SOBRE O USO DESSAS FERRAMENTAS.

2 – Copiando tudo:

Tudo baixado no notebook? Então vamos lá:
  • Plug o teclado USB no Ouya e teste se ele está funcionando. As vezes se você deixar para plugar o teclado apenas quando estiver na tela de boot o Ouya não reconhece ele. Plugando antes e já deixando pronto evia esse problema.
  • Plug também o cabo MicroUSB no Ouya.
  • Acesse a memória interna do Ouya (Pasta sdcard) e limpe ela. É melhor não ter nenhum arquivo nela para deixar nossa vida mais fácil.
  • Agora pelo menu do Ouya escolha a opção “Factory Reset” e deixe o Ouya reiniciar.
  • Depois que ele reiniciar vai ficar na tela de Welcome, esperando que você faça o pareamento do controle do Ouya. Agora você pode plugar o Ouya no PC.
Feito isso e verificando que o Ouya está devidamente reconhecido e o ADB rodando (de novo, não vou explicar nada sobre isso), através de um terminal vá no diretório aonde você deixou os arquivos de instalação e transfira todos os arquivos ZIP para o Ouya usando o ADB com o seguinte comando (o processo demora um pouco):



Tudo copiado, agora é hora de colocar o Ouya em modo fastboot (mais uma vez, não vou explicar nada sobre isso) com o comando a seguir:



Depois que o Ouya entrou em modo fastboot e está reconhecido, carrege a image do clockworkmod, que deve estar no mesmo lugar que você deixou salvo os arquivos na sua máquina com o seguinte comando:



Se tudo foi certo até aqui, você vai ver a seguinte tela depois de um tempo:



A partir daqui, todos os procedimentos serão através do teclado USB e você já pode desplugar o Ouya do notebook.

3 – Vamos instalar:

Se você fez tudo como dito até aqui, basta seguir na ordem abaixo:
  • Na tela inicial do clockworkmod, vamos esccolher a opção “Install zip” e depois “choose zip from /sdcard”
  • Agora você deve escolher o arquivo “recovery-clockwork-6.0.4.8-ouya.zip” e confirmar a instalação. Depois de terminada você estará de volta na opção “choose zip from /sdcard”.
Repita o procedimento para os demais arquivos zip, na mesma ordem que informei antes:
  • ouyabootmenu-mlq-v2.0.4.zip
  • lineage-11-20170801-NIGHTLY-ouya.zip
  • gapps-kk-20140105.zip
  • ouya-keylayouts.zip
Depois de instalado o arquivo “ouya-keylayouts.zip”, use a opção “Go Back”, para voltar até o menu inicial do clockworkmod, para os paços finais que será:
  • Escolher “wipe data/factory reset”, para limpar os dados restantes da ROM original do Ouya e fazer um factory reset:

  • Escolher “wipe cache partition” para limpar qualquer cache dos aplicativos e da ROM original do Ouya:

  • Escolher a opção “advanced” e depois “wipe dalvik cache”:




Feito tudo isso, volte para a tela inicial do clockworkmod e escolha a opção “reboot system now”, o sistema ira iniciar e você terá essa tela:



Significa que você fez tudo certo e vai passar pelo processo de configurar o Android pela primeira vez. Use as setas do teclado para navegar e o enter para escolher opções ou confirmar escolhas e por fim você chegará na tela abaixo:



É por causa desta tela e de outra logo depois que muitos dizem que é preciso ter um mouse para instalar a CyanogenMod, pois usando as setas do teclado não se consegue acessar as áreas da tela para confirmar as mensagens…. MAAAAASSSSS, dá para usar apenas o teclado para sair dai, você só precisa teclar TAB e depois ENTER e mais um TAB e ENTER: PRONTO! Estamos no CyanogenMod.

Antes de partir para a configuração pesada, agora é hora de fazer uma configuração mínima do sistema, o que signifca ativar o bluetooth e parear o controle do Ouya.

Use as setas do teclado para ir pra esquerda e achar um ícone de engrenagem, que leva as settings do Android, navegue até a opção bluetooth e faça o pareamento do controle do Ouya (telas resumindo o caminho a seguir):



Pronto, controle pareado e agora pode desplugar o teclado!

4 – Tunando o Ouya na CyanogenMod:

Bem, fica a seu gosto que papel de parede usar, se vai ter ou não os efeitos de som habilitados, etc...não vou cobrir isso aqui. Agora vamos tratar de deixar o Ouya melhor quando usando a CyanogenMod e isso se dá em 2 níveis:
  • Básico:
Para o nível “básico”, você precisa ativar as opções de desenvolvedor. Apenas acesse os settings do Android, vá até “About Tablet” e aperte o “O” do controle do Ouya 7 vezes em "Build number" e BINGO:​



Vão aparecer duas opções que não existiam antes, que são:
  • “Developer Options”
  • “Performance”
A primeira possui algumas opções para desenvolvedores, sendo as mais úteis a “ADB Over Network” que permite usar ADB via rede, mas você precisa ativar sempre que precisar, e as opções que alteram a velocidade das animações, mas isso é meio trivial.​

Agora na opção “Performance” sim temos um boost na performance. Acesse ela e deixe as opções como abaixo nas fotos:








Depois de muito testar, estas foram as opções que me deram o melhor desempenho.​
  • Avançado:
Aqui espero que você esteja bem familiarizado com o uso de ADB, porque é necessário agora…. Pois vamos editar o arquivo build.prop do Ouya com CyanogenMod.

ATENÇÃO: Tenha o MÁXIMO DE ATENÇÃO quando estiver editando o arquivo build.prop. Um erro aqui pode simplesmente impedir o boot do Ouya. Novamente, tenha ATENÇÃO.

Existem várias maneiras de se editar o arquivo, mas prefiro ir manualmente e o resumo da Opera é:
  • Acessar o Ouya via ADB e na raiz do sistema fazer:

Editar o arquivo build.prop e acrescentar alterar as seguintes opções:
  • Na linha aonde temos a opção “ro.sf.lcd_density=213”, deixe conforme abaixo:
  • Após a linha aonde temos “### < resolution and overscan settings”, pule uma linha e deixe assim:
  • Por fim, no final do arquivo acha a linha aonde temos a opção “dalvik.vm.heapstartsize=8m” e deixe assim:
  • Arquivo editado, salve, volte para a raiz do sistema e faça::

Alguém pode perguntar de onde sairam essas configs e explico: Do próprio Ouya!
  • Por padrão o Ouya tem a opção “ ro.sf.lcd_density” em 320 e por isso os icones dos apks ficam grandes na tela. No CyanogenMod o padrão é 213.
  • As opções “dalvik.vm.heapstartsize” e “dalvik.vm.heapgrowthlimit” são respectivamente 32m e 128m no Ouya.
  • Por fim, as opções informadas no meio estavam no próprio Ouya, algumas relacionadas com o chip Tegra. Procurei muito na web mas a info sobre elas é meio escassa ou inexistente, exceto para a opção abaixo:
É essa opção que deixa as legendas serem exibidas corretamente no Ouya com CyanogenMod sem ter que recorrer a opção “Disable HW Overlay” nas opções de desenvolvedor, então com certeza é a mais importante.

Agora reinicie o sistema, pronto!

5 – Sugestão de APKs:

A escolha dos apks a se instalar vai de cada um, mas eu recomendaria 3 em especial:
  • LeanKey Keyboard
  • Power Menu (ROOT)
  • OI File Manager
O primeiro é um teclado virtual mil vezes melhor que o padrão do CyanogenMod, o segundo um aplicativo que adiciona um menu para desligar o Ouya sem precisar ficar apertando e segurando o botão e o terceiro é um gerenciador de arquivos super leve, nos mesmos moldes do FilePwn da store do Ouya e completamente funconal apenas com o joystick.

Todos os três aplicativos estão na Play e são gratuitos.

Bem, é isso!
O heya não tem 100% de compatibilidade porque ele espera achar comandos e menus específicos da ROM original do Ouya. Ele está uns 70% funcional com a CyanogenMod

Sent from my Nexus 5 using Tapatalk
Muito legal sua iniciativa de traduzir a página do sconfig, Kyo. Ele é um cara maneiro, já conversei com ele algumas vezes no Ouyaforum. Existe também um script para automatizar essas paradas do Eldon, basta acessar aqui:
https://github.com/EldonMcGuinness/OUYA-ReRoot/archive/1.2.4.zip
Instruções aqui: https://github.com/EldonMcGuinness/OUYA-ReRoot

Ouvi a palavra Heya? Rs . Eu ainda tenho uma versão para o Cyanogen em progresso, infelizmente o tempo livre para mexer nela está muito escasso, mas assim que tiver funcional, vou liberar pro povo \o/
 

Kyo Olhos Demoniacos

Bam-bam-bam
Mensagens
3.334
Reações
1.524
Pontos
249
Muito legal sua iniciativa de traduzir a página do sconfig, Kyo. Ele é um cara maneiro, já conversei com ele algumas vezes no Ouyaforum. Existe também um script para automatizar essas paradas do Eldon, basta acessar aqui:
https://github.com/EldonMcGuinness/OUYA-ReRoot/archive/1.2.4.zip
Instruções aqui: https://github.com/EldonMcGuinness/OUYA-ReRoot

Ouvi a palavra Heya? Rs . Eu ainda tenho uma versão para o Cyanogen em progresso, infelizmente o tempo livre para mexer nela está muito escasso, mas assim que tiver funcional, vou liberar pro povo \o/
Opa,

Então, completamente baseado é traduzido no tutorial dele, mas a parte do menu performance e edição build.prop é minha . Mas realmente é uma tradução e simplificação do tutorial dele, que foi o que segui da primeira vez que instalei o CyanogenMod, e vivo consultando.

Lá também tem o tuto para instalar o AOSP 5, mas não sei se compensa.

Sobre o HEYA, não é com desmerecimento o comentário, é que realmente ele busca muita coisa que é da rom original, daí fica com "falhas" em algumas partes. Mesmo porque sabemos que vc fez ele pensando no OUYA Stock.

Não fosse isso estava com ele instalado aqui.

Sent from my Nexus 5 using Tapatalk
 
Ultima Edição:

EvertonSSJ4

Ei mãe, 500 pontos!
Mensagens
14.962
Reações
11.637
Pontos
684
Creio que basta o @frpnit ter um tempo e assim, quem sabe, com dó no coração, ele começa esse processo no Heya, pois com certeza só falta isso (o Heya) totalmente compatível com a Cyano para eu migrar meu OUYA, sinceramente, sem o visual amistoso da "dash" do OUYA ou Heya, fica um simples tablet na tela da tv.
Se puder dar uma atenção nisso eu agradeço, até pq, será oficial o combo cyano + Heya para substituir o OUYA se a loja dele venha a parar de funcionar.
 

frpnit

Ser evoluído
Mensagens
19
Reações
44
Pontos
24
Opa,

Então, completamente baseado é traduzido no tutorial dele, mas a parte do menu performance e edição build.prop é minha . Mas realmente é uma tradução e simplificação do tutorial dele, que foi o que segui da primeira vez que instalei o CyanogenMod, e vivo consultando.

Lá também tem o tuto para instalar o AOSP 5, mas não sei se compensa.

Sobre o HEYA, não é com desmerecimento o comentário, é que realmente ele busca muita coisa que é da rom original, daí fica com "falhas" em algumas partes. Mesmo porque sabemos que vc fez ele pensando no OUYA Stock.

Não fosse isso estava com ele instalado aqui.

Sent from my Nexus 5 using Tapatalk
Creio que basta o @frpnit ter um tempo e assim, quem sabe, com dó no coração, ele começa esse processo no Heya, pois com certeza só falta isso (o Heya) totalmente compatível com a Cyano para eu migrar meu OUYA, sinceramente, sem o visual amistoso da "dash" do OUYA ou Heya, fica um simples tablet na tela da tv.
Se puder dar uma atenção nisso eu agradeço, até pq, será oficial o combo cyano + Heya para substituir o OUYA se a loja dele venha a parar de funcionar.
Relaxa Kyo meu rapaz, de forma alguma eu tomei seu comentário como desmerecedor, estou ciente das falhas pois eu mesmo migrei o meu para o Cyano para tornar o Ouya mais compatível com algumas coisas da Play Store (pude jogar DuckTales sem ter que hackear o apk, por exemplo). Só que a partir desse ponto eu procurei evoluir o Heya para que o mesmo funcione em basicamente qualquer aparelho que tenha Android, dependendo o mínimo possível de Root, de mouse, touch, etc. Aí, o buraco foi mais embaixo rs. Tem algumas coisas pra ajustar... Queria até colocar uma maneira de parear os controles sem precisar entrar nas opções do Android, eu sei que tem alguma forma de automatizar alguma coisa pois eu uso o e-robot e lá eu vi que tem como automatizar conexões de bluetooth, agora não sei a limitação e tem que ser via tentativa e erro via código.

O legal é que eu tenho um box chinês pra testar, além do Ouya, então usuários de TV Box vão poder usufruir das mesmas funções do Heya que o Cyanouya terá ^^.

Quem sabe até o fim do ano, Everton? :P
 
Topo